Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts de novembro 2007

Sem perdão

30 de novembro de 2007 38

Nelsinho cercado por jornalistas no Beira-Rio/Jefferson Botega
Até a tarde desta sexta-feira, o Corinthians curtia a esperança de ver revogada a suspensão do seu artilheiro Finazzi, liberando-o para enfrentar o Grêmio. O sonho começou a se desfazer quando o presidente do STJD, Rubens Approbato, declarou-se impedido para julgar o recurso corintiano por ser conselheiro do clube. Uma atitude digna e, por isso, respeitável.

O caso passou, então, para as mãos do vice-presidente do tribunal, Virgílio Augusto da Costa que indeferiu o pedido do clube. Senhoras e senhores torcenautas, o grande Corinthians, segundo clube mais popular do país, está seriamente ameaçado de ser rebaixado e o STJD nega-lhe a possibilidade de contar com o seu goleador? Mas, onde nós andamos? Como é que o tribunal se atreve a contrariar todas as certezas de que SEMPRE favorece os grandes do centro do país?

Eu estou brincando, claro, com a nossa (incluo-me nessa) paranóia. Porém, agora falando sério, acho que nada custa reconhecer que se havia momento e motivo para o STJD ajudar o Corinthians era agora, certo? A decisão complicou ainda mais a vida do treinador Nelsinho. Ele já perdera outro atacante, Dentinho, pelo terceiro cartão amarelo. Com a manutenção da pena de Finazzi, Nelsinho terá que inventar uma solução para o ataque corintiano.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Jogo histórico

30 de novembro de 2007 21

Treino no Beira-Rio atraiu a impressa de todo país/Jefferson Botega
Na tarde desta sexta-feira, no Beira-Rio, mais de 60 repórteres de todo o Brasil acompanharam o treinamento do Corinthians. O canal SporTV transmitiu o treinamento para todo o país. Grande número de brigadianos e agentes de trânsito garantiram a ordem e a tranqüilidade. E não se trata de uma véspera de decisão. Pelo contrário, o que vai se definir, em Porto Alegre, é se o Corinthians continuará na Séria A ou vai experimentar a amargura da segundona.

Neste domingo, as atenções do Brasil inteiro estarão voltadas para o Olímpico Monumental, onde se realizará o mais dramático entre todos os já disputados este ano. É possível imaginar o tamanho do estrondo se o Corinthians for empurrado para a Série B?

Minha preferência pessoal seria pela presença na Série A de todos os grandes e populares clubes do país. Ganharia a competição. Mas, se tiver que acontecer a queda do Corinthians, assim seja. Mas das conseqüências se fala depois.

O momento é de desfrutar um jogo histórico, daqueles que serão lembrados muitos anos depois de acontecidos. Não creio que seja exagerado prever, no mínimo, 30 mil torcedores no Olímpico. Motivação existe e a grandeza do evento é inquestionável.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Pobre Goiás

30 de novembro de 2007 10

É difícil entender certas decisões. Ainda com alguma chance de se manter na Série A, a direção do Goiás optou por dispensar o treinador Márcio Araújo na antevéspera do jogo decisivo, contra o Inter.

O time será dirigido, acreditem, pelo preparador de goleiros, Cassius Hartmann. E depois ainda se queixam.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Mala preta

30 de novembro de 2007 12

R$ 2 milhões? Só rindo.../Emerson Souza, Banco de Dados - 17/08/2006
Vale o registro como ilustração destes dias de dramáticas decisões. O Grêmio teria enviado R$ 200 mil para os jogadores do América impedirem a vitória do Cruzeiro, melhorando a possibilidade de o Grêmio ainda conquistar vaga para a Libertadores.

O Goiás, segundo notícias não confirmadas — nunca são — teria separado uma pequena fortuna, R$ 2 milhões, para tentar se salvar. R$ 1 milhão viria para o time do Grêmio derrotar o Corinthians e o outro milhão seria distribuído para os próprios jogadores do Goiás, em caso de vitória sobre o Inter.

Esta informação é de provocar frouxos de risos. O Goiás, gastando R$ 2 milhões? Engole esta notícia quem ainda acredita em pote de ouro no fim do arco-íris.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Que maldade!

30 de novembro de 2007 25

E-mail enviado por torcenauta:

%22Olá Wianey, seguem notícias de 2008. Abraço! Jonas Franz, colorado!

Notícias de 2008 – Corinthians:

Maio/2008

• Timão estréia com otimismo na Série B.

