Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Falta o armador

14 de fevereiro de 2008 50

Mancini: vem muito trabalho por aí/Carlinhos Rodrigues
Vagner Mancini, acertadamente, identificou no meio-campo do Grêmio a raiz dos principais problemas surgidos no jogo contra o Jaciara.

— Falta o armador, jogador que marque a faça o time jogar — disse Mancini.

O jogador que Mancini reivindica esteve no Grêmio, ano passado. Joga, atualmente, no Palmeiras e se chama Diego Souza. Não é fácil encontrar um armador com as características requeridas pelo treinador. Júnior, entre os que ainda não estrearam, pode ser esta peça. Mas, e se não for? Ou, se for e, mesmo assim, o time não funcionar?

É visível que o losango armado por Mancini com Eduardo Costa, Willian Magrão, Peter (Adilson, André Luiz) e Roger apresenta graves dificuldades para conter o adversário. Problemas que pioram, ainda mais, se Eduardo Costa e Magrão se mandam para o ataque, como aconteceu em Cuiabá.

Este blogueiro pensa que a saída, neste momento, seria mudar o esquema tático do Grêmio, principalmente na Copa do Brasil. A linha defensiva poderia ser mantida, quem sabe com o ingresso de Jean, mas o restante do time poderia ser modificado para jogar no esquema 4-2-2-1-1, para não falar em 4-5-1, que assusta tanta gente. Assim: dois volantes, dois meias e Roger flutuando atrás do atacante mais agudo.

Não acredito em time que só conte com três jogadores para fazer, além das tarefas de armação, também o trabalho de contenção. Aliás, contra o Novo Hamburgo já deu para ver que este sistema vacila se o adversário jogar com cinco jogadores no meio, como aconteceu no Nóia, todo o segundo tempo.

Enfim, não é trabalho pouco que espera por Vagner Mancini. Será que os torcenautas gremistas teriam outras propostas táticas para oferecer?

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Comentários (50)

  • Sandro diz: 14 de fevereiro de 2008

    Bah! esse negócio de um time jogar em função de um “craque”.. acredito que seja furada!! ainda mais se tratando do Roger. q nenhum time se interessou.. e como estava sobrando e a direção gremista com “contratações” mal sucedidas.. veio como sendo a grande contratação!! E pior.. a maioria dos comentaristas esportivos gauchos, inclusive você Wianey, aplaudiram e até agora só falam nesta “grande contratação”..
    Realmente não entendo..
    Ah.. e o Peter??? qdo chegou, muitos elogios.. e agora???

  • Gustavo diz: 14 de fevereiro de 2008

    Ok, 4-2-2-1-1.
    Mas… quem seriam os dois meias atrás de Roger? Nem tem material humano para fazer tal escalação.

    De fato, quem ganha jogo é meio-de-campo, perder o meio é praticamente entregar a partida. Mas só ganhar na marcação e não criar nada também não ajuda. Roger pode jogar no Olímpico e ficar no banco em jogos difíceis fora (entrando no segundo tempo), aumentando o poder de marcação por exemplo.

  • RODRIGO diz: 14 de fevereiro de 2008

    WIANEY BOA TARDE!!EM PRIMEIRO LUGAR TEM QUE MOSTRAR O DVD DO GRENAL PARA O EDUARDO COSTA VER COMO ELE JOGOU PARA ELE NAO SAIR MAIS DE FRENTE DA AREA.O QUE ELE ANDA FAZENDO INDO AO ATAQUE?RESPOSTA NADA NAO MARCA PQ SAIU DO SEU LUGAR E NAO ATACA PQ NAO SABE. AI JA É MEIO CAMINHO ANDADO.SE ELE JOGAR COM JOGOU O GRENAL VENCIDO NO OLIMPICO POR 1X0 JA ESTAMOS NO CAMINHO CERTO. MAS NAO PODEMOS ESQUECER QUE SEU CONTRATO VENCE EM JUNHO OU JULHO.DEPOIS ELE VOLTAO PARA EUROPA.

