Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts do dia 8 junho 2008

TREINADOR OCULTO

08 de junho de 2008 51

Perea marcou os gols do Grêmio/Fernando Gomes
Quando o locutor oficial do Olímpico anunciou as escalações das duas equipes, não se ouviu o nome de Celso Roth. O Grêmio estava poupando o seu profissional de mais uma vaia, antes do jogo. Depois, viu-se a repetição do que já acontecera em outros jogos: o time do Grêmio organizado, ocupando todos os espaços do campo, defendendo-se com vigor e atacando com personalidade. Foi com estas qualidades que a equipe de Roth venceu o time que está prestes a se tornar campeão da América. E foi assim, ocultando o nome do seu treinador, que o Grêmio protegeu das vaias aquele que está colocando o Grêmio entre as melhores equipes do Brasileirão. Um esforço extravagante para esconder a virtude.

Perea marcou os dois gols do Grêmio, não se pode exigir mais de um atacante. Roger, que desta vez manteve o bom nível de atuação a partida inteira, foi o articulador talentoso que fez a diferença. Mas, foi o garoto Felipe Mattioni quem fez a alegria da torcida. No segundo tempo, principalmente, o garoto esbanjou técnica e arrojo. É uma pena que Celso Roth não esteja disposto a incluí-lo, já, entre os titulares do time.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

TIME DISSOLVIDO

08 de junho de 2008 58

Nilmar segue isolado no ataque/VIPCOMM, divulgação
Nova derrota e mais uma atuação constrangedora, assim o Inter perdeu outro jogo fora de casa, desta vez para a minúscula Portuguesa. Desapareceu o time que já foi considerado favorito para ganhar o título. Dissolveram-se todas as virtudes que pareciam consistentes durante o campeonato “engana-bobo”. E nem cabe alegar falta de titulares. Ontem, só não jogaram Sorondo, Bustos e Fernandão. Com uma dúvida: Bustos é titular?

Mais uma vez, o vestiário fez mal. Como mudou o treinador, talvez seja bom examinar a água que os jogadores bebem no intervalo dos jogos. O Inter terminou a etapa inicial vencendo mas, em duas bolas paradas, já estava perdendo com 12 minutos de jogo no segundo tempo. Na etapa final, o goleiro da Portuguesa só foi exigido em duas faltas cobradas por Alex. Nos últimos minutos, a bola foi cruada para a área da Portuguesa. Nilmar saltou entre quatro defensores adversários. Esta jogada foi emblemática. A solidão do atacante não foi corrigida.

Não é pouco o trabalho que o novo treinador colorado terá que enfrentar. Neste momento, o time está empanturrado pela ilusória ideia de que o carrossel do Gauchão é um fato definitivo. Todo o mundo quer atacar, começando pelos zagueiros, passando pelo volantes e chegando a Alex que, em 2006, era um meia que atacava mas voltava para marcar. Quando o adversário retoma a bola, estão todos fora de lugar. O novo treinador terá que começar pelo começo: reorganizando o sistema defensivo que sumiu. Estancar os gols que o time sofre. O Inter, que precisa ser reconstruido, insiste em buscar a retomada a partir de um patamar que não existe mais. Ah, e seria conveniente esquecer Andrezinho e Ricardo Lopes. Aliás, foi por ter Andrezinho que o Inter rejeitou Diogo Rincon. E Marcão, se redescobrir que não é atacante, poderá seguir titular. Mesma condição para Edinho, Guiñazu e Magrão. Começar do zero, é do que precisa o Inter.

Postado por Wianey

Bookmark and Share