Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Táxi lidera reclamações em Florianópolis

28 de fevereiro de 2012 6

O serviço de táxi lidera o número de reclamações na Ouvidoria da Secretaria dos Transportes de Florianópolis nos dois primeiros meses do ano. Entre janeiro e fevereiro, foram registrados 50 queixas por mau atendimento dos “motoristas de praça” contra 31 dos de ônibus. Circulam por dia, em Floripa, 464 ônibus e 430 ônibus. A diferença é que, enquanto o primeiro transporta, em média, dois passageiros por “viagem”, nos ônibus circulam 250 mil pessoas diariamente. Proporcionalmente, a bronca é muito maior nos táxis.

comentários

Comentários (6)

  • Felipe Gorges diz: 28 de fevereiro de 2012

    Na Lagoa da Conceição a maioria dos taxistas recusa corridas curtas o que prejudica os moradores do bairro. Num belo dia, chegando de SP cheio de Malas, os 3 taxistas se recusaram a fazer o percusso de +- 1 km. Outro dia, sem nenhum horário de ônibus próximo, na tentativa de pegar um táxi +- 2 km novamente aquele blablabla e depois de muito palavrão e discussão, dirigindo feito um maluco o taxista fez a corrida, sempre dizendo: daí eu perco uma corrida mais longa e blá blá bla…

  • Carlos Aurélio diz: 29 de fevereiro de 2012

    Dois episódios: Em um, saindo do Rita Maria e pedindo para fazer uma corrida até a Beiramar Norte, só faltou o taxista me bater e, em seguida, capotar com o carro no trajeto, de tanto que corria. Ainda fez cara de ironia e indignação quando pedi troco para R$ 50. Tive que berrar com ele quando saí e fui pegar minha mala no banco de trás, pois ele já estava arrancando com o carro. Em outro, havia um engarrafamento e o sinal estava fechando. Eu e muitas outras pessoas estavam esperando para atravessar na faixa a pé. O taxista saiu em disparada da fila, cheio de passageiros e quis cruzar a sinaleira. Freou em cima e ficou na contra mão, cantando pneus quando viu que não daria tempo, pro susto de todos na faixa. Abri os braços e olhei pra ele, ainda me fez um sinal com o dedo.

  • Leon diz: 2 de março de 2012

    O Sindicato dos Taxistas deveria ler as reclamações dos usuários de taxi em Florianópolis. Aliás, não só dos usuários, mas da população em geral (não são raras as queixas de pedestres, motoristas de ônibus e condutores de automóveis sobre a atuação dos taxistas). A imagem dos taxistas em Florianópolis é a pior possível. Está na hora de iniciarem um processo de reciclagem, especialmente dos maus hábitos destes profissionais. Alô, Sindicato, que tal iniciar fazendo uma pesquisa com a população de Florianópolis ouvindo sua opinião? Garanto que se assustariam!

  • madame beiramar diz: 18 de maio de 2012

    Cambada de acomodados, é muito fácil falar mal dos taxistas, sem levar em conta a cacalhada que muitos deles levam, bebados, drogados, pessoas que se pagam de rico mas não a minima educação, acham que taxista é motorista particular, que tem ficar esperando as madame comprar pão a uma quadra de casa, levar de volta pra casa e depois ficam contando moeda, miséria, fora os que acham que táxi é caminhão de mudança, frete ou sei lá o que, concordo que tem taxista mal educado, como em toda outra profissão, mas o que tem de passageiro que acha que taxista é psicologo não é brincadeira, convido a estes cidadaos ai que falam pela culatra a trabalharem na praça pelo menos um dia pra ver se aguenta e se vai voltar a comentar besteira e parar de ver só o outro lado.

  • CELUIR LASCH LOPES diz: 23 de outubro de 2013

    Hoje dia 23/10/13 as 12:00hs no ponto de taxi do supermercado Angeloni Estever Junior com a Av. Rio Branco. A funcionária da Clinica Soma fez compras e foi muito mal atendida pelo carro nº 0215 por um senhor grisalho. Meu senhor se não está afim de trabalhar entregue o seu ponto de taxi até porque tem muitos que querem trabalhar porque trazer as compras deixar no chão de uma calçada onde temos varias contaminações e ser mau educado acho que só quem vai sair perdendo é o senhor. A Clinica Soma tem um cadastro na central de taxi onde ligamos para o nº 32406009 e entre 10 ou 15 minutos chega um taxi para atender os pacientes, por dia são feitas varias ligações solicitando taxi, fico imaginado que vergonha para os outros taxista que gostam de trabalhar gostaria de elogiar o carro nº 212 que tem prestado lindo serviço pra CLINICA SOMA e para os funcionários também. Muito obrigado.

  • eni terezinha andre dos santos diz: 11 de fevereiro de 2015

    Por favor leiam isso ,estou muito chateada indi guinada hoje, precisei pegar um taxi , porque estava covendo muito, sai do meu trabalho as 19 horas, com minha tia senhora quase 70 anos sobre peso, pegamos um motorista muito grosso , vcs conhecendo a frota de florianopolis sabe muito bem de quem estou falando, não sei o nome dele nem número do carro mas fisionomia gravei muito bem, nós ainda vamos nós encontrar,pegamos o carro na Almirante Lamego, até o terminal chegando no destino a corrida foi 9,20 ai eu dei 10 reais e 50 centavos ele com toda a delicadeza me devolveu os 50 centavos e falou que 10 reais estava bem pago, eu não gosto,e não fui criada para barracos, eu sai correndo do taxi porque a chuva era muita,minha tia ficou pra traz porque ela estava com sombrinha, mas fiquei olhando ela sair do taxi o motorista deu um empurrão nela que chegou a machucar o braço dela nesse momento ela esta na upa, isso não vai ficar assim eu vou até na tv se for possível, porque com certeza ela não foi a primeira nem será a única, fica aqui minha reclamação de uma falta respeito com o cidadão esse cara não pode estar trabalhando como taxista.

Envie seu Comentário