Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Esquema tático está acabando com Tcheco

11 de maio de 2009 118

Jefferson Botega

É elogiável que Marcelo Rospide, treinador interino do Grêmio, chame para si a responsabilidade pelas atuações insatisfatórias de Tcheco, garantindo que o jogador está cumprindo as suas determinações táticas. É muito bonito, repito, a posição de Rospide, embora seja apenas a reiteração de equívocos com treinadores que parecem incapazes de atribuir funções que sejam compatíveis com as características e possibilidades do jogador.

Tcheco é um ótimo articulador ofensivo. Possui precisão milimétrica nos seus passes, lançamentos e cobranças de faltas. Tem rara leitura de jogo, é o homem que pensa, no meio-campo. Era, para ser mais correto, pois faz tempo que está desempenhando as tarefas de segundo volante, nada a ver com “jogar um pouquinho atrás”, como explicou Rospide. Tcheco não é mais criança, não tem recursos físicos para marcar, subir ao ataque e descer para a defesa, o jogo inteiro.

O sacrifício que está sendo imposto ao Tcheco com visíveis prejuízos para o time justifica-se pela insistência, antes de Roth e agora de Rospide, em manter o esquema tático com três zagueiros. É uma mera questão matemática: para que seja escalado um terceiro zagueiro, é preciso que outro setor seja fragilizado. No caso do Grêmio, o meio-campo, já que não se admite a escalação de apenas um atacante. O Grêmio joga com três jogadores no meio: Adílson, Tcheco e Souza. Fábio Santos é lateral, joga no flanco. Não é muito diferente com Ruy, embora este jogador tenha a vocação de fechar pelo centro. Basta qualquer adversário escalar quatro jogadores no meio para que o Grêmio não consiga dominar o setor.

Já passou a hora de o Grêmio abandonar o 3-5-2 e simplificar, passando para o 4-4-2. Com Túlio e Adílson, nas duas primeiras funções do meio-campo, Tcheco e Souza poderão se dedicar mais ao apoio. Não significa que abandonem a tarefa de marcar, apenas que poderão se desonerar um pouco da contenção e se dedicar à armação do ataque e, mesmo, atacar.

Marcelo Rospide é interino, compreende-se que tema modificar a estrutura da equipe. Mas, para quem aspira crescer, não faria mal se mostrasse possuir idéias próprias.   

Postado por Wianey

Bookmark and Share

Comentários (118)

  • álvaro diz: 11 de maio de 2009

    Além do mais, o Rafael está muito mal e acaba atrapalhando os dois bons zagueiros que temos. O que adianto o Ruy ir para frente se ele erra todos os cruzamentos? E o Jonas, para que a insistência, ele erra todas dentro da área. Fora o 3-5-2, mas acredito que só um novo técnico faça isso.

  • Felipe diz: 11 de maio de 2009

    Concordo. O Grêmio tem que mudar para o 4-4-2 urgente. Além do Tcheco não conseguir mais correr o campo todo, nossos laterais são muito fracos no apoio.

  • sergio diz: 11 de maio de 2009

    Pelomenos uma vez vamos concordar, também acho que o TCHECO esta jogando fora de posição e sem preparo fisico para executar o que lhe pedem estão matando o mesmo. Mas, esperar o que de um time que não tem treinador desde janeiro e o mesmo serve para a preparação fisica e isso que eles os homens da direçãio afirmar que tudo está dentro do PLANEJAMENTO. POR FAVOR VÃO PLANEJAR MAL ASSIM EM OUTRO TIME NÃO NO GREMIO.Tem que sair o Rfa marques e jogar no 4.4.2 e ponto final.

  • Guilherme Pacheco diz: 11 de maio de 2009

    Concordo inteiramente, Wianey. Este esquema necessitaria de alas que fossem bons apoiadores, o que não é o caso do Grêmio. O 3-5-2 está acabando com a criatividade do time. Eu tiraria o Rafael Marques e colocaria o Túlio no time, passando o Tcheco para a 3ª função do meio. Abraços

  • Renato diz: 11 de maio de 2009

    Concordo plenamente sobre o tcheco e o 4 4 2.Outro problema do gremio é esse Fábio santos que é um jogador extremamente limitado. o gremio precisa também de um xerifão a frente da zaga, esse adilson tá longe de ser esse jogador

  • Andreas Campos Wegermann diz: 11 de maio de 2009

    Parabéns, Wianey. Eu não costumo comentar opiniões de ninguém nem nenhum blog. Mas desta vez eu abro esta exceção pois este post merece ser saudado.

    És o primeiro que usa a inteligência pra perceber porque o Tcheco caiu de rendimento. Pelo menos o primeiro que dá o braço a torcer.

    Pra quem discordar, experimente por Souza de segundo homem então, pra ver no que dá. :)

    Ou melhor: não faça não. Pro bem do TRICOLOR, 4-4-2 já!

    Ahh, e bem que podíamos daí por o Orteman na dele, na 2ª!

  • marcio minuzzi diz: 11 de maio de 2009

    Exatamente, Wianey. O Grêmio enfrentou um time forte,de bom toque de bola e foi inteiramente dominado no 2º tempo. O esquema tem que ser alterado urgentemente. Por que não contrataram de novo o W. Mancini??

  • Dubai diz: 11 de maio de 2009

    Douglas Costa = 80 milhões (reserva)

    Tcheco = 270 milhões (titular)

    Basta a direção saber negociar. A grana da Arena e de todas as despesas esta aí. Porém: Tcheco: imprescindível nas futuras conquistas tricolores!!!

    Deixa o homem em paz!!!

  • Lima diz: 11 de maio de 2009

    esquema tático???
    A idade ta acabando com ele e com alex mineiro e por ai vai….

  • gilson brenner diz: 11 de maio de 2009

    Parabéns pelo comentário, 4;4;2 já! é o óbvio ululante. Acrescento ainda que se não for contratado um armador canhoto nosso time continuara torto e não vai chegar aonde queremos. Um abraço.