  • J.Tricolor diz: 14 de fevereiro de 2008

    Sugestão de time ideal com os que estão liberados hj : Vitor,Paulo Sergio,Leo,Jean,Hidalgo,E.Costa,Willian,Mailson,Roger,Perea e Tadeu.
    Depois deve entrar J. dos Santos no lugar de Roger e Soares no do Tadeu ou Perea… Fica um time equilibrado e forte na teoria é claro e ainda tem o Junior …
    E os jogadores não esquecerem o quanto “copeiro” é o Grêmio…

  • Portaluppi diz: 14 de fevereiro de 2008

    Caro Wianey, fico triste em ver um time, que sempre se destacou pela garra e pegada, cair por falta de organização no meio-campo, se alguém notou ontem, Roger estava por vários momentos atrás da linha do meio.

    Outro ponto importante, Eduardo Costa é capitão? Por que? Ele não consegue exercer a força de um capitão perante a equipe, nem ele mesmo se acalma, creio que a braçadeira deveria estar com Vitor, pois só vi ele se preocupando e vivendo o drama dos contra-ataques, pense bem, será que…

  • Portaluppi diz: 14 de fevereiro de 2008

    … o Mancini(uma excelente pessoa) não poderia apenas dizer para os dois volantes, Eduardo Costa e W. Magrão, ficar apenas para contenção, tudo bem que o Willian saiba chegar até a frente, não discordo dessa característica, mas como chegar com 8 jogadores deles dentro da área, pois é, ninguém comentou sobre o esquema 8-1-1 do Jaciara, era fato que eles iam jogar fechados e utilizar contra-ataques, será que Mancini pensou antes nisso, pois se tivesse colocado Tadeu e Felipe Mattioni, teriamos…

  • Portaluppi diz: 14 de fevereiro de 2008

    … bons cruzamentos, pois Paulo Sérgio mostrou grande deficiência nisso, e uma boa conclusão na jogada aérea por parte do Tadeu, aposto que agora contra a Ulbra vai dar certo, pois iremos ter um CENTROAVANTE, pois o Perea é ATACANTE, não tem que ficar dentro da área, será que da próxima vez que enfrentarmos o Jaciara não teremos amadurecido essa idéia e tendo bastante sucesso na conclusão com bola aérea.

    Vou confessar, eu sofri muito com a atuação de ontem, mas como minhas idéias sobre…

  • Felipe diz: 14 de fevereiro de 2008

    Pra mim, o time teria que ser 4-5-1. Com o que temos contratado e com sorte de quase todos renderem bem, poderíamos ter um time assim.
    Victor; Paulo Sérgio (acho peladeiro, precisamos de um melhor), Léo, Jean e Bruno Telles; Eduardo Costa, Willian Magrão (aqui precisaria de um jogador tipo Rochemback) e Júnior; Roger e Julio Santos mais adiantados; Perea (ou Soares ou Tadeu) no ataque.

  • Portaluppi diz: 14 de fevereiro de 2008

    …as alterações na equipe quase sempre acerto o que ele vai mudar, quem sabe agora não acontece ao contrário e ele vai seguir o que estou pensando, ele é um excelente técnico e só precisa de tempo e encaixar essas peças, estou pensando que esse possa vir a se tornar o Grêmio de 1995, isso é só uma expectativa minha, pois é só preencher os espaços dentro do campo, e no meio de março teremos o time ideal, parece utopia, mas não é. Fica registrado aqui.

    Te acompanho sempre.

    Abraço Wianey!

  • Caio diz: 14 de fevereiro de 2008

    Legal este esquema para o Roger, ele teria que cobrir sozinho 500m quadrados ! Barbada!!

  • junior diz: 14 de fevereiro de 2008

    com os jogadores que se tem, eu acho que o esquema deve ser o 4-3-1-2:

    victor; paulo sergio, jean, leo e bruno teles; eduardo costa, william magrao (junior) e julio santos; roger; soares e perea

    e acho q o ponto mais fraco do time sao os laterais que nao marcam e quando apoiam puxam a jogada para o meio…

  • Rafael diz: 14 de fevereiro de 2008

    Algumas considerações: Anderson Pico acha que é craque, e sua melhor jogada é cobrar lateral no meio de campo direto pra área, quase sempre não dando em nada, sem contar suas claras dificuldades defensivas. Wiliam Magrão não é jogador pro Grêmio, corre o jogo inteiro e não chega em lugar algum. A esperança são os que ainda não jogaram.

