Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Felipão no Chelsea

17 de junho de 2008 30

Será que Felipão agüenta muito tempo no Chelsea?/Gerry Penny, EFE

O site Terra publicou a correspondência que este blog reproduz abaixo. No texto, o corresponde Alexandre Xavier traça um perfil minucioso do novo clube de Felipão. Confrontando-o com o temperamento explosivo do treinador, conclui que dificilmente o Big Phil, assim chamado na Inglaterra, cumprirá integralmente o seu contrato:

“A física não mente. Pólos opostos se atraem, até no futebol. Felipão (ou Big Phil como é chamado por aqui) acabou de assinar um contrato de 4 anos com o clube mais almofadinha e cheio das frescuras do planeta. Nada a ver com o perfil do gaúcho de Passo Fundo, que não tem papas na língua. O Chelsea é o clube com mais papa na língua do mundo. Jogador e técnico não podem falar nada de polêmico para a imprensa, o bilionário dono do clube, mister Roman Abramovich, é todo enrolado com negócios escusos, nunca dá declarações, está sempre dando palpite na escalação do time… O capitão da equipe, John Terry, se acha o dono da cocada preta, dizem ser mascarado e `derrubador` de técnicos. O estádio do clube, o Stamford Bridge, mais parece um hotel 5 estrelas do que um estádio de futebol.

Sem contar que o Chelsea fica no bairro mais aristocrático da cidade, o bairro onde mora o príncipe e onde estuda o filho da Madonna. Imagino o Felipão fazendo banana pra torcida (assim como ele fez com o Corinthians na semi-final da Libertadores de 2000 vencida pelo, então, nosso Palmeiras). Os senhores-torcedores que acabaram de tomar o chá das cinco vão ficar chocados.

Hoje em dia é seguro dizer com todas as letras que o Chelsea é o time mais odiado da Inglaterra. E Felipão é adorado por onde passa. Os ingleses têm fama de `low profile`, são quietinhos, odeiam confronto (a não ser quando enchem a cara). Árbitro aqui não sofre. Já Felipão é encrenqueiro, de quietinho não tem nada, sempre reclama da arbitragem. Outro disparate: a Inglaterra é protestante e é um dos países mais laicos do planeta, manifestações religiosas aqui não se vê. Felipão é bastante católico, e usa sua fé inclusive pra motivar sua equipe. Como ele vai motivar o Joe Cole ou o Ballack se eles provalmente nem acreditam em Deus?

Tem mais: o Chelsea tem fama de retranqueiro, trambiqueiro (por causa do dono) e, apesar de contar com jogadores milionários, estrelas do futebol mundial, é um time que joga um futebol entediante, sem garra, sem criatividade, que dá sono. Fora a retranca, é um perfil que não condiz com a do Big Phil.

E outra. Mais grave ainda. Mesmo sem ainda ter pisado no Chelsea, Felipão já perdeu para o aqui-inimigo Manchester United (na final do Mundial Interclubes de 99, quando ele ainda dirigia o Palmeiras). Isso não deve ser bom agouro…

Entretanto, derrotas do Palmeiras nunca devem ser resgatadas. O mais interessante mesmo é relembrar que Felipão recusou o emprego de treinador da Inglaterra (muito bem recusado porque a seleção inglesa é terrível), entre outras razões, porque sua privacidade tinha sido muito invadida durante os dias de especulação.

Não sei o que o fez mudar de idéia (talvez os £27 milhões do contrato), mas no Chelsea os tablóides vão pegar no pé dele da mesma maneira. E eles são chatos. Infernais. Big Phil, um cara gente boa, estourado e bem reservado, vai perder a paciência. E vai ser engraçadíssimo. Uma das frases dele já até saiu no jornal por aqui e foi considerada um `desafio para a imprensa britânica`. Felipão disse certa vez: `se alguém fala da minha privada, eu dou uma bela cacetada. Não me interessa processar ninguém, gosto de resolver as coisas do meu jeito`.

