Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Ninguém sabe, ninguém viu

08 de setembro de 2014 2

O mistério do momento é o destino do documento assinado por 14 vereadores de Florianópolis pedindo a exoneração da ex diretora de Fiscalização da Floram Elisa Rehn. Até se fala que uma das assinaturas seria falsificada. A chave do segredo, dizem, está nas mãos da chefia de gabinete do prefeito, responsável pela interlocução com o Legislativo.

comentários

Comentários (2)

  • Dra. Sarnenta diz: 8 de setembro de 2014

    Com a palavra, o Carcereiro!

  • Maria Aparecida Nery diz: 8 de setembro de 2014

    Um passarinho verde me contou que os vereadores Lino Peres e Afrânio Boppré se manifestaram no plenário da CMF na tarde de hoje sobre o caso…

Envie seu Comentário