Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Conselho de Ética da Câmara de Florianópolis arquiva denúncia contra Cesar Faria e Badeko

19 de maio de 2015 4

O Conselho de Ética da Câmara de Florianópolis, que já tinha mandado arquivar a denúncia contra o vereador Cesar Faria (PSD), seguiu a mesma lógica e votou por quatro a um pelo fim do processo contra o vereador Badeko (PSD), por suposta quebra de decoro parlamentar.

A denúncia contra os dois implicados na operação Ave de Rapina foi apresentada pela vereador Afrânio Boppré (PSOL) em novembro do ano passado. Semana passada, o plenário da Câmara reverteu a decisão do conselho e manteve a investigação sobre Cesar Faria. Resta saber como se portará no caso de Badeko na sessão de amanhã.

Leia as últimas notícias sobre Ave de Rapina

comentários

Comentários (4)

  • Flavio Canto diz: 19 de maio de 2015

    É uma vergonha o que esses vereadores estão fazendo. Um acobertando o outro,vereadores como Badeko não deveriam se eleger nunca mais. O povo tem que acordar, temos eleições em 2016 e esses mesmos vão querer votos novamente.É A HORA DE DAR UM BASTA EM TUDO ISSO!!!

  • Florentino do continente diz: 19 de maio de 2015

    Acho que os únicos inocentes na Câmara de Vereadores são estes dois Vereadores.

  • nelson diz: 19 de maio de 2015

    O conselho de ética da câmara nivelou-se ao Cesar e ao Badeko. Por baixo, ao lixo.

  • Ricardo diz: 21 de maio de 2015

    Rafael, meu caro!

    Quer dizer então que o Ver. Badeko, tem conduta exemplar. Que não não feriu a ética, nem o decoro ao frequentar as páginas policiais e ficar preso por mais de 60 dias, quase que incomunicável. Oras, faça-me o favor. Já muita gente ser cassada por muito menos. Ah, como eh que iriam cassa-lo, pois ao que se sabe o vereador afastado, seria o chefe da maioria dos edis, estando comprovado que, nas votações de materias que interessavam a alguém, metade era do Badeko, enquanto a outra metade era dividida pelos demais. Chegaram ao cumulo de pedirem, a conseguiram, a demissão do cargo de chefia de uma fiscal, senão me engano da FLORAM, que autuou a irmã do Badeco, pela construção de uma casa na Costa da Lagoa e que segundo dizem, seria do próprio. Então o que esperar dessa quadrilha que atua no legislativo municipal. Há tempos eu já venho dizendo, tem vereador alardeando pelos corredores daquela Casa que o Farias não tem como segurar, dada as provas contundentes. Mas o Badeko, por não existir as tais provas, seria absolvido. Vergonha é pouco para se falar dessa gente. Sinceramente, é de repugnar as pessoas que estão lá se passando por legisladores. Waldemar Joaquim da Silva Filho, Arno Seara, Pedro Medeiros, Clodoaldo Amaral, Lúcio Dias da Silva, Michel Curi e tantos outros, a exceção do segundo, devem estar se remoendo nos túmulos, com o que essa gentalha, travestida de vereador, vem fazendo contra a cidade e seus cidadãos.

Envie seu Comentário