  • Yuri diz: 14 de fevereiro de 2008

    Não sou gremista, e sim colorado!! Pelo jogo de ontem o meio campo do grêmio esta mediocre, o Roger n jogo praticamente nada. Aquele zagueiro alto n possui cabeceio ofensivo, soh defensivo. Bom espero que continuem assim, o Roger soh namorando e n jogando nada, bem que o Roger n vai e encaixar no estilo cadenciado do grêmio d jogar. Mas o melhor jogador que o grêmio perdeu foi o que eliminou o grêmio da copa do brasil de 2005 como treinador do 15 de novembro, e este goleou por 0×6 ontem, Mano!!

  • Hernan diz: 14 de fevereiro de 2008

    Será que não estão cometendo um equivoco no Grêmio? Para mim o Willian Magrão é terceiro homem, marca mal e apoia bem, ai o que estaria faltando no Gremio seria o segundo homem, alguem tipo o Sabdro Goiano.

  • VALERIO MIRANDA diz: 14 de fevereiro de 2008

    CARO WIANEY EU ACHO QUE REALMENTE O MEIO CAMPO DO GREMIO ESTA BEM FRAGIL MESMO.MAS AINDA ACREDITO QUE O MANCINI VAI CONSEGUIR MONTAR UM TIME BEM COMPETITIVO.E QUESTAO DE TEMPO.
    ASS.VALERIO MIRANDA

  • Carlos Alberto diz: 14 de fevereiro de 2008

    WIANEY !! PRIMEIRO TEMOS QUE LAMENTAR O QUE VIMOS ONTEM PELA TELEVISÃO.SERÁ QUE NOS TREINAMENTOS DA SEMANA NINGUÉM AVISA AO GRANDE PEREIRA QUE NA ÁREA ADVERSARIA O CABECEIO DEVE SER PARA BAIXO E NÃO PARA CIMA. O PICO NÃO ESTARIA PRECISANDO DE UMA ASSITÊNCIA PSICOLOGICA? NUM JOGO FÁCIL DAQUELES O CARO DA DE COTOVELO. IMAGINA O DIA QUE FOR JOGO PESADO.NÃO ADIANTA NOS SONHARMOS COM ESTE OU AQUELE CONDUTOR DE BOLA, SE OS CONDUTORES QUE ESTÃO DO LADO DE FORA NÃO TEM COMPETÊNCIA PARA ACHAR UM.

  • Alexandre diz: 14 de fevereiro de 2008

    No Bate-Bola de Domingo, Mancini disse querer um volante que desempenhe função de zagueiro. Não é isso que o Grêmio precisa. O Grêmio precisa exatamente de um Diego Souza 2, Jogador que marque e saia pro jogo. Esse 3º homem é fundamental, sem ele, Roger não jogará. Ou o Grêmio contrata alguém, ou pode já pensar em outro esquema de jogo. Lembrando que um time com paulo sérgio e pico de alas, dificilmente dará certo no 3-5-2.

  • paulo maciel diz: 16 de fevereiro de 2008

    caro wianey porque o time da azenha não foi contratar suca ele perdeu o cargo depois de tomar um chocolate na terra do doce.

  • josé Carlos luz Alfama – Brasília diz: 14 de fevereiro de 2008

    Tem que parar de inventar. Piter, definitivamente, não serve para o Grêmio. Todas as vezes que ele joga, o time vai mal. O Adilson estava bem, preenchia melhor o setor. O Mailson é o melhorzinho de todos. Vamos aguardar o Júlio dos Santos e o Júnior. O que não pode é o Eduardo Costa e o W. Magrão, a todo momento, deixarem a defesa desprotegida. Com o que temos,no momento, escalaria o meio assim: Eduardo Costa, Mailson, W. Magrão e Roger.

