Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Entrevista exclusiva: sou vaca, mas não sou da vida

31 de janeiro de 2012 37

 

Eduardo Valente, Futura Press

“Entrevista”


Diante de tamanha repercussão da foto, este Blog resolveu fazer uma “entrevista!” com a protagonista da polêmica do dia, a vaquinha do Mercado Público, já apelidada de Janete. Sabe aquela, do Zorra Total?

Sou vaca, mas não sou da vida

Visor – Vaca, como a senhora se sente após toda esta repercussão com o flagrante da foto do PM?

Vaca – Nunca imaginei enfrentar uma situação destas. Sou do interior. Minhas amigas e irmãs também estão aqui na Capital. Lógico que minha família ficou sabendo e não gostou muito, não.

Visor – A senhora imagina que sua condição de vaca e exposta favoreceu a decisão dos PMs?

Vaca – Claro que não, a nossa exposição já rodou o mundo e isso nunca aconteceu. Sou vaca, mas não sou da vida…

Visor – As revistas já procuraram a senhora com alguma proposta para posar nua?

Vaca – Não, mas sabe como é…Sei que estou gordinha, mas a gente sempre está aberta a propostas…

Visor – A partir de agora, quanto a senhora imagina que irá cobrar para participar de festas e eventos?

Vaca – Olha, a Luiza recém voltou do Canadá e já está faturando R$ 15 mil por uma simples aparição. Acho que a minha picanha também merece, né, não?

Visor – A vaquinha conhecida como Fogosa, que fica na Beira-mar, já falou com a senhora sobre o episódio?

Vaca – Nem me fala daquela vaca. Tem até escadinha nas costas e giroflex. Não falo com gente tão exibida…

Visor – E o policial conversou a senhora depois da confusão toda?

Vaca – O mais triste desta história toda é a saudade. Ele veio, se aproveitou da minha carência naquela noite e nunca mais escreveu, ligou ou mandou flores. Os homens são todos iguais, com farda ou não..

 

PS: lembrando a todos que tudo não passa de uma brincadeira.

 

 

comentários

Comentários (37)

  • André diz: 31 de janeiro de 2012

    Na sua posição de Jornalista deveria ser mais profissional, pois está usando da sua profissão para brincar com uma instituição centenária, uma brincadeira no mínimo sem graça. Lembro que o Araújo Gomes, no seu facebook pessoal fez uma brincadeira que foi pelo senhor abordada como inaceitável. Seja exemplo ou cobre de forma imoral.

  • Barao diz: 31 de janeiro de 2012

    E sobre o veículo da RBS na vaga de portadores de necessidades especiais? nao vai sair entrevista com o motorista??

  • Milton Barao diz: 31 de janeiro de 2012

    E sobre o veículo da RBS estacionado na vaga de deficiente, vai ter entrevista com o motorista??

  • Sandra Coelho diz: 31 de janeiro de 2012

    Massa!! Adorei, parabéns pela criatividade e é isso rir ainda é o melhor remédio.
    Ps. Se você notar o número da viatura, a vaca foi pega por um burro. 11 é burro e 97 é vaca no jogo do bicho.
    Beijão

  • Angela Martins diz: 31 de janeiro de 2012

    Áh se minha vaca falasse!Nesse caso ela falou!Muito bom!

  • rafael_martini diz: 31 de janeiro de 2012

    Prezado andré,

    Em primeiro lugar, não estou brincando com a instituição e sim com o deslize cometido por estes policiais. Até porque, tenho tratado o assunto desta forma: apenas uma brincadeira. Tenho o maior respeito pela PM e, se acompanhas meu trabalho, sabes que também destino espaços generosos para o trabalho da corporação.

  • MoaFig diz: 31 de janeiro de 2012

    O responsável pelo VISOR não respondeu quando será a entrevista com o motorista do veiculo da RBS que estacionou em local reservado para deficiente!

