Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Fifa golpeia tráfico

29 de dezembro de 2008 25

Um dos mais rentáveis negócios surgidos nos últimos tempos – coincidentemente após a “libertadora” Lei Pelé na sua versão original, hoje falecida – espalhou-se pelo país na forma de escolinhas de futebol, classificadas pela Fifa como academias. Íbsen Pinheiro costuma tratar estas entidades como “cabanhas”, cujo único objetivo é vender o objeto do negócio antes que alcance a sua maturidade.

- Assim, meninos são atraídos para estas “escolas de futebol” de onde, ainda adolescentes, são levados para o Exterior sem qualquer fiscalização sobre o seu destino, condições de trabalho etc. Centenas, milhares de brasileirinhos são despejados pelo planeta sem que haja registro das suas saídas. Desembarcados em qualquer país, são registrados na federação local e só se saberá da sua existência se, um dia, surgirem em alguma grande equipe. A esmagadora maioria, como é fácil supor, desaparece sem nunca ter aparecido. Muitos são atirados à mais absoluta miséria e sofrem em terras distantes sem ter, sequer, a chance de voltar para casa. Mas os seus “vendedores”, estes sim, vão enriquecendo.

- A Fifa acaba de golpear este tráfico vergonhoso de crianças. Reunido há poucos dias, o Comitê Executivo da entidade determinou que, doravante, estas “academias” terão que registrar seus jovens jogadores na confederação nacional (CBF) como qualquer clube. Conseqüentemente, seus representantes terão que pagar taxas de registro e transferência, normalmente, sem falar dos impostos sobre os seus lucros. Além disso, quando um menino for levado para o Exterior, ficará registrado na CBF quem fez o negócio para que, no futuro, se algo acontecer ao garoto, seja conhecido o responsável. Fica, assim, humanizada a diáspora cruel e mercantilista que atinge o futebol dos países pobres ou em desenvolvimento.

- Outra decisão tomada pela Fifa diz respeito às naturalizações. Daqui para frente, só poderá ser naturalizado e jogar pela seleção do seu novo país, jogador que tiver morado na sua nova pátria durante cinco anos contínuos, a partir dos 18 anos. Significa que estrangeiro não poderá vestir a camisa da seleção de outro país antes dos 23 anos e, assim mesmo, após ter morado desde os 18 anos, continuamente, neste país.

- Já começavam a proliferar exemplos de países que “compravam” a nova cidadania de jogadores para reforçar as suas seleções. Ainda que o mundo tenha se transformado em uma aldeia, algumas regras precisam ser respeitadas. Uma competição internacional não pode abrigar equipes que não sejam formadas, exclusivamente, por jogadores de cada país. A exceção está prevista pelo Comitê Executivo.

- Vamos iniciar a nova temporada sob ganhos institucionais. As determinações da Fifa significam avanços. O futebol é profissional e, portanto, mexe com verdadeiras fortunas. Isto não pode ser mudado. Mas é possível ordenar o mercado fazendo com todos os agentes deste esporte atuem sob as mesmas regras.

Postado por Wianey, voltando aos poucos

Bookmark and Share

Comentários (25)

  • Junior Kohls diz: 29 de dezembro de 2008

    Bom retorno Wianey, os blogs sem sua coluna não tem muita graça.

  • RAFAEL FARIAS diz: 29 de dezembro de 2008

    Concordo com vc! seja bem-vindo de volta Wianey!

    abraços

  • Gustavo diz: 29 de dezembro de 2008

    Bom retorno Wianey!

  • Carlos Alberto Machado do Nascimento diz: 29 de dezembro de 2008

    Caro Wianey, me surpreende a tua coluna de hj, pois sempre te escuto defendendo uma única lógica: a do “mercado”, o que interessa é “o mercado”, comos e fosse um ente superior e totipotente. O mercado é feito e direcionado por pessoas que tem um único objetivo: lucro aqquer custo, os fins sempre justificam os meios. Desses projetos que tu estás falando que a Fifa está “golpeando” e não vejo onde está o golpe se a Fifa mama esse mesmo leitinho que vem do aliciamento de meninos?

  • Raul Gabe diz: 29 de dezembro de 2008

    Bon retorno Wianey,ficou meio sen graça con a tua falta,concordo con a ley so deveria ser ainda mais longa por lo menos ate os 23 anos de idade.