  • Sérgio diz: 11 de maio de 2009

    Wianey, o sr. Roth foi dispensado mas deixou uma cartilha para ser seguida pelo seu auxiliar, o sr. Rospide.Nos dois últimos jogos as substituições foram, no mínimo, ridículas especialmente a entrada do Túlio no lugar de um atacante,quando o correto seria a saída de um zagueiro.A saída do Maxi Lopes,não entro no mérito se estava jogando bem ou não,eu penso que estava,é um absurdo haja vista que é o único atacante de área que temos.E a Direção,incompetente,só dá entrevista e fala na Libertadores

  • julio diz: 11 de maio de 2009

    Exelente cometário Wianey, concordo plenamente com vc.
    ja passou a era de 3-5-2, não temos alas pra isso, principalmente no lado esquerdo.

  • Mateus diz: 11 de maio de 2009

    mas no segundo tempo, não consegue nem marcar, nem se valer da sua técnica, devido ao esgotamento. Nosso meio só não fica mais frágil devido as grandes atuações de Adílson, que vem crescendo de maneira espantosa. Outro comentário, agora saindo da parte tática… Fábio Santos tem se mostrado cada vez mais ineficiente. Não tem apoio satisfatório e parece estar sempre perdido quando marcando. Não acho Jadílson um grande jogador, mas nesta comparação, fico com ele. Um abraço ao grande Vianey

  • artur diz: 11 de maio de 2009

    caro vianey, e o q tu achas de colocar o tcheco na 2ª função mesmo, e puxar o jadilson pra meia esquerda ja que ele quase joga nessa posição, encostando no fabio santos, como faziam lucio e carlos eduardo em 2007?? gostaria muito de sua resposta!!

  • Gilnei Antoni Eckstein diz: 11 de maio de 2009

    Concordo plenamente com os comentários do Wianey, ta na hora de sair desse esquema com 3 zagueiros, deixem o Tcheco jogar na dele como articulador e chegando mais a frente, ou então ele definitivamente tera que abandonar a equipe, pois não é volante.Percebi que o Rospide não tem idéias próprias, ele esta tão somente dando continuidade ao esquema do Burroth.Acho que eu escalaria o Grêmio bem melhor que esses caras que vivem do futebol a vida toda! Por que não tentar mudar de esquema uma vez?

  • Joel Celestino Tonolli Paim diz: 11 de maio de 2009

    Concordo com o comentário, saca o Rafael Marques e escala o Tulio no meio junto c/ o Adilson.Quem critica o Tcheco não vê que faz horas que ele não esta jogando na sua veradadeira função e mesmo assim não reclama.Outra coisa acho que o Fabio Santos tem que curtir um banco, por onde anda o Jadilson? Grêmio rumo ao Tri da América e “eles” Nunca serão!

  • Roberto Costa diz: 11 de maio de 2009

    Tcheco representa a mediiocridade atual do time do Gremio.Além de tudo,SEMPRE amarela em momentos de decisão.Devia ter ido junto com Roth e toda atual diretoria,que delira com essa coisa de Arena tricolor,que vai ser uma roubalheira absurda( e que devia ter seus custos e fontes de recurso amplamente divulgados)e não é capaz de montar um time decente para disputar nem o Gauchão.

  • Bruno Costa diz: 11 de maio de 2009

    Orteman, Túlio, Makelele…
    Até mesmo Tiago Dutra e Bruno Renan.
    Qualquer um que entre no meio no lugar do Rafael Marques melhorará o time, e muito.
    Os alas são as peças mais fracas do time, sacrificar os meias (Tcheco, Souza e Adilson Warken, todos ótimos) em pró dos alas é afundar o time.
    Além do mais, não temos reposição na zaga para o 3-5-2, no entanto mudando para o 4-4-2 passamos a ter 3 zagueiros de alto nível para 2 posições.
    Só não ver quem não quer.
    Rothspide com 3-6-1 é brabo.

  • Em Floripa Gremista é Rei diz: 11 de maio de 2009

    O Túlio não acertou um passe ontem.
    Será que contratamos um novo/velho Ortemam?!

  • Valmir Rhoden diz: 11 de maio de 2009

    Caro Wianey, tudo isso é fruto de uma administração fraca, falam em convicção, mas e que convicção tiveram em renovar com o Roth? Perdemos um campeonato brasileiro em que o Grêmio tinha-o nas mãos, e ainda assim, renovaram com o treinador, isso não é a mais clara manifestação de incoerência e falta de convicção, pobre gremistas !

  • Junior diz: 11 de maio de 2009

    Meus parabéns Wianey, seu comentário foi brilhante, desde o ano passado eu falo para os meus amigos que o Gremio perde o meio de campo para os adversários e só o Celso Roth e o Rospide não se dão conta. Ficou provado no dia de ontem que o Rospide nasceu para ser auxiliar de futebol, não esta preparado para ser treinador, não tem personalidade para mexer na equipe e quando mexe, foi um desastre. Quando o Autuori chegar com certeza vai mudar este esquema tático fálido.

  • carlos tricolor diz: 11 de maio de 2009

    e que eu escrevo faz horas coloca outro volante pra marcar junto com adilson e solta o theco pra articular com o souza, a torcida esta pegando muitodo pe do theco, faz eles nao estao vendo que o theco tem que marcar, armar jogada, ir na frente, voltar de novo pra marcar, o cara ja nao e mais guri, coloca o tulio e tira um zaqueiro, o leo ou o marquez, o gremio tem victor, rever, theco, souza e com muita vontade maxi lopes, o resto pode trocar, eu acho que nao vamor ganhar nada de novo este ano.

  • sergio lima diz: 11 de maio de 2009

    wianey,
    concordo contigo, o meio campo do gremio ta sempre faltando gente, quando o adiversario e mais qualificado caso do santos, nos perdemos o meio e ficamos acuados na defesa.

  • Jorge diz: 11 de maio de 2009

    Parabéns, grande visão tática do time do Grêmio, estamos precisando urgente de um técnico, é uma irresponsabilidade da diretoria ficar todo esse tempo sem comando, a equipe há muito tempo não tem ligação do meio campo com o ataque. O próximo treinador vai sofrer prá fazer mudanças que são urgentes, espero que a Libertadores não seja sacrificada. Se perdermos a Libertadores a culpa será única e exclusivamente dessa diretoria “mauricinha” !!!

  • Eduardo Maack Herbes diz: 11 de maio de 2009

    Concordo com todas as palavras. Comento isso com amigos faz tempo. Esse esquema acaba com o futebol do Tcheco.

  • Michel diz: 12 de maio de 2009

    Chega de tanta besteira!

