Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Reação

15 de fevereiro de 2008 194

Falta de comando de Mancini?/Fernando Gomes
Está sendo impressionante a reação dos gremistas com a surpreendente demissão de Vagner Mancini e a contratação de Celso Roth. Dezenas de comentários foram postados durante a noite e, acredito, centenas chegarão durante esta sexta-feira. Os telefones das redações não param de tocar. Estão entupidas as centrais telefônicas de ZH, Diário Gaúcho e Rádio Gaúcha com manifestações inconformadas com as últimas decisões.

Li e continuarei lendo todos os comentários postados neste blog, bem como os e-mails que estão abarrotando a caixa de correspondência. Até agora, não encontrei uma única aprovação, tanto para a demissão de Mancini quanto a contratação de Celso Roth. Escrevi, ontem, que não encontrei razões visíveis para a demissão de Mancini. Embora estranhasse a escalação de atacantes para jogar no meio-campo, entendi que eram experiências normais de um treinador que estavam remontando o time e ainda não contava com todas as contratações feitas. Também discordo de que o Grêmio estava %22faceirinho%22 demais.

Ora, Mancini chegou a escalar três volantes atrás de Roger… É verdade, porém, que o Grêmio não apresentava a sua garra tradicional e que, em Cuiabá, Eduardo Costa se meteu de pato a ganso, se fardando de atacante. Efeito do estilo do treinador, menos mobilizador? Falta de comando? Imagino que o diagnóstico da direção gremista foi este ou passou por perto.

Sobre Celso Roth, repetem de maneira não justificada que ele é retranqueiro. Uma ova! Os times do Roth são, sim, equilibrados. E bem nutridos, defensivamente, nada a ver com retranca. O treinador terá outros defeitos, certamente, mas a rejeição por ser retranqueiro é papagaiada. Um dia alguém disse que Celso Roth gostava de retranca, outros repetiram e virou dogma. Naquela época, escalar um volante já era motivo para recriminações. Roth nunca escalou três e, até, quatro volantes, como fez Mano Menezes, por exemplo. E, qual foi o time que ele organizou no esquema 4-5-1? O tempo passou, os conceitos mudaram mas certas afirmações continuam sendo feitas sem que mereçam maiores e melhores reflexões.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Comentários (194)

  • Charles diz: 15 de fevereiro de 2008

    Como?? Celso Roth e bom treinador?? ONDE?!?!? QUANDO??!?!! E RETRANQUEIRO SIM!! Os times dele e uma defesa so, e a tatica ofensiva e o salve-se quem puder atras de baloes e chutoes… comeca bem e em 1,5-2 meses o time entra no estilo e nao ganha de NINGUEM!! E tecnico a 15 anos e nunca ganhou nada!! E DOSE!!!

  • ROGERIO diz: 15 de fevereiro de 2008

    Fica evidente que a direção,especialmente o sr Pelaipe,erraram muito nas contratações do elenco, e continuam errando na demisão e escolha de novo técnico,o GREMIO nao merece tamanha incompetencia,WIANEY onde esta o presidente do clube?

  • Dirceu diz: 15 de fevereiro de 2008

    Parece que o grande Pelaipe(so pra quem nao conhece) deu uma de dirigente colorado madnou um tecnico sem nome e trouxe um pior.
    Mas que bom sou colorado, e acho que vai piorar porque o time e que e fraco lembra do time montado pelo Amoreti e igual. So tem pedigre e mais nada. Bom agora se o abel nao atrapalhar e der o gauchao como fez nos dois naos passados.
    Mas sem brincadeira estes dirigentes sao amadores e so papo e conversa furada lamento esta atitude do coirmao bom tiram o sofa da sala.

  • Carlos Mauch diz: 15 de fevereiro de 2008

    Os limites do Grêmio
    Sabe Wianey, como gremista acompanho meu time a anos, sofri com os dois rebaixamentos, vibrei com as conquistas, nunca deixei de ver meu Grêmio. Nada contra o Roth, mas uma perguntinha básica…qual foi o time dele que jogou bem..que encantou torcidas msmo sendo limitado…nenhum…nosso limite….NO MÁXIMO O GAUCHÃO…pena..a Grêmio merece mais…FORA PELAIPE..FORA INCOMPETENCIA PARA GERENCIAR FUTEBOL

  • Ronaldo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Concordo que o Roth não seria o nome ideal. Embora seja bom treinador – essa estória de retranqueiro é folclore – não consegue fazer um trabalho de longo prazo. Por alguma razão ele se desgasta muito mais rapidamente que a média dos técnicos. A “fadiga dos metais” que em outros treinadores surge com 2 anos de trabalho, com o Roth ocorre após 6 meses. Para o momento atual talvez o melhor fosse o Tite. Infelizmente, quando o Grêmio trouxe o Mancini poderia ter trazido o Adilson, agora não dá mais.

  • Jonas diz: 15 de fevereiro de 2008

    Quem apoia a demisao do Mancini nao entende de futebol,um cara calmo igual ele foi o que faltou ao gremio nao final do campeonato brasileiro, onde cada jogo ia algum expulso. Po o cara ganhou a copa do brasil com o Paulista, o roth com todos times grandes que treinou nem isso nao ganhou.

  • Ivan Martinello diz: 15 de fevereiro de 2008

    ACHO Q ESTAMOS EM QUEDA LIVRE. A TORCIDA ATÉ HOJE TEVE JUNTO COM DIREÇÃO, MANO, MANCINE MAIS ESSA DEMIÇÃO E SUPOSTO NOVO TREINADOR É O FIM DE UMA LINDA LUA DE MEL COM A DIREÇÃO DESDE QUANDO ASSUMIU EM 2005. É O MESMO SIGNIFICADO DE TRAIÇÃO DE CASAIS. ISSO É UM INICIO DO FIM DE CICLO…
    SAUDADE DO MANO.

  • Leandro Silva Rovani diz: 15 de fevereiro de 2008

    BOAS E MÁS
    As boas: a “economia interna” voltou ao Olímpico, descobriu-se que avaliações não devem ser feitas somente pelo cru resultado, e, especialmente, há nobreza em reconhecer o erro a tempo. As más: estava na cara que o Mancini não tinha cacife, ter que contratar alguém de afogadilho e, principalmente, o perfil das contratações não é exatamente adaptável ao comando do Roth (imaginem a relação Roger-Roth).

  • Bruno diz: 15 de fevereiro de 2008

    A saída de Mancini talvez até tenha sido acertada, imagina-se que a direção tenha mais conhecimento do que se passa nos treinos e no vestiário do que qualquer outro, logo, que mude agora e não em abril, já aliminado da Copa e às vesperas do Campeonato Brasileiro começar

    Mas o que se discute é Celso Roth

    Dentre os piores, trarão o PIOR

    pra onde vai Meu Grêmio?

  • Bruno Gremista diz: 15 de fevereiro de 2008

    Tambem achei inacreditável quando li a noticia da demissao de Vagner Mancini concordo que ele nao teve teve tempo de usar todas as contrataçoes. E eu concordo contigo Wianey o Gremio deveria usar esse 4-5-1,mas o problema é que a direcao encheu o elenco com atacantes e até agora só o André Luis e o Tadeu agradaram.Nao entendo como o Pelaipe uer um treinador com a cara do Gremio se os jogadores do plantel nao tem a cara do Gremio!
    abraço

  • Vinicius diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não consigo imaginar um nome MELHOR do que o de Roth para treinar o Grêmio neste momento, acho absurda essa rejeição por parte da torcida. Minha única crítica é a forma pela qual a direção tratou (fritou) o Mancini, é um profissional que sem dúvida não tinha o perfil para treinar o Grêmio, porém isso deveria ter sido avaliado antes de sua contratação.

  • charles vargas diz: 15 de fevereiro de 2008

    Uma das caracterpisticas do time do Grêmio sempre foi a raça acima de qualquer qualidade técnica.No último jogo,com diversos passes errados, um treinador com “voz” iria até a beira do gramado xingar e orientar os jogadores da defesa a não ficarem se aventurando no ataque,sem qualquer fundamento. No entanto,em vários momentos,a Tv mostrava o Mancini de braços cruzados e sacudindo a cabeça.Ou seja: ele era muito passivo.Se foi por esse motivo, concordo com a direção.

  • Mateus Machado diz: 15 de fevereiro de 2008

    Alguem já diz pro Roth pra não pegar no pé do Roger.
    Que nem ele fez com o Ronaldinho, deixou ele de reserva do Itaqui!

  • Viviane Linck Lara diz: 15 de fevereiro de 2008

    Muita sacanagem vir o Roth. Ele veio pro Grêmio e até hoje não teve mais que 60% de aproveitamento. Sou a favor de vir o Tite mas esse Roth pra acabar com o time não!

  • GremioSP diz: 15 de fevereiro de 2008

    Desapontados com mais uma insenssatez da dupla Pelaipe & Odone. O Mancini é uma promessa e estava correto em exigir reforços. Achar que o Roger é solução é o mesmo imaginar que o Tcheco seria solução com mais 10 pernas de paus.
    Quanto ao Roth, 02 certezas não vamos cair e não vamos ganhar nada interessante. Nos nivelamos a média, mediana, medíocre. Brasileirão 2008 Gremio entre 9º- 18º colocado, é só esta ambição destes Diretores medíocres??
    Da torcida tricolor posso dizer que não!

  • Ronaldo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Se e` retranqueiro ou nao, nao interessa. O que importa e` que ele e` ruim. Nunca ganhou nada e aposto e ganho: nunca vai ganhar nada. E nao me venha com Gauchao e Copa Sul, por favor…

  • Ricardo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Além do Pelaipe, agora o Wianey também fazendo paida com os torcedores gremistas. Dizer que o Roth não é retranqueiro é brincadeira… Se bem que, vindo de um comentarista adepto da retranca e dos volantes, esperar o quê? Enfim, o fato é que Roth já é manjado, rodou por diversos times por aí, sem obter sucesso algum na maioria esmagadora das vezes. Acreditar em Roth é o mesmo que acreditar em Papai Noel. Fora Pelaipe! Que só vem fazendo lambanças…

  • Silvio diz: 15 de fevereiro de 2008

    Estamos pagando o preço de uma direção que esta sem convicção no futebol, muito mais interessada na construção da ARENA do que montar um time de futebol. Seguindo com essa linha, nem Felipão resolve. O problema não é técnico, é de direção e seu foco.
    Já iniciamos duas competições e não temos um time montado, isso é de uma irresponsabilidade total, ainda mais para quem se julga conhecedor de futebol.
    Pobre torcida Gremista, mais um ano de sofrimento.

