Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Inter joga com Alecsandro pensando em Nilmar

15 de setembro de 2009 38

Alecsandro é bom cabeceador, pouco veloz e é do tipo que deve jogar projetado/Jefferson Botega
Minha observação não é definitiva, por enquanto é apenas suspeita. Até algumas semanas atrás, o time de Tite tinha dois velocistas no ataque: Nilmar e Taison. Este primeiro foi vendido e entrou Alecsandro, centroavante de características opostas às de Nilmar. É bom cabeceador, pouco veloz e é do tipo que deve jogar projetado, quase entre os zagueiros adversários. Não produz bem quando recua e vem ao encontro do jogo. Mas é o que está acontecendo. E se recua é porque a bola não chega com a freqüência e qualidade que seriam necessárias para que Alecsandro pudesse ser explorado nas suas potencialidades. Começo a achar que Taison e Alecsandro não fazem boa parceria. Este seria o primeiro problema.

O segundo problema viria dos flancos. É incrível que Tite não consiga estabelecer uma mecânica de jogo em que os laterais apóiem, intercaladamente. Quando sobe o direito, fica o esquerdo e vice-versa. Atualmente, é assim: se joga Danilo Silva, Kleber não avança, permanece atrás, quase como um terceiro zagueiro, pela esquerda. Quando Bolívar está na lateral direita, então Kleber é liberado para apoiar. Nas duas ocasiões, o Inter fica capenga, só ataca por um lado.

Por fim, a chegada dos articuladores na área adversária não se dá satisfatoriamente. D´Alessandro movimenta-se muito para os lados enquanto Magrão e Guiñazu demoram para chegar.

Acho que o Inter carrega problemas mecânicos que ainda não foram solucionados por Tite. E estou falando, apenas, de dificuldades ofensivas. Se lembrar que contra o Cruzeiro, por exemplo, o time foi faceiro, não marcou, então a relação de problemas cresce assustadoramente. Sem soluções, o título terá que ser adiado para outra temporada.

Postado por Wianey Carlet

Bookmark and Share

Comentários (38)

  • Aldebaran diz: 15 de setembro de 2009

    Wianey, concordo contigo sobre a capenguice de ataque pelos flancos. Além disso, o time fica desguarnecido quando o adversário tem um contra-ataque forte, como foi o caso do Cruzeiro. Cada bola que era lançada no contra-ataque cruzeirense, pela lateral, era perigo na ponta da grande área. Espero que o Tite e os jogadores não fiquem só assistindo ao DVD produzido por ele e achando bonito. Abraço

  • Juliano diz: 15 de setembro de 2009

    A verdade, pura e simples: Trata-se de um treinador medíocre! O homem chegou ao ponto de editar um DVD para explicar o seu esquema… Não, é demais…., é muito fraquinho esse rapaz…

  • papai eh o maior diz: 15 de setembro de 2009

    Sinceramente, não acredito em titulo neste ano ainda. INFELIZMENTE.

  • Mauricio Zanini diz: 15 de setembro de 2009

    Prezado amigo, gostaria que tu me confirmasse minha opinião sobre ser um campeão. Creio que existe 3 elementos básicos: (1) Equipe técnica competente; (2) Plantel técnico e com substitutos à altura; (3) Fator emocional. De todos esses, creio que o fator emocional é o mais importante e sua definição atinge muito mais que a simples vontade de vencer. Inclui a sintonia entre os companheiros de todo o clube, desde o presidente até o gandula. Com isso, surge uma cumplicidade única onde a s

  • Cicero diz: 15 de setembro de 2009

    Wianey, esqueceste do maior dos problemas, a indefinição de Tite. Não é de hoje que não tem um esquema definido, não é de hoje que suas convicções estão deturpadas. A maior evidência foi na hora da substituição do jogo contra o Cruzeiro de ter chamado Glaydson e por pressão da torcida voltou atrás e colocou Léo (acho que no lugar de Sandro). Isso demonstra reticências em suas convicções! Tite, até me prove o contrário tem uma máquina na mão e não sabe pilotar!

  • Cicero diz: 15 de setembro de 2009

    Desculpe, a substituição que mencionei ocorreu com Edu, e não com Léo.