    O tcheco está sim sacrificado pelo esquema tático e ponto!

    Time perfeito para o grêmio: Victor, Joilson, Léo Réver e Jadílson. W.Magrão, Túlio, Tcheco e Sousa. Alex Mineiro e MaXi Lopez. Esquema 4-4-2… é tão dificil ver isso.

    Claro esse time que fálei é pro Brasileiro… na libertadores… joga o ruym e o adilson…

  • mauricio diz: 11 de maio de 2009

    Caro wianey, concordo plenamento com o sr., tcheco nao tem muita velocidade, este jogador possui caracteristicas de apoio ao ataque e chute raro, é necessário mudar este esquema que fragiliza a meia cancha, quem sabe tirando rafael marques e colocando túlio na marcação, adiantando o tcheco. Outro problema são os cruzamentos ofensivos, ora feito por maxi, ora por jonas, o que é isso, cade os alas? acho que como maxi é um bom cabeceador o time precisa jogar em funçao dele, jadilson já.

  • luiz fernando diz: 11 de maio de 2009

    wianey, ninguém no grêmio tem peito pra fazer essa modificação!!!
    é visível q o tcheco não aguenta mais, logo logo entregará os pontos.
    abraço

  • Deiver Adans diz: 11 de maio de 2009

    Wianey escuto vocês no Sala todos os dias um grande abraço!

  • Deiver Adans diz: 11 de maio de 2009

    Concordo!! acho que o Grêmio está tendo muita dificuldade contra times que com mais jogadores no meio campo, o Rospide tem que aproveitar o jogo contra o San Martin para testar o 4-4-2 e ver como os jogadores vão se sair. O Tcheco na posição que ele está jogando, faz com que ele perca suas melhores virtudes que é o passe e a chegada na frente com boa qualidade.

  • Gilson Pinto Alves diz: 11 de maio de 2009

    E aí Wianey! Tu tens razão! Tomara que tua convicção chegue aos ouvidos do Rospide ou do técnico que chegar! Túlio e Adilson nas primeiras funções coma saída do rafael Marques simplificaria tudo! Única coisa que teria que cuidar seriam as subidas do Ruy, porque o Fábio santos quase nem vai e fecharia bem como terceiro zagueiro! E coitado do Tcheco, joga muito e está sendo sacrificado por ter que cumprir funções táticas! Conversa com o Rospide aí Wianey, dá um empurrãozinho nele!

  • QVDO diz: 11 de maio de 2009

    ACORDA GRÊMIO. NÃO ADIANTA CONTRATAR ATACANTES C ELES NÃO TREINAM CHUTES. COLOCA O JONAS E OS DEMAIS ATACANTES A CHUTAR 4 H POR DIA NO GOL. ELES APRENDEM A CHUTAR, OU ENTÃO É BOA VIAGEM PARA ELES. TCHECO NO ATAQUE COM SOUZA.

  • MAURO DE IPANEMA diz: 11 de maio de 2009

    ATÉ ONTEM O ROSPIDE ERA O CARA. 100% NA LIBERTADORES, E COISA E TAL. AGORA EMPATOU EM PORTO ALEGRE E JÁ NÃO POSSUI IDÉIAS PRÓPRIAS, FALTA CORAGERM PARA ALTERAR O TIME DO GRÊMIO.

  • Alfredo diz: 11 de maio de 2009

    Leitura correta.Inferioridade numérica no meio campo é flagrante.A lentidão do Léo não deve exigir sacrifícios táticos.Liberar parcialmente Tcheco e Souza de atribuições defensivas urge.P.S. Uniforme da Libertadores é maravilhoso!

  • Luiz Meireles Soares Nunes diz: 11 de maio de 2009

    Um time para ser campeão precisa do melhor preparador físico. Com um bom profissional se consegue, no máximo, boa campanha. A maioria se ilude com um time que corre muito e não cansa. Mais importantes que a resistência, estão a força e a velocidade. Poucos preparadores conseguem dosar adequadamente a carga de trabalho de acordo com as necessidades de cada atleta. Num time mal preparado com o do Grêmio, alguns atletas produzem bem e a maioria não. É triste, muito triste, poucos enxergarem isso.

  • Alison BASSANI diz: 11 de maio de 2009

    dirigentes,gerente de futebol,e o interino nao enxergam isso,se manterem esse esquema irao afundar o THECO,o GREMIO,e o resto do time

  • Diego diz: 11 de maio de 2009

    Muito bem Wianey, ótima colocação, chega de utilizar o Tcheco onde não é sua função principal. Não foi nenhuma nem duas vezes que vi Tcheco lançar o atacante, de forma surpreendente, para finalizar ao gol. Rospide, escute quem tem esperiência no futebol, sem desmerecer seu trabalho.

  • Luiz Meireles Soares Nunes diz: 11 de maio de 2009

    Resolvendo a questão física, o time passará a produzir mais. O 3-5-2 funciona qdo um dos zagueiros sabe sair jogando e os alas têm qualidade para se incorporarem ao meio-campo e fazerem o time jogar. O ideal para esse sistema é que os três sejam originariamente meiocampistas. É claro que Tcheco está fora de posição mas ele está mal condicionado fisicamente como a maioria do plantel. Poucos veem isso, infelizmente para nós gremistas. Os colorados estão com a boca nas orelhas. Eles têm preparador.

  • Luiz Meireles Soares Nunes diz: 11 de maio de 2009

    Deveríamos discutir a causa primeira da má produção do time e do Tcheco, que é física. A maioria se ilude com a boa resistência mas esquece que velocidade e força são mais importantes. Poucos preparadores físicos conseguem dosar adequadamente a carga de trabalho, segundo as necessidades de cada atleta. Num time mal preparado como o nosso, alguns atletas produzem bem mas a maioria não, como Ruy, Rafael Marques, Tcheco, Alex Mineiro, Herrera, Douglas Costa, et…

  • Humberto Mondadori diz: 11 de maio de 2009

    Perfeita avaliação Wianey. Mais uma vez teu olhar clínico não falha. Meus parabéns por flar algo que nínguem, nem a maior parte da imprensa tem percebido.