  • Marco Schuster diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey:
    Não háo no Brasil outro treinador tão parecido com Mano Menezes quanto Celso Roth.
    Abraços, Marco Schuster

  • Jorge Conde diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não vou entrar no mérito da demissão do Mancini, mas contratar Celso Roth como
    treinador do time só pode ser piada, aliás nem piada é!Só pode ser sacanagem!!!
    Um sujeito que depois de anos no futebol não conseguiu ter um curriculo no mínimo satisfatório com algum clube do país e que também não lembro quando foi a ultima vez que conseguiu permanecer por pelo menos 8 meses no comando de uma equipe não poderia nem ser cogitado pra treinar um clube grande!!!

  • JOsÉ FERNANDO CARDOSO diz: 15 de fevereiro de 2008

    Escalou três e até quatro volantes no INTER, sim: em um jogo no interior, não lembro contra quem (Gauchão de 98), jogou com Anderson, Marcelo, Enciso e, se não me engano, André Gueller. O mundo acha o roth retranqueiro porque ele assim o é, só não vê quem não quer: todos os times dele, bem arrumadinhos no início, naufragam depois, só perdendo e empatando, porque não sabem sair de suas limitações – vide o Vasco ano passado. Não tem nada de “papagaiada”.

  • Ronaldo diz: 15 de fevereiro de 2008

    De início me pareceu precipitada a demissão do Mancini, mas já percebia equívocos em seus conceitos. Quando optou por uma formação com 3 volantes parecia terrepensado. Bastou não poder contar com um jogador e reincidou no erro de escalar atacantes no meio-campo. Num time com mais qualidade individual – a exemplo do Abel no Inter – isso ainda acaba funcionando mais ou menos. No Grêmio a coisa estava estourando na defesa o tempo inteiroe estava claro onde isso ia parar> Melhor corrigir agora.

  • joao carlos diz: 16 de fevereiro de 2008

    Segundo a Zero Hora de sábado, o Grêmio teria pago ao Mancini o valor de cerca de um milhão de reais, referente rescisão com o clube anterior e a rescisão agora realizada, isto para trabalhar apenas 43 dias. Este tipo de situação revela muito bem os motivos da precária situação financeira do Clube. Será que a dupla Odone/Pelaipe fariam isso com o dinheiro deles ? E depois ainda têm o desplante de pedir para a torcida ajudar o Clube.

  • Roberto diz: 15 de fevereiro de 2008

    Nao falar sobre a demissao do Mancini, mas contratar o Celso Roth???????????
    O Wianey acha que ele nao é retranqueiro, pode até nao ser….mas dizer que ele é melhor que o Mancini também não dá.
    Por que não o Tite?

  • Pedro Pereira diz: 15 de fevereiro de 2008

    O Pelaipe jogou qualquer expectativa de título este ano no,lixo, Celso Roth!!! Pelo Amor de Deus. Agora as discussões serão em torno de quantos volantes o Roth vai jogar três, quatro ou cinco.

  • Douglas Borchardt diz: 15 de fevereiro de 2008

    Vc se identifica com o estilo te treinar do Celso Roth, Wianey??? Pois eu e 99,99999% da torcida gremista não o queremos nem pintado de ouro. Prefiro Tite!
    Será q a direção irá comprar essa briga com a torcida?

  • Mauricio Todeschini diz: 15 de fevereiro de 2008

    Qualquer que seja o fato intra-vestiário o motivo para esta troca de técnico não convém. Nenhuma razão pessoal entre dirigente e técnico pode prevalecer sobre o bem do clube, o bem do Grêmio. E tal atitude é visível, prejudicará o Grêmio toda esta temporada. O ROTH já provou que não é capaz de ganhar nada, ao passar por tantos clubes grandes brasileiros – Grêmio, Inter, Vasco, Flamengo, Botafogo, Santos, Palmeiras, Atlético/MG e sequer chegar à final de qualquer torneio de nível nacional.

  • Maurício diz: 15 de fevereiro de 2008

    Caro Wianey, acho que tu viu a perspectiva da contratação do Roth pelo lado errado. A torcida não xia tanto por ele ser retranqueiro, mas sim porque o cara não tem nenhum titulo de expressão. A única experiencia que o Roth tem é a de tirar times da zona de rebaixamento em trabalhos que duram no máximo 4 meses. espero estar errado, mas é certo que em junho já teremos um novo técnico e este ano estará perdido. Quanto ao pelaipe falar de FELIPÃO E MANO, É SÓ OLHAR QUE OS DOIS AINDA ERAM PROMESSAS..

  • Ricardo Carvalho da Rosa diz: 16 de fevereiro de 2008

    Me recordo uma oportunidade em que o Roth escalou o inter com quatro volantes contra o Glória de Vacaria. O Roth é o pior técnico, junto com o Tite, que o Grêmio já teve, é covarde, não gosta de ganhar jogo, e o seu time não flui, além do que tem opções equivocadas. Mas a verdade é que para escalar o time será bem acessorado pelo Pelaipe e pelo Odone e, espero que em caso de saída do Roth o Pelaipe saia junto, pois no ano passado deixou o Mano sem jogadores, só com pernas de paú. Abraço

  • Francisco diz: 15 de fevereiro de 2008

    Caro Wianey! Não é o caso de ser retranqueiro. O celso historicamente não conclui o trabalho em clube algum.Nunca ganhou um título de expressão. Todo mundo sabe o seu limite. A única certeza que todos temos, é de que no máximo no segundo semetre o Grêmio terá o terceiro treinador e pode não parar por aí.Quem viver verá!Esta contratação leva a conclusão de que o Gremio está abrindo mão da disputa de todos os títulos. Objetivo principal: manter-se na primeira divisão. Não há outra interpretação.

  • Junior Cavalli diz: 15 de fevereiro de 2008

    Concordo com o Gilson de Rio Pardo>> E TEM MAIS: ALGUEM VIU ALGUM ESQUEMA TATICO?? QUANTO TEMPO O GREMIO LEVARIA ATÉ QUE TOMASSE UMA GOLEADA..?? O TECNICO TAVA PERDIDO , SEM DEFINIÇÃO DE NADA, OS JOGADORE ESTAVÃO MANDANDO NO TIME..!!FORA MANCINI JÁ FOI TARDE…

  • Mariano Oliveira Silveira diz: 15 de fevereiro de 2008

    Foi PRECIPITAÇÃO da diretoria.Sou sócio do GRÊMIO há 2 anos e não CONCORDO com esta troca.O Mancini está arrumando este time que tem vários jogadores de meio para estrear e tem idéias novas.Celso Roth com sua IDÉIAS e esquemas táticos do tempo do dinossauro é apenas uma questão de tempo para sair.Ha,é o fim da gurizada no GRÊMIO ou alguém já esqueceu o que ele fez com o traíra “R.G.”?.

  • Dacid diz: 15 de fevereiro de 2008

    Concordo com a demissão do Mancini, técnico se mostrou muuuito ingêmuo, principalmente quando dava entrevistas abria demais seus pensamentos, chegando a queimar alguns jogadores com o tempo perderia o grupo, tem um ótimo caráter mas não tem estilo do grêmio.
    Quando ao Roth não concordo com sua escolha não por que um dia ele já foi retranqueiro (até pq ele evoluiu muito) mas seu estilo de trabalhar tem um pouco de Emerson Leão e duvido que ele consiguirá tirar o maxímo do Roger.

  • Bruno diz: 15 de fevereiro de 2008

    Tá rolando um boato forte de que o novo técnico do Grêmio é o Tite.

  • Geraldo Ferreira da Silva diz: 15 de fevereiro de 2008

    O problema do Roth é um só:
    invariavelmente seus times começam medianamente, depois sobem de produção e depois caem, inevitavelmente.
    Ele não tem a menor capacidade de lidar com a queda de produção. Podem conferir

  • Tiago Orengo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Ano passado o Grêmio não ganhou NENHUM jogo de MATA-MATA fora de casa, no gauchão tomou uma goleada do CAxias e empatou com o JU, na libertadores, perdeu pra SP, defensor, santos e foi goleado pelo Boca. Em 2006 o Grêmio só ganhou do Piauí (mais fraco que o jaciara) por 2 a 1 depois perdeu pro XV por 1 a 0 fora de casa. Aí o Mancini ganha uma partida fora de casa e é demitido, não da pra entender. Agora vamos trazer outro treinador que não ganhe fora de casa pq daí a Direção acha lindo!

  • fabiano siqueira diz: 15 de fevereiro de 2008

    concordo contigo.
    “os times do roth são sim, equilibrados”..e “esse papo de retranqueiro é papagaiada.”
    Ex.: Abel fama de vice = campeão do mundo FIFA.
    Roth = equilibrio e nenhum título de expressão em toda sua carreira.

  • Michele SRG diz: 15 de fevereiro de 2008

    GOSTEI MUITO DELE TER SAIDO.NUNCA FUI COM A CARA DELE.JA FOI TARDE

  • lela diz: 15 de fevereiro de 2008

    Inacreditável!!inacreditável o q estão fazendo com o meu time, razão da minha vida!!contratar Celso Roth é garantia de competir e não ganhar nada!!!!O mancini certamente é um dos melhores técnicos da nova safra e com exíguo tempo de treinador já conquistou uma copa do brasil, título q Roth não conseguiu em 15 anos de carreira!!!Essa demissão nem freud explica!!!!muito menos pelaipe……

  • Luiz Angelo Bianchi Júnior diz: 15 de fevereiro de 2008

    Concordo plenamente com vc Wianey, deve ter acontecido algum motivo interno não noticiado pela imprensa para provocar a saída do técnico.
    Pelaipe antes deveria dar ao treinador um time de verdade para poder cobrar atuações de verdade, o time estava jogando com Leo, Pico, Magrão,Adilson..jogadores que por mais que tenham um futurop promissor, ainda não estão prontos para levar o Gremo a grandes jogos, nem espeou os reforços estrearem, Roger nem entrou em forma, perea soh jogou um jogo…

  • Luiz ANgelo Bianchi Júnior diz: 15 de fevereiro de 2008

    Jr, Dos Santos, Jean e SOares , 4 provaveis titulares nem estrearam ainda, e o treinador ja foi mandado embora, isso não tem lógica, prefiro axar que houve algum motivo interno, se naum foi isso, foi um ato de total amadorismo da direção.
    Se Julio dos Santos não corresponder ao meio campo, tenho até medo do que vai se tornar o time esse ano,dependemos 100% de um jogador para essa posição, que ateh agora não vimos jogar( o que Diego SOzua fazia ano passado no caso, mesma função)

  • Gilson Petry Glashorester diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, antes de qualquer coisa, gostaria de dizer que tenho 27 anos e, sendo gremista, acompanho o Grêmio, o futebol, a Rádio Gaúcha e os teus comentários a bastante tempo.
    Sobre a saída de Mancini e a chegada de Roth, não discordo da direção do Grêmio pelo seguinte motivo: no sexto jogo do Grêmio os jogadores não tinham uma definição de suas posições em campo. Eram 11 jogadores sem saber o que fazer com a bola. Puxa! Eles são profissionais e faziam fiascos em campo. Faltou técnico, sim!!