  • laert pereira de lima diz: 14 de fevereiro de 2008

    Mancini, continue agindo assim que você está certo. Respondendo as perguntas dos repórteres com educação e inteligência. Com esse grupo que você tem, não pode fazer mais que vem fazendo. A torcida deve ser paciente para obter resultados do seu trabalho. Chega desses técnicos prepotentes que dão entrevistas com o “rei na barriga”. Em São Paulo está cheio deles.

  • laert pereira de lima diz: 14 de fevereiro de 2008

    Porque o Grêmio só consegue jogar no primeiro tempo? Contra o Caxias, Novo Hamburgo e Jaciara o Grêmio só jogou no etapa inicial. Atenção preparador físico: precisa melhorar a resistência da moçada. Tomamos um sufuco do Caxias, do Novo Hamburgo e do Jaciara, sempre no segundo tempo de jogo. Porque o time pára de correr?????

  • laert pereira de lima diz: 14 de fevereiro de 2008

    O Pelaípe exagerou na sua entrevista após jogo, dizendo que o time foi muito mal. Será que ele esqueceu que tem culpa direta nisso? Quem permitiu a desmontagem do time do Grêmio. Garanto que eu e a torcida gremista não fomos. Foi a própria direção tricolor. Agora querem que o técnico faça milagres. Se o time tem pouca qualidade não pode apresentar um futebol brilhante. Não sei como ainda estamos invictos. Pobre do Mancini, com esse grupo.

  • Jonathan diz: 14 de fevereiro de 2008

    Também acho que o Eduardo Costa atacou muito. Prefiro que ele faça o que fez em 2007, jogando de volante quase fixo.
    Paulo Sérgio é muito pior que o Patrício. Assutador ver o lado direito do ataque do Grêmio sempre livre e o casa não saber cruzar UMA bola. E a tal promessa da base, o Felipe?
    Falta um bom segundo volante. O William Magrão pode ser um bom terceiro homem. Avança bem. Acho que o Rafael Carioca e o Maylson poderiam ser testados neste time.
    Acho que o Mancini fez muitos testes ontem.

  • Jonathan diz: 14 de fevereiro de 2008

    Pra completar, acho que o Perea não é o 9. Acho que pode ser o Tadeu.
    E o Jonas não é mal jogador. Acho que faz muito bem a aproximação do ataque e a jogada pelos flancos.
    Não sei se o Roger vai acabar titular deste time.
    O Anderson Pico tem que esfriar a cabeça, todo o jogo ele leva amarelo e sempre arruma confusão. Pode ser bom jogador, mas tem que corrigir isso.
    Ele defende MUITO mal e ainda pode ser expulso. Mas o Mano estava certo: ele tem que jogar mais liberado, no meio.

  • João Luís diz: 14 de fevereiro de 2008

    Mesmo o grêmio mostrando fragilidade, não tem tomado gols, que já é muito bom!!! Realmente, o Pico não marca! Tenho gostado do Adilson,quando entra! Mas nao entendo, um guri que nem ele, que não consegue condições para jogar 90 min??? Nao será festas?? Mas é fato, que o time do grêmio é novo e como o wianey já comentou, precisa de pelo menos dois meses e nessa configuração com roger e perea, são apenas dois jogos!!! Muito pouco! Acho ruim as declarações do Pelaipe para o time. Abs a todos

  • Leandro diz: 14 de fevereiro de 2008

    Se eu fosse o treinador, tentaria algo assim: Victor; Léo, Jean e Hidalgo; Felipe, Eduardo Costa, William Magrão, Adilson, Roger e Bruno Telles; Perea(ou Tadeu, ou Soares). Resumindo: 3-6-1, com 3 zagueiros altos, fortes e 2 que sabem jogar. 6 jogadores povoando o meio, marcando e chegando na frente. só 1 atacante fixo, tendo a chegada de 2 ou 3 do meio e dos alas. Acho que pode funcionar muito bem, desde que volte a velha e tradicional garra tricolor…

  • alcides diz: 14 de fevereiro de 2008

    Esquemas e mais esquemas! mas o principal é preencher os espaços tirando os espaços do adversario e criando espaços para atacar e construir jogadas.
    Se o Grêmio encontra tanta dificuldade no 4, 4, 2, tem que fazer um convenciolnal WM, um 3, 4, 3, com o Roger sendo um dos tres atacantes os outros dois podem ser Andre, Pereia, jonas, Tadeu, dois dos Quatro, e no meio, Paulo S., E.Costa, William, Hidalgo e a defesa Leo, Periera e Jean.
    Pronto esta ai um baita time competitivo e criativo.