  • Cláudio diz: 15 de setembro de 2009

    Wianey, concordo com o teu comentário e na minha opinião a solução esta em uma mudança tática mudando 4-4-2 para o 3-5-2, pois agregaria o Kleber ao meio-campo e o Inter passaria a ter uma jogada pelo flanco esquerdo e pela falta do Giuliano poderia colocar o Taison ou o Bolaños na direita e o ataque com o Edu (Marquinhos) e Alecsandro. Neste esquema o Inter deveria jogar com Lauro;Sorondo;Índio e Eller;Taison, Magrão(Sandro), Guiñazu e Kleber; D´Alessandro; Edu (Marquinhos) e Alecsandro.

  • Colorado diz: 17 de setembro de 2009

    Wianey, por isso eh que eu nunca fui corneteiro do Tite e nunca pedi sua saida, mas ele estah deixando a desejar ha, no minimo, meio ano. Estamos chegando perto do fim da temporada e o Tite ainda nao conseguiu dar uma cara ao time. Os grampeadores da Zero Hora sabem que o Inter tem um elenco de qualidade muito superior, entao eh logico que o problema estah ou na armacao tatica do time ou na atitude e espirito de vencedor do elenco. Em ambos os casos, o tecnico eh o principal responsavel.

  • Catimba diz: 16 de setembro de 2009

    Qual é o problema em ser adiado para outra temporada o titulo do Brasileirão? Já fazem 30 anos que estão adiando, um ano a mais ou um ano a menos não vai fazer muita diferença…

  • Gabriel Vieira diz: 16 de setembro de 2009

    Eu acho que tá tudo bem no ataque do inter, afinal, é o único time que tem o `novo Messi`!!!

  • Cássio Zimmermann diz: 16 de setembro de 2009

    Wianey, o problema é que Taison está mal, sem confiança, não dá prosseguimento a jogada alguma. É dele a penúltima bola, que, por sinal, não tem existido. E assim a dupla não tem funcionado realmente. Entretanto, concordo contigo, Wianey, que a mecânica ofensiva do Inter ainda é direcionada para a velocidade (Nilmar), e não para posicionamento e jogo aéreo (Alecsandro).Abraço.

  • Dirceu diz: 16 de setembro de 2009

    Se é assim poderia pensar, que se o juiz marca-se aquele penalte teu comentario seria como o inter jogou bem.
    Claro eu nao pensaria no L.Quadros.

  • Milton Soares diz: 16 de setembro de 2009

    Bingo! É isso aí Wianey, o pior é que o Tite não enxerga esse problema grave. O Kleber é um excelente ala, ao contrario do Danilo Silva que é limitadissimo. O garoto Daniel joga muito mais que o Danilo. Alecsandro depende dos cruzamentos dos alas, embora o Edu seja muito mais inteligente e decisivo que ele. Giuliano ocupava o lado direito com muito eficiencia. Ele faz muita falta pois Magrão é imprevisivel, ora joga muito, ora joga nada. O Taison parou de jogar. E o Bolanos não recebe chance.

  • Antonio diz: 16 de setembro de 2009

    Na minha opinião no ataque(o melhor do campeonato) o problema é o tison, atacante que não faz gol e fica no time alguma coisa tem. No meio campo eu lamento mas nunca dá certo André e Dalessandro juntos eu gostaria mas nunca ganhamos com eles. Então na minha opinião tirar o tison é obrigação, não marca,não dribla,não chuta,não cabeceia. E contra meu desejo mas por observação quando não tem giuliano tem que ter 3 volantes. Magrão/guina/sandro. De quem é o passe do tison que não sai do time?

  • Fernando diz: 15 de setembro de 2009

    Wianey, 3-5-2 neles! Só nessa formação o Tite conseguiu fazer o Inter apoiar pelas laterais e criar uma triangulação volante-lateral-D`Alessandro. Com a aproximação do lateral ao ataque, o Taison também passa a ser “empurrado” para a frente, e pode jogar mais próximo do Alecsandro.

  • jose diz: 15 de setembro de 2009

    Que bobagem.

  • pacato diz: 16 de setembro de 2009

    e incompeTite está ha mais de ano no inter. Não vai mudar isso da noite para o dia!

  • Camargo diz: 16 de setembro de 2009

    Wianey, é complicado opinar NO BLOG. Quando comentei que o time do Inter largou na frente do campeonato por conta dos velocistas Nilmar e Tyson, mesmo o time não jogando quase nada, gerou fúria dos colorados. E digo mais, se o Nilmar e o Tyson estivessem juntos, o Inter já estaria muito próximo do título. O último jogo, derrotado que foi pelo Cruzeiro, é só rever uns dois lances, e já se sabe que o ataque de antes teria feito pelo menos dois gols. O Inter ganhava, mesmo jogando mal.

