Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Câmara de Florianópolis aprova plano de cargos e salários da prefeitura

14 de outubro de 2014 0

Os vereadores da Câmara Municipal de Florianópolis aprovaram por unanimidade na tarde desta terça-feira, 14 de outubro, o Projeto de Lei Complementar nº 1.346/2014, do Prefeito Municipal, que estabelece o Plano de Cargos, Carreira e Vencimento dos Servidores Públicos do quadro de pessoal civil da administração direta, autarquias e fundacional do Poder Executivo Municipal, com nova tabela de vencimento e significativa majoração nos valores praticados.

O projeto foi elaborado pelo Executivo com a participação efetiva do Sindicato dos Trabalhadores, e na Câmara recebeu parecer favorável das Comissões de Constituição e Justiça, de Trabalho e de Orçamento e Finanças. A nova lei que também foi debatida com os vereadores antes de entrar em tramitação prevê as seguintes diretrizes:

- profissionalização e valorização da Administração Pública e do servidor público na carreira;

- desenvolvimento funcional com base na igualdade de oportunidades, no mérito profissional, no esforço pessoal e na contribuição para o alcance dos objetivos da instituição;

- transparência das práticas de remuneração, buscando a valorização do servidor quando de seu desenvolvimento na estrutura da carreira, bem como adoção de remuneração compatível com a complexidade, responsabilidade e escolaridade do cargo e o desenvolvimento de suas respectivas funções;

- aperfeiçoamento profissional do servidor com aplicabilidade no cotidiano das atividades inerentes ao cargo.

A proposta atinge diretamente 4.994 servidores que terão seus cargos organizados em cinco classes, sendo elas identificadas pela natureza e pelo grau de escolaridade, habilitação e conhecimento exigível para o desempenho dos cargos: auxiliar, auxiliar de sala, técnico analista e arquiteto, engenheiro e modalidades. Uma das mudanças que o projeto traz é o aumento dos pisos de vencimento das classes. Por exemplo, os profissionais de nível fundamental e médio que hoje recebem R$ 854,25, passarão a ter o piso no valor de R$ 1.244,05 e R$ 1.610,83, respectivamente.

A Câmara votou e aprovou também por unanimidade o Projeto de Lei Complementar nº 1.347/2014, de autoria do Prefeito Municipal, que cria o Plano de Carreira dos Empregados Públicos da Administração Direta do Poder Executivo Municipal. Este projeto beneficia diretamente 521 empregados, sendo 466 agentes comunitários de saúde e 55 agentes de combate às endemias que terão seus empregos organizados em carreira. O ponto principal da nova lei é a elevação do piso salarial da categoria que passa de R$ 854,25 para R$ 940,00.

Para o presidente do Sintrasem, Alex Santos, a aprovação foi uma grande conquista para os trabalhadores. “Nós passamos 26 anos na luta para ter um plano que valorize o servidor, tanto na formação quanto referente aos pisos. Acreditamos que esse Plano dá conta dessa valorização e conserta as distorções feitas nas carreiras ao longo dos anos.”

comentários

Envie seu Comentário