  • Christian diz: 11 de maio de 2009

    o Tcheco estava acabado muito antes de começar a jogar mais recuado, porque se seguisse como principal articulador ofensivo, o Grêmio seria um fracasso. Ainda bem que temos Souza assumindo essa responsabilidade esse ano. O único ano em que Tcheco teve um desempenho louvável no Grêmio foi em 2006. Nos anos seguintes só jogou bem contra times fracos, e como TODOS sabem, em TODAS decisões ele desaparece de campo. Não é esse capitão, enfraquecido e molenga, que o time do Grêmio precisa.

  • elio diz: 11 de maio de 2009

    Por favor, não comparem Rospide com Roth.O Roth com fama de retranqueiro meteu 7 no Figueira, 4 no Atlético Mineiro, 3 no Goiás, fora de casa. O time tinha padrão de jogo. Perdeu 3 para o Inter, mas, em duas delas,demonstrou superioridade tática. Foi demitido numa hora que não deveria ser. A direção temeu a torcida. Essa mesma torcida que queria o Saja, o Bustos e o Jardel.

  • Matheus Rosa diz: 11 de maio de 2009

    Eu tamébm penso assim Wianey, ontem o time estava muito recuado. Faltou o toque de bola em frente a área do Santos. Ano passado acontecia isso, o time trocava a bola de um lado pro outro esperando uma brecha.
    Acredito que ontem foi a primeira vez que o Rospide mostrou que o Autuori deve vir. Faltou ambição dele.
    Um abraço

  • daniel z diz: 11 de maio de 2009

    isso ae Wianey…
    gremio deve abandonar o esquema 3-5-2 e jogar no 4-4-2… em todos os jogos que jogamos contra times mais qualificados perdemos o meio campo, os alas foram presos e os nossos zagueiros foram empurrados para dentro de nossa area…o gremio so joga no contra ataque, so atacamos quando somos atacados…não tomamos a iniciatavia do jogo…no meu ver o 4-4-2 é o melhor esquema para o gremio jogar, alem de reforçar o meio campo teremos o theco junto com souza para armar a equipe.

  • Augusto diz: 11 de maio de 2009

    concordo plenamente com vc Wianey, devemos abandonar o 3-5-2 e escalar a equipe num 4-4-2, aposto q daria muito mais certo. Mas para isso precisamos de laterais mais defensores que não é o caso dos que estão no time agora. Abraço a todos gremistas

  • raul pante diz: 11 de maio de 2009

    Perfeita a tua leitura da equipe gremista,este é o principal motivo do Gremio não conseguir empatar/derrotar o inter,no momento que ele ou outro qualquer escalar o meio com Adilson/Tulio/Souza/Tcheco e colocar o Jadilson na lateral, o Gremio é sério canditado a qualquer título que dispute.

  • Tiago diz: 11 de maio de 2009

    Aonde eu assino Wianey?
    ————————–
    3-6-1 DENOVO NÃO NÉ!!
    Rospide fez bem seu trabalho…agora precisamos de um técnico definitivo.

  • álvaro diz: 11 de maio de 2009

    O Grêmio com um novo técnico, se for bom, e espero que seja, vai ter que mudar o esquema e 4 ou 5 jogadores. Vai precisar de tempo para entrosar. Do jeito que está não vamos longe, embora possamos ir até a semifinal ou até mesmo, a final (com sorte) da libertadores, mas, será difícil ganhar. E no brasileirão é necessário começar bem. Temo que não tenhamos mais tempo para as mudanças, ou melhor, para fixar as mudanças. Penso que os dirigentes estão fazendo uma opção para 2010,será pelas eleições

  • andes diz: 11 de maio de 2009

    Wianey, o tcheco nunca foi o jogador que pintaram na imprensa, mas tampouco é mal jogador. também concordo com o 4-4-2, nem tanto pelo tcheco, mas pelos laterais, que são medianos.

  • André Gremista diz: 11 de maio de 2009

    Wianey, insiste nesse assunto, força a barra, o Grêmio precisa passar pro 4-4-2 URGENTEMENTE!!!
    Sugiro, ainda, tirar o Ruy, que não marca nem acerta um mísero cruzamento, e colocar na lateral o jovem Saimon.
    Abraço

  • marcos diz: 11 de maio de 2009

    precisamos de um tecnico urgente q acabe com este esquema 3-5-2 q ja era, nao sabemos e nao podemos mais jogar este esquema!!!

  • RODRIGO IMORTAL diz: 11 de maio de 2009

    Ta na hora de inovar para o 4-4-2, chega de retranca precisamos agredir os adversarios fora rospide e 3-5-2.

  • Ricardo Salton Rosek diz: 11 de maio de 2009

    +1 vez, PERFEITO!! Já q a direção não dá jeito, vc Wianey poderia treinar o Grêmio. Já passou dá hora, HÁ MUITO TEMPO, de acabar c/ este famigerado 3-5-2. 4-4-2 JÁ!!
    Parabéns!!

  • timeco da azenha diz: 11 de maio de 2009

    È assim mesmo, quando pega um timezinho mais forte, ja abre as pernas…………. hehehehehehehehe

  • beto diz: 11 de maio de 2009

    bah não é o esquema que ta acabando com o tcheco, é o tcheco que ta acabando com o squema …. ele ta muito lento e ta errando muito passe , passou a epoca dele no gremio.

  • tricolor diz: 11 de maio de 2009

    E nao eh mais por falta de opçao que ele nao modoficou!! Jadilson tem que joga na esquerda…e o Rafael Marques eh um bom reserva. Tem esse Joilson agora p joga na direita, o Ruy merecia um banco, pq n tah rendendo e nao foi de ontem…e o Douglas Costa tem que joga mais!!!

  • Vilso Cordeiro diz: 11 de maio de 2009

    Concordo plenamente Wianey, ja faz algum tempo que venho dizendo, o Grêmio não tem jogadores para jogar neste esquema, o bom treinador deve montar o seu esquema de acordo com as caracteristicas de seus jogadores, nunca o contrario. Podemos montar um bom quadrado com os jogadores que temos,liberando Tcheco ou Douglas para criação,acho que ficaria um time mais equilibrado.

  • Jackson diz: 11 de maio de 2009

    O Grêmio não precisa mudar de esquema apenas o Tcheco ir para o banco.