O campeonato inglês realmente não parece ter muito a cara de Luiz Felipe Scolari. Até porque se ele acertar o nariz de alguém, vai levar um gancho enorme e pode ir parar na cadeia. Mas vai ser ótimo. A imprensa já fez um auê hoje com a notícia de que ele viria para o Chelsea Football Club. Até montagem de poster de filme do Gene Hackman com o rosto dele apareceu (Big Phil é a cara do Gene Hackman!). O futebol inglês está muito chato, os próprios ingleses estão reclamando. E se o Felipão não sossegou e é ainda o mesmo cara do Grêmio, Palmeiras, Cruzeiro e Seleção Brasileira e Portuguesa, o campeonato aqui vai ferver em agosto — pelo menos no que diz respeito ao banco de reservas, o que já é um começo.

Pelas bandas de cá do Atlântico, na ausência do time do Palestra Itália, minha simpatia futebolística recai no Arsenal (rival londrino do Chelsea). Mas torcer contra o Felipão é impossível. Se ele agüentar, porém, permanecer como técnico do Chelsea por mais da metade do contrato (2 anos), eu viro torcedor do Corinthians. Corinthians de Alagoas, bem entendido (opa, nem brinca!)”.

SERÁ QUE O NOSSO GAUDÉRIO TREINADOR AGÜENTA?

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Comentários (30)

  • Fernando Luiz Waechter diz: 18 de junho de 2008

    Pô Wianey, tu ainda te presta a divulgar um texto destes! Esse Alexandre “sei lá o que” não deve entender absolutamente nada de futebol. Pra variar tá só secando o Felipão! Dizer que o futebol inglês é chato, sem raça, sem qualidade, sem criatividade…fala sério tchê, atualmente é disparado o melhor e mais difícil do mundo. Ah, vale lembrar que nas últimas duas ligas dos campeões a inglaterra teve 3 times entre os 4 semi-finalistas. E eu ainda perco meu tempo lendo e comentando essa matéria…

  • Carlos diz: 18 de junho de 2008

    Pobres mortais, Felipão está a anos luz de qualquer reportagem possível. O tempo passa e ele continua ganhando.
    Na seleção ele ia ser um fracasso, toda imprensa do centro rio-sp metendo pau, e ele ganho a copa
    Pra quem não se lembra ele já foi pro Japão, e está em Portugal onde é quase o rei de lá. E agora, do alto de sua imensa capacidade, vontade, inteligencia e sobretudo sangue gaúcho trabalhador, vai pra para mais um desafio.
    Em 1 ano o xeique do chelsea vai ta tomando chimarrão,escreve ai.

  • Daniel Barcia diz: 17 de junho de 2008

    Não vi nenhuma maldade ou `secação` no bom texto do Alexandre. Ao contrário, fez uma análise correta do ambiente. Um pouco de interpretação de texto não faz mal a ninguém, não é mesmo?

  • Marco Berliachi diz: 17 de junho de 2008

    Caro Sr Caco Fornasier, é necessário residir em Londres para elaborar uma avaliação como a realizada por Alexandre Xavier. Avaliar a chatice do futebol é uma opinião pessoal, o resto não pode ser considerado bobagem. São fatos perceptiveis apenas por quem está inserido na cultura e no clima do lugar. Falar de longe é bobagem. Mesmo porque MALA (Chelsea) + MALA (Felipão) = Se merecem…

  • P.C. diz: 17 de junho de 2008

    O FELIPÃO É O “PELÉ” DOS TREINADORES DE FUTEBOL, OU ALGUÉM DUVIDA?!!

  • Rodrigo diz: 17 de junho de 2008

    Li uma cronica muito interessante a respeito do Felipao no Chelsea. Uma das suas principais caracteristicas e a motivacao dos jogadores atraves do dialogo. Acho que a barreira do idioma pode ser um pouco difcil de superar. Nao e apenas aprender a falar ingles, mas sentir no idioma. E isso leva tempo. De toda a forma, e um grande desafio. De toda a forma, acho que seria interessante ver ele treinar a selecao mexicana ou espanhola. Mas achoo que ele quer mesmo outro desafio. E esse e dos grandes!

  • rafael diz: 17 de junho de 2008

    Aguenta e ainda será campeão europeu pelo Chelsea. Ele foi campeão em todos os clubes que passou e agora não será diferente.