  • André diz: 31 de janeiro de 2012

    Prezado martini,

    Em primeiro lugar, a sociedade não entendeu desta forma é só acompanhar os comentários da matéria “Segura Peão”.
    Em segundo lugar, a brincadeira realizada pelo Araújo Gomes em seu facebook foi divulgada em sua coluna de forma condenatória e abordada pelos leitores na matéria “Segura Peão”.
    Em terceiro lugar, acompanho seu trabalho e os espaços destinados ao trabalho da PM. Nesse caso, informações também necessárias para o conhecimento do cidadão.

  • viviani cabral diz: 31 de janeiro de 2012

    È triste e deplorável a repercussão deste assunto, deveria se juntar aos anais do rídículo, como o suposto estrupro do BBB e da Luiza do Canadá, como já se falou, palavras de um nobre jornalista”Já fomos mais inteligentes”, não é por falta de assunto, porque a pauta é grande, gostaria de ver muitos assuntos com esta repercussão, mas infelizmente a conveniência fala mais alto.
    Será que o trabalho feito por estes homens não é válido, será que ninguém irá falar das inúmeras subidas de morros que eles já fizeram???? Será que ningúem vai publicar quantas vezes estes homens já se arriscaram para salvar o próximo??? Que tristeza!!!!!!!!!!!

  • Marcio diz: 31 de janeiro de 2012

    Sou policial (não esse da foto e nem o conheço pois não trabalho na capital) e sei que não posso errar. Aliás, sou o único ser desse Brasil que não posso errar em nada, nem na minha conduta, nem na minha fala, nem na minha roupa, nem na minha posição de andar sentar, nem no meu estress, nem na minha mira da arma, nem na minha decisão naquela fração de segundo que devo decidir entre a vida e a morte de alguém. Todos, absolutamente todos são implacáveis inclusive quando me observam apenas tomando um cafezinho no meio da tarde. Se eu errar me transformam num ser abominável. Diariamente tenho que engolir essa sociedade me xingando, xacotando (mesmo tendo bacharelado e pós graduação). Essa semana mesmo tive que ouvir a sociedade a que sirvo dando parabéns para a rita leezinha mandando todos cheirar cocaína. No Rio de Janeiro um helicóptero foi derrubado e 5 policiais morreram combatendo o tráfico – e eu tenho que ouvir essa sociedade apoiar a reta lee fomentando o tráfico.Desculpem, mas eu só espero vir meu pagamento no final do mês – o resto, podem se esfaquear, matar, roubar, cheirar, fumar, mijar em muros, andar sem cinto, embriagado etc…. essa é a cara da sociedade brasileira, e pra quem não acredita, esperem mais vinte dias pra chegar o carnaval e todos podem ver a verdadeira face do povo brasileiro. Todos podem errar, menos eu. Caro colunista Rafael, caso só você leia e não publique essa mensagem como fez pela manhã já estarei contente. Vou pro banheiro vomitar.

  • Estanislau diz: 31 de janeiro de 2012

    Não sei o porquê de tanto alarde. O poder público faz isso todos os dias com os cidadãos e ninguém se manifesta.

  • rafael_martini diz: 31 de janeiro de 2012

    Prezado Márcio,

    Concordo plenamente com o senhor. Espero que compreendas que meu papel não é o de julgar o que é certo ou errado, apenas retratar exatamente esta sociedade (com todos os seus defeitos). Agradeço por sua contribuição.

    Att
    Rafael

  • Fernando diz: 31 de janeiro de 2012

    Martini, não liga não. Você é mais um produto dessa sociedade que ridiculariza. Parabéns jornalista das Bruzundangas.