  • Maria diz: 29 de dezembro de 2008

    Caro Wianey, parece-me que não se trata de regulamentar o tráfico de crianças e adolescentes e sim, de coibí-lo. Escolinhas de futebol, agências de modelo e televisão são os grandes exploradores do trabalho infantil e do tráfico de pequenos… e todo mundo acha lindo!

  • Marco Aurélio Castaldo Andrade diz: 30 de dezembro de 2008

    Um avanço, sem dúvidas. Mas, ainda assim, é preciso aperfeiçoar a Lei Pelé, protegendo os clubes formadores dos gigolôs (os auto-denominados “empresários) da bola.

  • Cleto Guedes diz: 30 de dezembro de 2008

    Isso é ótimo, mas quem vai fiscalizar os desmandos e a fortuna da CBF?

  • Fabiano diz: 29 de dezembro de 2008

    E aí Sr. Wianey como estavam as férias…bem malandro senhor…sair de férias bem na fase final do campeaonato Brasileiro…bem dizem que jornalista nunca perde !!!

    Abraço

    Fabiano

  • Alexandre Imortal diz: 29 de dezembro de 2008

    Ei Wianey Carlet, cadê a vaga do Inter, hohoho!
    E dizer que a direção do Inter fretou um avião para ir ao Paraguai discutir a Libertadores 2009. O mico do século…

  • luan diz: 29 de dezembro de 2008

    pórque a fifa e a cbf se metem em coisas de meninos vao fazer o qe esse ricardo teixeira ele gosta de estragar o futuro do brasileiro para mim melhor coloca o pele de presidente da cbf ;
    mas o futuro dos jovens atletas se eles verem um exemplo : ele deu uma caneta(janelinha) leva para um clube da europa por 58 milhoes de euros e os pais vao se achando .

    um abraço : feliz ano novo a todos

  • ACIMAR MENEGON JUNIOR diz: 29 de dezembro de 2008

    O PROBLEMA É GRAVE NESTE PAÍS QUE TENTA ERRADICAR O TRABALHO INFANTIL E ESCRAVO. OS CLUBES E OS EMPRESÁRIOS ESTÃO RASGANDO O ESTATUTO DA CRIANÇA E ADOLESCENTE. O ESTATUTO É CLARO QUANTO AS CRIANÇAS TRABALHAREM ANTES DOS 16 ANOS. É PROIBIDO!! DIGO TAMBÉM QUE A CULPA ESTÁ NOS PAIS.
    TEMOS UM EXEMPLO DE SITUAÇÃO DE RISCO, A REPORTAGEM DA ZH DO GAROTO JARDEL, ESTÃO TIRANDO O GAROTO DO SEIO DO LAR PARA GANHAR DINHEIRO E FAMA. TUDO COM O CONCENTIMENTO DOS PAIS.
    CASO DE MINISTERIO PÚBLICO.

  • Paulo diz: 29 de dezembro de 2008

    Ingênuo! O registro das “academias” na CBF servirá apenas para que os lucros tenham que ser divididos com o Sr. Ricardo Teixeira, o tráfico vai continuar. Além disto, estas “academias” ficarão registradas como CLUBE FORMADOR, usufruindo do percentual sobre as futuras transferências do atleta. Ninguém está preocupado em ajudar os garotos que se dão mal, muito menos responsabilizar culpados. Não tem bonzinho neste negócio, é só GRANA.

  • Paulo Wolff diz: 29 de dezembro de 2008

    A lei parece boa… mas serah que nao estamos, de novo, diante de mais uma lei que soh existe no papel? E se a escolinha do “meu primo” (CBF e FIFA nem fazem ideia que existe) achar que tem um futuro craque e eu resolver leva-lo como “turista” para o exterior, quem vai saber e/ou fiscalizar? Quero ver pra crer!

  • JOSÉ CARLOS diz: 3 de janeiro de 2009

    CONCORDO COM O ACIMAR DE JOINVILLE,ISTO É CASO DE MINISTÉRIO PÚBLICO,E VOU ALÉM…CASO DE POLÍCIA FEDERAL.ENRIQUECIMENTO ILÍCITO,TRÁFICO DE INFLUENCIAS,CORRUPÇÃO DE MENORES(ALGUÉM DUVIDA QUE ESTA GURIZADA E FAMILIARES NÃO RECEBEM PROPINAS,POR PROCURAÇÃO ASSINADA?)
    E OS PREJUÍZOS CAUSADOS AOS CLUBES FORMADORES,SEM FALAR NA PERDA DE EXPECTATIVA DAS TORCIDAS,COM A VENDA PRECOCE DESTA GURIZADA?COMO TU DISSE,ISTO É APENAS UM AVANÇO.ENTENDO QUE ESTE TRÁFICO,TENHA QUE SER PARADO TAMBEM PELO GOVERNO.