• Derrota em casa na estréia não desanima, diz Geninho

• Empate heróico com Moto Clube motiva jogadores.

• Corinthians perde para o Ituano no Pacaembu.

Junho/2008

• Contra o São Raimundo, é tudo ou nada.

• Geninho cai após derrota em Manaus.

• Felipe reclama dos companheiros.

• Betão pede respeito com a camisa do Timão.

• Timão é goleado em Jundiaí. Paulista jogou com 9.

Agosto/2008

• Candinho assume no Parque.

• América-RN quer aproveitar o mau momento do Timão.

• Após derrota, Corinthians é lanterna.

• Corinthians vence a primeira em Caxias.

• Gustavo Nery afirma que agora vai.

• Everton Santos ansioso para o clássico de terça à noite.

Setembro/2008

• Com ajuda do juiz, Timão vence o Marília.

• Brasiliense complica e Corinthians perde mais uma.

• Candinho ameaçado. Kalunga (que voltou) promete Felipão.

• Candinho pede demissão e assume Luis Carlos Ferreira.

• Moradei será o capitão contra Sport Recife.

• Zelão faz contra e é demitido após nova derrota.

• Luis Carlos Ferreira deixa o Corinthians.

• Corinthians teria sondado Luxemburgo.

Outubro/2008

• Pitú assume como técnico interino.

• Vampeta tem moral com a torcida, diz Pitú.

• Corinthians vence de virada e dá show, em Belém.

• Garcia diz: Pitú é o melhor técnico do Brasil.

• Com gol no finalzinho, Mogi Mirim bate timão.

• Pitú cai e Timão fica sem técnico.

• Corinthians faz proposta oficial a Oswaldo de Oliveira.

• Oswaldo prefere ficar no Bangu.

• Oswaldo justifica: Não posso regredir!

Novembro/2008

• Ricardo Teixeira fala em Série A com 80 clubes, em 2009.

• Corinthians perde no ABC e torcida intercepta ônibus do time.

• Tiãozinho (técnico do URT/MG) fala em poupar jogadores contra o Timão.

• Garcia critica Dunga por não convocar Finazzi.

• Marinho garante: não seremos rebaixados.

• Finazzi volta a ser titular contra o Santa Cruz.

• Santa faz 4 a 0 e está próximo à liderança.

• Ipatinga vence o Corinthians na Fazendinha por 4 a 1.

Dezembro/2008

• Ninguém sabe onde está Garcia .

• Corinthians pára as atividades por falta de água no Parque.

• PCC faz rebelião nos presídios após rebaixamento.

• Vampeta pede calma a torcida.

• Bahia e Vitória sobem para a Série B.

• Corinthians cai para a Série C.

• Supermercado Do Bairro será patrocinador da nova camisa.

• Garcia anuncia Rincon como técnico para o próximo ano%22.

Criativo e engraçado… para quem não é corintiano, claro.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Velho amigo

30 de novembro de 2007 6

Ricardo Jesus/Mauro Vieira, Banco de Dados - 18/03/2005
%22Caro amigo Wianey, quem te escreve é Silvio Hickmann.

Em primeiro lugar, um abraço ao amigo, tenho boas lembranças do passado quando em viagens do meu Inter (eu como repórter e o Silvio como ponteiro-direito do Inter) muito conversávamos. Tempos que fazem parte da história das nossas vidas.

Sempre acompanho o teu comentário no horário das 12h30min em diante na Gaúcha, momento em que busco minha filha no colégio. Mas, também te escrevo para te dar uma notícia, ótima para daqueles que gostam e torcem, como eu, pelo Ricardo Jesus, ex-atacante do Inter. Depois de ser vendido para o Spartak Nalchik da Rússia, time que lutou até a última rodada para não cair para segunda divisão, teve seu trabalho reconhecido. Fez sete gols e, por isso foi comprado pelo CSKA de Moscou, como a primeira contratação para o ano de 2008. Acompanhado pelo procurador Sandro Becker, Ricardo assinou um contrato por cinco anos. Foi apresentado nesta segunda-feira e recebido com muito entusiasmo pelo treinador e dirigentes do CSKA.

Um menino diferenciado, caro Wianey, pois com apenas sete meses de Rússia já fala o idioma fluentemente, impressionando positivamente os dirigentes do CSKA. Muito ouviremos falar deste garoto de Deus que passou pelo Inter e agora caminha para chegar aonde poucos, como nós, acreditavam que pudesse chegar.

Deus te abençoe, assim como tua família, também.
Abraço
Silvio Hickmann%22.