  • Iara diz: 31 de janeiro de 2012

    Calma minha gente ……pra que tanto rancor no coração , e ódio do colunista ….para quem ainda não sabe ou esqueceu , as vaquinhas coloridas e bem humoradas que até então , corriam o mundo ,só despertando alegria por onde passavam são uma manifestação de humor …….foram os policiais, em horario de trabalho , com suas fardas e viaturas que infringiram suas proprias leis ……..não o nobre colunista . Do jeito que estão indo os coments daqui a pouco a culpa é da vaquinha que estava muito chamativa na rua tarde da noite …..ha ha ha ….quem não tem senso de humor , deveria lavar um bom tanque de roupa ou ler Platão . Simples !

  • Joel Minusculi diz: 31 de janeiro de 2012

    Esse pessoal que critica essa entrevista/crônica só pode ser analfabeto funcional, por não entender sarcasmo. Imagina se essa galera visse o que tem escrito na Piauí? Parabéns pela sacada e o texto, Rafael!

  • Nacir Abdala diz: 31 de janeiro de 2012

    Respondendo ao Márcio Diz: Concordo com tudo que você falou,mas errou ao generalizar em dizer que a sociedade a quem sirvo…. Vocês policias devem estar envergonhado pela a atitude de seus colegas de profissão, e com razão. O mesmo acontece conosco(professores). Sou professor e jamais colocaria meu filho sendo educado por um professor desqualificado, e o Estado está abarrotado deles. E o pior, os governantes, alguns deles, os querem, pois quanto pior e menos qualificação melhor para alienar a população. Apoio os excelentes policiais que tem Santa Catarina.
    Mestre e Doutor em Ciências da Educação – Nacir Abdala – supervisor de Educação da Rede Estadual de Santa Catarina.

  • Paulo Roberto diz: 31 de janeiro de 2012

    Como leitor, digo que é realmente deprimente ver um veículo de comunicação que se diz sério publicar tamanha infamidade quanto uma entrevista com a estátua da vaca “estuprada” pelo policial militar.

    Chega a ser mais ridículo do que encoxar uma estátua bovina usando uma farda…

  • Berloque Gomes diz: 1 de fevereiro de 2012

    “Todos brinca”: Os PMs, com a vaca, e o colunista, com os PMs. Acho que fizeram um carnaval em cima de uma brincadeira. Vale lembrar que a moça era uma vaca e tava dando mole no meio da noite.

  • Sérgio de la Orden diz: 1 de fevereiro de 2012

    Muito barulho por nada. O policial evidente não foi correto, mas daí crucificar o cara por uma brincadeira…VÃO PARA O DIABO HIPÓCRITAS.

    Até entrevista com o governador foi feito sobre o assunto, com o Cel. Nazareno Marcineiro, com o escambau…

    O PM da foto já está sendo punido com a gozação, com a bronca que levou da patroa, com a gurizada tirando onda da cara dele.

    A corrupção correndo frouxa Brasil afora e ninguém se indigna com o fato.

  • Vanderson da Silva diz: 1 de fevereiro de 2012

    Márcio, muita gente está contigo, assim como eu.
    O episódio da cantora foi muito discutido mesmo, mas vi muito mais manifestações contra o comportamento e apologia ao uso de drogas por parte dela, do que a favor.
    A questão é que aqui em Floripa, quando se precisa de uma viatura porque houve um assalto a um comerciante ou estão arrombando uma casa, leva-se mais de hora esperando, e insistindo no 190, que alegam não ter viatura.
    Sabemos que não foi grave a brincadeira em si, com o objeto artístico.
    Estamos reclamando porque na hora que precisamos, não estão vindo com dedicação para solucionar uma ocorrência.
    Presenciei um assalto e fiquei 50 minutos “seguindo” os ladrões, ao mesmo tempo que falava no 190 até que uma viatura interceptou e os prendeu.
    No outro dia, o gerente do mercado foi morto.
    Mas aí vem também a possibilidade de vermos o que está ocorrendo: pouco contingente nas ruas? viaturas quebradas ou com documento atrasado? desmotivação na carreira, por baixo salário ou falta de estrutura? plano de carreira tem falhas?
    Vocês são heróis, ter que suportar pressão e não saber se voltam para casa, ao ter que trocar tiros com ladrões armados de fuzil…
    Mesmo estes, que fizeram a brincadeira, não merecem ser apedrejados. Só mesmo a família deles e os seus superiores poderão avalizar se são bons profissionais, que apenas cometeram um deslize, coisa de quem é humano…

