Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Marcado depoimento de homem acusado de estupro

11 de julho de 2014 0

Está confirmado para o próximo dia 18 o depoimento na 3ª Vara Criminal da Capital do administrador paulista acusado de ter estuprado uma camareira num hotel em Florianópolis. Ele está na cadeia pública de Florianópolis desde 16 de maio, quando foi preso em flagrante.

Segundo relato feito à polícia, a vítima, a pedido do hóspede, tinha ido buscar água no frigobar de um quarto que estava vago próximo ao do acusado quando foi surpreendida. O homem fechou a porta, tirou a toalha que vestia e ficou nu. As agressões só cessaram depois que o supervisor da camareira ouviu gritos da funcionária e entrou no quarto.

No dia 19 de maio, a prisão em flagrante foi convertida em preventiva. No dia seguinte, a desembargadora substituta Cinthia Schaefer concedeu liminar ao pedido de habeas corpus apresentado pelo advogado Claudio Gastão da Rosa Filho, substituindo a prisão por outras medidas cautelares, entre elas o pagamento de fiança equivalente a 150 salários mínimos.

O homem não chegou a ser solto porque o Ministério Público convenceu a Justiça a renovar a preventiva alegando que o acusado tem antecendentes e já se envolveu em outro crime no Paraná relacionado à Lei Maria da Penha.

O promotor Fernando Linhares da Silva Júnior, autor da denúncia, afirma não ver motivos para desconfiar do depoimento da camareira. O caso lembra o episódio envolvendo o ex-diretor do FMI, Dominique Strauss-Kahn, preso em Nova York também acusado de estuprar uma camareira, há três anos.

Claudio Gastão da Rosa Filho informou que não é mais advogado de Bueno e por isso não irá se manifestar. O depoimento está marcado para começar às 14h30min.

comentários

Envie seu Comentário