  • Tardeli Voss diz: 15 de fevereiro de 2008

    Tens toda razão em teu comentário, Wianey.
    Toda a torcida reprova essa atitude do Pelaipe. Falta de profissionalismo. Também reprovamos a contratação de Roth

  • Roberto diz: 16 de fevereiro de 2008

    Pelos comentários do Odone, ficou claro que Mancini foi demitido por armar o time de forma ofensiva. Além disso, Mancini cometeu o erro de não combinar com o estilo prepotente e pouco inteligente do Pelaipe. Bom mesmo, então, é o treinador que pensa pequeno, como a Diretoria do clube, e ainda, de vez em quando, é expulso de campo por falar demais e tentar coagir a arbitragem. Essas baixarias levaram à perda da Libertadores/2007 e Pelaipe a ser suspenso no TJD. Parabéns.

  • J.Tricolor diz: 15 de fevereiro de 2008

    Fonte segura: após o jogo Pelaipe e o Mancini discutiram e tiveram de ser contidos para não chegaras vias de fato…
    Agora Celso Roht acho que não é uma boa,trabalha a tanto tempo faz boa campanha mas não tem estrela,nem títulos. Porque não tentar o Guilherme Macuglia que está no topo do Paulistão,seria uma aposta mas com chance de dar certo pois Celso Roht já se sabe até aonde vai . Força GRÊMIO…sempre IMORTAL… eu sempre vou te apoiar…

  • Fabiano diz: 15 de fevereiro de 2008

    Caro Wianey.Inicamos este ano com grande espectativa quanto a remontagem do elenco tricolor, sempre acreditando nso dirigentes do Grêmio que já demonstraram do que são capazes.A demissão do Mancini pegou a todos de surpresa, na medida em que até então seu trabalho sequer havia sido contestado, primeiro pelo parco tempo e segundo pelos resultados obtidos em campo.Não vejo, como sócio tricolor, qualquer justificativa aparente para tal atitude. O certo, é que estou novamente apreensivo com o futuro

  • Rodrigo Tricolor diz: 15 de fevereiro de 2008

    WIANEY… se o Celso Roth não é retranqueiro, quem é?? Já adianto aqui que Mano Menezes é MAIS retranqueiro que o Roth.. são estilos.. e devem ser admitidos ou então me cite algum técnico no Brasil mais retranqueiro que os 2.. ok??

  • Rodrigo Tricolor diz: 15 de fevereiro de 2008

    Outro esclarecimento.. CONCEITO de equipe equilibrada: Time que ataca e defende com a mesma intensidade!! São estilos, alguns técnicos priorizam a defesa, outros o ataque.. e outros o equilibrio!! Felipão prioriza a defesa e é um “MONSTRO” do futebol da mesma forma que o Luxemburgo, que forma equipes de equilibradas a ofensivistas!!

  • BORGES JC diz: 15 de fevereiro de 2008

    Este diretor vai buscar um treinador, nos Emirados Árabes, onde o príncipe faz o que
    quer, baseado em quê ele contratou, agora traz o Celso Roth, aí é dose, qual foi sua última conquista? Cai fora Pelaipe!

  • sérgio fontoura diz: 16 de fevereiro de 2008

    Vi alguns jogos do Grêmio e não vi nada de time.
    Muito fraco e parecendo cansado e sem motivação;portanto concordo com a saída do Mancini antes que passivamente se faça um fiasco este ano.
    O que não concordo é com este alarde feito pela imprensa gaucha, por uma coisa tão normal no futebol.
    É a mesma coisa que ficar batendo na tecla que o Celso Roth é retranqueiro e mau humorado;
    Até parece que vcs. insistem em bater na mesma tecla sempre no que foi a anos atrás.
    Imprensa chega de mesmicie.

  • Leandro Caletti diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, considere esta, então, a primeira manifestação de apoio à direção e à demissão de WM e contratação de CR. Eu, gremista mais fanático q todos, tinha esse pensamento desde a pré-temporada: não via cara de Grêmio. Não havia luta e raça no time de WM. Não havia meio de campo, estrutura de time e controle de bola. Havia um amontoado de jogadores, como você mesmo diagnosticou, comentando o jogo de quarta. Acertou a direção. Prefiro o time jogando c 4 volantes, mas com raça e luta.

  • Douglas Campos diz: 15 de fevereiro de 2008

    Falando de Administração de Futebol, creio que os Dirigentes Gremistas desaprenderam que a continuação de um trabalho está em primeiro lugar. Mancini nem esquentou o banco como técnico e foi prematuramente demitido. Pergunto a vcs, co-irmão da Azenha: primeiro, o time estava perdendo? segundo, não é certo que um time em formação não dê goleada e que fique variando entre boas e más atuações?? terceiro, A prepotência do Sr. Pelaipe pode estar condenando o Grêmio a um ano de armaguras?

  • Gerson Fontoura diz: 15 de fevereiro de 2008

    O problema não é ser retranqueiro.O capitão Froner era retranqueiro mas tinha um esquema para ganhar as partidas.Há uns anos atrás o Grêmio ganhava 3×0 jogando boa partida contra o Esportivo no Olimpico,Roth tirou o Zé alcino e..volante.Fui embora no meio.

  • VALERIO MIRANDA diz: 15 de fevereiro de 2008

    CARO WIANEY:GREMIO,INTER,VASCO,PALMEIRAS,SANTOS,FLAMENGO .GRANDES CLUBES,NENHUM TITULO,SO BERROS E BORROS EM TREINAMENTOS E DURANTE OS JOGOS E ESSE O CURRICULO DE CELSO ROTH.ESTOU DECEPCIONADO COM A DIREÇAO.ACHAVA QUE QUERIA MODERNIZAR O CLUBE E NO ENTANTO ESTAMOS VOLTANDO AO PASSADO.
    ASS.VALERIO MIRANDA

  • Silvana Gremio diz: 15 de fevereiro de 2008

    Sinceramente, tive pouca oportunidade de acompanhar o Grêmio nessa temporada, os dois jogos que vi achei um horror contra o Sapucaiense e Gremio foi muito mal, e o que achei mais estranho era que o tecnico continuava parado, intacto como se tivesse vencendo de 10×0, acho que esses ultimos tempos ficamos muito mal acostumados com uma equipe guerreira e batalhadora. Quanto a atuação do E.Costa acho ele um dos melhores jogadores do Gremio só q alguem tinha q ter avisado a ele q ñ é atacante.

  • Paulo Cabral diz: 17 de fevereiro de 2008

    Wianey,
    Faço as seguintes apostas sobre o Celso Roth:
    1) Ele vai tirar o Roger do time em pouca semanas?
    2) Ele será vaiado pela torcida do Grêmio desde a sua estréia?
    3) Ele continuará sem ganhar nenhum título de expressão nacional (copa do Brasil, Brasileiro, Sulamericana)?
    A contratação dele comprometeu a temporada gremista.

  • Daniel Domagala diz: 15 de fevereiro de 2008

    PALHAÇADA ESSA DIREÇÃO (PAULO PELAIPE)!!!!!!!!
    AGORA COMEÇO A ENTENDER PORQUE NENHUM JOGADOR DE GRIFE QUEIRA JOGAR NO GRÊMIO, É ESSE PELAIPE QUE ESTÁ FAZENDO O GRÊMIO RETROCEDER.
    JÁ VISLUMBRO MAIS UM ANO NA SEGUNDA DIVISÃO.
    FOOOOOOOOOORA PELAIPE, POIS ENQUANTO ELE ESTIVER NO GRÊMIO NÃO VOLTO AO ESTÁDIO.

    SEM MAIS

    DANIEL DOMAGALA

  • Paulo Juliano diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey clamo que leve os comentarios dos torcedores so Pelaipe; nós somos o Gremio e essa dele discutir com o Eduardo Costa!!! ficou maluco!! todo mundo gosta do Eduardo, ninguem quer o Pelaipe!! agora num começo dificil manda-se o técnico embora e começamos do Zero, Pelaipe vai justificar os resultados ruins falando que é inicio de trabalho e nós enguliremos a naba Roth, que aliás não serviu nem para o Vasco…seria comico se não fosse tão tragico. FORA PELAIPE CATA O BONÉ E ATE MANDA

  • gremista diz: 15 de fevereiro de 2008

    o pelaip e o odone pr enquanto são quem deçide.só esqueçeu de combinar com a torçida!

  • rodrigo diz: 15 de fevereiro de 2008

    o pelaipe disse que mancini é um grande profissional, resultados bons, mas que saiu pq o rendimento é menor do que deveria. isso significa que celso roth tem 6 jogos pra fazer o time melhorar, do contrário também está na rua. e isso vale pra qualquer treinador que assumir o gremio em 2008. ou o pelaipe tá mentindo sobre a justificativa, ou tá certo e o time pode melhorar, ou o gremio terá 8 técnicos no ano.

  • Sergio diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não estava certo de que o Mancini seria um bom técnico, embora seja o técnico mais franco nas entrevistas que eu tenha lembrança.
    Sobre o Celso, eu não acho uma boa idéia. Gostaria para o meu Gremio o TITE.

  • Guilherme Maso diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não concordo totalmente com a demissão do Mancini, mas um pouco concordo. Não gostei quando li em algum veículo de comunicação que ele, ao contrário de Mano Menezes, montava seu time a partir do ataque. E convenhamos, não havia nada muito montado no ataque do Grêmio, era (é) uma correria desenfreada! Mas Celso Roth? Aguardemos.

  • Comentarista de Varzea diz: 15 de fevereiro de 2008

    É o VARZEA COM GRIFE, com medo da segundona….

  • Augusto diz: 15 de fevereiro de 2008

    Suspeito de algum desentendimento entre técnico, grupo de jogadores e/ou diretoria.
    Uma coisa é certa: esse elenco montado pelo Pelaipe é muito fraco, principalmente do meio para a frente. Aliado a isso tudo, a direção de futebol não tinha a menor convicção no Mancini, como ficou provado agora. Minha maior preocupação não é com o novo técnico mas com quem comanda o futebol. O Pelaipe não tem quilate intelectual nem comportamental pra comandar um clube grande.

  • Eduardo Schimitt diz: 15 de fevereiro de 2008

    Eu acho que o Wagner Mancini merecia um maior tempo de trabalho. Ele estava conseguindo resultados com um time ridículo neste início de gauchão e os reforços estão ainda desembarcando. Acho que foi uma decisão precipitada ainda mais se for para substituí-lo pelo Roth, que considero um bom técnico mas não para o Grêmio. Espero que a imprensa esteja enganada e assuma alguém do nível no mínimo do Tite! “Todos” os gremistas com que falei estão ainda mais preocupados que antes com nosso time!