  • George Pereira diz: 1 de fevereiro de 2012

    Rafael,

    Vc fala, pede desculpas mas só do que lhe é conveniente…
    Acima vc nao respondeu nem o MoaFig nem o Milton…
    Falar do próprio umbigo é dolorido né…

  • luiz fernando vidal diz: 1 de fevereiro de 2012

    Martini
    Sensacional o teu humor para com o primitivo episodio….

  • luiz fernando vidal diz: 1 de fevereiro de 2012

    Martini
    Sensacional o teu humor para com o primitivo episodio….

  • Marlon diz: 1 de fevereiro de 2012

    A real verdade é que os policiais na grande maioria refletem à sociedade. Livram amigos de multas, humilham tantos outros sem motivo e pensam estar acima do bem e mal.

    Existem outros que lutam a favor da justiça e desempenham sua função de forma ética, afinal de contas, generalizar é jogar todos na vala comum.

    Cada profissão tem suas responsabilidades, vestir uma farda representa honrar a tradição que essa instituição possui e a postura deve ser a altura.

    Por esses desvios de conduta da polícia em geral é que tenho orgulho do Corpo de Bombeiros, acima de tudo prestam serviços de qualidade, respeitando todos independente se você ‘é amiguinho ou não’.

    Somente a cargo de esclarecimento… tenho dois tios PM e outro Bombeiro.

  • Caoe diz: 1 de fevereiro de 2012

    A RBS cada vez mais especializa-se na arte de encher linguiça. Não basta mais fazer matérias de gaveta sobre os turistas e o movimento do comércio. O negocio agora é pegar essa tal da cowparade e promove-la de todas as formas, não importa de que modo seja. Esse episódio era o que faltava para ocupar uns 5 minutos e meio dos telejornais. A RBS deveria explorar mais essa estupro por meio de infograficoes, vinhastas e até uma reconstituição detalhada do ocorrido, assim quem sabe termos uns 15 minutos de babaquice na TV. Espero que termine logo essa palhaçada da cowparede e a RBS venha logo nos brindar com muito mais futilidades.

  • Andre L diz: 1 de fevereiro de 2012

    Parabéns Sr. Rafael Martini;
    Sua criatividade para coisas sem finalidades práticas é realmente acima da média.
    Já que o senhor trabalha em uma afiliada à rede globo, acredito que em breve deverá fazer uma ponta no programa zorra total, afinal de contas vc demonstrou ter todo o perfil para atuar num programa sem graça como aquele.
    Estou aguardando a próxima entrevista brilhante sua, com o motorista da RBS que estacionou o veículo da empresa em vaga de deficiente… opa, com isso não pode brincar né, pode desagradar seu chefinho… mas nao se preocupe, sem emprego vc não fica, tem uma vaga no zorra total te esperando…
    E a vida segue… e dá-lhe BBB…olha o carnaval aí geeeeennnte…..
    Simplesmente patética esta “entrevista”!!!! Deve estar sem pauta aí tem que cumprir tabela de qualquer forma….tststs…. lamentável…. PERDI MEU TEMPO!!!

