Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Geral do Grêmio, que só aplaudia, agora pressiona

05 de novembro de 2008 60

Valdir Friolin, Banco de Dados - 01/03/2008

Da “conversa” entre 20 torcedores gremistas identificados como membros da Geral, restaram frases que esclarecem, com eloqüência, a natureza do encontro forçado pelos torcedores.

— A gente só quer conversar. É a última chance de dar um “sacode” nos caras — disse um dos torcedores, conforme matéria em ZH impressa.

Sobre a breve reunião entre torcedores e jogadores, André Krieger, vice de futebol, foi de uma sinceridade aterradora:

— Isso é uma forma de contornar o problema. Hoje eles estão em 20. Amanhã eles poderão ser 50 se não fizermos algo — justificou-se o dirigente.

Nestas manifestações, ficam claras as posições dos torcedores e do dirigente:

1 — A Geral do Grêmio, além de alegrar os jogos com seus cantos e coreografias, se notabilizou por sempre apoiar o time, incondicionalmente. Domingo passado, quando das sociais brotaram vaias, elas foram abafadas pela manifestação da Geral, apoiando o time. Das duas, uma: ou a Geral está abandonando a sua postura de só incentivar o time ou estes 20 torcedores não representam a torcida. Se assim for, devem ser afastados pois entraram em rota de colisão com a regra de sempre e somente apoiar o time;

2 — Krieger, na sua manifestação, revelou dois sentimentos: a intromissão dos torcedores era um problema, conforme palavras do dirigente e, muito sério, eles tiveram acesso aos jogadores porque Krieger temia que voltassem em número maior, quem sabe uns 50.

Se o Grêmio, através dos seus dirigentes, submeteu os seus jogadores a um encontro de constrangimento, não será este blogueiro quem irá reprovar os fatos. Problema do Grêmio, jogadores e torcedores. Mas, se me permitem uma breve reflexão, digo que a Geral sempre ajudou o time por emprestar irrestrita solidariedade ao time, como aconteceu, por exemplo, antes dos Gre-Nais, quando milhares de torcedores da Geral foram prestigiar o último treinamento, antes dos clássicos. Poderiam ter ido ao treino do Grêmio, nesta terça-feira, portando faixas contendo dizeres como “Nós acreditamos em vocês” e/ou “A Geral não abandona o seu time”. Seria muito mais produtivo. Um time funciona melhor quando apoiado e se encolhe quando pressionado.

Estes 20 torcedores prestaram um desserviço ao Grêmio, na minha modesta opinião. E André Krieger, expressando medo de represálias, tornou o seu clube um pouco refém de torcedores que pretendem imitar a truculência que existe no centro país, em que torcedores pressionam e até agridem jogadores, treinadores e dirigentes.

Nesta terça-feira, no Olímpico, deu-se uma lição de como errar em tudo.

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Comentários (60)

  • Francisco diz: 5 de novembro de 2008

    …daqui de São Vendelino todo mundo só fala uma coisa pro wianey: LARGA SECADOR !!!!!!

  • Fernando diz: 5 de novembro de 2008

    Discordo da tua opinião Wianey, tendo em vista que, pelo que foi noticiado, não houveram agressões físicas ou verbais por parte dos torcedores – o que é sempre condenável. De toda sorte, acho que eles apenas expressaram o descontentamento existente por parte da maioria da torcida com o atual momento do time. Ademais, o técnico vem errando, e muito, nos últimos tempos e ontem, na minha opinião, assinou a sua demissão do clube, salvo a remota hipótese de ainda conquistar o campeonato. Um Abraço.

  • Felipe de Campos Lopes diz: 5 de novembro de 2008

    Descordo totalmente do que dissestes, porém respeito a tua opinião. Acredito que esse encontro foi bom para os jogadores, é possivel até que saiam de lá mais motivados, pode ser que não. Mas na atual realidade do Grêmio, este encontro tem muito mais a melhorar do que a piorar.