  • Rafael diz: 15 de fevereiro de 2008

    O Celso Roth não é retranqueiro??? Como já disseram, a primeira coisa q ele vai fazer é tirar o Roger pra colocar o Nunes. Lembro q ele no Grêmio armava as maiores retrancas e mesmo assim quase sempre perdia, mostrando sua incompetência. E todo mundo lembra que ele foi o homem q colocou Ronaldinho Gaúcho na reserva do “grande” Itaqui.
    Infelizmente terei que me desligar do meu time do coração enquanto este for treinado pelo Roth.

  • Alexandre Soares diz: 15 de fevereiro de 2008

    Olha Wianey.. eu acho que o Mancini não deveria nem ter vindo. Se faltava alguem para concordar com a demissão dele, agora ja tem. Ja foi tarde. A passividade dele com aquela mão no queixo me lembrou o De Leon. E os jogadores claramente estavam fazendo o que queriam em campo. Faltou comando sim.

  • Eduardo Trindade diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, o problema é que Roth, em 15 anos de carreira como treinador, nunca ganhou nada além de estaduais com Grêmio e Inter e dois regionais (Sul com o Grêmio em 99 e Nordeste com Sport em 2000). Depois disso, passou só por times de calibre e nunca levantou um caneco. Mancini em menos de 5 anos já tem uma Copa do Brasil com um time pequeno em cima de um poderoso do futebol brasileiro, o Fluminense. Inclusive na mesma campanha, tirou o Inter da semi-final. Mais um grande erro do Pelaipe.

  • Peixe diz: 15 de fevereiro de 2008

    O problema do Roth não é ser retranqueiro, ofensivista ou o que quer que seja. É muito mais simples: ele tem um currículo pífio, com pouquíssimos títulos, e jamais ganhou nada de relevante. E não tem nem mesmo a justificativa de ser iniciante, ou de ter treinado apenas clubes menores!

  • Carlos Alberto diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey. Mais uma vez fica provado, que nosso Grêmio está sendo muito mal conduzido pelo Sr. Pelaipe.Primeiro Mancini, que não teve muito tempo para formar a equipe. Agora Roth? Futebol tb deve ser levado a sério. Se o objetivo do Sr. Pelaipe é o Gauchão, talvez tenhamos sucesso, acredito que na pior das hipoteses seremos vice. E depois o que vamos almejar? Ficar entre os 17 do Brasileirão? Será que o Tite ainda esta no Brasil. Acorda senhor diretor. O tempo esta passando.

  • Ronaldo Prass diz: 15 de fevereiro de 2008

    Penso que existem razões ocultas na queda do Mancini, embora não me parece nada racional demitir alguem que se quer teve oportunidade de trabalho, na verdade o grande erro da direção Gremista foi abrir mão de ter o Mano treinando a equipe, treinador comum precisa de grandes jogadores para fazer um bom trabalho, um grande treinador realiza um grande trabalho com jogadores comuns, esse era o Mano!

  • freitas diz: 15 de fevereiro de 2008

    Mancini não tinha condições de ser técnico do Grêmio, isso é evidente. O erro foi inicial. O certo seria investir em um técnico novato do interior. Agora, acho que o Roth é o melhor nome. É um técnico que dá certo em curto espaço de tempo e irá montar um time competitivo para este ano. Para 2009, porém, o pensamento deveria ser novamente a longo prazo, corrigindo os erros capitais deste início de temporada.

  • paulo roberto diz: 15 de fevereiro de 2008

    Tens razão, Roth não é retranqueiro, mas também não tem um grande título, só gauchão, tudo bem ganhamos o gauchão e daí pra frente?

  • Emanuel Zankoski diz: 15 de fevereiro de 2008

    Gostei muito da saída do Mancini, mais ainda da contratação do Roth. O mancini não estava respondendo as espectativas, escalando o time muitas vezes de forma equivocada. O Tadeu que vinha sendo o melhor jogador do Grêmio ele colocou na reserva. O Pico que está jogando bem no ataque e pecando muito na defesa ele não tentou uma nova posição. Mesmo sabendo que ainda é cedo, acredito que a direção tenha tomado uma decisão correta, até porque o Roth evoluiu muito depois da última passagem pelo Grêmio

  • Mateus diz: 15 de fevereiro de 2008

    Time “faceirinho” ou falta de comando, em meia dúzia de jogos, não são nem podem ser motivos para se demitir um treinador que está começando seu trabalho. Sem todos reforços a disposição e sem um grupo realmente de qualidade. Algo aconteceu nos vestiários e isso deve vir a tona. Ou a direção pensa que somos todos idiotas em acreditar que “reprovaram” o trabalho do Mancini neste pouco tempo? Besteira! Agora ficam pagando salário para dois treinadores e depois não sabem porque da crise financeira.

  • REGIS CURY ORDOVAS diz: 15 de fevereiro de 2008

    NÃO DA PRA ACREDITAR,NÃO FUI A FAVOR QUANDO DA VINDA DO MANCINE, MAS JÁ QUE VEIO VAMOS DAR UM TEMPO PARA ELE, OUTROS TECNICOS QUE FORAM APOSTAS SE DERAM BEM NO OLIMPICO, CONTANDO COM A PERSISTÊNCIA DOS DIRETORES DA ÉPOCA, EX.LUIS FELIPE QUE CHEGOU A SER VAIADO, ESSE PELAIPE É UM PIADISTA, CELSO ROTH, CONVENHAMOS.

  • Ana Carolina Torres diz: 15 de fevereiro de 2008

    “Rentraqueiro” não é o problema do Roth: o verdadeiro x da questão é que ele é ruim.Não empolga o time e não tem visão geral tática. Do Mancini, pouco sabemos pq recém estava engrenando, ou tentando. A verdade é que entre um e outro a direção está trocando seis por meia dúzia.Aliás, desde o ano passado com a história da Arena e a tentativa desastrada de saída do Oldone com indicação de Britto que a diretoria gremista se perdeu,degringolou.Quem sabe, o problema mesmo está aí?

  • josé francisco thum diz: 16 de fevereiro de 2008

    Essa PELAIPADA da diretoria é cruel…Agora vc que conhece tanto de futebol vir defender o CELSO ROTHranqueiro… é ruim hem… coisa de colorado mesmo que quer ver o Grêmio por baixo…Quantos times e quais os títulos que esse “feijão com arroz” conseguiu???

  • Henrique Vieira Costa diz: 15 de fevereiro de 2008

    Aos defensores do Celso Roth cabe a pergunta… Quais os títulos nacionais que ele conquistou?
    Me lembro que ele conseguiu colocar o Ronaldinho Gaúcho no banco pra escalar o Itaqui.

  • Henrique Vieira Costa diz: 15 de fevereiro de 2008

    Odone só se preocupou com o Grêmio quando precisava se eleger. E o Pelaipe é muito amador. Precisamos de mais profissionalismo no Grêmio.

  • MÁRIO ROSITO diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, dá uma olhada na escalação do portoalegrense nas partidas em 98 e 99, e me diga se o Roth não escalava o meio com 03 ou 04 marcadores de origem.
    Ele deixava o Ronaldinho no banco, enquanto o Itaqui “brilhava” com a 10.
    O Roth nunca chegou a lugar nenhum, mas, para sorte dos tricolores, a permanência na primeira está garantida.
    Abraço

  • Daniel diz: 15 de fevereiro de 2008

    Até dá para discutir a demissão do Mancini. Porém, o Pelaipe (a quem sempre defendi) deve assumir que não entregou jogadores decentes a tempo. Alguma discussão forte entre eles deve ter ocorrido após o jogo (interferência da diretoria na escalação???).
    Mas uma coisa não dá para aceitar. Por melhor tecnicamente que o Roth possa ser, contrataram o cara com O MAIOR ÍNDICE DE REGEIÇÃO ENTRE A TORCIDA TRICOLOR. Não me parece inteligente isto. Vão perder o apoio das arquibancadas muito rapidamente.

  • Alexandre diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, pode apostar, o Roth chegará e irá cobrar do Roger marcação. Esse não o fará, pois não é sua habilidade, ele vai sacar o Roger e por o Nunes a jogar em seu lugar. Aposto com quem quiser.

  • MARCIO diz: 15 de fevereiro de 2008

    Caro Wianei a saída do Mancini não vai resolver o problema do Grêmio, eis que contrataram um jogador de exibição, onde todo o time tem que jogar em função dele. Aqui no RS esse ROGER não vai dar certo e vai quebrar o Grêmio. É mellhor ele ir dar toquezinho de trivela nas praias cariocas. Não marca, não cerca e quando meio marcado não cria. Tirem este cara do time e o Grêmio vai crescer.

  • Thiago souza diz: 15 de fevereiro de 2008

    Tudo por causa do pelaipe, um dos piores dirigentes que o grêmio ja teve.
    FORA PELAIPE INCOPETENTE!!!!!!!!!!

  • Rodrigo Ângelo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Quem deveria sair é o Sr. PAULO PELAIPE, que enche os ouvidos dos torcedores com suas baboseiras e contratações frustradas.FORA PELAIPE!!!!!

  • Charles diz: 15 de fevereiro de 2008

    Engracado ver as opinioes favoraveis ao Roth: “e um bom treinador.” Quando essa afirmativa nao pode ser baseada em nenhum fato concreto. Nunca ganhou nada. Arma times, invariavelmente, retrancados (os que dizem o contrario é que nao conhecem futebol!), nao sabe jogar decisoes (pelo estilo medroso),… me informem: fora os times daqui que ainda, inacreditavelmente, aceitao a retranca, recontrata o Cels Roth?? Nos ultimos anos ele gira, lentamente, pelos times brasileiros, sem sucesso em nenhum…

  • Paulo Martins diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não me preocupa a saída do Mancini mas o momento em que ocorre. Com quatro vitórias e dois empates na pequena trajetória o novo técnico do Grêmio terá uma comparação respeitável pela frente. Quanto ao nome do técnico não tenho grandes preocupações não sendo Abel Braga ou Joel Sanatana…. rsrsrs

  • marcos vinicius da rosa diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não vou falar do Mancini, mas da contratação do Roth,essa foi dose,a indignação a tristeza e a vergonha que estou sentido dói na alma.Eu jamais vou esquecer do Roth insistindo sempre na escalação do Cleison,um jogador de péssima qualidade que só dava pontapé,quando me lembro disso chego a pensar que estou doente,tamanho é a ânsia de vômito que me dá.O que me dói mais é ver que esses dirigentes que ai estão,tratam o GREMIO como uma instituição qualquer.Nós queremos respeiro,honra e dignidade.

  • cesar braz diz: 15 de fevereiro de 2008

    só o tempo dira que a saída do mancini foi uma boa ou não, se estamos tendo problemas no meio campo, o porque de não jogar no 3-5-2, adiantando os laterais para povoar nosso meio campo, agora fica a pergunta quem apostou no mancini o presidente ou pelaipe????será que eles estão em sintonia, quem só perde com isso é o nosso grêmio..