  • Ricardo diz: 1 de fevereiro de 2012

    André, você é um chato!
    Esses policiais fazem turnos de 24 horas. Esses tipos de brincadeiras se tornam até saudáveis nessas condições…

  • ARTUR diz: 1 de fevereiro de 2012

    REALMENTE SR. MARTINI;

    PARA FAZER ESSA ENTREVISTA FANTASTICA O SENHOR DEVE TER SUADO MUITO (90% DE TRANSPIRAÇÃO). O QUE FALTOU FOI INSPIRAÇÃO PARA FAZER COISA MELHOR (10% DE INSPIRAÇÃO)…
    PELO MENOS VC NÃO FOI INCOERENTE COM SUA DESCRIÇÃO NO CANTO DIREITO SUPERIOR DESTE BLOG…
    PARABÉNS PELA MEDÍOCRIDADE APRESENTADA… O DC TÁ BEM SERVIDO DE PROFISSIONAIS QUE SUAM BASTANTE E SE INSPIRAM POUCO….
    QUE VERGONHA…. ESPERO BASTANTE TRANSPIRAÇÃO (E POUCA INSPIRAÇÃO) NA ENTREVISTA COM O MOTORISTA DA RBS QUE ESTACIONOU O CARRO NA VAGA DE DEFICIENTE FÍSICO…. VAIS FAZER OU NÃO????
    AH, ESTA ENTREVISTA PODES CUSTAR SEU EMPREGO….. ENTAO BOA TRANSPIRAÇÃO PRA VC….

  • janice Coan diz: 1 de fevereiro de 2012

    Estão creditando uma importância além da necessidade sobre um momento de brincadeira. A “culpa”, acredito eu, se faz por estarem usando farda: vestimenta que deve ser reconhecida, denotar orgulho em estar sendo usada e demontrar respeito. A postura não condiz com os preceitos éticos da profissão. Deu!!!!!! Cabe a corporação se fazer valer à esse respeito. Temos assuntos bem mais complexos a serem explorados: corrupção, criminalidade, comércio de drogas, falta de escolas, saúde precária, etc…Se todos os profissionais fossem, em tempo integral “perfeitos”, não teríamos políticos fazendo de conta que trabalham para o povo. Deixo claro que não admiro tal atitude, mas, acho que os meios de comunicação tem a obrigação de notificarem/explorarem assuntos mais importantes e de maior interesse social.

  • João Carlos diz: 1 de fevereiro de 2012

    Chama a mãe que o pai tá doido!
    Não sou de escrever comentários, mas tive que externar minha opinião nesse caso diante dos comentários que li.
    Nossa, o Rafael Martini fez uma brincadeira muito bem bolada e vem gente criticar com cada coisa… não dá pra entender mesmo. Minhas opiniões:

    - Sobre desrespeitar?? uma instituição centenária: primeiro que quem brincou com a instituição foram os próprios PMs. A piada foi gerada justamente pela atitude dos policiais. Segundo, não vi na matéria nada que insultasse a instituição, apenas uma ilusão sobre uma entrevista com a “vítima”. Terceiro, pelo fato de ser jornalista e num espaço de um blog, ele só deveria analisar o fato unicamente de maneira séria? Ora, o próprio fato não é sério!

    - O que tem a ver o motorista da RBS com o assunto? Tipo, vocês também erram e não podem falar nada? Assim como na hora que os policiais estavam tirando a foto, muitos outros estavam realmente fazendo o seu trabalho. Se tem um motorista da mesma empresa em que o blogueiro trabalha infringindo a lei, este deve ser responsabilizado e punido, ponto. O que o jornalista tem a ver com a atitude do motorista?

    - O assunto foi abordado porque era a notícia do momento. Agora não se pode falar dos policiais que fizeram o que fizeram porque eles se arriscam na profissão em outras oportunidades? Novamente, o que tem a ver uma coisa com a outra?

    - Concordo com o leitor Marcio sobre o comportamento da sociedade não só com os policiais, mas com autoridades de maneira geral. Não sei de todos os detalhes que aconteceram no show da Rita Lee, mas pelo que li a PM agiu corretamente, esperando terminar o show para levá-la para a delegacia, evitando mais tumulto. E realmente existe muita hipocrisia. Um bom exemplo vem do filme Tropa de Elite, em que os usuários de maconha, que são financiadores do tráfico, fazem passeatas pedindo paz, etc.