  • Rodrigo diz: 5 de novembro de 2008

    Concordo com o Wianey! Vamos continuar apoiando, sempre, ou estamos esquecendo que o o nosso time está até além das nossas expectativas iniciais. O que uns marmanjos, desocupados, irão colaborar com o grêmio indom lá tirar satisfação?? me admiro com a direção gremista que permite tal coisa.

  • Gustavo diz: 5 de novembro de 2008

    A diretoria do Grêmio (em especial o presidente) não fala mais de futebol, só quer saber do e$tádio novo.
    Os torcedores que foram ao treino apenas fizeram o que a diretoria deveria fazer e não faz.

  • Daniel diz: 6 de novembro de 2008

    Mas será que ninguém percebe que a culpa de tudo isso é do Celso Roth. Por favor, não brinquem com a minha inteligência. Esse cara não gosta nem da torcida do Grêmio, muito menos da instituição. Cadê o Presidente do Grêmio. Sumiu!

  • Leonardo! diz: 5 de novembro de 2008

    Os torcedores tem direito de se manifestar. Post infeliz o seu assim como infeliz a declaração do ROTh e imprensa que caiu de pau em cima da direção. Querem o quê? Torcedor de bobo pagando ingresso e tendo que aguentar gozação do Brasil todo?? Ah faça-me o favor! Querem que o torcedor aguente calado um grêmio frouxo? Achei prudente a conversa pois a torcida poderia ficar revoltada caso não houvesse respeito a ela.Digo torcida.Eram 20 mas certamente representam sentimento de milhares.

  • Otavio Campos diz: 5 de novembro de 2008

    ISSO TUDO É MUITO FACÍL DE SER CONTORNADO, É SO CONTRATAR OUTRO TÉCNICO, URGENTE !!.

  • Caio diz: 5 de novembro de 2008

    Nossa…

    Barras também criticam o time, o apoio tem que vir durante os 90 minutos, fora disso a razão tem que prevalecer

    Time tá jogando sem vontade, é visível isso. Pipocam notícias de problemas extra-campo com Morales, Orteman, Pico, Marcel. Tem que cobrar SIM, nossas atuações em campo estão patéticas.

    Parabéns pra quem foi lá

  • RAFA COPERO de quintão diz: 5 de novembro de 2008

    A COLUNA MAS SEM NEXO Q EU LI FEITA POR TI. NAO ADIANTA QRE FALAR MAL DA GERAL,ELA NUNCA ACABARÁ WIANEY, JAMAIS, É FATO. ELE NUNCA VAIA NO JOGO WIANEY, JA NOS TREINOS LOTAM 4MIL EM VESPERAS DE GRENADA, AGORA QRER COBRAR O TIME NO `TREINO` É NORMAL, PQ QZE TODOS SAO SOCIOS. E ALEM DO MAIS ELES ESTARAM EM SAO PAULO TORCENDO DOMINGO PELO GLORIOSO. LAMENTAVEL A TUA COLUNA, AXO Q VCS TORCEM PRA GERAL ACABAR, MAS ESSE FEITO É IMPOSSÍVEL. ABRAÇO DO GLORIOSO DE QUINTÃO.

  • amilivia diz: 5 de novembro de 2008

    E por falar em desserviço os teus comentários ultimamente tem sido de um infelicidade atroz. Acho que voce está precisando de férias e bem longas…

  • luiz tricolor diz: 5 de novembro de 2008

    caro wianey,mais uma vez sou Obrigado a discordar de vocÊ.QUANDO A TORCIDA NÃO APOIOU O TIME?E O QUE ESTA ACONTECENDO NO SEG.TURNO?AGORA SEI PORQUE TREINOS SECRETOS QUE NOS JOGOS NÃO SE VIA NADA,ERA PRA GERAL NÃO IR VAIAR SE ADIREÇÃO E O ROTH ESTÃO CONFORMADOS COM A SITUAÇÃO OS TORCEDORES TEM QUE PRESSIONAR E PEDIR MUDANÇAS SIM,TORCIDA CASO PERDERMOS PROS PORCOS DOMINGO,VAMOS FAZER O SEGUINTE,NINGUEM NO OLIMPICO CONTRA O CORITIBA,SÓ FAIXAS DE FORA ROTH,QUE TAL?

