Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Jogo milionário

06 de fevereiro de 2008 12

Teixeira: é incompreensível que os clubes não ganhem nada/Fernando Gomes, Banco de Dados - 27/03/2007
A CBF vai faturar R$ 2,7 milhões (US$ 1,5 milhões) pela apresentação da Seleção Brasileira, hoje, na Irlanda.

Ricardo Teixeira, presidente da entidade, sabe valorizar adequadamente a equipe mais notável e vencedora do planeta. É incompreensível, para não dizer inadmissível, que a CBF desfrute INTEGRALMENTE estes recursos, sem repassar um centavo para os clubes.

Não falo dos ricos clubes estrangeiros, que cedem os jogadores, pois estes estão nadando no dinheiro. Refiro-me aos clubes brasileiros, formadores deste precioso e valorizado pé de obra. Não seria justo se a CBF criasse um fundo de ajuda aos clubes, de quem retira com indigesta freqüência, centenas de garotos para as suas seleções amadoras?

Não precisaria ser muito. Uns 20% do que arrecada em cotas e patrocínios já seriam uma formidável ajuda. Afinal, a CBF não investe nem na formação de jogadores e, tampouco, na manutenção de times. Mas como esta iniciativa jamais será tomada, bem que o Ministério de Esportes poderia impor esta medida. Poder para tanto o governo tem.

Bastaria vontade política.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Comentários (12)

  • Francisco diz: 6 de fevereiro de 2008

    Wianey III: Os erros na formação de nossos atletas esta na base com o aproveitamento de técnicos inexperientes por economia. A formação é fundamental para o desempenho atlético e futuro dos clubes.

  • Felipe Souto diz: 6 de fevereiro de 2008

    Discodor que tenham feito um bom negócio pois pela cota a ser paga à CBF apenas a renda da bilheteria paga e ainda sobra alguns milhares de dólares. Como os negócios no futebol são obscuros nada mais tenhoa declarar….

  • amambud abad diz: 6 de fevereiro de 2008

    quem é que paga o Wisky que o Sr. Teixeira bebe? Se for a CBF e pelo semblante do homem, tem que cobrar quota altíssima.

  • bernardo faria diz: 6 de fevereiro de 2008

    Wianey tu nao botaste o despertador hoje? estas dormindo? tu achas realmente que a CBF(Ricardo Teixeira) vai tirar seu rico dinheirinho do bolso? NUNCA. E mesmo se tirasse nao iria ser por isso pq isso eh uma cobranca sem nexo, ele nao teria como dar dinheiro aos clubes, qual seria o criterio, um pouco pra cada?pra quem precisa mais?imagina o Gama iria ganhar a mesma coisa que Inter,Sao paulo,Gremio???nao da Wianey, se precisares de receitas para encher teu blog me pedi mas nao escreve isso.

  • silvio jaime fernandes diz: 6 de fevereiro de 2008

    Wianey, desde quando a Seleção Brasileira tem alguma coisa a vez com a CBF?…
    É mais que sabido que o sr, Ricardo Teixeira é o maior “empresário” DE ATLETAS DO MUNDO. Os clubes sabem disso e nada fazem para moralizar o comando e desmandos desta entidade…É acreditar em Papai Noel que este cidadão se comovesse com seus afiliados e que “teimam” em mantê-lo na presidencia. Por que será?…São todos farinha do mesmo saco.

  • Marcelo Gomes diz: 6 de fevereiro de 2008

    A mais preocupante não é nem a atitude do Ricardo Teixeira no comando da CBF, mas a reeleição dele pelos próprios Clubes que, teoricamente, deveriam estar interessados numa mudança de rumo na Confederação.

    Eleição tem, o que não tem é oposição… Se a CBF não ajuda os Clubes – e publicamante não se vê absolutamente nenhum indicio de auxílio -, a quem ela ajuda que garante sua eterna reeleição?

  • ATÉ QUANDO MEU DEUS diz: 6 de fevereiro de 2008

    ORA ESSA,E COM QUEM TU ACHAS QUE A CBF ESTÁ DIVIDINDO A BOLADA TODA,PRA ELA GANHAR TANTO ASSIM EM NOME DO POVO BRASILEIRO,E FICAR COM AS BOLADAS TODAS (S),E OS PATRÕES SÓ OLHAREM ,É MUITO PRA MINHA CABEÇINHA….CPI NELES!!!

  • Francisco diz: 6 de fevereiro de 2008

    Wianey I: Ter convocado para a SELEÇÃO é R$ para o CLUBE. O problema dos clubes é vender por ninharias. O Middlesbrough pagou R$ 46,5 milhões por Afonso. Clube brasileiro não tem expressão fora. Creio que a UEFA criou um fundo para tal.

  • Francisco diz: 6 de fevereiro de 2008

    Wianey II: Assisti jogos da Copa Africana. A maioria dos técnicos são europeus. Jogadores fortes e combativos falando Inglês ou Francês diminui a participação Sul-Americana nos principais clubes mundiais.

  • FERNANDO GILBERTO ARNS diz: 6 de fevereiro de 2008

    Wianey, não só a CBF explora os clubes, a Federações Estaduais também o fazem.No Brasil as Federações e a Confederação servem apenas aos interesses de seus dirigentes que se perpetuam no poder.O clubes que nominalmente são seus donos só aparecem na hora de pagar.Mas também são grandes culpados desta situação,os cartolas dos clubes nunca conseguirem se unir para ir além de seus interesses imediatos. Se quisessem realmente ja teriam acabado com esta bandelheira a muito tempo. Abraço.

  • Zé Colorado, de volta aos pagos diz: 6 de fevereiro de 2008

    Brilhante, meu caro Wianey. Excelente idéia. A pergunta que não quer calar: esse fundo não acabaria canalizado para os times de RJ e SP, os “queridinhos” da CBF? Para os times do Sul , de Minas e de outros estados, as migalhas.

  • Paulo L Sonego diz: 6 de fevereiro de 2008

    Concoero plenamente… Uma vez tomada a decisão do repasse começaria outra grande guerra: A do clubes pela maior fatia da “verba”. Com cereza os clubes do centro se axhariam no direito de amealhar a maior parte do bolo…

Envie seu Comentário