    - Por fim, se fossem adolescentes de férias tirando aquela foto, era compreensível. Mas eram policiais fardados durante o serviço, e estes sim, devem dar o exemplo. Totalmente inoportuna a atitude. Mas não julgo todos os policiais pelos da foto, e nem eles mesmos. Foram muito infelizes no que fizeram. Devem ser advertidos e voltar a fazer o fundamental trabalho que lhes é exigido.

  • Eloi Zancanaro diz: 1 de fevereiro de 2012

    Caro Martini, vejo que tens a honestidade de postar os comentários que também são críticos a ti. Meus parabéns, isso não é comum à outras colunas desse jornal. Como sempre acontece, o “moralismo” e a hipocrisía persistentes na sociedade vem à tona em episódios como esse. Poucos o colocam no real contesto: fardados ou não (é apenas mais um uniforme! Qualquer servidor público representa o Estado, mesmo uma enfermeira de hospital do SUS) os PMs estavam na madrugada, num local que a essas horas só é frequentado por fantasmas (e, por azar, um fotógrafo). Não contavam com testemunhas, para uma molecagem que, diga-se de passagem, é muito comum entre rapazes de todas as classes e níveis de instrução…Claro que não gostamos de vê-las em público. Mas há de se relevar o contesto. Não fizeram para se exibir. Contavam com a discrição da madrugada e não fizeram mal a ninguém. Aposto como esse monte de “tias” que ficam fazendo escarcéu com esse assunto, são seguidores de novelas e biguebróders da vida!

  • Nicolau diz: 1 de fevereiro de 2012

    Só assim para aquele soldado comer alguém, digo, algo rsrrss
    Fontes fidedignas disseram que ele chegou para a vaca e disse: vaca, parede! E quando a vaca parada, imóvel,estática… consumou o ato. É daí que nasceu o termo cow parade rsrsrsrsr
    Eis mais um exemplo de uma brincadeirinha boba, filmada por estranhos ( ou não), se transformar em uma grande dor de cabeça para alguém. Hoje, como sabemos, cada celular é um ponto de coleta dos olhos do Grande irmão, óbvio que há mais.

  • Italo Giovanni diz: 1 de fevereiro de 2012

    Nossa ainda este assunto da brincadeira que o policial fez currando a vaca. Foi uma brincadeira infeliz, porém não é nada sério e grave, e uma repreensão verbal e reorientação ao policial já está de ótimo tamanho.
    Brasileiro gosta deste tipo: Perde tempo com assuntos toscos e sem utilidade ( Vide caso do BBB 12 ” suposto estupro”, se a Luiza que ninguém conhece voltou do Canadá, com a próxima traição da novela das 8, e vão ficar um mes discutindo a vaca currada.
    Por isto o Brasileiro é extorquido em altos impostos, taxasde juros altissimas e abusivas, e paga taxas absurdas de toda monta.
    Povo fútil que perde tempo com bobagens ao invés de discutir coisas que agregam: preço da gasolina, da taxa de juros, dos alimentos, a qualidade do serviço de saúde, da educação, etc.

  • Dinho diz: 1 de fevereiro de 2012

    Observem a foto novamente.
    Agora pensem no seguinte:

    O ESTADO, representado pelo PM
    O POVO, representado pelo VACA

    Então, já tão pensando besteira. ..né!
    Mas é sempre assim … O ESTADO sempre bota no “frói” do POVO .

