Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Tracks Volume #34

02 de março de 2012 0


Wise BloodLoud Mouths
O projeto de new R&B com pegada hip hop cult Wise Blood, do norte-americano Christopher Laufman, lançou esse genial clipe para a música Loud Mouths. A faixa em si é ótima. Piano sobre leves bases sequenciadas e vocal em falsete arranhado fazendo a linha badass. Até o coro, que em geral não curto, se encaixa no todo, dando um clima gangsta. Já o filme, meu amigo, é excelente. Roteiro cinematográfico perfeitamente produzido, captado e editado. Veja agora! A faixa está no EP These Wings, que você escutou nas Tracks 12.

Loud Mouths – Wise Blood from Young Replicant on Vimeo.
Você escutou um remix de Loud Mouths nas Tracks 21.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Arcade FireAbraham’s Daughter
Acaba de cair na rede Abraham’s Daughter, a nova música do Arcade Fire composta especialmente para a trilha sonora de Hunger Games, filme baseado no livro de mesmo nome escrito por Suzanne Collins e lançado em 2008. No Brasil, a obra ganhou o título de Jogos Vorazes. O livro acompanha a vida de Katniss Everdeen, uma garota de 16 anos que vive em um mundo pós-apocalíptico no país chamado Panem, onde antes era a América do Norte. Na publicação, Jogos Vorazes é um evento anual transmitido ao vivo pela TV para o qual são selecionados um menino e uma menina de cada distrito, com idades entre 12 e 18 anos, que deverão lutar até a morte em uma arena da qual apenas um sairá vitorioso. Lembra um pouco o filme japonês supercult Battle Royale (2000). Enfim, a música do Arcade Fire é delicada, mas sua bateria marcial imprime uma certa austeridade ao som. O frontman Win Butler disse ao site da Entertainment Weekly que a faixa será executada nos créditos finais do filme. A banda também compôs a faixa Horn of Plenty para o longa, mas esta ainda não foi divulgada.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Terry MaltsI Do
I do é um garage rock de alta voltagem, com aura noise e alma punk-pop. O trio californiano Terry Malts classifica o som como “chainsaw pop”. Alto astral, urgente, viciante e conectada com o hoje, a faixa é como se os Ramones encontrassem os Smiths para uma jam. Daquelas que você implora pra curtir ao vivo. Resumindo: a banda cometeu uma das melhores faixas de 2012! Escute outras aqui.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

FidlarOh
Fidlar é uma banda de garage punk com traços de surf music made in LA, mas a faixa Oh é um rockzinho bem mais leve do que o rótulo pode te fazer imaginar. E o melhor: a faixa ganhou um clipe cinematográfico ótimo!

Escute o EP DIYDUI abaixo:

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Alex WinstonFire Ant
Eu curti muito quando Alex Winston apareceu com Velvet Elvis (você viu o clipe nas Tracks 9 e escutou o som na edição 6). Depois rolaram umas faixas meio chatas (como Choice Notes) e agora temos essa Fire Ant, que é muito, muito boa. A magia entre a voz dela e o andamento duplo pop/marcial da música é especial, épica e (destesto essa palavra, mas vá lá…) lúdica.

Alex Winston – “Fire Ant” from stereogum on Vimeo.


Alex Winston – “Fire Ant” from stereogum on Vimeo.


¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

ParakeetTomorrow
A baixista Mariko Doi, da banda Yuck, uma das preferidas do Volume em 2011 (veja nas Tracks 13, 16 e neste post sobre os melhores discos de 2011 na opinião da equipe da Itapema FM) tem esse projeto rock paralelo, o Parakeet. O clipe de Tomorrow não tem nada de marcante. Legal mesmo é a música.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

The Horrors + Florence and The MachineStill Life @ NME AWARDS 2012
É tão incrível que eu nem vou comentar mais nada.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

MemoryhouseThe Kids Were Wrong
Fazia tempo que não rolava nada novo dos canadenses do Memoryhouse. A lindíssima The Kids Were Wrong segue o dream pop do EP The Years, que você escutou nas Tracks 13. É incrível como as músicas mais simples são as melhores. Se curtiu, pula nas Tracks 23 pra ver o clipe de Heirloom.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Allo Darlin’Capricornia
Capricornia é o primeiro single de Europe, o segundo disco da banda Allo Darlin’. Esse pop rock da australiana Elizabeth Morris tem DNA composto por folk, 50′s rock e twee. Tipo rock fofo mesmo.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Bon IverTowers
Poesia audiovisual.

