Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Erádio Gonçalvez explica a sessão que votará a cassação de dois mandatos

09 de agosto de 2015 0

Papo rápido com Erádio Gonçalvez, presidente da Câmara de Vereadores de Florianópolis:

Tudo pronto para a sessão que votará a cassação dos mandatos de Cesar Faria e Marcos Espíndola (Badeko)?
Está tudo certo. Será na próxima quarta, dia 12, a partir das 16h. Primeiro será discutido o caso de Cesar Faria e votado. Depois retoma-se o mesmo com Badeko. Cada um dos 23 vereadores terá direito a 15 minutos na tribuna. Os votos serão abertos e nominais. Para a defesa, tanto Faria quanto Badeko terão duas horas. Pode falar o parlamentar ou o seu advogado. São necessários 16 votos para a cassação. Somente os suplentes Renato Geske e Jaime Tonello não votarão, exatamente por ocuparem as vagas dos afastados.

E qual a expectativa do senhor?
O plenário será soberano. O que a maioria decidir será cumprido. Será uma votação totalmente transparente, com voto aberto. Vejo como uma boa oportunidade para a Câmara de Vereadores retomar o bom caminho, dedicando sua energia para trabalhar pela cidade. Acredito que os 23 vereadores estarão presentes à sessão. Será uma oportunidade para demonstrar o esforço que estamos fazendo para recuperar a imagem desta Casa. Temos cortado uma série de benefícios e seguiremos no caminho para valorizar o Legislativo.

Leia as últimas notícias sobre a Câmara de Veradores

comentários

Envie seu Comentário