  • Vanderson da Silva diz: 1 de fevereiro de 2012

    Quanto rancor desse pessoal com o colunista, a RBS e a Globo…
    Mas o que vocês tem de opção mesmo, em outros canais/sites?
    Ah, sei, “A Fazenda”, “Mulheres Ricas”, “Silvio Santos trollando a Maísa”…
    Quem não gosta da RBS/Globo e não troca de canal/site quando o que vê é ruim, tem um nome: masoquista.
    Este blog tem na sua descrição a forma bem humorada de abordar fatos na cidade, e quem não gosta, não é obrigado a visitar, nem concordar.
    Aposto que os mesmos que criticam, não olham o próprio umbigo quando estragam nossa cidade, construindo casas sem calçadas decentes para pedestres, furam sinal porque não tem fiscalização eletrônica, e agora querem que o colunista interfira na hierarquia dentro da empresa, cobrando algo de um motorista( um só, não são TODOS os motoristas da RBS) que errou e com certeza, ele tem um chefe a quem reportar.
    Ou na sua empresa, você vai peitar o gerente de outro setor para cobrar o erro de uma pessoa que não lhe diz respeito, sendo isto dentro da mesma empresa?
    Hipócritas…
    Parabéns ao colunista por publicar todos os comentários.
    Imagino que deixe de publicar apenas aqueles que contém palavrões ou passíveis de punição à lei, como por exemplo, racismo.

  • Luis diz: 1 de fevereiro de 2012

    Pelo jeito a corporação policial entrou de sola aqui no site. Brincadeirinha boba, só, não é mesmo gente?? Claro que a segurança pública está um brinco de tão boa, daí eles terem todo o tempo para brincar com a vaquinha. Estavam no momento “de folga” do bico, não é mesmo?? E o comércio do bico policial? Vai muito bem obrigado. Quer segurança? Paga.

  • SERVIDOR PUBLICO COM FOME diz: 2 de fevereiro de 2012

    IMORALIDADE PÚBLICA COM OS POLICIAIS CIVIS E COM OS DEMAIS SERVIDORES DO ESTADO DE SANTA CATARINA !

    ATENÇÃO PROMOTORES PÚBLICOS DA MORALIDADE ADMINISTRATIVA, VAMOS ACORDAR???

    POR QUE OS POLICIAIS MILITARES SÃO A UNICA CATEGORIA DE SERVIDORES PÚBLICOS QUE GANHA VALE ALIMENTAÇÃO DO GOVERNO E ALÉM DISSO AINDA GANHA TRÊS REFEIÇÕES DIÁRIAS (seja no quartel ou convênios com restaurantes por toda SC)????

    POR QUE ESTE PRIVILÉGIO APENAS AOS POLICIAIS MILITARES????
    POR QUE NÃO ESTENDER ESTE PRIVILÉGIO PARA OS PROFESSORES????
    POR QUE NÃO ESTENDER ESTE PRIVILÉGIO PARA OS POLICIAIS CIVIS????
    POR QUE NÃO ESTENDER ESTE PRIVILÉGIO PARA OS AGENTES DA SAÚDE????

    SERÁ QUE SÓ OS PMS MERECEM ALIMENTAÇÃO DIÁRIA E AINDA GANHAR VALE ALIMENTAÇÃO?????

    POR QUE ESTA DISCRIMINAÇÃO COM OS DEMAIS SERVIDORES DO ESTADO????

    CHEGA DE PRIVILÉGIOS………ALO SINDICATOS DAS CATEGORIAS DA SAÚDE, SEGURANÇA E EDUCAÇÃO…….QUEREMOS TRATAMENTO IGUALITÁRIO COM OS PMS, AFINAL SOMOS TODOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS…..

    ALO PROMOTORES, SEI QUE OS PMS PRESTAM SERVIÇOS PARA VOCÊS, MAS ISTO É UMA IMORALIDADE E ILEGALIDADE !

    JUSTIÇA PARA TODOS OS SERVIDORES PÚBLICOS OU ENTÃO CORTEM O VALE ALIMENTAÇÃO DA PM OU ESTA ALIMENTAÇÃO DUPLA QUE NINGUÉM GANHA… SÓ ELES !!!

Envie seu Comentário