  • pacato diz: 16 de setembro de 2009

    “Detalhe: O Inter tem o MELHOR ataque do campeonato” sim, mas analisa os gols! Quantos saíram com “bola rolando”, trabalhada, com alguma jogada do time que se pode ver pelo menos 2 vezes?

  • Silvio Dias Jr. diz: 16 de setembro de 2009

    Nossa, Wianey, perfeita a observação sobre os laterais. Juntando com o outro comentário acima, relativo ao equilíbrio da equipe, tu traçou um painel completo sobre o Inter. Agora, é aquela coisa: Já que defensivamente, a coisa tá feia, o negócio é apostar cada vez mais na capacidade de vitórias. Jogar prá frente mesmo. Assim, a gente pode até igualar pontos, mas leva pelo maior número de vitórias. Grande abraço.

  • Max diz: 16 de setembro de 2009

    A questão toda é que o Inter não tem comando técnico, o Tite é um enrolador não tem gabarito para treinar uma equipe campeã, e o Inter é tão qualificado que está nesta posição apesar do Tite, mas insuficiente para a reta final.
    E o Guina precisa de mais orientação, é craque mas está atuando como um aloprado.
    Taison e Alexandro juntos, sem chance…

  • R.B.C diz: 15 de setembro de 2009

    O problema tem nome: Taison. Ele é um velocista. E daí? Muito peladeiro. Arrebentou no GAUCHÃO e na COPA DO BRASIL. Detalhe: SEMPRE CONTRA EQUIPES PEQUENAS. NUNCA VI ESTE CIDADÃO JOGAR CONTRA ZAGUEIROS QUALIFICADOS, QUE NÃO O DEIXAM JOGAR LIVREMENTE. PRA MIM É MARQUINHOS E ALECSANDRO OU EDU E ALECSANDRO.

  • Pablo Inter campeão de tudo diz: 16 de setembro de 2009

    O Alecsandro é muito melhor do que o Nilmar nem compara.

  • Marcelo de Mello Medeiros diz: 16 de setembro de 2009

    Confronte seus comentários com os da semana anterior…Concordo que há problemas táticos para resolver mas daí estender a crítica desta forma…Estão vendo Palmeiras e SP jogar ? Sua análise é curta em relação ao Alecsandro..busca o jogo tirando zagueiros de posição, está presente para o cabeceio e apresenta como sempre apresentou algumas firulas desnecessárias !! este é o defeito a corrigir ! Está sim, contribuindo e fazendo sua parte. Quem está absolutamente comprometendo é o Taison !

  • edson diz: 16 de setembro de 2009

    e se invertessemos as funções de Sandro e Magrão, será que o time ficaria mais protegido na defesa??? Magrão foi muito bem nos jogos como 1º volante e Sandro tem qualidade e velocidade para a 2ª função.

  • Fabrício diz: 16 de setembro de 2009

    “Melhor time do mundo”? “Campeão de tudo?” “Jóia rara”? “Diamantes vermelhos”? “Elemenco qualificado”? “Números melhores que o Barcelona”? “Nível europeu”? Ué… esse Inter aí que vocês comentam por acaso é a Inter de Limeira? Porque o Internacional de Porto Alegre era há seis meses atrás o “novo Rolo Compressor”, “favorito para ganhar tudo”, “melhor elenco do Brasil”. O que houve?

  • Evilásio diz: 16 de setembro de 2009

    Wianey, não gosto de criticar o Tite, mas esta lhe faltando coragem…Se for 3x5x2 ou 4x4x2,não importa, precisa é CORAGEM e escalar os jogadores certos.Exemplo é Sandro ou Magrão,quem é o companheiro de Eller?O Danilo já provou que não tem condições…O Edu na reserva,convenhamos, ele 50% é melhor que os outros.Só ganhamos o “ruralito” se continuar assim,realmente titulo só em outra temporada.Sr. Adenor o sr é competente,CORAGEM!!!!

  • Ivan73 diz: 16 de setembro de 2009

    Se o Inter tem o melhor ataque do campeonato o Guerrinha tá certo: o problema é a defesa.