  • CARLOS diz: 14 de fevereiro de 2008

    Vc fala de um 442 clássico, tipo os europeus? Acho um bom modo de jogar para um time como o Gremio. Minha dúvida é se Roger pode dar algo mais do que firulas durante o jogo. Penso que ele já nõa tem condições de jogar num futebol moderno como pretende o Macini. Veremos…o custo desta contratação…

  • wagner diz: 14 de fevereiro de 2008

    Saudades do Sandro Goiano…
    E quem diria, até o Patrício caía como uma luva nesse time…

  • Luiz Carlos Maciel diz: 14 de fevereiro de 2008

    Prezado Wianey, o Mancini é um ótimo treinador e vai provar isto para nós. Hoje eu escalaria o Grêmio da seguinte forma: Vitor, Adilson na ala direita – centrais Léo e Jean, com Bruno Telles ou Hidalgo na ala esquerda. Na frente da zaga o Eduardo Costa mais fixo, com o Júnior saindo mais e encostando no meio, onde estarão Julio dos Santos e Roger flutuando e armando para os atacantes Soares e Perea.
    Opções para o meio: Maylson, Pico, Peter
    Opções para ataque: Tadeu, André Luiz

    Um abraço,

  • Francisco diz: 14 de fevereiro de 2008

    Em viagem não assisti; creio que Júnior dará conta. Vai levar umas 5 a 6 partidas para engrenar. Montagem de time é assim com altos e baixos. Regularidade é com 2 a 3 meses junto. Treinos e testes vão ajustar. Segundo volante bom é difícil.

  • Rodrigo Tricolor diz: 14 de fevereiro de 2008

    Na verdade faltam 2 armadores.. pq Roger tá mto lento, não dribla ninguém, não chama o jogo.. enfim, não faz nenhuma função de armador!! Espero que seja preparo físico, mas não acredito, pq ele nunca foi esse jogador.. sempre foi um ótimo meia-atacante, de bom drible, boa técnica e chute potente, só!!

  • Junior diz: 14 de fevereiro de 2008

    Ei, tá todo mundo esquecendo do Julio dos Santos? Apesar de um bom tempo parado, parece ser o cara de mais qualidade que o Grêmio trouxe até agora. Pra mim ele seria o cara que está faltando no time. Mas ninguém sequer fala dele…

  • Felipe diz: 14 de fevereiro de 2008

    O Grêmio se propôs a marcar pressão, o que só conseguiu fazer por dez minutos. Faltou organização, criatividade, foco ao Grêmio, impetuosidade. Poucos jogadores pareciam ligados na partida, quando o time chegava à frente era só ir pra cima que sairiam gols, mas os jogadores davam chutes despretensiosos ou passes laterais. Perea na área não preocupa os zagueiros, não é este tipo de jogador, Roger não teve confiança para dar lançamentos, de Peter e Paulo Sérgio não sai nada.

  • cassio vargas diz: 14 de fevereiro de 2008

    A SOLUÇÃO SERIA DE INICIO, SEM ESITAR TIRAR DE QUALQUER MANEIRA O WILLIA MAGRÃO ELE COMPROMETE O SETOR, NÃO DA CADÊNCIA AO MEIO CAMPO, NÃO MARCA NADA, SIMPLESMENTE PEGA A BOLA ABAIXA A CABEÇA E ARRANCA, COM ISSO SOBRECARREGA EDUARDO COSTA, ERRA MUITOS PASSES, UM ATRASO PARA O GREMIO. FALANDO OBVIAMENTO DO SETOR DE MEIO CAMPO, UM UNICO JOGADOR É CAPAZ DE COMPROMETER UM SETOR TÃO IMPORTANTE, SEM DUVIDA.