  • MACHADO diz: 11 de maio de 2009

    Perfeita a leitura, Wianey. Chegou a hora de dar um basta ao 3-5-2, que prejudica imensamente o setor de armação do time. O Grêmio é um time carente no meio campo. Não é possível que a tarefa de armar seja delegada a apenas um jogador (Souza). é preciso tirar um zagueiro e escalar um volante em seu lugar, adiantando Tcheco para se juntar a Souza, aos atacantes e aos laterais. estes, aliás, não precisam apoiar ao mesmo tempo. É tudo uma questão de treino, coragem e dedicação…

  • Carlos Suliani diz: 11 de maio de 2009

    Wianey, o Gremio não tem laterais, só isso…eles não cruzam uma bola sequer, assim fica dificil pro atacante marcar!!!

  • Fábio diz: 11 de maio de 2009

    Onde eu assino?

    Grande Wianey, falou exatamente o que eu penso e creio que muita gente também pensa assim. Tcheco não pode ter a marcação como sua principal função. Esquema 4-4-2, com os laterais apoiando de forma alternada.

  • Everton diz: 11 de maio de 2009

    Wianey, até que um dia alguém da crônica falou uma coisa visível atempo…
    Estão acabando com o Tcheco, e não precisa ser nenhum deus do futebol para notar isso…
    É só lembrar o campeonato brasileiro do ano passado, quando o Tcheco era o 3º homem chegando a frente, dando passes, aparecendo na área para chutar, coisas que não consegue mais, pois rotineiramente esta na lateral ou até dentro da própria área marcando como estamos vendo em todos os jogos!!
    Parabéns Wianei!!!

  • FERNANDO diz: 11 de maio de 2009

    PARABÉNS WIANEY. Fico P. da vida em ver a torcida do GRÊMIO falando mal do Tcheco. Ele está muito mal escalado. Dá para continuar no 3.5.2 com o Tcheco,veja: VICTOR, (LÉO, REVER E RAFA MARQUES – 3 ZAGUEIROS), RUY ALA DIREITA E SOUZA NA ALA ESQUERDA – As melhores atuações do Souza são qdo ele joga na “ponta” esquerda, e, ele tem voltado para a marcação(embora não precise). TÚLIO, ADILSON E TCHECO(3 do meio) e JONAS E MAXI LOPES. O que achas????

  • Carlos Alberto Ulbrich Júnior diz: 11 de maio de 2009

    Caro Wianey. Muito Obrigado!!! Finalmente alguém da midia esportiva, ao invés de apenas criticar o Tcheco, defende ele, pois é evidente que o esquema tático prejudica ele. Prejudica tanto que uma das principais jogadas do gremio, o escanteio cobrado pelo Tcheco, raramente tem acontecido, porque? Porque ele é volante e volante marca. Fim do 3-5-2 já!!!

  • Mateus diz: 11 de maio de 2009

    Não poderia esperar um comentário tão maravilhoso que não fosse do grande Vianey Carlet. Há muito tempo o 3-5-2 não serve para o grêmio. Temos dois jogadores qualificados na zaga, agora que Léo voltou a ter grandes atuações, e um que deixa a desejar (não é necessário citar nomes). Tcheco vem desempenhando um papel maravilhoso de segundo volante no primeiro tempo, enquanto ainda tem forças… marca, cerca, morde, e quando com a bola, utiliza seu preciso passe para qualificar a transição def-ataq

  • Eberson diz: 11 de maio de 2009

    Concordo com tudo! E se o gremio pegar um time mais forte na libertadores já era…ate agora o gremio so bateu em time de bebado…porém fruto da sorte em cair em um grupo fraco e totais meritos em aproveitar a chance ganhada, so que pra quem quer ser campeão uma hora vai ter de mostrar força e ontem contra um time digamos “forte” so nao perdemos pq o Kleber Pereira ta numa pessima fase e o vitor é o melhor goleiro do Brasil. Se liga rospide se nao vc vai ser cuspido.

  • Caio Rospide diz: 11 de maio de 2009

    Comentário pertinente sobre os problemas do Grêmio.Concordo em genero,número e grau com sua análise.Malhar as atuações do Tcheco é não ver o equívoco de sua função.Há muito tempo o tricolor está jogando em desvantagem no meio de campo.Noves fora qualquer outra coisa, essa foi a herança maldita que nos foi deixada por um certo treinador.Somente um técnico, que é esperado por tanto tempo,e lhe são depositadas todas as fichas, poderá mudar essa situação.É o que todos os gremistas esperam.

  • Lucio diz: 11 de maio de 2009

    Falou tudo Wianey, realmente o Rospide parece receoso de chamar a responsabilidade para si, esta cometendo os mesmos equivocos do Roth..

  • Alisson Gonçalves diz: 11 de maio de 2009

    Concordo plenamente. É isso mesmo Wianei. O Rospide está repetindo os mesmos erros do Celso Roth. Além disso, acho que o Ruy não tem um nível de futebol compatível com o time do Grêmio, sua deficiencia na marcação sobrecarrega ainda mais o Tcheco, sem contar que ele não acerta um lançamento. Para podermos comparar o Maxi Lopez ao Jardel antes precisamos ter um lateral a altura de Arce, que sirva com açucar na cabeça do matador. O Ruy só conseguiu enganar um pouco no início da temporada.

  • Gabriel diz: 11 de maio de 2009

    Concordo contigo Wianey e vou mais longe: não entendo por que o Jadilson, que pra mim é muito melhor que o FSantos, fica sentado no banco por 90min num time que agora tem um cabeceador de alto nível como o Maxi. Olha, tem momentos que a gente não entende a direção do nosso clube, mas essa insistência na contratação do Autuori é mais que justificada. Já tinha ficado incomodado com as alterações no Peru. Ontem repetição. Lá o Maxi fez 2 e, em campo, poderia ter feito mais. Cadê o Jadilson???

  • Fernando Hiper Gremista diz: 11 de maio de 2009

    Concordo plenamente. O Tcheco caiu muito de produção por ser escalado na posição errada. No jogo da quarta passada, contra o San Martin, não vi Tcheco jogar. Outros que estavam sumidos no jogo, foram Fabio Santos e Ruy, que também estavam fora das funções corretas. O Grêmio precisa urgente um técnico que realmente saiba escalar um time aproveitando o melhor de cada jogador.

