Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Inter suou sangue para arrancar empate

25 de outubro de 2010 53

Foi um dos clássicos mais surpreendentes dos últimos anos. As alternâncias do escore emprestaram emoção em tempo integral. A expulsão de Rochemback, aos 20 minutos da etapa final, derrubou o Grêmio, embora Fábio Santos tenha marcado o segundo gol do seu time quatro minutos depois. O Inter, ferido nos seus brios, reagiu com todas as suas energias e conseguiu chegar ao empate com um gol espetacular de D´Alessandro. Impossível não ter gostado do Gre-Nal.

Fábio Santos foi o grande jogador do Grêmio e do clássico. Devolveu com eficiência e gol as costumeiras vaias que recebe. Pelo Inter, D´Alessandro confirmou que é um jogador especial em clássicos. Tecnicamente, ninguém jogou mais do que ele. É diferenciado.

Na volta do intervalo, Celso Roth substituiu Glaydson por Rafael Sobis. Ficou com Wilson Mathias, a ineficiência imposta pelo carteiraço. Em quatro minutos, o Grêmio teve três oportunidades para liquidar o jogo. Desperdiçou todas. Sorte de Roth, que com a sua desastrada mudança poderia ter entregado o jogo.

O resultado de igualdade não foi injusto para nenhuma das equipes. Mas, é preciso dizer que o Inter precisou suar sangue para conseguir o empate. Embora tenha jogado, durante quase 30 minutos, com um jogador a mais do que o Grêmio.

Bookmark and Share

Comentários (53)

  • INACIO diz: 25 de outubro de 2010

    CONCORDO CONTIGO QU O MATHIAS JOGA NO CARTEIRAÇO. É MUITO RUIM ESSE CARA. O GLAYDSON É BEM MENOS RUIM. O SANDRO ESTÁ FAZENDO MUITA FALTA. NÃO TEM UM SUBSTITUTO A ALTURA NO GRUPO DO INTER. QUANTO AO JOGO, ACHO QUE O VICTOR FOI O SEGUNDO MELHOR EM CAMPO, PERDENDO APENA PARA O CRAQUE DA PARTIDA, D”ALESSANDRO. O ALECSANDRO É UMA NULIDADE EM CAMPO. O DAMIÃO JOGA MAIS.

  • Jaison diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey, nenhuma notinha sobre a “virada de mesa” nas eleições do inter? Parece-me que eis que surge os Eurico Mirandas no sul do brasil. Rasga-se o estatuto e a boa politica tudo em nome da confraria. Estão colocando interesses pessoais e vaidades acima do clube.

    Espero que a imprensa e em espacial Wianey Carlet que apregoem a ética também na política da dupla grenal.

  • Gustavo Dreyer diz: 25 de outubro de 2010

    Acho que foi um ótimo resultado para o colorados, pros gremistas está o empate com sabor de derrota. Todos os gremistas esperavam uma vitória.
    Acho que o Grêmio jogou bem mais que o Inter que só se defendia, Grêmio tem mais TIME que o Inter, que parece ter só grandes nomes que não sabem jogar junto.
    O problema do Grêmio é antigo, as chances desperdiçadas! Não dá assim!
    Mas realmente foi um grande GRENAL.

  • paiáka diz: 25 de outubro de 2010

    2008 – 4 jogos (1 vitória do Inter e 3 empates)
    2009 – 5 Jogos (4 vitórias do Inter e 1 vitória do Grêmio) Que surra!!!!
    2010 – 5 Jogos (2 vitórias do Inter, 1 vitória do Grêmio e 2 empates)
    .
    07 vitórias Coloradas, 05 empates e 02 vitórias Gremistas.
    .
    Abraço

  • Sérgio Berlotto Jr diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey, algund detalhes foram importantes para o médio jogo do Inter:
    - Nei: Não está sabendo fazer a defesa do time e nem está fazendo grandes jogadas na frente. Fica um BURACO neste lado.
    - Kleber: Cadê o grande lançador de bolas ? Ele já não acerta mais passes simples, quanto mais lançamentos na área. Faz muita falta!
    - Alecssandro: O cara só faz gols quando dão a bola no pé dele. Tira o corpo o tempo todo das jogadas ( por isto nunca se machuca! ) e não sabe dar 1 drible. Lamentável sua atuação! Por mim colocaria Damião e Sóbis na frente!
    E por fim, porque o Roth demorou para se conscientizar que precisava dar uma “mudadinha” no esquema já manjado e falho sem o Taison ? 4-4-2 é o que o inter deve jogar agora… até no mundial! Tem bons jogadores para isto…

    Um abraço…

  • CASIO RABELLO diz: 25 de outubro de 2010

    Com Renan no gol e Alecsandro no ataque o Inter precisa suar sangue pra colher um bom resultado.

  • LÊ diz: 25 de outubro de 2010

    TEM QUE DIZER PRO ALECSANDRO, IR EMBORA… PELO AMOR DE DEUS! CAI FORA, VAI JOGAR NO SAMPA COM TEU IRMÃO… VAI PRA AZENHA… VAI PROS EMIRADOS, VAI PRA QUALQUER LUGAR MENOS NO INTER! O QUE O INTER PRECISA É DE ‘MATADOR’ SE TIVÉSSEMOS ALGUM TIPO O NILMAR ONTEM, TERIA GOLEADA NO NOSSO SALÃO DE FESTAS LÁ DA AZENHA!