  • Fábio diz: 5 de novembro de 2008

    A Geral deu uma de Gaviões e a direção gremista imitou a direção do Cúrinthians, que feio!

  • daniel diz: 5 de novembro de 2008

    eu nao entendo que raiva é essa que a imprensa tem da geral, sinceramente, nao perdem um segundo para criticar a torcida quando acontece alguma coisa, mas esquecem que o modo de torcer, criado e inovado pela geral no brasil, esta sendo copiado em todos os cantos, e assim, deixando os espetaculos muito mais bonitos. A geral foi e é uma das melhores coisas que aconteceram no GRÊMIO nos ultimos tempos, pq esses reporters gostam tanto de criticar? odeiam? inveja? colorados? quem sabe né…

  • Gabriel diz: 5 de novembro de 2008

    Sejam ou não parte da Geral – o que não me importa nada, pois sou Colorado -, foi uma atitude no mínimo estranha. Eles SABEM que o time é limitado, que chegou onde está graças a um trabalho sério e sempre jogando no limite… aí, quando o time dá uma leve caída, vão ameaçar os jogadores de tal forma? Além de ser um comportamento ruim como torcedores, é muito mal planejado e não surtirá efeitos positivos. O Corinthians sempre sofreu pressão e acabou na segundona. (Como o Grêmio)

  • vanessa diz: 5 de novembro de 2008

    Não concordo qdo o colunista diz q erraram em tudo, e tb não acho q este seja um ato contrário da torcida q SEMMPRE apóia…Cobrança tb é uma forma de apoio, e como os jogadores mesmo disseram foi um protesto pacífico e acho importante q eles ouçam a opinião da torcida pq ela entende muito mais de AMOR AO GRÊMIO do q eles…vão os jogadores fica a torcida…Uma pena q quem deveria ter ouvido não ouviu…não nega q é um burro esse roth…

  • Luciano diz: 6 de novembro de 2008

    Wianey, acho q a torcida nao deve invadir treino, mas tem o direito de se expressar. No jogo, apoio incondicional, mas depois, cobrança, sim, senhor. Tem q se puxar. Ainda dá. Abraço.

  • Rogerio Xavier diz: 5 de novembro de 2008

    Está tudo errado! Como que torcedores tem acesso ao local de treinamento para cobrar os jogadores? E como a direção permite isto?! Wianey, lembro que esta não é a primeira vez que isto ocorre! Lembra de outra vez, fazem 1 ou 2 anos, que torcedores da geral entraram no campo de treino e “avacalharam” com o treino?! O Gremio deve cuidar estes “beneficios” que concede a geral, para não acabar REFÉM da própria torcida, que cada vez sente que tem mais PODER dentro do clube. Abraços.

  • Amauri Valente diz: 5 de novembro de 2008

    Das duas, uma: ou a Geral está abandonando a sua postura de só incentivar o time ou estes 20 torcedores não representam a torcida.

    Mestre, a Geral nunca vai abandonar seu estilo de torcer, dentro do estadio em dia de jogo não vai ter nenhum tipo de protesto contra o time, somento o apoio!

    Mas nos treinos não vejo problema nenhum de cobrar os jogadores!

    abraço.

