Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Julgamento do acusado de morte de estudante caminha para a prescrição

27 de agosto de 2014 2

Mais de oito anos após o trágico acidente na Avenida Beira-Mar Norte que matou a estudante Mariana Costa Bento, 20 anos, o motorista acusado de homicídio doloso (quando assume o risco de matar), Walter Duart Pereira, conseguiu adiar o júri popular marcado para esta quarta-feira (27), em Florianópolis. Alegou problemas de saúde.

O novo julgamento poderá demorar vários meses ou até mais, já que a preferência na pauta do tribunal é para réus presos, e Walter responde ao processo em liberdade. O advogado Gastão Filho, contratado pela família da vítima para atuar como assistente de acusação, lembra que essa não é a primeira vez no processo que Pereira utiliza este argumento.

Gastão lembra que, de acordo com testemunhas na noite do acidente, o réu parecia ter bebido. Ele estava em velocidade incompatível com a via, e furou dois semáforos. Um radar eletrônico flagrou a caminhonete Ranger que ele dirigia passando a mais de 110 km/h. O máximo permitido na avenida é 80 km/h.

Mariana Bento sofreu fratura cervical e morreu no local do acidente. O Kadett onde estava a estudante atravessava a Beira-Mar para entrar numa travessa. A colisão ocorreu por volta das 5h de sábado, 5 de agosto de 2006. O namorado que dirigia o carro se feriu gravemente. Pereira apresentou-se à polícia somente dois dias após a tragédia.

comentários

Comentários (2)

  • Daniel diz: 27 de agosto de 2014

    Tem um acidente mais antigo também na Beira-mar que ainda não foi a julgamento, vais noticiar sobre o caso?

  • cyro el bacha junior diz: 18 de novembro de 2014

    Não meu caro Daniel, já teve um acidente idêntico há anos atrás na própria Beira Mar e o culpado já foi julgado sim, mas o seu crime também já estava prescrito. Será que os nossos nobres julgadores vão incorrer na mesma prática?
    Sim, porque alegar que o julgamento foi adiado em virtude de uma sessão da Câmara dos Deputados é uma piada, e de muito mau gosto, para o povo e para a família da vítima! E desde quando os deputados vão a alguma sessão na Câmara? Resposta: Quando é para votar algum assunto do seu exclusivo interesse! Sinceramente, cada vez mais me convenço de que estou na profissão errada!

Envie seu Comentário