  • André diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não entendo certos comentários postados aqui. O pessoal apoiando a saída do Mancini porque ele não colocou o Pico no meio (e quem ia para a lateral se o Hidalgo está machucado) e tirou o Tadeu (alguém iria criticá-lo por ter deixado o Perea na reserva). Só podem ser parentes do Pelaipe que concordam com a saída do Mancini. Um ótimo treinador que iria mostrar o valor com o passar do tempo. Burrice tem limite e acho que tá na hora do Pelaipe pegar o boné e ir embora. Aproveita e manda o Odone tb!

  • Eduardo dos Reis diz: 15 de fevereiro de 2008

    Caro Wianey, fiz uma rápida análise dos seis jogos do Grêmio com o Mancine de Treinador, veja só. Contra o 15 vitória de 3×0, sem comentários. Contra a Sapucaiense empate de 1×1, merecia ter perdido. Contra o Santa Cruz 1×0, jogou muito mal mas venceu. Contra o Caxias 2×2, quase perdeu. Contra o Nóia venceu por 2×0 mas o jogo quase terminou empatado. E finalmente o Jaciara, o Grêmio poderia ter perdido por 2 ou mais gols. E ainda queimou o menino Wagner. Então acho que foi justa a demissão.

  • FORA PELAIPE diz: 15 de fevereiro de 2008

    TIME DO PELAIPE:

    D`ALESSANDRO, SOUZA, HUGO, CAVENHAGUI, DIEGO SOUZA, RAFAEL SOBIS, E POR AI VAI…

  • Juliano diz: 17 de fevereiro de 2008

    Wianey, te peço que verifique a escalação do Grêmio no Gre-Nal no Beira-Rio em 1999 pela Copa Sul.
    O Celso Roth acabou o jogo com 12 volantes e o Grêmio tomou 2 a 0 (poderia perder no máximo de 2 pra se classificar), se classificou e não chutou absolutamente nenhuma bola no gol.
    Eu não gosto do Celso Roth, que já teve meia dúzia de chances na dupla Gre-Nal e nunca ganhou nada de relevante.

  • cristiano martins diz: 15 de fevereiro de 2008

    caro wianey acho esta decisão de torcar de treinador preocupante pois demonstra q a direção não teve convicção na sua contratação e quem sabe até a de alguns jogadores como sempre é mais facil mandar embora o treinador fez isto então… outra mais gasto desnecessario começamos o ano pagando dois treinadores …..e tb o gremio deve parar de iludir a torcida dizendo q queria d`alessandro , souza , hugo etc pq estes nomes foram cogitados só pra enganar a torcida no mais é isto

  • Fernando diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey,
    Quanto a demissão do Mancini, está claro que o gremio errou. No mínimo uma vez, seja ao escolher alguém sem ter convicção da escolha ou ao demitir um técnico com menos de 60dias de trabalho, sem ter plantel completo a disposição.
    Mancini pode não ser Luiz felipe ou Mano, mas os 2 tiveram muito mais tempo, debaixo de vaias e maus resultados, antes de provarem sua capacidade. Será que não lembram mais da Anapolina. Do Fábio Koff bancando o Luiz Felipe. Faltou convicção na escolha.

  • Fernando diz: 15 de fevereiro de 2008

    Com relação ao novo técnico, a escolha do Roth só piora o cenário da demissão do Mancini. Se mandasse embora o Mancini para trazer Felipão (só como exemplo), ou Muricy (mais um exemplo), ainda se poderia aceitar, relevando a sacanagem com o técnico atual. Apesar da opinião do Sala de Redação, Roth não mostrou nada até hoje que justificasse a troca. É mais um tampão do que outra coisa. E ainda vai criar problemas, como em todos os lugares onde trabalhou.

  • Jonas Rafael diz: 18 de fevereiro de 2008

    Se o Roth não ganhou nenhum título de expressão, o Mano também. Mas mesmo assim era idolatrado como se tivesse. Pena eu ter estado de folga e não podido comentar sobre essa demissão do Mancini, mas minha vontade quando soube era encher esse Pelaipe de impropérios. Essa foi a amior sacanagem que eu já vi na vida. Eu estou tão descontente com essa direção gremista que se fosse dizer tudo que penso seria censurado…

  • Nei diz: 15 de fevereiro de 2008

    Quando momentaneamente o Abel saiu, achei que deveriam trazer o Roth pela sua cultura tática. De fato ele evoluiu, mas tem a síndrome do vôo de galinha, sem constância. Além do mais, ouve pouco o elenco, não tem tato. Apesar disso o Grêmio crescerá.

  • João Carlos diz: 15 de fevereiro de 2008

    Olha, eu lí os comentários, inclusive alguns que eu havia postado após o jogo, e acho que boa parcela da culpa dos resultados (ou falta deles) do Gremio é do Mancini. Como eu escreví, não vejo o time do Gremio pior que do ano passado no papel, mas nos resultados sim. Também não vejo o Gremio pior que o Corinthians ou o Jaciara muito melhor que o Barras. Como é que eles fazem 6 e nós quase perdemos?? Dia muito iluminado do Corinthians ou muito ruim para o Gremio?? Para mim é técnico o problema.

  • Guilherme diz: 15 de fevereiro de 2008

    Sigo no pensamento da maior parte da torcida. O Mancini podia até não estar tendo o estilo gremista de comandar uma equipe, mas discordo plenamente da sua saída neste momento. Esse momento me remete ao segundo semestre do ano passado no qual o Odone, em entrevista ao fantástico, comentou sobre a importância de dar créditos ao treinador (se referindo ao Mano) e deixar o mesmo trabalhar por um longo tempo… E o que fazem agora? Sacanagem. Pior é surgir o nome do Roth como sucessor. Lamentável..

  • João Carlos diz: 15 de fevereiro de 2008

    …(continuando)…

    Vi com bons olhos a demissão do Mancini, mas não vejo da mesma forma a possível contratação do Roth. Que título importante ele conquistou? Ele até serve para apagar incendio momentâneo, mas acredito que no interior do estado, provavelmente o Gremio encontrará o novo Felipão ou o novo Mano…

  • Roberto Fanti diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, acredito na direção do Grêmio, e acho q tomaram uma decisão acertada. O time estava estranho. Eduardo C. aparecendo de homem surpresa,e não foi só no último jogo, nos outros também. Não entendi o Roger jogando tão longe da área, entre outras coisas. Quanto ao Celso, considero um bom treinador. Em 98 fez um bom trabalho no tricolor e acredito q possa fazer melhor em 2008. Tenho um sentimento que teremos, este ano, um time mais competitivo que em 2007.

  • Jéferson de Oliveira diz: 15 de fevereiro de 2008

    Acho imrovável que Roger seja titular em um time comandado por Celso Roth.

  • Mauro Borba diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, o Pedro Ernesto definiu corretamente que o Gremio fazia uma aposta no Roger,que se tinha risco nessa contratação pois ele é bom jogador que poderia dar certo ou não.Não se tem risco é no jogador ruim,no Ramon por exemplo, que é certo que sempre vai jogar mal.Com o Roth é a mesma coisa.O Gremio apostou no Mancini, apostaria novamente no Tite, que poderia dar certo ou não.Com o ROTH esse risco não existe, não temos RISCO ALGUM de sermos campeões.Já sabemos até onde ele vai. Dura realidade.

  • Claiton diz: 15 de fevereiro de 2008

    Por favor, internem o Pelaipe!!!

  • Carla diz: 15 de fevereiro de 2008

    Celso Roth é pior que Mancini, fala sério tirar um ruim para colocar um pior, querem mesmo é afundar o grêmnioooooo!Pode ter certeza que enquanto ele estiver no comando os gremistas estarão revoltados!

  • Alexandro diz: 15 de fevereiro de 2008

    Revelação: O problema do Mancini foram encontros com o amigo treinador do campeão do mundo FIFA do RS.

  • ANDRE GOMES diz: 15 de fevereiro de 2008

    ROTH É RETRANQUEIRO SIM!MONTA TIMES DEFENSIVOS SIM!PAPAGAIO É QUEM NÃO ENXERGA AS EQUIPES DELE.

  • Leandro C. Lampert diz: 15 de fevereiro de 2008

    Prematura a saída do Mancini. Temos vários jogadores novos chegando e outros voltando de lesões fortes. Quem atrasou as contratações foi a direção. Que se desse mais tempo pra ele. Salvo algum problema maior de ordem interna não divulgado. Bah !! Celso Roth nãããããããããoooo !! Até junho/08 precisaremos de outro treinador.

  • REI DO MUNDO diz: 15 de fevereiro de 2008

    E O COMENTARISTA QUE DIZ ESPERAR 3 MESES PARA OPINAR SOBRE O TRABALHO DE UM TREINADOR VAI DIZER O QUE DA DEMISSÃO DO MANCINI.

  • Mariana Mello diz: 15 de fevereiro de 2008

    Vergonha, vergonha, vergonha,…. time sem vergonha. Fora Pelaipe burro!!!

  • Géssica da Rosa diz: 15 de fevereiro de 2008

    Também… como teríamos uma boa reação diante de tal fato? Mal deu pra ver se o Mancini é bom ou mau treinador… Tá certo que o time não está muito bom, mas ao menos não perdemos nenhuma partida no Gauchão e na Copa do Brasil. Acho muito arriscado trocar de técnico quando o time está em processo de entrosamento. Quanto à contratação de Celso Roth… Nada a comentar.

  • sérgio sampaio diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não sei se apoio a saída do Mancini, mas por favor Celso Roth “NÃO”, me traga o TITE.

  • Diego diz: 15 de fevereiro de 2008

    Se Mancini era muito passivo e não tinha espirito mobilizador, então quer dizer que a direção do Grêmio não teve critérios para a sua contratação.Entendo toda a dificuldade financeira do clube, mas não dar recursos para o treinador e ainda cobrar resultado imediato, acho um absurdo. O time foi totalmente desmontado e acham que existe milagre. Deveriam ter contratado um mágico então. Em futebol é necessário tempo e apoio.

  • Caetano diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey…ainda q vc não considere o Celso Roth um retranqueiro… isso é o q menos importa, na verdade um treinador profissional com mais de 15 anos q nunca conquistou um título expressivo, não pode ser uma boa alternativa para o Grêmio. O fato dele falar “grosso” e ser mal educado só serve pra esconder a sua incompetência.

  • Vinicius Santos diz: 15 de fevereiro de 2008

    Parabéns, Pelaipe. Assim tu deixa a torcida colorada feliz. Um conselho a torcida gremista: renovem o estoque de velas que o ano de romarias para se salvarem da Série B/2009 vai ser longo. Um forte abraço e que o Celso Roth seja bem-vindo de volta a POA.

  • Antonio Campos diz: 15 de fevereiro de 2008

    Mancini para mim que digito sempre nos blogs e comentários de ZH é ainda aprendiz, mas troca-lo por Celso traz para mim a lembranças de que em breve veremos ele retirando da equipe o melhor jogador pois ele é a estrelinha.

