Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Juiz transfere armas apreendidas para garantir segurança do Fórum

05 de junho de 2013 0

Há seis meses, o juiz Tanit Adrian Perozzo Daltoe criou uma iniciativa com o intuito de melhorar a segurança do Fórum de Porto União, a partir do encaminhamento das armas apreendidas ao Comando do Exército, antes mesmo do final do trâmite processual.

E, em pouco tempo, a proposta já têm apresentado números positivos: 75% das 170 dos armamentos armazenados já chegaram ao seu destino final.

O procedimento começa com o recebimento da denúncia na Vara Criminal da Comarca.

Após a perícia, as partes são questionadas se há alguma imposição ao imediato envio das armas e projéteis ao Exército.

Caso não haja, o magistrado em seguida realiza o despacho para dar prosseguimento ao feito.

 “A preocupação surgiu porque, tempos atrás, houve registro de furtos de armas em comarcas iniciais. E a minha intenção era reduzir isso ao máximo. Se a gente espera o fim da ação, contando com o recurso, os armamentos ficavam aqui em média cinco anos. Agora, em poucos meses, já há o envio determinado”, explica o magistrado.

De acordo com o Juiz Tanit, a iniciativa tem sido realizada também por outros juízes de Santa Catarina, que viram nesse procedimento uma forma de garantir a segurança não só do Fórum, mas também a dos moradores das Comarcas.

O magistrado ressalta ainda que o projeto, antes de ser implantado, foi aprovado pelas partes e pelo Ministério Público.


comentários

Envie seu Comentário