Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Intolerância à lactose

04 de dezembro de 2013 0

A lactose é um tipo de açúcar presente no leite e seus derivados, formado por duas moléculas: glicose e galactose, as quais precisam ser separadas por uma enzima chamada lactase, para que ocorra a absorção intestinal.

Indivíduos que apresentam deficiência na lactase podem apresentar Intolerância à Lactose. Sendo os principais sintomas: diarreia, ruídos abdominais, excesso de gases, cólicas, inchaços abdominais e algumas pessoas podem apresentar constipação.

Uma forma de diagnosticar é através do Teste de Tolerância à Lactose, no qual necessita que a pessoa faça uma ingestão de lactose e sua glicemia de jejum e pós prandial são avaliadas por um período médio de 120 minutos.

Divulgação: www.papofitness.com.br

Divulgação: www.papofitness.com.br

O tratamento para essa patologia no primeiro momento consiste em substituir os alimentos que contenham lactose por outros provenientes de origem vegetal; alimentos que receberam adição da enzima lactase ou fazer uso da enzima na forma sintética antes de ingerir alimentos ricos em lactose.

Os principais alimentos que contém lactose são: leites de origem animal, iogurtes, creme de leite, margarina, pudins, sorvetes, chocolates, requeijão. Devem-se ficar atentos aos alimentos que são produzidos com alguns destes ingredientes como alguns molhos, bolo e biscoitos.

Texto elaborado pelos acadêmicos do curso de Nutrição- UNIVALI, Vanessa Costa e João Beraldo

Referências:

MATTAR, R.; MAZO, D. F. C. Intolerância à lactose: mudança de paradigmas com a biologia molecular. Rev. Assoc. Med. Bras. v. 56, n. 2, 2010.

PEREIRA, F. D.; FURLAN, S. A. Prevalência de intolerância à lactose em função da faixa etária e do sexo: experiência do Laboratório Dona Francisca, Joinville (SC). Revista Saúde e Ambiente. v. 5, n. 1, 2004.

 

 

Envie seu Comentário