  • Gionas diz: 11 de maio de 2009

    Valeu Wianey, concordo plenamente contigo. Só faltou acrescentar alguns fatores, como nossos laterais que estão muito fracos, como o Joílson não pode jogar a libertadores, deixa ele jogar o brasileiro, dúvido que não jogue mais que o Ruy, o mesmo se vale p/ o Fabio Santos. E com o 4-4-2 com Tcheco e Souza armando, poderia ser ao menos testado o ataque com Alex Mineiro e Maxi Lopez, estamos queimando o Alex, escalando ele sozinho no ataque ou tendo que sair da área !!

  • Luiz Meireles Soares Nunes diz: 11 de maio de 2009

    Que esquema tático, o que está acabando com Tcheco e outros atletas é a falta de um excelente preparador físico que dê condições para todos jogarem futebol. Os atuais professores de educação física tratam todos atletas da mesma forma. Não há diferenciação quanto ao biotipo e o resultado é que alguns conseguem um bom nível de força e velocidade e a maioria não. Um grande time começa por um GRANDE PREPARADOR FÍSICO. Infelizmente, poucos veem isso.

  • jose derli fernandes diz: 11 de maio de 2009

    bom dia wianey,,concordo plenamente,tem que acabar com este esquema e tirar um jagueiro e jogar no 4-4-2 olha ainda acho que este argentino,max é uma enganação.tomara que eu esteja enganado
    abraços
    Derli-sl

  • Pedro Lapinscki Junior diz: 11 de maio de 2009

    Pois é, Wianey. Antes do Rospide mudar o posicionamento do Tcheco, ele tinha rendimentos altamente satisfatórios. Vide a final da Libertadores contra o Boca, a partida contra o Cruzeiro fora no BR08, o jogo contra o Vitória no Barradão e outras inúmeras oportunidades. Os fãs do Tcheco sempre arrumarão desculpas pra justificar a sua baixíssima capacidade de assumir o jogo qdo o time necessita. Dizer q ele é a cabeça pensante é piada. E o Souza? Esse chama pra si o jogo e não foge da responsabilid

  • RVO diz: 11 de maio de 2009

    Nunca imaginei isso, mas tenho que concordar com esse sr… Já passou na hora do Grêmio abandonar esse 3-5-2, eu até gosto deste esquema, porém com os jogadores que o Grêmio possui hj não tem cabimento isso…

  • Eder diz: 11 de maio de 2009

    Prezado Wiarnei,

    Concordo com você completamente, pois precisamos mudar o esquema esta muito manjado…

  • João Carlos diz: 11 de maio de 2009

    Para mim é Tcheco que está acabando com o esquema tático.

  • ZZ Dex diz: 11 de maio de 2009

    Concordo plenamente com o Wianey….o Grêmio deve jogar no 4-4-2. Túlio na 1º função e o Adilson na 2º…aliviando o Tcheco e liberando mais o Souza. E outra…não dá para colocar o Alex Mineiro no 3-6-1 como ontem. Por favor…4-4-2. abraço

  • lucas diz: 11 de maio de 2009

    Absolutamente correto, tcheco é veterano e não tem pernas para jogar onde esta. O coitado do Adilson tem que correr por dois e o tcheco fica sempre no meio do caminho, não vai nem vem e não tem força nem para bater escanteio.Afora isso não temos laterais, não temos técnico, poucos atacantes (o esforço do Maxi) , na direçao temos uma tropa de JEGUES e por ai vai. Pelo menos temos torcida e goleiro. Já é um começo.

  • Carlos Eduardo diz: 11 de maio de 2009

    Wianey a sua materia é ótoma, tenho a mesma visão de jogo q vc, nós não precisamos de 3 zagueiros e sim de meio campo, foi um fiasco domingo, muito afastado o meio da frente.
    E teriamos q ter um zagueiro mais rápido pra ser companheiro do Rever. Pereirão jogava mais q Rafael Marques.

  • Leandro diz: 11 de maio de 2009

    ALELUIA!
    Até que enfim alguém percebeu!
    Há meses a torcida critica o CAPITÃO Tcheco, ignorando sua importância tática e de liderança pra equipe, sem perceber que este atleta é vítima do esquema (burro) 3-5-2. Hoje o Grêmio joga sacrificando o Tcheco, que joga recuado (sem recursos físicos para marcar) e liberando o Réver (sem recursos técnicos para armar). Para que 3 zagueiros se nossos 2 laterais apoiam pouco? O Grêmio tem medo de atacar! O fantasma de Roth ainda ronda o Olímpico! Até quando?

  • Nickless diz: 11 de maio de 2009

    O techo tem que virar juiz de futebol.. por que eles gosta de apita um jogo… heheheh

  • Luiz Meireles Soares Nunes diz: 11 de maio de 2009

    O gol do Inter contra o Corinthians mostra como são importantes força e velocidade no futebol. Só com ótimo condicionamento físico um atleta consegue fazer aquilo. Força para arrancar e dividir, velocidade para tocar na bola antes dos adversários e concluir com sucesso, além da resistência óbvia. No meu Grêmio, a maioria se ilude só com a resistência. A lentidão do Tcheco é atribuída ao esquema; a maioria dos atletas tem a sua qualidade diminuida. Até quando vamos conviver com essa cegueira?

  • Gerson diz: 11 de maio de 2009

    Belo comentário,concordo plenamente com suas colocações, acho que está faltando coragem para o Rospide. O cavalo tá passando encilhado e ele está deixando de aproveitar uma chance unica de crescer.

  • Jonathan Holz diz: 11 de maio de 2009

    Concordo e assino embaixo… Mais: o Souza está começando a se sobrecarregar, o meio campo do Gremio carece de bom passe na saída de bola da defesa pro ataque. Adilson na minha opinião não é descqualificado, mas precisa trabalhar EXAUSTIVAMENTE o fundamento passe. E que façam o Fabio Santos atuar mais defensivamente, pois ofensivamente ele é absolutamente NULO.

  • Marco Johann diz: 11 de maio de 2009

    Os que defendem a saída do Tcheco do time, são os mesmos que aplaudiam os pernas-de pau como Sandro Goiano, Cláudio Pitbull, Eduardo Costa e outros, que nunca acrescentaram nada ao time, apenas botinadas e cartões. Com essa idéia de futebol e de “vestir a camisa”, estamos há anos sem ganhar nada. Será que não perceberam que o Grêmio só joga bem quando tem alguém que organiza as jogadas? Esse cara é o Tcheco. Não temos outro. Se ele sair, adeus possibilidades de títulos. Pelo menos com esse time.