  • Fabio diz: 18 de junho de 2008

    Tem certeza que é o campeonato inglês que vc anda vendo, o Jo?

  • Paulo diz: 17 de junho de 2008

    Só tu mesmo wiagremio. Acho que tu prefere que o Chelsea leve o Celso Roth por que ele é melhor???

  • doug diz: 17 de junho de 2008

    qm escreveu isso falou um monte de besteiras, pena q o wianey se prestou a botar isso no blog. Grande coisa o bairro onde é sediado o chelsea, grande coisa…

  • Andre Morsa diz: 18 de junho de 2008

    felipao n eh tecnico nem de futebo, de botao!!! vai atras do dinheiro e soh… mercenario! sempre esteve no lugar certo na hora certa, nada mais q sorte! q ele fique muitos anos na europa, ganhando milhoes e nem pense em voltar pra selecao brasileira!

  • Lucas diz: 17 de junho de 2008

    O cara que escreveu isto é um tremendo de um babaca. O Felipão vai dar certo no Chelsea sim, o time tem um baita elenco e ele vai reforçar ainda mais porque dinheiro não é problema. Ele é muito competente. Dale Inter!

  • Caco Fornasier diz: 17 de junho de 2008

    Quanta bobagem esse cidadão falou..
    A maior delas: “o futebol inglês está muito chato”.
    Como assim? É de longe o melhor campeonato de toda a Europa; colocou 3 times nas últimas duas semi-finais da Liga dos Campeões, sendo que neste ano Chelsea e Manchester fizeram a final.
    O que falta para ficar, digamos, divertido?
    Isso parece texto de alguém que no futuro, se o Felipão não der certo, vai dizer: “viu, eu avisei, eu já sabia!”

  • Rafael diz: 18 de junho de 2008

    Quanta besteira em um texto só, tá louco!

  • FERNANDA diz: 18 de junho de 2008

    QUE SEM NOÇÃO ESSE CARA, COMO E O NOME DESSE SECADOR DO FELIPÃO??ALEXANDRE XAVIER,TU AINDA PUBLICA WIANEY??, OS DIRIGENTES DO CHELSEA,CONTRATARAM O FELIPÃO SEM SABER QUEM ELE ERA????RSRSRSS,NÃO TINHAM INFORMAÇÃO NENHUMA SOBRE ELE?RSRSS VÃO PAGA UM CAMINHÃO DE DINHEIRO AO FELIPÃO SO PELOS OLHOS AZUIS DO FELIPÃO???RSRSRSS, QUE É ISSO??!NOSSA INVEJA MATA! AH ALEXANDRE VAI DORMI! O FELIPÃO VAI SE CONSAGRA NO CHELSEA,ASSIM COMO ACONTECEU POR ONDE ELE PASSOU, NOSSA INVEJA MATA!

  • Guilherme Louzada diz: 17 de junho de 2008

    Auguri pra ele.

  • jo diz: 17 de junho de 2008

    felipão vai se ferrar pois todos os times ingleses jogam no balão,trombada e retranca ,tão a gosto do big fil…

  • Ombudsman diz: 17 de junho de 2008

    Interessante o texto reproduzido Wianey. Penso que tem algumas propriedades,mas também devemos considerar que o “dono”do Chelsea prá bobo não serve. Não pagaria toda essa grana se não acreditasse no Felipão e o seu estilo de trabalho. Acho que o futebol inglês não tem nada de chato. Pelo que se conhece não simpatizo com o Chelsea, ao contrário. É um grande desafio para o Big Philip, que se vencer será a total consagração . Caso contrário pde treinar o Inter. . . .

  • Roger diz: 18 de junho de 2008

    Tem tanta bobagem nesse texto que nem sei por onde começar. Também moro em Londres e o José Mourinho, que era adorado por aqui, tem exatamente o mesmo perfil do Felipão (fora os socos e empurrões). O Chelsea tem um futebol forte e objetivo, mas falta aquele algo mais que o Felipão pode dar.

