Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Romã: uma fruta com excelentes propriedades funcionais

23 de outubro de 2015 0

Considerada na antiguidade o símbolo da fertilidade e do amor e nos dias de hoje, símbolo de sorte e prosperidade, a romã, possui grande qualidade nutricional e funcional.

Suas propriedades terapêuticas estão relacionadas à quantidade de compostos fenólicos que contém, principalmente as antocianinas, os taninos, o ácido gálico e o ácido elágico.

Acredita-se que a romã é rica em compostos fenólicos por causa das adversidades enfrentadas na região de origem, onde a planta se adaptou às mudanças bruscas de temperatura, sendo estes compostos bioativos, produzidos para diminuir os danos causados pela variação entre as altas temperaturas durante o dia e o frio extremo durante a noite.

Seu potencial antioxidante responsável pela neutralização dos radicais livres,  supera o vinho e o chá-verde. Estudos mostram que esta fruta pode prevenir o câncer de próstata e o diabetes além de amenizar os sintomas da artrite.

O ácido elágico, presente na casca, suco e semente é um antioxidante poderoso, responsável pela coloração avermelhada da romã. Este ácido consegue neutralizar a ação danosa dos radicais livres produzidos pelas radiações UV, retardando o processo de envelhecimento da pele.

Disponível em:www.girododia.com

Disponível em:www.girododia.com

Os taninos presentes no suco da romã tem demostrado um efeito benéfico sobre a regulação dos lipídeos e podem auxiliar no tratamento de dislipidemias metabólicas e da obesidade.

O efeito antioxidante característico dos taninos está relacionado também à proteção da mucosa gástrica uma vez que eles são capazes de se ligar a proteínas presentes na mucosa, acelerando o processo de cicatrização.

O efeito protetor da mucosa gástrica fornecido pela romã é atribuído também à atividade antimicrobiana do suco e da casca, pois eles inibem o crescimento de várias bactérias patogênicas como o Helicobacter pylori, Escherichia coli, Salmonella typhi e a Shigella.

Suco de Romã

Ingredientes

1 romã

240 ml de água (1 copo)

Açúcar -quanto baste

Modo de preparo

Corte e abra a romã, mergulhando-a em uma vasilha com água. Retire as sementes debaixo da água. Descarte a casca e as membranas. Escorra a água. Coloque as sementes no liquidificador, juntamente  com 1 copo de água. Coloque no modo pulsar e ligue várias vezes até triturar as sementes. Coe em uma peneira fina e adicione o açúcar.

Fonte

 

https://books

.google.com.br/books?id=iSvt6reBSpIC&pg=PA54&lpg=PA54&dq=compostos+bioativos+do+romã&source=bl&ots=Mc8z62I23B&sig=sQlD1k5TckaozxBaJxXTSG4Tn2s&hl=pt-BR&sa=X&ved=0CDw

http://www.globalsciencebooks.info/JournalsSup/images/Sample/FVCSB_4(SI2)77-87o.pdf

http://bromatopesquisas-ufrj.blogspot.com.br/2011/12/roma-aceita-um-copo-de-suco-ou-um-cha.html

Envie seu Comentário