  • Jonas Rafael diz: 5 de novembro de 2008

    Tá Wianey, mas de “Nós acreditamos em vocês” já estamos cheios. Fizeram isso no GreNal e tomamos a mior goleada nos últimos 10 anos. Não é esse o problema. Apoio incondicional não está adiantando nada. Se fosse os jogadores estariam rendendo mais. Não é por aí. A menos que se ache que as coisas podem ser resolvidas à lá George W. Bush: quando uma coisa não dá certo a solução é fazer o que não deu certo em maior quantidade…

  • alexandre fleck diz: 6 de novembro de 2008

    A torcida deve se manifestar sim senhor, e ir aos treinos fazer isso. Já tem segmentos da imprensa questionando a atitude da torcida. Esta imprensa conservadora,moralista,joaozinhos do passo certo. No Gremio querem abafar a falta de atitude, de comando e reconhecer que o time é muito mediocre, mas ainda temos um suspiro, estamos na terceira curva,tudo pode acontecer,mas temos que tomar uma atitude,parta de onde partir.

  • Sidnei diz: 5 de novembro de 2008

    A Geral fez certo, durante o jogo que não adianta protesta mesmo, só piora. Nos treinos eles foram la só para exporem e pacificamente protestar pedindo mais esforço. Nada de errado. Mas concordo com o fato de levarem faixas de insentivos TAMBÉM.

  • lawall diz: 6 de novembro de 2008

    nao concordo, no meu trabalho sou cobrado quando cai meu rendimento, o fato de a torcida cobrar os jogadores evidencia q acredita q eles podem render mais…
    estes mesmos que estavam no treino sao os que vao a sao paulo apoiar o time.
    pelo q ouvi no radio parece ate q a imprensa tem ciumes da torcida.

  • Irineu Brum diz: 5 de novembro de 2008

    A geral marginal abafou as vaias com ofensas a social do Grêmio. Em quase 40 anos de Olímpico nunca tinha visto isso.

  • Alexandre diz: 6 de novembro de 2008

    sabem pq eles (imprensa) estão criticando a atitude louvável de jogadores e diretor conversarem na boa com esses torcedores??? Pq era muito mais interessante os seguranças terem quebrado o pau, feito a maior algazarra. Isso renderia semanas de reportagens, renderia graninha para fotografos, não precisariam durante um mes no minimo, ficarem pensando no que escrever, pois esse assunto renderia trabalho fácil pra eles..

  • Godofredo Antunes diz: 5 de novembro de 2008

    Chega do Celso Roth! Ele conhece futebol e sabe armar equipes, mas tem uma arrogância que torna a convivência com ele um sacrifício impossível. Basta! O Grêmio já caiu no buraco, então é hora de salvar o que ainda presta e tirar o que é insuportável!

  • Sergio Vettorazi diz: 5 de novembro de 2008

    Como sempre, a gremistada sempre querendo ganhar no grito, na intimidação, conheço partido politico e entidade religiosa que age assim, por isso a antipatia de todos.

  • rafael diz: 5 de novembro de 2008

    discordo. a geral sempre apoiou e vai continuar apoiando. mas as vezes é preciso cobrar. e a hora certa é agora, durante o treino. na hora do jogo é apoio total.
    jogador não é intocavel. ganham muito bem pra fazer o que (não) tem feito nos ultimos jogos. tem que cobrar sim.
    mas na conversa, na boa. sem joga bomba no treino.

  • Guilherme diz: 5 de novembro de 2008

    Como sempre a geral agiu da maneira correta,não vaiou em público q não adianta nada e so queima filme mas tbm n deixou barato as atuações ridiculas q o time vem tendo,os jogadores precisam saber q a camisa q eles defendem não é vermelha..aqui tem q dar o sangue..essa atitude para quem n lembra foi feita depois q tomamos 3 do caxias la em caxias..e com certeza pelas mesmas pessoas..tenho certeza q assim como aquela vez o resultado vai ser visto em campo e o GRÊMIO vai voltar a ser GRÊMIO!

  • Preto diz: 6 de novembro de 2008

    A geral só briga e faz baderna e o brabo é que a imprensa acha normal.

  • Elizeu diz: 5 de novembro de 2008

    Lembra quando a Gaviões influenciava nas contratações do Corinthians?

    E quando a Mancha Verde decidia as eleições no Palmeiras?!

    Pois é, os clubes levaram anos pra se livrar disso. E isso que eles lidavam com torcidas grandes e não com meia dúzia de playboy que não vê jogo e vai pra bagunçar.