  • Marco diz: 18 de junho de 2008

    O Felipão teve 2 experiências em regiões (bem) diferentes do Brasil: Oriente Médio ainda antes de ser famoso e no Japão. Não lembro de como foi no Oriente Médio, mas no Japão não conseguiu se aclimatar e voltou correndo na 1ª oferta que recebeu pra sair de lá. Vamos ver agora como ele se sai num país que nem é tão diferente assim do Brasil (pelo menos é ocidental).
    Quanto ao texto, não entendi o porque das críticas de alguns que se manifestam, é um ponto de vista respeitável.

  • Ricardo Petry Moura diz: 17 de junho de 2008

    Felipão é Felipão, temos que respeitá-lo, mas acho que o futebol Italiano seria mais adequado, poderia treinar o Milan, Internazionale ou Juventus, o Chelsea é um time cheio de medalhões, não gosto dessa equipe, prefiro o Manchester ou Liverpool, aliás o segundo lembra muito o futebol gaúcho, uma equipe de pegada, jogando muito na força física e o seu grande craque Gerard, um jogador que admiro muito, pela qualidade e pela liderança.

  • Caco Fornasier diz: 18 de junho de 2008

    Caro Sr. Marco Berliachi. Não estou avaliando o contexto no qual o Chelsea está inserido, como o bairro onde é a sua sede e outros fatos citados pelo Alexandre. Questionei, apenas, ele falar que o futebol inglês é uma chatice, opinião da qual discordo. Estou falando de futebol dentro do campo e resultados e, para isso, entendo que não é necessário residir em Londres, Madri, Porto Alegre.

  • jorge diz: 17 de junho de 2008

    Que texto pasteurizado, esse; ficou uma coisa sem gosto nenhum.
    O Felipe tem aura, tem carma; enxerga onde os outros não vêem. Eu já cansei de ver isso na minha vida profissional. Essa é a diferença que faz uma pessoa com essas características.
    Onde andava esse Alexandre quando Felipão ganhou a CB com o Criciuma? provavelmente estava no 2º grau.
    O Abramovich percebeu isso e não é a toa que é bilionário e como tal foi atrás do Felipe, agora um técnico com biografia.

    Jorge

  • Marcelo diz: 17 de junho de 2008

    Essa análise do Alexandre Xavier peca em vários pontos. Pego apenas um deles, o que mais me chamou a atenção: quando ele diz que o Chelsea é “retranqueiro”, “trambiqueiro” e “joga um futebol entediante, sem garra”. Não será por isso mesmo que o Abramovich contratou o Felipão, para mudar este estado de coisas? Ou o Alexandre Xavier acha que o Felipão vai para lá para manter tudo como está?

  • Bill diz: 17 de junho de 2008

    Só quem não entende absolutamente nada do futebol inglês pode dizer que ele esta chato ultimamente.

  • thiago diz: 17 de junho de 2008

    Felipão vai dar um jeito nesse time do Chelsea! Eles finalmente vão virar um time, e não um amontoado de jogadores!
    Força Felipão!

  • Rodrigo Dias diz: 17 de junho de 2008

    O Felipão agüenta sim. Agüentou os torcedores e as empresas chatos de galocha que tanto queriam o Romário em 2002. Aguentou o Figo, que disse que não jogaria em uma seleção que tivesse um brasileiro jogando (referindo-se ao Deco). Acredito que ele agüenta. Não por ser gaúcho, mas por saber se impor.

  • FRS diz: 17 de junho de 2008

    Este tal de Alexandre Xavier por acaso conhece, futebol??? na minha opiniao nao passa de um jornalista babaca da regiao central do pais querendo secar o trabalho do felipao!!!!

  • Rafael diz: 17 de junho de 2008

    Como a imprensa gosta de secar! Nunca vi coisa igual! Talvez esse camarada que escreveu esta bobagem, devia estar na torcida do Corinthians na hora que o Felipão ofertou-lhe a banana! Bando de secadores!

  • Israel Teixeira Matias diz: 17 de junho de 2008

    Com certeza! É um treinador respeitado por todos times que passou, e superar desafios e obstáculos é marca registrada em sua trajetória.

Envie seu Comentário