Bon Iver – Towers (Official Music Video) from Bon Iver on Vimeo.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

GirlsMy Ma
O duo de indie lo-fi e druggy pop etéreo Girls, de São Francisco, lançou esse tocante clipe para a belíssima faixa My Ma. Sentimento em grau máximo. A faixa está no disco Father, Son, Holy Ghost.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

SpiritualizedHey Jane
Hey Jane é o primeiro single do novo disco do Spiritualized, Sweet Heart Sweet Light. Mestre em space-rock, o grupo se mostra mais pé no chão nesta composição cheia de fortes linhas de guitarra e um senso Velvet Underground inconfundível. O disco sai dia 16 de abril.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Greek van PeixeKommander Data
A banda gaúcha Greek van Peixe liberou seu primeiro clipe. O vídeo da música Kommander Data, que está no disco 8-BIT Wonder, foi gravado ao vivo e deixa bem claras as influências do grupo, como as bandas cult Add N to (X), Man or Astro-man? e Trans Am. Você conheceu Greek van Peixe nas Tracks 17.

Greek van Peixe – Kommander Data from Greek van Peixe on Vimeo.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Eletrônica

FilastineColony Collapse [ft. Nova]
É basicamente genial o novo som do músico eletrônico norte-americano Grey Filastine, baseado em Barcelona. Grey era integrante das bandas ¡Tchkung! e Infernal Noise Brigade, e também fez parte do coletivo CrimethInc. Em 2006, ele lançou o disco Burn It e, três anos depois, Dirty Bomb. Depois disso, não se teve mais notícias. Colony Collapse, com vocal da cantora Nova, da Indonésia, é tipo quando o dubsted encontra o IDM. São várias camadas e elementos sonoros em uma faixa só. O vocal teria sido gravado em uma selva javanesa, enquanto o Gamelan (conjunto instrumental indonésio tradicional) foi registrado em Bali. Na visão de Filastine, o vídeo registra o encontro/conflito entre Humanidade e natureza. A faixa estará no disco LOOT, marcado para 03 de abril.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

KorallrevenSa Sa Samoa (Elite Gymnastics Remix)
wow!!! Os produtores eletrônicos Elite Gymnastics criaram esse jungle hardcore ácido remixando a faixa Sa Sa Samoa, do duo sueco Korallreven, para a série de discos Acéphale. O som remete ao fim dos anos 80 e início dos 90, em que parte da cena rave era dominada pelo hardcore eletrônico, pelo acid house e pelo jungle, que mais tarde teria continuidade com o drum’n’bass. Ficou manero, mesmo com o sampler de I Wanna Dance With Somebody, de Whitney Houston!

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

SSIONMy Love Grows In The Dark
O artista multimídia performático mutha fucka fucking shit SSION liberou o vídeo de My Love Grows In The Dark, o primeiro de uma série de clipes conceituais sobre o novo disco, Bent. O vídeo é tipo drag-queen-dreaming-hell-bagaça. Bem a cara do SSION. Ah, sim, My Love Grows In The Dark é o clipe WTF! da semana.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

DJ Eraz Ben IshayMadam Club
Neste sábado rola a abertura da temporada 2012 do Madam Club com set do DJ israelense Erez Ben Ishay, residente da Revolution em Las Vegas. Tribal e techouse garantidos na festa. Completam o line-up Double S e Leandro Baldi. Ingressos a R$ 25,00 até 0h30min e R$ 30,00 depois. O Madam fica na Plínio Brasil Milano, 137. Abaixo, Eraz toca uma versão techhouse para o super hino Dog Days Are Over, de Florence + The Machine.


Tracks: #1, #2, #3, #4, #5, #6, #7, #8, #9, #10
Tracks: #11, #12, #13, #14, #15, #16, #17, #18, #19, #20
Tracks: #21, #22, #23, #24, #25, #26, #27, #28, #29, #30
Tracks: #31, #32, #33

Envie seu Comentário