    Vão dando moral pra bandido pra ver o que vai acontecer daqui a pouco…

  • Luzinha Franzoi diz: 6 de novembro de 2008

    Wianey, o problema, comentário que já fiz aqui em outras oportunidades, é que, em 2008, a se confirmar a tabela de classificação atual, será o terceiro título perdido e o segundo, praticamente, certo. assim, amigo Wianey, até prá Geral deve ser difícil de engolir. não apóio a atitude dos torcedores, mas não dá prá dizer que eles não tiveram motivos para fazê-lo. há 5 rodadas do fim, e com dois pontos a menos, não podemos jogar a toalha, nem bater no chão!

  • Rafael diz: 5 de novembro de 2008

    Olha Wianey, acho que não é por aí. A filosofia da torcida é apoio durante os 90 min., protestos e reclamções, nunca durante o jogo. Acho válido a torcida dar a sua opinião. Acho que a próxima administração deveria aproveitar o caso e estudar uma maneira de abrir um canal de comunicação com o sócio. É muito cômodo o torcedor só pagar a mensalidade, votar e não ter direito a se manifestar de alguma forma sobre o que pensa….

  • milena diz: 5 de novembro de 2008

    apesar de torcedora do inter de dou toda a razao Wianey.. torcedor tem que apoiar o time, achei errado a atitudes desses “destorcedores” ,espero ke nao se repita senao vai gera violencia daqui a pouco vai ser os do Inter dai ja viste nao! VAMOS TORCER SEM FANATISMO!!! Abraçs Wianey!to sempre aki..suscesso

  • N.Junior diz: 5 de novembro de 2008

    Wianey, tu já foi melhor heim!
    Lê o comentário do Zini, muito mais sensato que o teu!

  • GREMISTA diz: 5 de novembro de 2008

    É ISSO AÍ WIANEY,TEMOS QUE VER A CASA CAIR,E FICAR APAUDINDO DIZENDO QUE ESTÁ TUDO BEM, PARA DEPOIS VOCÊS DA IMPRENSA TEREM O QUE FALAR!!ESPERAMOS DEMAIS,ATURAMOS DEMAIS AS BOBAGENS DA DIREÇÃO E DESTE TREINEIRO,AGORA ACREDITO É TARDE DEMAIS!!VIU NO QUE DEU SÓ APLAUDIR?É ESSA TUA POSIÇÃO?APOIAR ATÉ A SEGUNDA NOVAMENTE?PELO AMOR DE DEUS,DEMAGOGIA É POUCA!!!!!

  • Luis Carlos diz: 5 de novembro de 2008

    TODO MUNDO SABIA QUE O CELSO ROTH SEMPRE FOI E SEMPRE SERÁ CAVALO PARAGUAIO, FORA SEU BURROTH.

  • Geverson L. F. diz: 5 de novembro de 2008

    Se fizerem um gráfico c/ todas as rodadas do brasileirão, verão o time do grêmio caindo, enquanto os outros estão subindo de produção.Então, tudo previsível!O inter, nem uma coisa nem outra, sempre na zona da sulamericana.Porém,vai ser a maior fiasqueira liderarem 17 rodadas e na hora do pega pra capar abrirem as pernas e ñ classificar nem pra libertadores hehehe.Nos vemos na sulamericana em 2009 e já sabendo quem vai ficar pelo caminho,os caras estão c/ medo e animais c/ medo ficam perigosos…

  • nilo diz: 5 de novembro de 2008

    é notório que tem gente amarelando na hora de decidir, gente se esquivando até de bater faltas….é preferível este tipo de cobrança do que deixar de ir a campo ou vaiar a equipe nos jogos.

  • martina diz: 6 de novembro de 2008

    apoio incondicional na hora de apoiar.
    e cobrança na hora de cobrar.
    sempre foi assim.

