Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Confirmado desfile das escolas de samba no Carnaval 2014 de Floripa

01 de agosto de 2013 3

Uma reunião nesta quinta-feira entre prefeitura, Liga das Escolas de Samba de Florianópolis e presidentes da Coloninha, Copa Lord, União da Ilha, Protegidos e Consulado bateu o martelo, assegurando a realização do desfile do Grupo Especial na Passarela Nego Quirido, no sábado de Carnaval, dia 1º de março de 2014.

A viabilidade do desfile se dará por meio de parceria com a iniciativa privada. O custo estimado do evento, com base em anos anteriores, é de R$ 3 milhões.

Maria Claudia Evangelista, secretária municipal de Turismo, se disse feliz com o resultado das negociações antecipadas, garantindo a realização da festa sem atropelos.

“A reforma de toda a estrutura da passarela será feita com base na vistoria do Corpo de Bombeiros para garantir a segurança do público”, disse Maria Claudia.

O acordo fechado nesta quinta-feira envolveu as escolas do Grupo Especial de Florianópolis, mas também deve acontecer o desfile do grupo de acesso.

comentários

Comentários (3)

  • Digão diz: 1 de agosto de 2013

    Que o prefeitinho não gaste R$ 0,01 do erário com esse evento PRIVADO. Que ele não jogue nosso dinheiro na PRIVADA!!
    Eventos fechados que se vierem, ralem, usem a criatividade como no RJ.
    Deixo uma pergunta: alguem sentiu falta disso, desse desfilie para uma meia dúzia, no ano passado?
    Garanto que não!!!!!!!

  • Willian Tadeu diz: 1 de agosto de 2013

    Grande notícia, parabéns ao prefeito! Agora é necessário trabalhar para garantir a visibilidade e viabilidade do desfile como produto turístico, trazendo divisas para a cidade. Algumas sugestões: modernização da venda de ingressos, buscando a lotação máxima do sambódromo; melhoria nas arquibancadas (atualmente móveis) do início da pista, aumentando a capacidade e a atratividade daquele espaço; inclusão do carnaval em peças publicitárias da cidade e do estado; formulação de um calendário oficial do pré-carnaval, com datas prévias dos ensaios na Praça, ensaios técnicos no sambódromo, etc, a exemplo do que acontece em outros municípios.

    Com algumas destas iniciativas, o retorno para a cidade com certeza será grande, principalmente por se buscar viabilizar a festa em parceria com a iniciativa privada. A prefeitura coordena, a iniciativa privada banca, as escolas fazem um lindo espetáculo e todos saem ganhando.

  • lia diz: 2 de fevereiro de 2014

    Carnaval fez muita falta em 2013, para as milhares de pessoas que fazem e curtem a festa todos os anos. Ha uma contrapartida grande da comunidade sedes decada escola para fazer o carnaval. Nada mais justo que parte (pequena) dos impostos retornem para apoiar esta festa popular. Isso tem impacto positivo na economia local.

Envie seu Comentário