  • Alberto diz: 14 de fevereiro de 2008

    O Grêmio,está sem esquema tático, portanto sem treinador, jogadores perdidos em campo. O Eduardo costa esteve no ataque, quase sempre na frente do Roger. O Roger, em um contrataque do Jaciara, apareceu no meio da área da sua defesa enquanto o W. Magrão e o Eduardo estavam no ataque. Perea fixo no meio da área, quando ele joga pelos lados. Desorganização pura. Com os jogadores disponiveis hj, tem a obrigação de apresentar disposição e posicionamento em campo, o que não aconteceu.

  • Carlos Pereira diz: 14 de fevereiro de 2008

    Wianey, os dois volantes do Grêmio estão se posicionando mal. Quando o time é atacado, encostam na zaga, deixando grande espaço à disposição do adversário. E, com a bola, tem saído demais pro jogo, principalmente o Magrão, que tem futuro, mas rifa demais a bola. Precisamos de dois volantes posicionados, e o time mais compacto. E o Roger vai precisar cercar, tá muito sem compromisso! O Pico não pode ser defensor, nem na meia ele marca…

  • João Souza diz: 14 de fevereiro de 2008

    Comento os problemas e o esquema tático do Grêmio a partir do jogo de ontem.
    Não se joga futebol para vencer com apenas dois marcadores no meio. Ontem o Grêmio jogou com 2 meia-atacantes (não marcam e 2 atacantes).
    Assim, o Grêmio deve jogar ou no 4-4-2 ou 3-5-2, mas sempre com três marcadores (que saibam sair jogando) no meio sob pena de sucumbir ao mais frágil adversário.
    Por fim, faltou pegada e raça característicos do Grêmio.
    Jogadores: Perea não deve jogar fixo; Tadeu é titular.
    Abraço

  • Jonas Rafael diz: 14 de fevereiro de 2008

    O Grãmio não tem esse jogador porque a direção não foi buscar. Dentre as opções, já deu pra ver que Itaqui e Adilson não funcionam. Talvez seja a hora de testar Maylson, enquanto não vem outro nome (se é que vem)

  • Francisco Szydloski diz: 14 de fevereiro de 2008

    Me responde uma coisa,
    Como o Boca conseguiu ser competitivo com um Riquelme por várias vezes desaparecido e sem marcar? Com um Neri Cardozo de marcação pífia? Com Palermo e Palácios marcando ou atacando, fazendo uma alção prejudicando a outra?
    Acredito que o Grêmio devia contratar um dos meia armadores do Lanús, um deles é o VERDADEIRO sucessor do Riquelme, mas muito mais participante! Eles são jovens e custariam menos que o Diego Souza!!! Se puder pergunte ao pelaipe obrigado

  • Tricolor dos Pampas diz: 14 de fevereiro de 2008

    Prefiro mesmo o 3-5-2.

  • RODRIGO SANTANA CARNEIRO diz: 14 de fevereiro de 2008

    O meia parecido com Diego Souza que o Gremio prescisa pode ser o Julio dos Santos
    o Paraguaio joga bem nesse estilo.
    Mesmo assim o Mancini poderia testar o 3-5-2 usando Pico como um ala pela esquerda e o hidalgo como um terceiro zagueiro seria mais ou menos assim:Victor,Hidalgo,Jean e Leo,Pico,Eduardo,P.Sergio,J.Santos e Roger,Perea e Soares. Os atacantes podem ser flutuantes acabando com a a tese de que o time precisa de um cetroavante.