  • Leonardo diz: 5 de novembro de 2008

    Wianey,
    Frequento a Geral a 5 anos e não me envolvo nos assuntos “internos” da mesma.
    Com certeza, a Geral sempre apoiou incondicionalmente o Grêmio.
    Como você deve saber, a imprensa não participou da converssa, por este motivo, não sabemos o conteúdo da mesma. Porém, pelo que disse o goleito Victor e o meio-campista Tcheco, os torcedores foram sim, prestar APOIO e não pressionar. Tenho certeza que o recado foi “Joguem com raça e com amor, que estaremos sempre do lado de vocês. Nós acreditamos.

  • Leandro Coll diz: 5 de novembro de 2008

    Wianey!
    Concordo que este tipo de pressão escancara a bagunça que vive o Grêmio de hoje.
    Entretanto, se a Torcida Tricolor, que é tão importante, apaixonada e participativa, não é normal que ela seja escutada ao menos uma vez? Ou a opinião dos milhares de torcedores que sofrem terrivelmente com as invenções do Celso Roth durante todas as partidas não vale nada? Poxa! Nós sócios, pagamos todos os meses para que o clube possa investir no futebol e no entanto somos punidos com a indiferença.

  • RAFA COPERO de quintão diz: 5 de novembro de 2008

    A TUA OPINIAO É DE Q NAO FOI VALIDO ESSA ATITUDE,SÓ O Q ME CAUSA ESTRANHEZA É Q TU E TODOS OS COMENTARISTAS ESPORTIVOS FORAM CONTRA, CRITICARAM A MANIFESTAÇAO, SÓ Q A OPINIAO DE VCS Ñ INTERESSA PARA OS TORCEDORES. PERGUNTEM PARA OS Q VAO NOS JOGOS, PARA OS Q VAO NA GERAL E APOIAM ATÉ O FIM,E PERGUNTA SE FOI ERRADO ESTA COBRANÇA,TODOS RESPONDERAM Q TEM Q SER FEITO ISTO MESMO, PORTANTO A OPINIAO DE VCS COMENTARISTAS `ISENTOS` NAO IMPORTAM PARA OS REALMENTE GREMISTAS E QUE SAO SÓCIOS DO GLORIOSO.

  • Carmelo Cañas diz: 5 de novembro de 2008

    Caro Wianey,
    Lição de “como errar em tudo” deu a diretoria quando confiou em Celso Roth. Este homem é um covarde. Leia as declarações dele e concordará comigo. Meu sonho é ver Celso Roth treinando o Internacional. Este ocorrido com a Geral foi algo a parte, algo necessário, algo latente de uma torcida que não consegue aceitar que elementos que vestem a camisa do Grêmio tenham se entregue irremediavelmente a derrota. Esses torcedores querem que estes ricos jogadores entendam que é guerra em sp.

  • Lucas Winckler diz: 5 de novembro de 2008

    Wianey, corretíssimo, concordo novamente com a tua opinião. Porém também sabemos eu e você, que nem todos os jogadores são pessoas de “caráter”, que não funcionam de acordo com o “certo”, em outras palavras, mais vale um “sacode” no Pico, no Souza, etc. do que uma faixa demostrando sentimento e apoio. Afortunado o clube que tem um grupo 100% leal as cores, mas isso é algo que ocorre dificilmente. Faremos o possível e o impossível para que o Grêmio seja campeão.

  • DANIEL BERNARDES diz: 5 de novembro de 2008

    Aonde esta o constrangimento, Sr Wianey? Quem é que paga os salarios destes “profissionais da bola”? Que é que colabora com o Clube, em fases boas ou ruins? Será que estes medianos jogadores acreditam que tem lugar pra eles em clubes de outros Paises? Veja o caso deste Tcheco. Em que lugar do mundo (e olha que ele ja rodou um pouquinho) o seu “talento” foi reconhecido?Será que este jogadorsinho tem algum talento? Estes boleros de hoje, comparados aos do passado, nao sentariam nem no banco.Certo?