Ricardo Jesus deixou o Beira-Rio faz pouco tempo. Centroavante de bom porte físico, goleador nas categorias amadoras, não chegou a receber oportunidades em boas condições. O time andava mal e o seu aproveitamento acabou prejudicado. É agradável saber que sua carreira está embalando. E impressionante, com sete meses de vida na Rússia, já estava falando, fluentemente, o idioma local. É mais um traço positivo da personalidade de Ricardo Jesus.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Contra o Goiás

30 de novembro de 2007 11

Fernandão matou no peito a responsabilidade/Ricardo Duarte
Diante da avassaladora maioria de colorados que querem fígado, rins e pâncreas do Corinthians, os jogadores do Inter encontraram um bom argumento para demonstrar que o time entrará em campo para derrotar o Goiás.

Fernandão, inteligentíssimo, está lembrando que no ano passado o Goiás esteve no Beira-Rio, bateu muito, machucou alguns jogadores colorados e, por isso, não deve esperar facilidades, domingo. Mas por que Fernandão se escalou para ser porta voz deste pensamento? Simples, porque ele nasceu e cresceu no Goiás — e declarou, esta semana, que não gostaria de ver rebaixado o seu ex-clube.

Dando-se conta da repercussão inevitável que provocaria a sua manifestação, Fernandão substituiu o discurso e agora alinha motivos para o Inter fazer do jogo de domingo uma oportunidade para devolver os dissabores. É por esta e tantas outras razões que Fernandão é um jogador com inteligência acima da média.

Ele tem sensibilidade apurada para perceber e interpretar os fatos. Neste caso, entretanto, talvez não seja suficiente para demover os torcedores colorados do desejo de ver o Corinthians na série B. Mas só o domingo mostrará a disposição com que a dupla Gre-Nal encarará os seus jogos.

Até lá, prevalecerão os discursos que não ganham e nem perdem jogos. Apenas alimentam discussões.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Costa foi absolvido

30 de novembro de 2007 20

Eduardo Costa/Mauro Vieira
Pois é, Eduardo Costa foi absolvido pelo Pleno do STJD e poderá jogar, domingo, contra o Corinthians.

Valdívia, julgado novamente, teve mínima e inútil redução de pena em um jogo. Não disputa a partida decisiva para o Palmeiras. Há uma semana, o STJD negou absolvição ou redução de pena para Finazzi, artilheiro do Corinthians.

Nestes três casos, dois grandes clubes paulistas tiveram os seus pleitos negados e um clube gaúcho, pelo contrário, foi atendido. Acontece, também, e deve ser dito.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Mancini

30 de novembro de 2007 17

Ele não é uma estrela. Primeira virtude/Paulo Pinto, AE
Nenhum dirigente gremista confirmou a contratação de Vagner Mancini. Ele próprio nada garante. Entretanto, a totalidade da imprensa gaúcha anuncia, com absoluta convicção, que ele será o treinador do Grêmio em 2008. Então, ele é o homem.

O Grêmio contratou um treinador bom, mau ou %22assim, assim%22? Nunca respondo esta pergunta. É preciso ver o profissional no dia-a-dia, jogo a jogo para desvendar seus conceitos, estratégias, métodos. Neste momento, o Grêmio deve ter mais informações sobre Mancini do que qualquer jornalista gaúcho.

O clube conhece o homem. Teve esta possibilidade quando Vagner Mancini passou pelo Olímpico. Sabe que o treinador, embora jovem, já tem um título nacional, e deve ter buscado outras informações nos lugares onde Mancini já trabalhou como treinador.

Pessoalmente, não vou modificar um critério pelo qual me conduzo, sempre, para analisar trabalho de treinadores: esperar pelo menos 60 dias para opinar. Durante este período probatório, treinadores tratam de conhecer as características, qualidades e precariedades de cada jogador para, em seguida, definir titulares e esquema tático. Leva uns 60 dias, mais ou menos.

Mas tenho um pensamento definitivo sobre profissionais, sejam jogadores ou treinadores: é sempre mais interessante lidar com pessoas que ainda estejam buscando realização profissional e independência financeira. São mais ambiciosas, dedicadas e , quase sempre, pouco ou nada arrogantes. Sabem que ainda estão em fase de aprendizagem e esta consciência abre-lhes os ouvidos.