  • Francisco Oliveira diz: 14 de fevereiro de 2008

    Vianei, vendo o jogo ontem tá complicado mesmo para o treinador, falta jogador d qualidade e esses q estão por entrar não resolverão a necessidade do time.Os times vitoriosos do Gremio sempre tiveram dois jogadores bom de marcação o 1º geralmente mais marcador e o 2º marcava mais saia para o jogo.E hoje quem marca mesmo é só o Eduardo Costa e ontem esteve mal, respeito a sua admiração pelo W.Magrão acho q é bom jogador mais não se sabe a função dele.E qto ao Pitter..Tragam o Claudinho do InterSM

  • luis diz: 14 de fevereiro de 2008

    Que demais esse jogo do gremio!!!Ontem ainda havia os jogos da LIbertadores, mas o jogo do gremio estava tão engraçado que acabei não assistindo os outros!O “craque diferenciado” Perea não deu um chute a gol e não demostrou nenhuma qualidade, a torcida vai ter que começar a pedir para o grande TADEU ser titular.E o que dizer do GÊNIO ROGER?O nanico não jogou nada e provou que só é bom fazendo novela da Globo.Esse time realmente me empolga pois transforma uma partida numa comédia!!!

  • Roberto diz: 14 de fevereiro de 2008

    Respeito a opinião do colunista, mas para mim Diego Souza é apenas um bom segundo volante pela direita. No Grêmio, pelo menos, não armava, até porque carece das qualidades necessárias para a função. Armadores eram o Zinho, o Vilson Tadei (lembram dele?), o Carpegiani sem falar em Gerson (Seleção de 70) e outros mais votados. Não será o grande apreço do colunista por volantes responsável pela avaliação um tanto exagerada (com todo respeito) que faz do Diego Souza? Abraço

  • Gabriel Quaresma diz: 14 de fevereiro de 2008

    Continuando: isso se o junior for jogador de futebol, quanto aos outros “volantes” no grupo do grêmio tem só o nunes que consegue parar em pé em uma dividida. dá pra fechar o meio com um jogador que cerque e saia jogando como Willian Magrão (ou adilson, ou Julio dos Santos) e Roger (ou peter ou itaqui) no ataque é Perea ou Soares e o Tadeu que é o unico centro avante.
    Meu time seria Victor; Pico (felipe), Leo, Jean, Bruno Teles; E.Costa, Júnior (nunes), W. Magrão e Roger, Perea(soares) e Tadeu.

  • Francisco Szydloski diz: 14 de fevereiro de 2008

    “Falta experiência internacional ao Lanús, que ainda por cima tem muitos jogadores jovens. Isso pode pesar na Libertadores. O clube não se reforçou, mas manteve a base que foi campeã argentina. O técnico Ramón Cabrero avisou que o que tinha em mãos servia e que usaria na Libertadores a política que deu certo no Apertura, ou seja, apostar nos jovens. O destaque do time é o meia Valeri, considerado por muitos o sucessor de Riquelme.”
    Aquiles Furlone, da revista “El Gráfico”

  • Aldrovani diz: 14 de fevereiro de 2008

    O Roger é um pipoqueiro… eu como gremista me sinto envergonha de ter um camisa 10 como o Roger que não corre e não faz nada… só coloca a bola para o lado…
    Ele esta mais preucupado é com a Debora ( e não esta errado) Ela vai sustenatr ele no futuro…

  • Roberto diz: 14 de fevereiro de 2008

    Roger ontem acabou na armação, pela falta de outro que exerça essa função. Talvez ele até possa continuar por ali, desde que o Júlio dos Santos seja meia-atacante. Neste caso, para manter o 4-4-2, o meio pode ser formado por E. Costa, outro volante, Roger e J. dos Santos. No ataque, Perea e Tadeu. De qualquer forma, o time ainda precisa de entrosamento, antes de ser julgado com mais rigor.

  • matheus martinatto diz: 14 de fevereiro de 2008

    eu acho que falta para o time do gremio é um lateral esquerdo quem sabe agora com a volta do bruno telles,porque o pico so sabe cobrar lateral e chutar forte mas qualidade tecnica nao.o melhor esquema para o time do gremio nao sei,so sei que so o roger na armaçao nao da, porque se alguem marca o roger o gremio perde a força no ataque.tambem nao pode deixar o julio dos santos na reserva e muito menos 3 volantes.

Envie seu Comentário