  • João Paulo Bermúdez diz: 5 de novembro de 2008

    Desculpa Wianey, mas discordo de ti!
    Sou sócio do Grêmio e muito seguido freqüentyo a Geral. Acho que se foi de integrantes da torcida, foi muito bem feito!
    Não adianta ficar apoiando o tempo todo quando o time não está dando a resposta em campo. O time não deve ser vaiado em público, mas tem que sim haver um cobrança e muito bem feita, não só em cima dos jogadores, mas da diretoria que é muito responsável por essa bagunça que armaram com as eleições.

  • João Paulo Bermúdez diz: 5 de novembro de 2008

    Todos tem que saber que pagamos nossas mensalidades em dia e portanto queremos que pelo menos o time tenha atitude, e a cara do Grêmio. Não aceitamos o time se entregar dessa forma dos últimos jogos!
    Por isso APOIO a cobrança!
    Abraço

  • Diego diz: 5 de novembro de 2008

    AGORA NÃO É MAIS IMORTAL…É IMITÃO. IMITAM OS argentinos no encochamento da torcida e agora imitam os irmãos de segundona, curintianos, invadindo os treinos… que barbaridade. COM UM TIMÉCO DESSES ACHAVAM QUE SERIAM CAMPEONES…

  • julio diz: 5 de novembro de 2008

    WIANEY,CONCORDO COM VC.É O FIM DO MUNDO ONDE FOI PARAR O GREMIO.SOU GREMISTA E TENHO VERGONHA,O GREMIO ESTÁ ENTREGUE A ESSES BADERNEIROS DESSA TORCIDA.A DIREÇÃO COM MEDO SE ENTREGOU.NÃO É MAIS E NUNCA SERÁ MAIS O MESMO CLUBE.O QUE FIZERAM COM MEU GREMIO.ISSO É PAGAMENTO DE DIVIDA PELAS ELEIÇÕES RECENTES.O SR ANDRE KRIEGER,CACALO E KOFF PERMITIRAM ISSO,APOIADOS POR ESSA TORCIDA.O GREMIO ESTÁ REFÉM.AGORA MESMO QUE NÃO TEM MAIS JEITO.NÃO CONCORDO COM ROTH.MAS NESSE EPISODIO ELE TEM INTEIRA RAZÃO.

  • Juliano Ugowski diz: 6 de novembro de 2008

    Na minha mais ainda modesta opinião, erraste tu ao pensar que o Grêmio, na pessoa do Krieger errou. Noticiar o fato e espressar sua opinião no seu blog não há problema algum. Mas o fato de pensar que ele errou é que qualifica seu erro.
    O Krieger acertou, e como dirigente, além da medida conter animos mais exaltados e mais numerosos, puxou a orelha o elenco. Mau não fará, mas corre o risco de ter LIGADO o time pros próximos confrontos, enquanto a GERAL continua o ALENTO INCONDICIONAL nos 90min.

  • Valter-gremista diz: 5 de novembro de 2008

    DISCORDO TOTALMENTE DESTE SEU POST. Torcedor merece respeito. O mínimo que um time deve fazer pelo torcedor em uma hora ruim como essa é ouví-lo. Servir de chacota para o Brasil inteiro é coisa que nenhum gremista gostará. A torcida pode pedir garra aos jogadores.É o mínimo que se espera e se exige.Você e o Pedro Ernesto estão em dissintonia com o pensamento da maioria da torcida. Vcs não são torcedores, portanto deveriam respeitar atitude e não criticar. Ainda mais o colorado Pedro Ernesto.