  • colorado no rio diz: 15 de setembro de 2009

    Tite foi ajudado pelas circunstâncias quando foi praticamente obrigado a escalar o Giuliano (estava sem Magrão e Dalessandro). Com o meia agora na sub-20, o time fez seus melhores jogos. Completo, ele marca, dribla, passa e chuta. Nem Andrezinho nem Dalessandro estão a altura. Este é o problema. Falta a Tite saber escolher as melhores peças para compor o time. Parece que não vai aprender nunca.

  • Ricardo diz: 15 de setembro de 2009

    Detalhe: O Inter tem o MELHOR ataque do campeonato

  • Karina diz: 16 de setembro de 2009

    Hj eu estou desacreditada pelo Inter como estava em 2006.Pensei q fossemos levar uma goleada histórica contra o poderoso Barcelona.Olha eu estava pessimista e olha no q deu e esse ano tudo se repete.Vou continuar assim.Vamo meu Inter

  • Alfredo Bonessi diz: 16 de setembro de 2009

    Temos 14 rodadas.Pontos possíveis:Gremio 18. Palmeiras 18. Inter 15. Atletico 12.Goias 9. As 9 rodadas são jogos imprevisiveis como Grenal. InterAtletico. GremioSPaulo. Os pontos das 9 rodadas serão de superação em classicos.Acho que o Inter não sairá doG4. Palmeiras também não. O SPaulo será o campeão. O Gremio disputará a vaga com o Atletico e o Goias.Sem contar Cruzeiro,Vitoria, Flamengo que vem subindo e 2 são candidatos ao G4 .Acho que o Gremio e Goias não ficam no G4 por desgastes.

  • Claudio diz: 15 de setembro de 2009

    Continuando o comentário, no 3-5-2 e esta escalação as virtudes seriam o Guiña fica mais disciplinado e quando ele vai para direita o Magrão vem para esquerda, os argentinos gostam de toque de bola e com 5 no meio os espaços são melhores ocupados facilitando esse jogo, também facilidade de abrir o jogo pelas pontas com os alas indo a linha de fundo para cruzar p/Alecsandro. Cobertura p/subida dos zagueiros fica melhor por ter um líbero e os volantes, surgindo elemento surpresa Eller e Índio.

  • vitor diz: 16 de setembro de 2009

    Também acho que o Taison ja deveria ter saido (tem o Edu)e D`Alessandro e Andrezinho não da certo. Melhor optar pelo Andrezinho que é mais constante e atravessa uma boa fase.

  • colorado sta rosa diz: 16 de setembro de 2009

    Wianey, o Taison não acerta um miserável de um passe. Chute então, nem pensar. São sempre aquelas arrancadas sem objetividade, sem saber o que fazer com a bola e sempre olhando para o chão. Não tem como dar certo, não cruza uma bola na área para o Alecsandro. O Taison tem que ser terceira opção, pelo que estão jogando seria primeiro o Edu, depois Marquinhos, Taison, Bolanos e Leo. Outra coisa, tão matando o Bolanos, tá na cara que tá sendo mal escalado pelo Tite, inventão, professor Pardal.

  • Thiago diz: 16 de setembro de 2009

    Contra o Cruzeiro vários jogadores estiveram abaixo do que podem produzir. Contra o Avaí na ressacada o Inter foi faceiro? Concordo contigo que o Tite está errado no que concerne ao liberar para o apoio do Danilo (zagueiro de origem), enquanto que o Kléber (que deve ser um dos jogadores que mais dão assistências) fica apenas na marcação. Essa estratégia do Tite é muito, mas muito burra!

  • Mário Medaglia diz: 16 de setembro de 2009

    Caro Wianey: sem entrar na numerologia dos esquemas táticos, tem coisa que o Tite custa a enxergar e o exemplo mais gritante é o Taison. Ele tem jogado mais avançado e de costas para o gol, fugindo completamente de suas caracterísicas. Taison só é o Taison vindo de trás em velocidade. É o chamado óbvio ululante, menos para o Tite. Abraço, Mário Medaglia

  • Leonardo Alvez diz: 16 de setembro de 2009

    Se o treinador, ao longo desse tempo, demora a perceber que a escalação da Copa do Brasil coincide com as nossas piores apresentações e com as derrotas, reforça minha tese de que não seria o mais adequado ocupar o cargo e conduzir o clube ao que a torcida deseja. Além disso, perdeu duelos táticos com treinadores que mostram serviço: Mano Menezes e Adílson. O Vitória tem um ataque perigoso. Neto Berola por exemplo é velocista, confunde marcação e serve bem ao parceiro. Esperemos o jogo na Bahia.

Envie seu Comentário