Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Lewandowski passa por saia-justa no 8º Encontro do Judiciário, em Florianópolis

11 de novembro de 2014 29
Foto: Cristiano Estrela / Agência RBS

Foto: Cristiano Estrela / Agência RBS

Ricardo Lewandowski não teve como escapar da pergunta sobre a condenação da agente de trânsito do Rio por ter abordado um magistrado sem habilitação e sem documento do carro numa blitz da lei seca. O questionamento foi durante a coletiva do 8º Encontro Nacional do Judiciário, em Floripa. O presidente do STF argumentou que não poderia comentar a decisão, mas admitiu que a toga também erra:
– O juiz é um homem comum, um cidadão como outro qualquer.

No mais
A agente de trânsito carioca foi condenada em primeiro e segundo graus por afirmar que… juiz não é Deus.

comentários

Comentários (29)

  • Schell diz: 11 de novembro de 2014

    Vê-se, pois, mais “conversa fiada”, ou, mais do mesmo; como presidente do CNJ tem a obrigação de abrir sindicância sobre a atuação dos juízes/desembargadores que condenaram a agente. Ora, ora e ora: abriu?

  • Paulo Luiz Sônego diz: 11 de novembro de 2014

    O presidente do STF defendeu COM MUITA ENERGIA os CRIMINOSOS DO MENSALÃO.

    Sua “EXPLICAÇÃO” é conversa pra “boi dormir”.

    No fundo ele NÃO DÁ A MÍNIMA pra situação da agente de transito

    SIMPLES ASSIM

  • waltencir jose da silva diz: 11 de novembro de 2014

    todos eles se protegem se acham acima do bem e do mau, dão carteiraço em todo mundo “sabe com quem você está falando?”, aprovaram o auxílio moradia que é uma vergonha, resumindo, mamam nas bicas do governo

  • schwastanheger diz: 11 de novembro de 2014

    Sua Excelência, excelentíssima excelencidade, só faz assim óh aos inimigos os rigores da Lei e Aos AMIGOS pt As Benécias da Lei, eta cara bão!

  • cesar felicio elias diz: 11 de novembro de 2014

    claro que juiz não é deus, temos que acabar com essa de tudo que acontece colocar o nome de deus, quem deveria pagar por esta atitude é esse juiz, mais infelizmente nosso STF só julga os menos favorecidos, olha só a turma do mensalão, onde estão?

  • Merwin diz: 11 de novembro de 2014

    Foi dizer o mesmo com outras palavras, será que o juiz vai procesar o Ministro Lewandowski?

  • Amigo de Floripa diz: 11 de novembro de 2014

    Esse ministro é padroeiro dos mensaleiros e da bandalha dos petralhas.

  • VALMOR ANTÔNIO MATIELLO diz: 11 de novembro de 2014

    Embora sejam poderes independentes (Legislativo, Executivo e Judiciáio) eu acompanho as contas do Executivo e do Legislativo, que estão disponíveis. Alguém poderia me dizer ou informar onde encontro do Poder Judiciário? Dos 3 Poderes é o menos transparente, portanto o mais corrupto.
    A explicação do Exmo Ministro é de quem acha que está acima do bem e do mal. Lamentável isso. Enquanto os Ministros são avaliados por QI (quem indica) nada melhorará mesmo.

  • Max Antonio diz: 11 de novembro de 2014

    O que a Justiça brasileira devia responder aos incrédulos que precisam dela é sobre a morosidade nos processos que assola quase toda a população. Vergonhosamente, quase todo ano vem eles à imprensa dizendo de que a Justiça vai ser mais célere e por aí adiante. Nada acontece. Quanto ao caso do juiz “acima-da-lei” , circunstancia hoje de que a soberba sobe à estratosfera e impede que o direito de cada cidadão seja igual na sua totalidade. Uma pouca vergonha!

  • genivaldo diz: 11 de novembro de 2014

    Esse Senhor Ministro é apenas e tão somente o retrato nu e cru do poder judiciario no brasil, poder esse que já se fez respeitar, hoje infelizmente o que temos são apenas recordações.