  • Paulo Gremista diz: 11 de maio de 2009

    Uma das melhores análises tua. Parabéns!

  • Luiz Cristiano diz: 11 de maio de 2009

    MUITO BEM, WIANEY, FAZEM 6 MESES QUE ESTOU AFIRMANDO ISSO EM TODAS AS RODAS DE DISCUSSÃO DE FUTEBOL QUE PARTICIPO. AGORA ME EXPLIQUE, COMO QUE EU, UM MERO LEIGO EM FUTEBOL, PERCEBA ESTA INCONGRUÊNCIA, E UM TREINADOR, QUE PASSA TODOS OS DIAS DA SUA VIDA OBSERVANDO E ESTUDANDO FUTEBOL, NÃO PERCEBA?

  • Diego Nunes de Souza diz: 11 de maio de 2009

    Eu não sei o que a imprensa ve no Tcheco ele se arrasta dentro de campo, á muito tempo ele é o furo do time, Douglas costa já, Tcheco é o jogador mais lento da história!

  • Ricardo diz: 11 de maio de 2009

    Perfeito Wianey!
    O que eu vejo de gremista malhando o nosso capitão…Eu acho que se o Autuori vier mesmo,vai abandonar o 3-5-2 de imediato,passando a utilizar o clássico 4-4-2.

  • Matias Schuler Guenter diz: 11 de maio de 2009

    Ro(th)spide está me decepcionando… primeiro a insistencia com Fabio Santos e Jonas, sendo que Jadilson e Alex Mineiro dariam melhor resposta. Depois a teimosia em tirar Maxi Lopes aos 20 do segundo tempo. Agora essas substituições dignas de Roth. Pra que tirar um atacante e botar um volante se depois tira um volante e bota um atacante? Se ta “perdendo o meio”, porque não tira um zagueiro e bota um volante, ou tira um atacante e bota um meia?

  • valter fernandes diz: 11 de maio de 2009

    Eu fui o primeiro a dizer que o gremio precisa mudar para o 4-4-2. ainda bem que todos voces ouviram. Agora como todos nós queremos o bem do gremio e a imprensa gaucha o bem da dupla grenal eu acho muito bonito o que esta acontecendo, esta militancia ativista, precisamos disto não parem que fara efeito. eu VALTER com as ideias e voces lutando, não parem que dara certo, pelo bem do gremio, todas as radios, TV`s, canais, sites é isto continuem me ouvindo e não parem de lutar o gremio ira pro 4-4-2

  • Rafael diz: 11 de maio de 2009

    Muito bom Wianey, mas quem voce vai colocar na lateral direita? O time da azenha tem dois alas para o setor, e nenhum lateral. Pra jogar assim, Ruy e joilson nao poderiam estar no time.

  • CARLOS EDUARDO diz: 11 de maio de 2009

    O esquema nao pode estar acabando com o Tcheco, porque simplesmente ele NÃO EXISTE!!! Fora Tcheco!!!!!!!!!!!!!

  • Carlos diz: 11 de maio de 2009

    Wianey, discordo totalmente de ti sobre as “habilidades” que atribui ao Tcheco, faço uma aposta contigo para que observe o numero de passes errados do Tcheco por jogo, tenho prestado atenção e ele erra a maioria, e o Adilson é outro que erra mtos passes e faz mtas faltas desnecessarias, será que não foi promovido a titular mto cedo o Adilson??? E o “Ruím”, digo Rui, que tal o aproveitamento dele nos cruzamentos, faça e/ou consulte a estatística de vcs, topas a aposta???

  • fernando diz: 11 de maio de 2009

    com esquema sem esquema esse ta acabado faz horas!!

  • Silvio Bertol diz: 11 de maio de 2009

    Perfeita esta análise. Está mais do que na hora de acabar com este mal fadado esquema com três zagueiros. O Grêmio é um time grande e não precisa ficar só se defendendo e sem atacar, pois com isto faz com que os outros times fiquem sempre em cima da defesa e depende dos zagueiros para articular jogadas no meio campo. E as alterações, sempre as mesmas, tirando um atacante para colocar mais um voltante e trocando um meio campo por outro. Isto é inadmissível. 4-4-2 JÁ!!!

  • Guilherme diz: 11 de maio de 2009

    Concordo contigo Wianey, o Grêmio tem que tirar um dos “três patetas” da defesa… O Jogo contra o San Martin foi um exemplo de que o esquema não está dando certo…tá um deserto no meio campo do Grêmio!!!

  • viviane alves diz: 11 de maio de 2009

    Concordo plenamente, Wianey
    Acho que alguém esta vendo o mesmo que eu. Já faz tempo que o Tcheco vem sendo sacrificado nesta posição tática, espero que o autuori, venha com o 4-4-2. Eu sou fão do tcheco.

  • Eder diz: 11 de maio de 2009

    Penso exatamente como vc Wianey, aliás quase cem por cento da torcida pensa isso, escutando na gaúcha ontem as entrevistas do Lucianinho, notava tal sentimento no torcedor. O problema é coragem para mudar tu sendo um interino, mas acho que o Rospide deve fazer isso, a começar quarta, tira um zagueiro, coloca o Túlio como cabeça de área, passa o Adilson para a função do Tcheco e adianta o nosso capitão para ajudar na armação. é isso aí, Soy Loco por TRI AMÉRICA.

  • Jonas Rafael diz: 11 de maio de 2009

    É, mas não vai ser com Ruy e Fábio Santos que o 4-4-2 vai funcionar. Talvez Joílson. Mas aí precisa um treinador TITULAR, com moral pra enfrentar a panelinha e tirar que precisa (Ruy e Rafael Marques). Ainda tem o problema da Libertadores, onde Joílson não pode jogar.

  • Jonas Rodrigues diz: 11 de maio de 2009

    Certíssimo ! concordo plenamente. O Tcheco hoje é um bom articulador. Foi segundo volante quando jovem. Hoje não tem mais força física para atuar como segundo volante, ainda mais no 3-5-2. E também os laterais não têm qualidade para jogar como ” alas ” no 3-5-2. O time do Grêmio sempre perde o meio-campo e permite a qualquer adverário ter mais posse de bola.

