Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

As irmãs, o hábito e a memória

16 de abril de 2015 0

* Por Guto Kuerten
00ad0ca1
Foto: CEMJ, Divulgação

Na imagem, Irmãs do Centro Educacional Menino Jesus nos anos 1960. Na época, elas usavam o hábito, que começava lentamente a ser abandonado. A mudança era estimulada pelo Concílio Vaticano II que pregava a atualização da igreja. O Concílio foi realizado em quatro sessões e durou de 1959 a 1965. A partir de 1967 começavam as alterações na Igreja, entre elas a mudança do hábito, que foi acontecendo lentamente.

::: Leia mais notícias sobre Religiões

A fotografia faz parte do arquivo de mais de 20 mil imagens do Memorial do CEMJ, que conta a história da escola e também da cidade por meio de seus registros. Para proporcionar o acesso ao casarão de pessoas com necessidades especiais, em 16 de abril será inaugurado um elevador e uma cobertura em acrílico para proteger o público da chuva. Embora a acessibilidade seja garantida pela constituição, a maioria dos centros culturais da cidade não possui o equipamento.

Leia mais:
::: Foto de 1968 mostra ônibus que atravessava a ponte Hercílio Luz, em Florianópolis
::: História de Palhoça está viva na memória dos moradores
::: Antigos cromos mostram a Praia da Joaquina, em Florianópolis, em 1987

* O colunista Rafael Martini retorna ao Visor dia 17 de abril, durante o período, as publicações serão feitas pelo interino, o fotojornalista Guto Kuerten, que também publica no Blog De Olho nas Ruas, e pela redação.

comentários

Envie seu Comentário