  • Renato diz: 11 de novembro de 2014

    alguém realmente esperava uma resposta defendendo a agente de transito….Não esqueçam que estamos no Brasil, um país sem lei para os justos…..

  • ademir oliveira diz: 11 de novembro de 2014

    Bem esse magistrado ai,foi quem liberou a maior parte,dos mesnsaleiros.Ora essa ele deveria fazer um comentário,aplaudindo a “agente de transito”,por ela ter cumprido a lei,pricipalmente esse assunto TRANSITO,que mata e so mata no Brasil e ninguém é punido,e por outro lado punido o juiz,pois ele é alei e a conhece mais que agente de transito.”Que tipo de juízes temos” Que pais é esse??????

  • antonio gomes diz: 11 de novembro de 2014

    Kkkk esse pessoal da multa sao muito bossais e valentoes. Pegaram o cara errado valeu ministro mosyra quem manda de verdade.

  • jorge pires diz: 11 de novembro de 2014

    Esse Ricardo Lewandowski é mais um exemplo de como o nosso STF se tornou um puxadinho do planalto. Fez de tudo para aliviar os bandidos do mensalão. Na verdade é mais um pelego do PT que juiz. Depois veio o Toffoli e agora vem o cardozo. Com um supremo (minúsculo mesmo) desses qualquer um se sente à vontade para transgredir as leis. Esse país está se tornando uma grande sucupira. Viver aqui e ser honesto é um grande carma. Puta merda!

  • Curt diz: 11 de novembro de 2014

    há uma explicação para as liberações dos presos condenados? já são 2. Seria melhor acabar com esta palhaçada, pois não dá em nada mesmo.

  • Joaquim diz: 11 de novembro de 2014

    Se fosse em um país sério, USA, certamente o juiz teria saído algemado, o carro devidamente guinchado e fim de papo. Afinal, a autoridade maior, naquele momento, era o agente de trânsito. O juiz, se é que se pode assim chama-lo, era um motorista cometendo várias infrações. Ainda vale o “carteiraço”!

  • carlos do Brasil diz: 11 de novembro de 2014

    Porque todo esse alvoroço?? Quem é que vota?Tiveram a oportunidade de mudar, e que aconteceu? Todos são do mesmo saco.Para com essa conversa de dizer que temos que ter responsabilidade.Esta faltando um Fidel, um Coreano, e um exercito que mantenha a ORDEM E PROGRESSO.Que volte a ditadura pra valer..Onde estão nossos generais??porque o exército não intervem e acaba com essa desordem.

  • JULIANO diz: 11 de novembro de 2014

    Esperar o que de um País aonde o povo coloca no poder um partido de bandidos que tem carta branca para indicar ministros, juízes, etc.
    Esse bando de vagabundos que trocam o voto por bolsas ( família, gás) em vez de trabalhar. E trabalho é o que mais tem nesse País.
    O PT criou uma máfia dentro do nosso país que para tirar esses caras do poder vai demorar e muito.

  • FABIO AUGUSTO PEDRA diz: 11 de novembro de 2014

    NA VERDADE TA FALTANDO MACHO NO BRASIL, PARA BOTAR ESSA TURMA NO SEU DEVIDO LUGAR, ACHAM QUE ESTÃO ACIMA DA LEI … COISAS DE BRASIL

  • Evandro diz: 11 de novembro de 2014

    Não por acaso o ex presidente do STF o nosso excelentissimo Joaquim Barbosa declarou em uma de suas entrevistas que é fundamental que os brasileiros aprendam a respeitar a constituiçao para podermos avançar enquanto naçao, mas sinceramente com exemplos desse tipo certamente é um desistimulo ao respeito pelas nossas autoridades que dão exemplos de coorporativismo corrupto e justificam frases como país dos conchavos e país da carteirada. Fico indignado em saber que pessoas como o senhor Lewandovisk estudaram para se tornarem parciais nas suas decisões tornando tudo isso aqui pior do que já é. Esse cara não presta.

