Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Radiohead confirma shows no Brasil em março

27 de novembro de 2008 7

Divulgação

Atualizado às 08h37min

A banda inglesa tocará no Rio de Janeiro no dia 20 de março, na Praça da Apoteose, dentro do festival Just A Fest, e em São Paulo, na Chácara do Jóquei, dia 22 de março. O show faz parte do giro mundial que divulga o último álbum do grupo de Oxford, In Rainbows.

Após a divulgação dos shows por parte da produtora Plan Music, nesta manhã, as apresentações da banda no Brasil entraram na página de turnê no site do Radiohead. A banda também tocará no México (15 e 16), no Chile (26 e 27) e na Argentina (ainda sem data).

O Radiohead de Thom Yorke (vocais, guitarra, piano), Jonny Greenwood (guitarra), Ed O`Brien (guitarra), Colin Greenwood (baixo, sintetizador) e Phil Selway (bateria, percussão) surgiu na Inglaterra em 1988.

Creep, o primeiro single, de 1992, bateu forte na esfera indie. No ano seguinte, o álbum Pablo Honey confirmou a veia roqueira lado B dos caras. Mas só em 1995, com a fábrica de hits The Bends, a banda obteve sucesso mudial. 

O lançamento de OK Computer, em 1997, marcou uma guinada no som do grupo, que passou a mostrar aversão à fama global e às fáceis composições roqueiras pop. No entanto, o álbum recheado de músicas ainda mais autorais e experimentais, com estruturas aleatórias reforçadas por elementos eletrônicos capazes de gerar estranhamento ao ouvinte desavisado, garantiu ao grupo o posto de banda de rock em atividade mais importante do mundo. A angustiada criatividade de Yorke e cia neste OK Computer ampliou a legião de fãs pelo mundo – mesmo que este não tenha sido o objetivo dos músicos.

Os anos 2000 reforçaram a bizarra inovação musical provocada pelo Radiohead a partir de sonoridades voltadas ao electro-jazz, mas sempre de veia rock. Kid A é tomado por uma introspecção obscura e intensa. A visão de mundo niilista e a sonoridade seguem semelhantes no próximo álbum, Amnesiac (2001), praticamente irmão gêmeo de Kid A – disco que seria uma homenagem ao primeiro clone humano, que, para a banda, já teria nascido.

Hail to the Thief (2003), o sexto álbum (em 2001 foi lançado o registro ao vivo I Might Be Wrong), volta a mesclar estilos e fecha uma espécie de ciclo caótico sonoro que teve início em OK Computer.

Em 2007, uma nova revolução: a banda deixa sua gravadora EMI e lança In Rainbows por download digital em seu site oficial ao preço que o público desejasse pagar.  

O CDzinho chegou às lojas bem depois.  

No som, alternância de uma série de baladas e linhas de guitarras que comprovou: ninguém faz música como Radiohead hoje.

Ingressos

Os bilhetes para os shows no Brasil começam a ser vendidos pelo site www.ingresso.com.br/ a partir da 0h (zero hora) do dia 05 de dezembro de 2008.

Rio de Janeiro: será possível comprar ingressos a partir das 9h do dia 5 de dezembro na bilheteria 1 do Maracanãzinho (Prof. Eurico Rabelo – próximo a estátua do Bellini). A produção disponibilizará 35 mil bilhetes. Inteira a R$ 200,00 e meia/estudante por R$ 100,00.

São Paulo: também será possível comprar ingressos a partir das 9h do dia 5 de dezembro nas bilheterias do Estádio do Pacaembu (rua Prof. Passalaqua, s/n – ao lado do portão 24). Serão 30 mil ingressos para a capital paulista. Inteira a R$ 200,00 e meia/estudante por R$ 100,00.

O atendimento ao consumidor rola pelo telefone 021 3035 7621 e pelo atendimento@ingresso.com.br 

 

>>>>> Saiba como foi o show da banda em Berlim em texto, fotos e vídeos

Postado por Danilo Fantinel

Comentários (7)

  • Rodrigo diz: 27 de novembro de 2008

    Que isso gente, não da pra trazer Radiohead.. Tem que trazer e RBD mesmo..

    Lamentavel..

  • REVOLTA diz: 27 de novembro de 2008

    Não adianta pedir, a “produtora” é muito medíocre, amadora e prefere trazer emos pra tocar em seu palquinho na cidade baixa.
    OPINIÃO “PRODUTORA”, FECHE AS PORTEIRAS, VCS NÃO PRESTAM PRA SHOW PROFISSIONAL MESMO!
    E VIVA OS EMOS, PORQUE É SÓ DISSO QUE ELES GOSTAM… PUTZ!

  • Paulo diz: 27 de novembro de 2008

    não sabem ganhar dinheiro por aqui na provincia

  • Conrado diz: 27 de novembro de 2008

    Alô produtoras
    Tragam os caras pra POA.

  • Plinio Senzo diz: 27 de novembro de 2008

    nah, os caras preferem trazer duran duran… e ainda cancelam o show se queixando de falta de procura.

  • Cristiano Pitt diz: 28 de novembro de 2008

    Vamos pras capitais do país assistir ao RADIOHEAD!!!

    UHUUUU!!!!!!!!!!!!!

  • Fernando diz: 1 de dezembro de 2008

    Calma, pessoal. Parece que vêm Keane e Coldplay-quero-ser-radiohead-mas-não-sei-inovar a Poa. Se eu fosse emo choraria segurando o sorriso enrustido de felicidade.

Envie seu Comentário