  • RAFAEL NEVES diz: 15 de fevereiro de 2008

    Lamento ter perdido o profissional Mancini, e pior, trocado pelo Roth. Mas que bom que ele teve personalidade e falou o que tinha que falar, não ficou fazendo politicagem de bonzinho como o Pelaipe e o Odone esperavam. Quando o Mano Menezes jogou fora o título de 2006 do Brasileiro perdendo 4 partidas seguidas antes e depois da Copa não foi demitido , nem quando levou 4 daquele timeco da segunda divisão. Agora o Mancini que não perdeu foi demitido. Paulo Pelaipe o Eurico Miranda dos Pampas.

  • Roseli de Oliveira diz: 15 de fevereiro de 2008

    Eu acho que quem devia sair é essa direção burra! Não gosto do Mancine, mas coitado com esse bando de perna de pau q deram para ele e em tão pouco tempo o que que ele podia fazer melhor? acho que deviam dar mais tempo até porque o Celso Roth não vai mudar muita coisa!!Já que mudaram eu preferia o Tite!! AI!AI! qunto tempo mais teremos que assistir as aberrações dessa direção? aquele jogo de quarta foi uma tristeza, a decadencia de um time!!

  • Israel Borba diz: 15 de fevereiro de 2008

    Eu pelo menos não disse que ele é retranqueiro.
    Mas digo e repito e não mudo de opinião que ele é muito do ruim.
    E isso, quem diz não so eu, nem boatos que correm por ai e sim, os times que ele treina e os titulos que ele NÃO ganha NUNCA.
    O gremio começou este ano, com OBRIGAÇÃO de ganhar alguma coisa e em fevereiro TODOS ja pensam em não ser rebaixados.
    Com Celso Roth aí, nem penso mais nisso, ja tenho certeza.
    AH, leio mtos pedindo TITE.
    Pq NGM no Brasil ké o Tite?
    Salário ou ruindade??

  • Thiago Marques diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, achei precipitada a decisão, mas uma coisa eu não gostei no Wagner Mancini, ele não orientava muito o time, e no jogo de quarta tem que olhar a mão esquerda dele deve tá com um “vergão”de tanto que ele ficou encostado na placa de publicidade do campo, parecia um manequim … às vezes, falta um pouco de ação dele, não parece fazer muita falta durante o jogo, talvez no vestiario seja muito bom ….

  • Luciano diz: 15 de fevereiro de 2008

    Palhaçada! Esta é a única palavra para traduzir o que foi feito pela direção. Aliás, como alguém em sã consciência pode acreditar que o Celso Roth será a solução para um time? Sou sócio e penso em me desvincular……Não vou continuar pagando mensalidade para torcer para o Celso Roth dar certo!

  • Paulo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Grêmio, nada pode ser mais ridículo!!!
    hahahaha

  • Cassinero diz: 15 de fevereiro de 2008

    Celso Roth?? Por favor me diga que isto é um pesadelo!!! Pobre torcida!!!

  • João Pedro diz: 15 de fevereiro de 2008

    Trechos de reportagem de um jornal da capital sobre o Gre-Nal de 2002.

    ”Armado por Celso Roth com TRÊS ZAGUEIROS, DOIS VOLANTES estritamente de marcação e apenas UM HOMEM no meio-campo com características OFENSIVAS, o destino do Inter no Gre-Nal só seria outro por um milagre.”

    Wianey: essa tua predileção por marcação e retranca (éééé, retranca sim) faz você criticar, ad eternum, o Abel, ao mesmo tempo que levantas a moral do Celso Roth.

    Que tal comparar a biografia de títulos????

  • Gustavo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Guilherme Macuglia! Técnico do Guaratingueta líder do campeonato paulista que tem como auxiliar Luis Carlos “Goiano”!
    Esse sim é bagual!

  • Luciano diz: 15 de fevereiro de 2008

    Lembra do Celso no Vasco do ano passado? Teve um jogo com o Grêmio no Rio e ganhou de goleada? Tudo bem que os jogadores do Grêmio eram misto, mas time é time. Ele conseguiu levantar o Vasco por alguns jogos e depois teve decadência que não conseguiu segurar. Conclusão: Foi demitiro! É esta a historia que vejo no Celso Roth. Ele tem competência para levantar o time, mas não vejo no curriculo dele manter o time em alto. Porque? Me explica Wianey.

  • Rafael diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, tu adora uma retranca!!

  • Marco Nelz Xavier diz: 15 de fevereiro de 2008

    1º …
    Pelaipe – Vou anunciar grandes nomes até o Inicio de Fevereiro…
    “PEGADINHA DO PELAIPEEE”
    2º Li a Zero de hoje, só li a capa, um anuncio pequenino… ANUNCIANDO CELSO ROTH????
    QUE ISSO?
    PERA… Vo durmi mais um poco depois volto e vejo se li bem…. passado 30 min… voltei, o pesadelo tava no site do clicrbs… o que fazer agora nação tricolor… PROTESTAR CONTRA A SAIDA DO PELAIPE PARA MIM É O MELHOR A SE FAZER… e APOIAR O TRICOLOR É CLARO…..

  • Mário V. Galvão diz: 15 de fevereiro de 2008

    Eu acho que o problema foi o Mancini ter deixado transparecer que o time precisava contratar mais algum jogador de qualidade. Não pode essa direção afinal trouxe jogadores excepcionais como Hidalgo, Peter, Reinaldo, adora o Wagner zagueiro, Itaqui, o Adilson, mandou embora o Bustos que era impedido de cobrar faltas e atacar, morre de amores pelo retranqueiro Mano que SÓ GANHOU GAUCHÃO, e apesar de toda essa pobreza técnica o treinador ainda ganha fora de casa!

  • Eduardo Pereira diz: 15 de fevereiro de 2008

    Concordo com o Wianey, vamos parar com essa desculpa de chamar o Roth de retranqueiro…o que o Mano é então !? Ano passado fomos até a final da libertadores, prq tinhamos um time com qualidade e um apoio impressionante de nós (a torcida), isso jogando em casa ! Não concordei com a contratação do Mancini no final do ano passado, um cara que não tem perfil para comandar o GRÊMIO…

  • Boanerges Medeiros diz: 15 de fevereiro de 2008

    Esse Roth é cria do retranqueiro felipão só pensam em tres zagueiros e no mínimo doias volantes. Abraços

  • Maikel diz: 15 de fevereiro de 2008

    Essa foi a maior furada da diretoria do Grêmio meses. Eu achava o fato de não ter negociado o Carlos Eduardo com o Benfica, recebendo o D. Souza no negócio, ficasse no topo, lado a lado com a doação do William pro Corinthians. Nada! Foram mais longe! Primeiro, contratando o Mancini sem convicção, como tantos já mencionaram aqui; segundo, contratando um técnico-de-emergência, que só sabe mesmo tirar time do rebaixamento.

  • Fernando Bischoff diz: 15 de fevereiro de 2008

    É inegável que o time do Grêmio caía de produção no segundo tempo. Exatamente como quando sob o comando de Mano Menezes. A verdade nunca saberemos. Mas que tem gato nessa tuba, isso tem. Além do mais, tentar impingir que um turrão (Celso Roth), que já esteve no Olímpico (pífio trabalho), faz os jogadores mais jogadores, parece-me uma lorota digna de concurso. Alguém sabe a verdade verdadeira? Então diga-nos, por favor…

  • claudemir centeno diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey! o Celso não nos já sabemos que é treinador de dias!! e já ta provado que não sai nada del!
    Por favor de uma chance para o Beto Ameida, este pelo menos pode se criar um grande treinador ta faltando oportunidade!!
    em um time que le de respaldo!!
    Mas o Celso NÃO!!!!!!!!

  • bruno diz: 15 de fevereiro de 2008

    a desculpa dada, de que o técnico é muito passivo ou nao demonstra a garra esperada para trabalhar no gremio, é desculpa pra boi dormir. Os dirigentes já conheciam o estilo de antes, e se isso realmente fosse um problema nao deveriam nem te-lo cntrado. demitir um tecnico que conseguiu dar “cara” de time em menos de 2 meses d trabalho pra todos esses novos jogadores, e que ainda por cima está invicto, é uma tremenda burrice e falta d profissionalismo.

  • Sérgio diz: 15 de fevereiro de 2008

    Caro Wianei: Se formou uma mística lá pelos lados do Olímpico tremendamente perigosa: a que futebol se resume a “pegada”, garra, etc. Esses fatores são importantes, claro, mas nunca ví um time só com essas aptidões ganhar algo.

  • bruno schuh diz: 15 de fevereiro de 2008

    Nos ja estamos tb cansados de saber que a continuidade de um trabalho é que gera bons frutos. foi num grande periodo com felipao, tite e mano que o gremio teve seus melhores trabalhos, devido aos treinadores terem ficado tanto tanto no cargo. Nao podemos deixar que o gremio entre novamente na burrice de a cada resultado desfavorável, demita um treinador. A chave so sucesso no futebol nao existe, mas a do fracasso, com certeza é essa.

  • MARCOS TRICOLOR diz: 15 de fevereiro de 2008

    O Time com o celso vai ser este: MARCELO, PAULO SERGIO, LEO, PEREIRA, PICO, NUNES, WILLIAN MAGRÃO, ED COSTA, JULIO SANTOS, RODRIGO MENDES E JONAS= 2º DIVISÃO

  • Fabio M. Paltiano – Ganso diz: 15 de fevereiro de 2008

    Fiquei sem resposta quanto à demissão do Mancini, pois na hora recordei de 2005 quando da demissão rápida(não tão rápida) de Hugo de Léon e da vinda de Mano Menezes. Tudo deu certo a partir daí. Sinceramente, eu estava gostando muito do perfil de Mancini, lamentei sua saída. Mas a chegada de Celso Roth é um tanto duvidoso. Pq não o Tite? O último Grêmio de futebol bonito e tb de muita eficiência tática. Me sinto como um eleitor que n votou naquele candidato, mas tem de torcer pra tudo dar certo.

  • Gustavo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Por favor …… O Celso Roth não !!!!!! Qualquer um menos ele!!!!! Ele já teve as suas chances ….

  • Francisco Sosa diz: 15 de fevereiro de 2008

    Impressionante.

    Fico dois dias sem acesso a internet e agora vejo isto.

  • Bruno diz: 15 de fevereiro de 2008

    AO MAURÍCIO DE BUTIÁ: Eu não estava lendo os comentários e pude ver que vc escreveu exatamente o que eu estava pensando, como comparar Celso Roth com Felipão e Mano Menezez. Na época eram treinadores emergentes e com sucesso nos times do interior. Mano, já havia sido campeão com o Guarani/VA, se não me engano.isso é bem coisa de pessoa “sem noção” como o Pelaipe. Por falar nele, FOOORAAAAAAAA!

