Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Prática de médicos que batem ponto no hospital público mas vão atender em clínica particular não ocorre apenas no HU

11 de junho de 2015 2

A prática de médicos que batem ponto no hospital público mas vão atender em clinica particular no mesmo horário não ocorre apenas no HU, que é federal. Reportagem da RBS TV também já mostrou o mesmo golpe em hospitais estaduais. E alguém duvida que aconteça nos postos de saúde dos municípios? A lamentar apenas que os nomes dos 27 médicos não tenha sido divulgada, já que a informação coloca os 300 médicos que trabalham no Hospital Universitário sob suspeita para a opinião pública.

Leia as últimas notícias sobre o Hospital Universitário

Leia as últimas notícias sobre médicos

comentários

Comentários (2)

  • Leon diz: 11 de junho de 2015

    Importante que se divulgue os nomes dos médicos investigados. A sociedade paga seus salários, tem direito de saber quem são aqueles médicos que possivelmente não estejam cumprindo com suas obrigações e com seu juramento.

  • Curió (Monotemático ) diz: 11 de junho de 2015

    Na verdade…
    Por falar em trabalhar corretamente…
    No reino das legiões de comissionados, Sancatrina…
    Não são somente os médicos não senhor… Tem Alesc, tem trocentas secretarias, ninguém cumpre o ponto a não ser bagrinho. Mentira ?
    A coisa funciona assim:
    a) O secretário tem um assessor que é o adjunto, o vice ou seja lá o que…
    b) Cada um tem um chefe de gabinete com seu assessor correspondente…
    c) Cada secretaria ( das 65 ) tem as suas diretorias ou gerências ou coisa semelhante com mais meia dúzia de assessores específicos segundo…
    d) Cada secretaria central e cada regional tem a sua Cojur com dezenas de advogados… para não fazerem errado… ( mas o judiciário tá abarrotado de processos com o Estado como réu e, perdendo adoidado )
    e) Cada secretaria central e cada regional tem uma assessoria de comunicação, para vender o peixe…
    f) Cada chefe de setor, chefetinho, chefete… por cada central ou… tem seus ordenanças…
    g) Nunca porém ninguém é encontrado…

Envie seu Comentário