  • Alexandre Perin diz: 29 de dezembro de 2008

    Fantástico, eu ia escrever sobre isto, mas vou apenas fazer um link para este texto. O sistema de “Youth Academy`s”, uma idealização de João Havelange, levou um golpe mortal de Blatter…

  • Paulo Roberto diz: 5 de janeiro de 2009

    Wianey acompanho teus comentários sobre a Lei Pelé desde o nascedouro desse absurdo. Recordo que naquela época sofrias críticas de todos os lados, inclusive de alguns colegas de profissão. Nada melhor que o tempo para colocar as coisas nos seus devidos lugares. Assim como as tais ONGs, empresários e entidades de faxada, com o objetivo de levar crianças que possam ter algum futuro no futebol, infestam o Brasil. Tomara que alguma autoridade leia o teu comentário e algumas mensagens aquí contidas.

  • silvio jaime fernandes diz: 3 de janeiro de 2009

    Olá Wianey:…Quem não deve ter gostado desta noticia são os Empresários/Mercenários/Aliciadores.

  • ANDRÉ GREMISTA diz: 2 de janeiro de 2009

    E esse tal de Pele foi quem quebrou os clubes de futebol do brasil e enriqueceu os empresários de futebol, com a tal lei pele, pq um clube investe, forma um jogador e praticamente não tem direito sobre o atleta! é muita sacanagem como aconteceu com o Grêmio no caso ronaldinho gaúcho, alguem saberia me dizer o que o grêmio ganhou com a formação do jogador?

  • Carlos Stekoski diz: 2 de janeiro de 2009

    Que beleza! Estamos EM 2009, e só agora viram isso? Avante!!!!! Somos o máximo!!!!!!!!

  • Pedro Antonio Lapinscki Junior diz: 29 de dezembro de 2008

    E o Muricy?Nenhum comentário sobre o melhor técnico do Brasil?Não vai dizer q o SPFC ganhou outro título apesar dele?Ano passado vc saiu com essa.E esse ano?Qual a desculpa do momento?Ah já sei.Vc vai dizer o q disse no Sala.Que ele evoluiu.Mas q evolução rápida hein?Ele era um técnico com esquema enfadonho segundo sua definição: um montinho atrás, um montinho na frente e nada no meio?Simplismo analítico até qdo?Nunca vi uma evolução tão rápida seja em qq setor do mercado de trabalho mundial…

  • Pedro Antonio Lapinscki Junior diz: 29 de dezembro de 2008

    E qto ao pé trocado na hora do escanteio, só pode ser brincadeira.Segundo a sua tese, o gol olímpico jamais existirá.O Wianey quer acabar com o gol olímpico.Se os batedores de escanteio ouvirem o Wianey e acreditar nele, o gol olímpico deixa de existir.Aqui jaz.

  • Dirceu diz: 29 de dezembro de 2008

    Ouvi o polemica hoje, não da pra não perceber a nebulosidade que ronda a ARENA.
    Ficou claro, uma grande area de porto alegre tera um dono e não sera o tricolor.
    Mas e bobagem falar sobre o assunto e muita grana envolvida e nos pequenos mortais nao vamos ter uma beira nesta TETA.

  • daniel diz: 3 de janeiro de 2009

    aqui no rio de janeiro em um lugar chamado barra mansa , tem uma escolinha que se nao me engano passou na espn reportagem , ate ai tudo bem o problema que é da roma da italia e outra coisa eles tão fazendo peneira escolhe os melhores e levam pra uma temporada na italia , idades das crianças é de 10 12 anos

  • joacir teixeira diz: 31 de dezembro de 2008

    E o atleta do século o Sr. Édson Arantes do Nascimento o PELÉ, q sempre se colocou como defensor dos meninos pobres desse país, o q está fazendo, ou o q fez para impedir essa situação vergonhosa. O pelé gosta muito de falar, de aparecer diante das câmeras, agora fazer algo para alguém, me parece que não é muito o estilo dele.

Envie seu Comentário