  • pietro diz: 11 de maio de 2009

    perfeita leitura. coberto de razão!

  • cleiton diz: 11 de maio de 2009

    Wianey, sou teu fã e a 1ª coisa que eu leio quando entro no ClicRBS é o teu blog. Agora, meu amigo, tu provaste que és humano: erraste. E erraste feio. Tcheco dando passes milimétricos, com rara leitura do jogo? Wianey, o Tcheco não faz mais nada disso. Inúmeros contrataques dos adversários surgem dos seus passes imprecisos, ele se arrasta em campo, mostra uma cara de enfado, é estopim curto. Não é só o esquema. Ele é um ex-jogador há muito tempo. Qualidades: sabe dar entrevistas muito bem. Abs.

  • Marcelo diz: 11 de maio de 2009

    442 urgente. 352 só funciona com alas qualificados. Ruy e Fábio Santos são muito fracos tecnicamente. Jogadores médios. Tem que por um volante e sacar um zagueiro (Rafael Marques). Abraços tricolores

  • JAIRO PASQUALOTTO diz: 11 de maio de 2009

    SIM. ISTO SIM WIANEY.
    E A PROPÓSITO, SAIRIA DO TIME O PONTO FRACO DE NOSSA DEFESA, RAFAEL MARQUES, QUE DEIXA A DESEJAR TODO O JOGO, ENTRANDO EM SEU LUGAR O REVER.
    MAS, PARA MIM, PARECE QUE O RUI É MUITO PIOR DO QUE QUALQUER JUNIOR QUE O GREMIO POSSA LANÇAR.
    SAI DO TIME O RUI E RAFAEL MARQUES.

  • Gabriel diz: 11 de maio de 2009

    Túlio erra todos os passes (excessão foi o gol).
    Quero: Vitor
    Léo Thiego
    Ruy Réver

    Malyson Adilson

    Tcheco

    Douglas Costa Souza
    Máx Lopez

    4-3-3 (com dois volantes: Adilson na 1°, Maylson na 2°; Tcheco como o Meia armador que ele eh; Souza na ponta esquerda, Douglas na ponta direita e Max centro avante; Rever na lateral esquerda Thiego ao lado de Léo, com Rafa M. e F. Santos no banco).

  • Carlos diz: 11 de maio de 2009

    O Grêmio joga para os meias e não para os atacantes, isso é inconcebível o Máxi recebe no máximo 3 bolas por jogo, não pode continuar assim. O Fábio Santos nao marca ninguém e não tem qualidade para o apoio o mesmo vale para o Ruy, ótimo jogador para Figueira e Nautico, mas no Grêmio pega grupo e nada mais. Desde o ano passado perdemos o meio de campo. Precisamos retornar ao 4-4-2 para municiar o ataque. Se os alas não tem qualidade os meias tem. Assim teremos chances de ganhar os titulos.

  • Ricardo Gremista diz: 11 de maio de 2009

    Wianey, absolutamente correta tua análise. O esquema está fazendo o Grêmio perder força ofensiva, ao perder o jogo no meio de campo. O time só joga no abafa, sem jogada articulada, justamente o que Tcheco poderia fazer juntamente com Souza. É só balão para frente ou contra-ataque. Foi rídicula a substituição do Jonas pelo Túlio ontem. Deveria tirar um zagueiro e projetar o Tcjheco à frente.

  • Tiago Meirelles diz: 11 de maio de 2009

    Grande Wianey. Por vezes discordamos, mas ainda és o comentarista que mais se aproxima do modo como eu enxergo o jogo. Eu iria mais longe, e explicitaria que o problema é transformar o Souza no dono do time. Apesar da habilidade técnica bem acima da média, Souza está longe de ser um articulador de jogadas, como Tcheco o é. Em outras palavras, o Souza joga pra ele, até porque chama o jogo – outra qualidade. O Tcheco faz o time jogar. E o Grêmio parou de jogar. Um abraço.

  • Marco Johann diz: 11 de maio de 2009

    Concordo. O Tcheco é o único articulador que o Grêmio tem. Embora o Souza tenha se apresentado como ótimo jogador, ele desempenha uma função mais individualista, o que não é defeito, e sim, um acréscimo. Estão tirando do Tcheco a função já desempenhada pelo Zinho, pelo Roger, pelo Ricci, pelo Mário Sérgio, e outros tantos com essa característica que sempre deram bons resultados. Deixem o Tcheco jogar, pelo bem do Grêmio. Alguém tem que pensar nesse time, e dar uma cadência com qualidade.

  • Jean diz: 11 de maio de 2009

    Antes eu achava que o esquema estava ajudando o Tcheco, pois via a ele disponibilizado uma parte menor do campo para atuar. Porém, hoje concordo com vc Wianey. O Tcheco não tem mais saúde para marcar, atacar e ainda dar passes precisos. Ontem Rospide mostrou resquícios de Rothismo, ou seja, retranquismo.

  • Ratones diz: 11 de maio de 2009

    Concordo, 4 4 2 já!!
    Pergunta, cadé o herrera? sumiu?

  • Luiz Meireles Soares Nunes diz: 11 de maio de 2009

    A maioria dos gremistas, onde se incluem os da direção do clube, não percebem que nos falta um grande preparador físico. Iludem-se com um time que corre muito e não cansa. Não sabem que mais importantes que a resistência são a força e a velocidade. Poucos profissionais conseguem dosar a carga de trabalho de acordo com as necessidades de cada atleta. Num time mal preparado como o nosso, alguns atletas produzem bem mas a maioria não. É angustiante conviver com essa cegueira. Até quando?

  • Fernando diz: 11 de maio de 2009

    100% apoiado !

  • Carlos diz: 11 de maio de 2009

    Na mosca! Para agravar, o Rui “pós lesão” nã está jogando nada, logo estamos jogando no 5-3-2.

  • RAFAEL NEVES diz: 11 de maio de 2009

    Com certeza Tcheco está sendo prejudicado, o ataque do Grêmio rendia mais quando estava na meia. O Grêmio não tem meia armador, pois Sousa não é, e com Tcheco preso de volante não tem como os atacantes produzirem mesmo.

Envie seu Comentário