Este quesito o Grêmio, contratando Vagner Mancini, cumpriu com louvor.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Honestidade é conceito

29 de novembro de 2007 90

Sant`Ana e eu no Sala de Redação/Ricardo Duarte, Banco de Dados - 13/05/2004
Dizer que o Paulo Sant%27Ana e eu discutimos no Sala de Redação é falsear os fatos. Na verdade, o meu colega se descontrolou e, aos gritos, brindou-me com uma série de ofensas e xingamentos. Motivos? Julguem se houve:

O Sant%27Ana já abriu o programa acelerado. Manifestava indignação porque tinha escutado de um jornalista colorado que o Inter deveria perder para o Goiás com o objetivo de rebaixar o Corinthians. Depois de clamar contra a %22perversidade%22 colorada, defendeu a sua %22bondade%22: o Grêmio deveria perder domingo para salvar o Corinthians. Para fraudes idênticas, conceitos opostos. O meu colega justificava a sua posição em nome da rivalidade Gre-Nal.

Depois de ouvirmos, divertidamente, o discurso do Pablo, atrevi-me a falar a seguinte frase: %22É possível salvar o Corinthians com Grêmio e Inter vencendo os seus jogos. Aí, não haveria necessidade de falcatrua nenhuma%22. Foi o suficiente para o Sant%27Ana perder o controle e a compostura. O diálogo que travamos foi vergonhoso. Pessoalmente, peço desculpas aos ouvintes do Sala de Redação. Não creio que esta seja a melhor maneira de se conviver com o contraditório.

Mas passou. O Sala de Redação é assim mesmo. Vez por outra, os ânimos se acirram e o ouvinte, coitado, que agüente.

O assunto, entretanto, continua sendo discutido por gremistas e colorados. Vou repetir o que já escrevi em post anterior, quando só se falava na hipótese de o Inter se empenhar pouco em Goiânia: trata-se de desonestidade, simplesmente.

Não se pode defender a fraude. Se ela existir, que seja por ato criminoso e, nunca, por indução justificada pelo rivalidade ou gana de vingança. A desonestidade não é circunstancial. Não muda de tamanho dependendo do lado em que é praticada. Entendo, embora reprove, que torcedores queiram se vingar. É feio, mas compreensível. Saibam, porém, que quem defende a falcatrua para atender aos seus desejos, perde razão para denunciá-la quando lhe for desfavorável.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Alerta

29 de novembro de 2007 8

BM pede calma para a torcida/Valdir Friolin - Banco de Dados - 9/11/2007

A Brigada Militar está alertando a população que milhares de corintianos virão para o jogo no Olímpico. Para os torcedores gremistas, a BM está pedindo que evitem confrontos com os visitantes.

Que a nossa Polícia Militar seja ouvida. Não precisamos acrescentar às nossas dores de cada dia, brigas que possam resultar em feridos e, até mortos.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Dia ruim para o Inter

29 de novembro de 2007 2

Lúcio/Paulo Franken, Banco de Dados - 6/03/2003
Este blog tem duas notícias de fim de dia:

%22Internacional deverá pagar mais de R$ 1 milhão pela venda de Lúcio

A 17ª Câmara Cível do TJRS confirmou a obrigação de que o Sport Clube Internacional pague quase R$ 1,4 milhão à WDS Participações LTDA, referentes à venda do jogador Lucimar da Silva Ferreira, conhecido como Lúcio. A empresa reclamava o recebimento de quantia auferida pelo clube em razão de nova transferência do zagueiro, do clube alemão Bayer 04 Leverkusen para o FC Bayer Munich, também da Alemanha.

A autora da ação narrou que adquiriu, em abril de 2000, 50% dos direitos federativos do jogador, transferido para o Bayer 04 Leverkusen em dezembro do mesmo ano. Afirmou que, segundo contrato firmado entre os dois clubes, caso Lúcio fosse vendido novamente por valor superior, o Internacional teria direito a 25% dessa diferença.

Em maio de 2004 Lúcio foi negociado, e, dois anos depois, o Tribunal Arbitral da Fifa condenou o Bayer 04 Leverkusen a pagar US$ 1,347 milhão ao clube porto-alegrense. A autora da ação afirmou ter conhecimento que o clube efetuou o pagamento de US$ 1,449 milhão para o Internacional, relativo à quantia devida mais juros.

No entanto, quando solicitado, o clube se negou a ceder a parte devida à WDS Participações. O clube alegou que a relação com a entidade encerrou-se no momento da assinatura do termo de quitação, em 2001. Contrariamente, a autora afirma que o contrato abrange somente a primeira negociação do jogador.