  • George Teodoro diz: 11 de novembro de 2014

    Pessoal, ignorância a parte, há soberba para todos os lados, a agente de transito que não reconheceu sua insignificância perante a um Juiz de Direito, mesmo com suas mazelas. todos são iguais perante a lei. porem nem o agente de transito nem a o juiz é a lei. portanto, ela perdeu a chance de ficar em silencio e simplesmente fazer o seu papel passar as multas pertinentes, e deixar que o Juiz se defendesse nos Conselhos de transito. portanto o fato de ela dizer que o Juiz não é Deus é uma infâmia já que Cristo o Deus na terra. deu o exemplo de se pagar impostos e cumprir a sentença que lhe fora dado, mesmo que em um julgamento de juri popular. portanto. não vamos ser extremistas. cada caso é um caso. e cada um vai receber o que planta. estou lado do respeito. pois não é qualquer um que chega a ser ministro da Justiça

  • José diz: 11 de novembro de 2014

    Esse defende o PT, Gilmar Mendes defende o PSDB, Celso Mello defendeu Collor, etc…. e quem defende o povo? Resposta: o Zé…. Ninguém!

  • giovanio domingos savio schneider diz: 11 de novembro de 2014

    Esse juiz Ricardo Lewandowski presidente do STF, é uma vergonha para nosso Brasil. tem nojo…

  • eres cripim diz: 11 de novembro de 2014

    é dito que o poder emana do povo,se tudo isso está acontecendo a culpa não é do legislativo,do executivo e nem do judiciário, a culpa mesmo é de todos nós cidadãos brasileiros, pois continuamos a aceitar todo tipo podridão que acontece no meio de toda administração pública desse nosso país(eu disse nosso porque o Brasil é de todos os brasileiros e não apenas de meia dúzia de gatos pintados) estamos sendos assaltados todos os dias em nossos direitos mais infelizmente ninguem faz nada, e a desordem vai continuar como eles querem.

  • eres crispim diz: 11 de novembro de 2014

    gostaria de tornar público um livro escrito por uma jornalista brasileira Claudia wallins, que é radicada na Suécia a dez anos e que escreveu esse livro sob o sistema político na Suécia, lá o poder emana do povo e a transparência pública fazem da Suécia um país sem corrupção,título do livro¨um pais sem excelências e mordomias¨é um excelente livro onde é exposto todo um sistema onde os cidadãos são todos iguais.

  • sandro diz: 12 de novembro de 2014

    Quanto bla bla bla…aposto que após essa resposta patética do ser com maior competência para julgar os piores crimes do pais, todos permaneceram na sala quando tinham que virar as costas e sair por não aceitar esse absurdo contra a nossa magna carta que mais parece um roteiro de novela, pois tudo que está escrito é lindo, mas nada é aplicável! !!!! Esse é o Brasil longe de ser um país de primeiro mundo! Perdoem pelo desabafo!

  • nelson diz: 12 de novembro de 2014

    Onde cabe o “KKKK” na frase: “Esse pessoal da multa SÃO muito bossais e valentões”. Essa outra : O juiz e um homem comum, um cidadão como outro qualquer, e reafirmando também que NÃO É DEUS, dito por alguém NOMEADO pelo PT para defender o PARTIDO de todas as FALCATRUAS, tais como MENSALÃO, PETROBRAS, desvios de FUNDOS DE PENSÕES dentre outras. O Judiciário foi nomeado para ficar de plantão para defender os vermelhos do PT. Qualquer semelhança com o Drácula não será mera coincidência pois o Conde também usava capa preta e agia na surdina.

  • Velho Pino diz: 12 de novembro de 2014

    Por falar no neocolega Joaquim, que iludiu a vocês e a mim, comandou desastrosamente a famosa ação penal e todo mundo passou batidinho naquela dosometria estranhamente baixa, deixando margens para a descaracterização do tipo formação de quadrilha reduzisse as penas para o semiaberto… Pensem. Será que as brigas não eram úteis para todos? Apenas especulações advocatícias.

  • Idione Vargas diz: 12 de novembro de 2014

    Safadeza! País podre onde um trabalhador é condenado por cumprir seu trabalho honestamente. Pra onde caminha a humanidade. Lei igual para todos. Mas quem conhece o Brasil sabe que a lei só funciona para os POBRES. Podridão de País. Turistas procurem paises sérios para visitar. Aqui nao vale a pena.

Envie seu Comentário