Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Carta aos assaltantes

20 de abril de 2012 0
Renato Rabello, morador do Campeche, no Sul da Ilha, publicou esta carta em seu perfil no Facebook:
 
Srs Assaltantes da minha casa, 
dos objetos que levaram de minha casa tenho um HD externo  com fotos de toda infancia de meu filho que nao tenho como recuperar,  histórias, sorrisos, momentos incríveis registrados, tempo que nao volta mais e nao tem nenhum valor comercial na hora da venda.
Nao quero saber quem você é, e nem definir uma punição para os seus atos. Tudo que fazemos nesta vida pagaremos um dia. Peço somente que jogue ele  no meu quintal sem compromisso, sem medo. Posso deixar R$ 100 no muro que é o valor comercial de venda do produto, se for o caso. 
Ah  os cadernos e apostilas escolares do meu filho também nao tem nenhum valor para vocês, pode incluir no pacote.
Certo de sua compreensão fica aqui minha humilde solicitação perante a tudo que levou. 
 
Ass. o Assaltado

comentários

Envie seu Comentário