  • Leandro Coll diz: 5 de novembro de 2008

    NÃO SOMOS TORCEDORES DE POLTRONA, PREGUIÇOSOS QUE NÃO LEVANTAM DO SOFÁ NEM PARA APOIAR NEM PRA RECLAMAR.
    QUEREMOS MAIS VIBRAÇÃO, EMPENHO E GARRA!
    SOU SÓCIO HÁ MAIS DE 15 ANOS E SOFRO TODOS OS JOGOS APOIANDO UM TIME MEDÍOCRE DE TREINADOR DEPRESSIVO!
    INFELIZMENTE NÃO POSSO ME AUSENTAR DO TRABALHO PARA PROTESTAR DURANTE OS TREINOS, MAS SE PUDESSE, O FARIA DIARIAMENTE. ESTAMOS SEMPRE LÁ, NO CIMENTO FRIO, NA CHUVA, SOFRENDO COM AS IDIOTICES DO ROTH. PORTANTO, NÃO TIREM-NOS O DIREITO DE PROTESTAR!

  • felipe diz: 5 de novembro de 2008

    vai te preocupar com os “milionários” do aterro, que a GERAL seguirá firme e forte na defesa do GREMIO………contra tudo e contra todos rumo ao tri

  • Fabio diz: 5 de novembro de 2008

    Prezado Wianey, se de alguma forma, mesmo que tímidamente, tu aprova tal atitude da torcida, o que diria se algum dia topasse na redação com um bando de descontentes com o seu trabalho querendo tirar satisfações (com a conivência do chefe)?
    E começa assim, cobrança leve, o que viria se o time não reverter a desvantagem?

  • sonia machado diz: 5 de novembro de 2008

    cada vez fica mais evidente a falta de competencia da direção do “GFPA”montaram um time mediano q heroicamente manteve o GFPA lider até agora, não contente com os ultimos jogos, esquecem q outros times investiram para obter resultado.
    agora querem pressionar jogadores e treinador, demonstrando desequilibrio técnico e emocinal”DESPREPARO para a função. não se pode misturar politica com futebol, pois não faz direito nem uma nem outra. sócios devem participar na montagem do time, não invadir campo

  • Colorado do Cerrado diz: 5 de novembro de 2008

    É o desespero que está chegando lá pras bandas da Azenha. Aí vem desmando, despreparo e destempero. Escreva aí, Vianey, o grêmio vai perder até mesmo vaga na Libertadores de 2009.
    Enquanto isso, o Internacional segue firme, com os seus 9 milhões de torcedores, rumo ao centenário do clube e com grandes possibilidades de conquistar o terceiro título da temporada.

  • Cleuber Roggia diz: 5 de novembro de 2008

    CURTO E GROSSO: lugar de torcedor é na arquibancada. Erra a torcida e erra a direção (principalmente). Celso Roth tem razão. Você gostaria de ter seu ambiente de trabalho invadido? Pois é, né. Então é isso. Continuem dando corda para isso… e espera pra ver.

  • RAFA COPERO de quintão diz: 5 de novembro de 2008

    o wianey,ñ te compreendo na seguinte parte: ` das 2 uma ou a Geral está abandonando a sua postura de só incentivar o time ou estes 20 torcedores não representam a torcida` TU NAO ENTENDE Q NOS JOGOS É SEMPRE O APOIO E NOS TREINOS PODE HAVER COBRANÇA, Q 90% Q VAO NA GERAL,SAO SÓCIOS,COMO EU?? DAONDE TU TIRA A IDEIA Q OS 20 Ñ REPRESENTAM A TORCIDA? REPRESENTAM SIM,DE VISTA CONHEÇO QZE TODOS Q VAO NA GERAL,TODOS DAO A VIDA PELO TRICOLOR, HOUVE APENAS UMA CONVERSA DE FORMA PACIFICA,ALGUM MAL NISSO??

  • Marcelo diz: 5 de novembro de 2008

    Wianey, acho que se for na base da conversa e sem agressões morais e físicas, a torcida do Grêmio tem o direito de falar com os jogadores neste momento. Eles precisam saber que as coisas não andam bem, como o Celso Roth pensa, pois além de perder, desperdiçar pontos e levar goleadas, a equipe está jogando sem RAÇA, sem o espírito que caracteriza o Grêmio mesmo nas horas difíceis. É apenas isto que a torcida contesta, que os jogadores tenham raça e dedicação os 90 minutos.

Envie seu Comentário