Em contestação, o Internacional defendeu que a diferença entre o valor da transação e subseqüente negociação de Lúcio não faz parte do seu preço, constituindo indenização ao clube formador. Aponta que essa quantia não é devida à autora da ação e defende que as obrigações pecuniárias com a reclamante foram encerradas quando assinado o referido termo.

A sentença condenou o clube a proceder ao pagamento. Em recurso, sustentou a transação firmada em 2001 previa o percentual devido em caso de transação futura, com a finalidade prevenir litígios. Acrescentou que foi a autora da ação que ofereceu participação no custeio do processo junto à Fifa.

Voto

A Desembargadora Elaine Harzheim Macedo, relatora, observou que, segundo apresentado nos autos, foi o clube que solicitou ajuda financeira da recorrida para pagamento de metade das custas do processo junto à Fifa. Em análise ao termo de quitação assinado pelas partes, a magistrada entendeu que referia-se apenas à primeira negociação do jogador, não abrangendo vendas futuras. Apontou ainda depoimento de Fernando Miranda, presidente do Internacional na época, confirmando a informação.

No entendimento da relatora, %22a parceria existente entre o clube e a empresa que dá sustentação econômica quanto ao investimento no atleta (…) enseja também participação nos lucros de suas eventuais transferências. Assim foi, por exemplo quando da partilha das custas a serem despendidas junto à Fifa (…). Assim o será na partilha dos lucros.%22

O recurso do clube foi, portanto, indeferido. Acompanharam o voto da relatora os Desembargadores Marco Aurélio dos Santos Caminha e Pedro Luiz Rodrigues Bossle.

Proc. 70022017636 (Mariane Souza de Quadros)%22

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Nilmar se irrita com atraso de pagamento no Inter

29 de novembro de 2007 8

Por Luciano Borges

Nilmar está aborrecido com a diretoria do Internacional de Porto Alegre. Segundo o empresário do jogador, Orlando da Hora, o motivo é o atraso do pagamento de R$ 1,9 milhão. A quantia refere-se à terceira e última parcela do preço pago pelo time gaúcho para ter Nilmar de volta.

O empresário disse ainda que esse problema pode até tirar Nilmar da partida contra o Goiás no próximo domingo em Goiânia. O resultado deste jogo interessa às equipes do Corinthians e do Paraná, ambas tentando escapar do rebaixamento.

— O garoto está nervoso. Já nos prometeram pagamento em duas ocasiões, já mandaram cheque que voltou e ainda não acertaram com a gente — afirmou ao Blog do Boleiro.

Nilmar deixou o Corinthians, onde foi campeão brasileiro em 2005, porque não recebeu luvas prometidas pelo iraniano Kia Jooribchian, homem forte do fundo MSI, que o contratou junto ao Lyon e também não pagou o que devia ao clube francês.

— É impressionante. Mal Nilmar saiu de um problema e já tem esse outro — comentou Orlando Da Hora.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Capital inicial

29 de novembro de 2007 3

A constituição da Grêmio Empreendimentos é essencial para atender a exigência das duas empresas que se candidataram para construir o novo estádio.

Elas querem se aliar a uma empresa que não esteja contaminada por dívidas e penhoras. A Grêmio Empreendimentos é a saída. Porém, a nova empresa terá que ter capital (dinheiro) para iniciar as suas operações – inclusive para pagar os salários de dois executivos, Paulo Odone e outro, e atender as despesas de operação e logística.

O valor deste capital inicial ainda não foi informado e nem de onde virá o dinheiro.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Mais uma novela

29 de novembro de 2007 11

Fernando Gomes
Concluída a série envolvendo a saída de Mano Menezes, prossegue outra, ainda sem data para o capítulo final: a substituição de Paulo Odone na presidência do Grêmio.

Se dependesse da sua vontade, já teria deixado a presidência do clube ou, até mesmo, estaria acumulando as funções de presidente do Grêmio e da empresa Grêmio Empreendimentos. Esta proposta, entretanto, ficou inviabilizada com a rejeição de figuras ilustres do clube — Fábio Koff entre elas.

Fala-se, agora, que Odone poderá deixar o cargo após o dia 11 de dezembro, quando completará um ano de mandato. Assim, não seria necessária uma eleição, já que, por imposição do Estatuto do Grêmio, assumiria o vice-presidente, Túlio Macedo.

Até lá, Paulo Odone contrataria o novo treinador e poderia iniciar o processo de dispensas e contratações. Resta esperar para saber se esta novela termina, mesmo, no dia 11.

Postado por Wianey

Bookmark and Share