  • Marcus diz: 15 de fevereiro de 2008

    EU CONCORDO com a saída do mancini, porque ele inventava formações mirabolantes, com laterais e atacantes no meio-campo,tirando os jogadores de suas posições originais e ainda por cima “queimou” o zagueiro wagner com a torcida. Quanto a celso roth, é uma boa opção até a contratação do tite.

  • Rogerio diz: 15 de fevereiro de 2008

    Só o tempo e o próximo treinador vão dizer se a atitude foi afobada, ou não.

  • Rodrigo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Quem sabe Paulo Porto, ou um gaúcho novato.

  • Nádia Baldi diz: 15 de fevereiro de 2008

    Celso Roth,Claudio Duarte ou Mario Sergio,definitivamente NÃO!Mancini acredito que seja passivo sim pois não esboçou qualquer reação diante do “olé” gritado pela torcida local no jogo contra o nosso clone Jaciara.Só q tb é verdade q antes deste jogo,teve UMA ÙNICA oportunidade d ter alguma qualidade no time q foi no jogo no Olimpico da estreia d Roger e Perea.Acho q foi precipitada esta avaliação da diretoria.Pelaipe mais uma vez colocando os pés pelas mãos!FORA PELAIPE!

  • FRANCISCO ÉRICO DE CASTRO VAZ diz: 15 de fevereiro de 2008

    DEMITIR UM TÉCNICO INVICTO?
    A MAIS PURA FALTA DE RESPEITO COM O TREINADOR E COM A TORCIDA!
    A INSTITUIÇÃO GRÊMIO FOOT-BALL PORTO ALEGRENSE NÃO MERECE DIRIGENTES COMO O SR. PELAIPE!
    A NAÇÃO TRICOLOR ESTÁ INDIGNADA!!!

  • Rafael Marques diz: 15 de fevereiro de 2008

    Nota-se claramente uma falta de planejamento de longo prazo no grêmio. Acredito que a ausência de Paulo Odone (dedicado na arena) está tendo impactos visiveis agora. O time poderia não estar rendendo, mas este tipo de atitude desestabiliza mais ainda o grupo. O Grêmio fez muitas apostas de risco este ano, pois estava sem dinheiro, e consequentemente vai ser um ano difícil e imprevisível.

  • Dreifus Costa diz: 15 de fevereiro de 2008

    Bom…
    Um treinador que me escala um lateral direito que se diz apoiador e velocista e não cruza uma bola certa na área, um lateral esquerdo que não marca ninguém, um meio campo que so um marca e o mesmo tem armar as jogadas. Assim ta braba a coisa mesmo. mas acho que a culpa não é só dele. quem sabe o Pelaipe não pede carona e se manda. Sem jogadores não há treinador que resista.

  • David diz: 15 de fevereiro de 2008

    Pelaipe demitiu o Mancini alegando o este não tinha garra para ser treinador do Grêmio. Se isso fosse importante para a direção gremista, o Menezes seria demitido antes do primeiro turno do CB do ano passado quando se contentava com péssimos resultados e demonstrava não fazer a menor questão de treinar o Grêmio. Quanto ao Roth, estamos retrocedendo! Já demonstrou ser um fracassado por onde passou e não é bem-vindo em lugar nenhum. Pelaipe, aloprado, teu lugar é no Colorado!

  • Sandro diz: 15 de fevereiro de 2008

    O tempo passa e o Grêmio não muda. Não tinham tanta convicção no trabalho do Mancini? Saiu o Mano e eles buscam um técnico que tem na bagagem uma boa passagem pelo Paulista e mais nada. Ah, estava esquecendo, ele jogou no Grêmio, foi treinado pelo Felipão. E daí? Daqui a pouco vão trazer o Arilson para treinar o Grêmio. Aí fica o Roth até o Meio do ano, depois chamam alguém que se destacou no Gauchão, para enfim, trazer alguém convincente. Só que aí, toda a equipe está desmotivada.

  • Mauricio Todeschini diz: 15 de fevereiro de 2008

    O Grêmio troca um técnico promissor, invicto, que com um time pequeno já ganhou a Copa do Brasil; Por outro (ROTH) que, mesmo muito mais rodado e passando por grandes clubes brasileiros – Grêmio, Internacional, Atlético/MG, Santos, Palmeiras, Flamengo, Botafogo, Vasco e outros -, jamais sequer chegou à final de um torneio de nível nacional. Gardenal no Paulo Pelaipe. E um nariz de palhaço para todos os gremistas, que têm muitos outros motivos para estarem descontentes com atitudes do Pelaipe.

  • Felipe diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não dá pra culpar o treinador pela má atuação do Grêmio quarta-feira. Todos sabem que o elenco do Grêmio é muito limitado, ou tu acah que Peter, Wilian magrão, Pereira, Paulo Sergio são bons jogadores?????. Falta, zagueiro, falta meio campo e falta preparo físico. O Mancini vinha fazendo um bom trabalho. Ainda falta colocar pra jogar muitos reforços e mesmo com esse time o Grêmio tem melhor campanha que o inter. Nunca vi treinador cair invicto. Deve haver outra explicação.

  • zeca diz: 15 de fevereiro de 2008

    A melhor opção para treinador do Grêmio é WIANEY CARLET. Depois Caio Junior do Goias. O coitado do Mancini não conseguiu em nenhum jogo manter um bom desempenho do time do SEGUNDO TEMPO. Sintoma evidente de que o técnico não consegue ver esquemas do adversário. E esta de ficar blindando o Roger e dizer que o passe que vem de trás é sem qualidade esculachou os volantes, inclusive o melhor jogador do grêmio que é o Eduardo Costa… MAS CELSO ROTH Não.

  • Diego diz: 15 de fevereiro de 2008

    O Roth tem um sério problema, sempre começa bem os campeonatos, mas quando chega perto do final ele se perde. Não há duvidas que os seus times estão sempre bem montados, mas faltam títulos grandes. Bom, o Grêmio queimou uns 500 mil (reais ou dolares)para trazer o Mancine, depois nao sabem porque o clube fica sem dinheiro.

  • fabio diz: 15 de fevereiro de 2008

    OTIMA AQUISICAO CELSO ROTH…..
    HAHAHAHA
    VAMO VAMO INTERRRRR

  • Andre Almeida diz: 15 de fevereiro de 2008

    FORA PELAIPE!

  • Leandro diz: 15 de fevereiro de 2008

    Seu Wianey, faz 30 anos que o Celso Roth é técnico e nunca ganhou NADA. E daí que o time é equilibrado?

    Por favor…

  • Colorado diz: 15 de fevereiro de 2008

    AHAHAHAHA….

  • Samuel Lermen diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, escrevi aqui essa semana que o Mancini não durava 3 meses no Grêmio, na minha oipião foi acertada a demissão. Nada a ver com time sem tem qualidade ou não, mas o jeito que o Gremio tava jogando não é o Gremio que conhecemos de garra e determinação, se não tem qualidade a raça e a determinação devem prevalecer, não via isso no Mancini. Agora não sei se o Roth é o treinador certo, mas foi acertada a decisão de tirar o Mancini.

  • RAFAEL NEVES diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, foi um equivoco te-lo trazido sem uma correta avaliação do seu perfil, que era inexperiente isso todos sabiamos. Eu vejo o Celso Roth, se for confirmado, como um técnico sem estrela pra ser campeão, e isso é muito importante, já passou pelo Grêmio 2 vezes e não conseguiu nada, nos outros clubes que passou também não consegue dar continuidade a seu trabalho, então? O que mudou no Celso Roth pra ser o nome para o Grêmio?

  • Gerson Jr. diz: 15 de fevereiro de 2008

    Bom… o que eu penso é que não podemos falar da capacidade real do Mancini, tendo ele um time praticamente inteiro montado na correria e sem estrelas. Qualquer um que estivesse no lugar dele teria dificuldades em encontrar uma regularidade neste início de temporada. Não gostei da demissão dele. E sobre e especulação da contratação do Celso Roth, acredito que esta ainda não é a melhor solução para o Grêmio.

  • Rodrigo Misleri Fernandes diz: 15 de fevereiro de 2008

    Na minha opinião, sobre este jogo específico em Cuiaba, o Mancini escalou mal o Grêmio. Ora se não conhce nada ou quase nada sobre o rival, arma um time forte defensivamente, aos poucos com substituições “parte pra cima”. Acredito que só ocorreu a demissão por produto de nervosismo do momento uma vez que ele foi demitido lá mesmo no MT.

    Não acho o Celso tão mal técnico assim, o fato de não ter ganho nada expressivo até o momento não quer dizer que ele seja ruim.

  • Ricardo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Vejo o pessoal falando mal do Mancini mas… dá para avaliar alguém em seis jogos? Nada contra o quem ache que ele não tem o espírito do Grêmio, mas alguém se preocupou em ver a história do treinador e seu passado recente?
    Ele é capaz sim de comandar times equilibrados e mostrou isso muito bem na Copa do Brasil. Celso Roth é incapaz de ganhar alguma coisa e também provou isso muito bem ao longo de sua história.
    Anote aí, nunca me verão no Olímpico até que Celso Roth e Pelaipe caiam.

  • Maurício Frantz diz: 15 de fevereiro de 2008

    O Mancini não estava agradando. O time lá no Mato Grosso tava uma zona, sem disposição tática. Mas um acerto (demitir o Mancini) não pode justificar um erro (contratar o Roth) pelamordedeus!

  • PAULO TRICOLOR diz: 15 de fevereiro de 2008

    GRANDE DIREÇÃO DO GRÊMIO..SEMPRE PERDIDA..ANTES MANCINI ERA CONVICÇÃO…APÓS 6 JOGOS RUA! JOGADORES SÓ MESMO EX-COLORADOS..ASSIM NÃO DÁ MAIS.
    FORA PELAIPE EMITADOR DE CACALO!
    QUEREMOS UM DIRIGENTE MAIS COMPETENTE!
    “VOLTA CACALO”!!!
    ESTA DIREÇÃO DEBOCHA DO TORCEDOR GREMISTA. PELO JEITO DEPOIS DO GAUCHÃO E COPA DO BRASIL TEREMOS OUTRO NOVO TIME..IGUAL A 2006,2007. DIREÇÃO QUE NÃO SABE ESCOLHER OS JOGADORES. E PELO JEITO O PELAIPE QUER FAZER DO GRÊMIO UMA FILIAL DO INTER. CHEGA DE EX-DO INTER!

  • MARCELO diz: 15 de fevereiro de 2008

    A MELHOR MANEIRA DE AVALIAR A SAÍDA DE MANCINI É PERGUNTAR AO ADVERSÁRIO. ORA, ADORAMOS. AINDA MAIS PELO FATO DE SER CELSO ROTH O NOVO TÉCNICO, QUE ESTÁ DENTRO DOS PADRÕES GREMISTAS.
    SINCERAMENTE FALANDO, ACHAVA MANCINI UM BOM TÉCNICO, E NÃO TEVE CHANCE DE SEQUER MONTAR UM ESBOÇO DE TIME. COM CERTEZA SERÁ MAIS FELIZ LONGE DAQUI.

  • Thiago Peduzzi diz: 15 de fevereiro de 2008

    É INACREDITÁVEL que o Pelaipe demitiu o Mancini, sendo que eles estava invicto com um time em inicio de formação. Se houve discordância no posicionamento entre técnico e direção para com a imprensa, por então não tentanram uma reconciliação ao invés do radicalismo? Sequer deram chance pro cidadão. Isso é uma falta de ética INADIMISSÍVEL.

  • GUILHERME diz: 15 de fevereiro de 2008

    CELSO ROTH NÃO É RETRANQUEIRO, EU É QUE SOU…AHAHAHAHAH

  • Colorado diz: 15 de fevereiro de 2008

    CELSO ROTH,AQUELE QUE COLOCOU RONALDINHO GAUCHO NO BANCO DO ITAQUI…SABE MUITO ! AHAHAHAH

  • Henrique Caravantes diz: 15 de fevereiro de 2008

    Não acho o Roth retranqueiro, mas não acho que deva ser ele o técnico. Não é o técnico ideal para o momento. Temos que buscar um técnico no interior!! O do Novo Hamburgo e o do Santa Cruz do Sul me agradam.. O técnico do Naútico no brasileirão passado também me agrada.
    Dos técnicos com mais renome me agradam Autori e Tite..

  • gilberto diz: 15 de fevereiro de 2008

    Parece que já estou lendo as próximas colunas do Wianey. Fã confesso do Roth e avesso ao Abel, quando dos resultados negativos do Grêmio vai dizer que é falta de qualidade e projetar dizendo ah! se o Roth tivesse a matéria prima do Beira-Rio? Vai ser o tempo todo comparando um treinador com outro

  • Maurício Frantz diz: 15 de fevereiro de 2008

    Tchê, o que que era o meio campo do Grêmio contra o Jaciára! Só podiam demitir o técnico mesmo. Mas Celso Retranca Roth no Olímpico de novo não, por favor. Tragam um técnico experiente mas que tenha vontade de vencer!

  • roberto diz: 15 de fevereiro de 2008

    POR FAVOR, TITE PELOAMORDEDEUS!!!!!

  • Fernando diz: 15 de fevereiro de 2008

    Eu apoio a saída do Mancini. Não via nele estilo para treinar o Grêmio, e sinceramente, não compartilhava da idéia de futebol dele.

    Ele monta o time do ataque para a defesa, quando o correto é montar da defesa para o ataque. Um bom time, time equilibrado, começa por um sistema defensivo sólido, mesmo que com Wagner ou Pereira na zaga. O Grêmio não tinha nenhuma sincronia defensiva, nenhum volante marcava e ninguém era de ninguém naquela defesa.

    Ninguém melhor do que o Pelaipe (continua…)

  • Fernando diz: 15 de fevereiro de 2008

    (continuando…)para detectar que o Mancini não iria corrigir esses equívocos. A maior burrada da direção foi ter trazido o treinador talvez numa empolgação momentânea. Faltou critérios na avaliação, e agora a pré-temporada foi jogada no lixo. Paciência. Melhor corrigir agora do que esperar a coisa desandar lá na frente.

    Por fim, gosto do nome do Roth, e concordo que é lenda essa história de retranqueiro. Rótulo desnecessário. Se for confirmado, vou ficar feliz pois estaremos em boas mãos.

  • Luiz diz: 15 de fevereiro de 2008

    Mais uma vez o Grêmio começa a temporada errando em contratações e no planejamento e tenta mudar e/ou solucionar os erros durante a temporada (ja vi esse filme de terror).Quem sabe as mudanças devem ser feitas na direção.Pensem nisso.

  • Rodrigo diz: 15 de fevereiro de 2008

    Nenhum técnico é mágico para fazer um time jogar com Peter, Reinaldo, Pereira, Anderson Pico, Wagner e Nunes. Quem contratou os primeiros? É só refletir.

  • Carlos Eduardo Bellini Borenstein diz: 15 de fevereiro de 2008

    Desde 2005, a direção do Grêmio mais acertou que errou. No entanto, as explicações para a saída do Mancini são insuficientes. Se o clube precisa de um treinador experiente como vem falando, então está assumindo o erro de tê-lo contratado. Além disso, jogadores como Paulo Sérgio não podem jogar no Grêmio. Acho o Celso Roth um bom nome para o momento. O problema é como administrar seu forte temperamento. Com o Roth, Roger está com os dias contatos no Olímpico.
    Da-lhe Imortal Tricolor

  • marco antonio cervi diz: 15 de fevereiro de 2008

    Se fosse no INTER vcs da imprenssa não perdoariam e baixariam a lenha na direção,principalmente o senhor,como sempre faz.Sobre a falta de qualidade da direção do campeão intercontinental nem uma linha,que estranho!!!!!!!!!!

  • Fagner dos Santos diz: 15 de fevereiro de 2008

    Acredito que o Roth seja um bom técnico mal compreendido. Mas ele começa arrumando o time pela defesa. Ele já jogou com três volantes no meio – o Grêmio de 1998, que jogou contra o Corínthians tinha Fabinho, Goiano, Otacílio e o mais “ofensivo” era o Itaqui, que era lateral até ele assumir o tricolor. E foi a base do time do ano inteiro. Mas não é isso que me preocupa. O que me deixa desapontado é que seja essa a visão de futebol do Pelaipe: não aceita “dicas”, está fora. Lamentável.

  • ROGERIO ETCHICHURY diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, se os times do Celso Roth são bons e equilibrados, por que em 20 anos de carreira, ele não apresenta resultados satisfatórios, nada, nadinha? O que ele não tem é currículo pra apresentar. Em qualquer lugar do mundo, quando se contrata um profissional, a primeira coisa que se olha é o currículo, no Gremio não, nunca apresentou resultados antes? Então está contratado. Que beleza!

  • Júlio Cezar da Silva Pires diz: 15 de fevereiro de 2008

    Sinceramente, não acreditava muito no Mancini, mas eu acredito menos ainda no Pelaipe, esse sim é sem princípios… Foi feito um mistério na contratação do terinador no inicio do ano (erá um profissional vencedor…, inovador, aguerrido) pois é, 6 partidas depois o cara é reprovado. Acho que com esse equívoco entre outros tantos (contratações), o 1º nome a sair do NOSSO Grêmio deveria ser o dele, depois poderia ser o treinador!!!
    A mudança deveria ser de cima pra baixo!

  • Guilherme diz: 15 de fevereiro de 2008

    Mano Menezes cansou de entregar jogos fora de casa, e até mesmo em casa, insistindo no próprio erro por diversas vezes e foi mantido por 2 anos no cargo.. agora mandam embora um tecnico invicto que mal começou o trabalho pra trazerem outro treinador sem nenhuma perspectiva maior do que brigar pra nao cair. Queriam o que? Goleadas em todos os jogos? com esse time nem Felipão daria jeito. O Grêmio e sua torcida nao merece passar por isso! FORA PELAIPE! O único responsável por toda essa palhaçada!

  • Cezar diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, é lamentavel para o torcedor gremista iniciar o ano desta maneira. Este elemento pelaipe já deveria ter sido corrido do Olimpico. Até quando os gremistas vão ter que guentar a “COMPETENCIA” deste genio. O que este elemento está fazendo vai custar muito caro para o Gremio, pois com certeza o rebaixamento com o atual plantel e estes desmandos descabidos é quase certo. Eurico Miranda, elemento pelaipe, só existe UM.

  • Giovani Schneider diz: 15 de fevereiro de 2008

    Acho precipitada a demissão do Mancini o time do Grêmio está em formação há contratações necessárias que ainda não estrearam deveriam ter dado mais tempo agora quanto ao Celso Roth pelo amor de Deus este não este cara não para em lugar nenhum porque não trazer o Tite então este já provou que é competente sei não mas estou perdendo minhas esperanças e começo a achar que o inter vai ser campeão gaúcho nasci Gremista mas estou perdendo a fé

  • Luciano Castro diz: 15 de fevereiro de 2008

    Wianey, voce mencionou que não há comentários positivos, mas o que penso é que quem se manifestam são os cr´ticos corneteiros. Eu não critiquei em nenhum momento o mancini antes de ver o trabalho dele. Achei, depois do jogo do Jaciara, que falta pulso pra ele, o time estava apático,e o tecncio tambem mostrando conformidade com o resultado e atitude da equipe. nao podemos ser tao criticos com o roth, afinal se passam 8 anos da ultima vinda dele, será que ele nao melhorou como pessoa e tecnico?

  • Ismael Andre Magedanz diz: 15 de fevereiro de 2008

    Sinceramente nao entendo a subitademissao de Mancini. deve com certeza haver alguma questao interna que é desconhecida do público em geral, pois nao vejo outra razao que justifique esta atitude. Quanto ao time, creio nao ser possivel condenar o treinadopr em virtude de que ainda faltam jogadores a estrear e outros ainda a serem contratados. Com o que tinha em maos, Vagner Mancini estava operando quase que um milagre. Quanto a Roth é melhor deixá-lo trabalhar para posterior avaliacao.

  • Ari diz: 15 de fevereiro de 2008

    Achei apressada a demissão do Mancini, algo mais grave deve ter acontecido. O Celso é um bom técnico, no começo apresenta bons resultados depois parece que falta alguma coisa, não decola. Alguns queriam o Tite, pelo amor de Deus. O Tite das ovelhinhas, que levou o Grêmio a segundona. O Tite que dispensou o Luisão na vépera de uma decisõa de Libertadores e ficou com Adriano Chuva. O Tite responsável pela demissão do Paulo Paixão. O Trvão Azul não é de sua época? Agora é Celso Roth. Grêmio imortal

  • Jonas diz: 15 de fevereiro de 2008

    Hahahaha… rumo a segundona… de novo!!!!!!!

  • Rodrigo Harzheim diz: 15 de fevereiro de 2008

    Gostaria de agradecer ao Sr.Paulo Pelaipe, que ao contratar o Sr.Celso Roth me afastou do estadio Olimpico e portanto diminuiu meus gastos com diversão. Pergunto, o contrato do Roger vai ser revisto, porque com o celsinho ele não jogará. Ai so teremos os quebradores de bola do pelaipe.

  • Eduardo Rodriguez diz: 15 de fevereiro de 2008

    Caro Wianey: Assisti ao Grêmio com Mano. Quando a equipe não jogava nada tal treinador se escondia na casamata até o fim do jogo e Pelaipe não perdia o “sono”. Mancini, uma pessoa de bem foi fagocitado pela maldade da dirigência gremista atual. Boas pessoas sempre são rejeitadas pelos inferiores tipo Pelaipe. Pobre Grêmio que já teve dirigentes como Dourado e Koff.

Envie seu Comentário