    VAMO VAMO INTER!

    ABU DHABI… DÁ BI!

  • Marcelo diz: 25 de outubro de 2010

    Apesar do treino com time de série “B” ter sido bom, não podemos estar satisfeitos com esse time colorado. Começamos com o goleiro RENAN BORBOLETA (que nos mata de aflição cada vez que a bola vem na área). Ainda tem o ÍNDIO SENTADO, o KLEBER TÔ NEM AÌ, a AVENIDA NEI PASSARÁ e o pior de todos, o espetacular WILSON CARTEIRAÇO MATIAS.
    Tà certo que temos o mundial no final do ano, mas o Celso Roth não avisou que GRE-NAL derruba até técnico com bons resultados? Será que jogando desse jeito, pensam que com Sneider e Cia no mundial vai ser essa mamata ???
    Ah, e repito, pelo amor de Deus, O RENAN BORBOLETA nem com a promessa de raspar o cabelo deu resultado.

  • Gláucio diz: 25 de outubro de 2010

    aaah para Wianey!! os ataques do gremio eram mais “eufóricos” do que racionais, ao ter a bola os atacantes azuis arriscavam a moda louca de qualque lugar do campo, um oceano longe da qualidade e experiência do toque de bola colorado, com mais 3 ou quatro minutos de jogo o gremio sairia derrotado. Como disse o roth, o gremio “é muita euforia pra pouco futebol”…

  • Dinho Reck diz: 25 de outubro de 2010

    Que nada seu Wianey, isso é chororô seu. O portoalegrense que tava com o salto do tamanco muito alto. E o eterno FUZILADOR de gazelas, entrou em ação mais uma vez. E deu no que deu. Como é difícil o portoalegrense, ganhar um freNAL. Mas assim, fechamos A DÉCADA denovo, tendo o SPORT CLUB INTERNACIONAL a hegemonia do Rio Grande. Isso demonstra, planejamento, altivez, e acima de tudo, QUERER GANHAR TUDO e, não só viver de passado, ter falsos ídolos e viver COMEMORANDO VAGAS. Obrigado se publicar. Do COLORADO CAMPEÃO DE TUDO que olha a festa e, GANHA TUDO DENOVO! Valeu Wianey.

  • Sailer diz: 25 de outubro de 2010

    Olá, Wianey!
    A diretoria diz que o Inter quer o título, mas o que se vê em campo é um time sem vontade. Eu tenho uma conclusão: o Inter está com medo de ser campeão, o Inter quer ser vice para ter mais uma coincidência para o Mundial… É a única explicação que encontro…

  • Maiquel Kelm diz: 25 de outubro de 2010

    Suar sangue, contra o Grêmio?
    Não, Wianey. Não!

    Como o próprio Renato [treinador do Grêmio] falou; O Internacional só jogou 25min. E nestes 25min fez o que foi necessário para sair com o resultado que lhe era conveniente.

    Mesmo motivado feito um contínuo com 30 anos de Banrisul, o Inter foi lá e buscou o empate.

    Suar sangue será contra a Internazionale.
    Verás.

  • Jason diz: 25 de outubro de 2010

    Não precisa ser nenhum especialista em futebl pra saber da furada q é manter alecsandro como centroavante e mais gladson e wilson matias, por favor, abram os olhos dirigentes e torcida do inter, até a zaga, esta perdida, devolvam indio pra tribo dele e mandem o general pro quartel, pois do jeito q eles tem jogado, certamente desaprenderam a jogar. Souy colorado mas sem pessimismo, a 6 jogos sem vencer fora, e dando desculpas e mais desculpas, o mundial poderá se tornar no maior fiasco, o brasileirão poderia ser nosso, se não fosse a cabeça neles no mundial, de que vale algo q não se tem e nem se sabe se vai ter.

  • Drulla Neto/Curitiba diz: 25 de outubro de 2010

    Favorito..com direito a totozinho numa parte do jogo!! Deu no que deu.
    O Mathias e o Alecssandro quase enterraram…
    Mas ainda dá!

  • Eduardo diz: 25 de outubro de 2010

    Bem colocado, Wianey!

  • Leandro diz: 25 de outubro de 2010

    E aí Wianey, ainda vai dizer que é ‘ranço’ da torcida tricolor com o Simon??

    No mesmo lance aconteceram 3 pênaltis e ele fingiu que não viu.
    Cada vez que a bola chegava perto do Jonas ele já estava no chão derrubado pelo Glaydson, que nem amarelo recebeu.
    No lance do 1° gol do Grêmio, não foi falta. Foi uma agressão do D’Alessandro no Vilson. O 10 vermelho deveria ter sido expulso.
    Guinazu passou jogo todo distribuindo trombadas, pontapés, carrinhos, e só foi receber amarelo no último lance do jogo…
    Outra atuação vergonhosa desse cidadão soprador de apito!!!!

    Ainda bem que foi a última !!!!!!!! (assim espera a imensa nação gremista)

  • FSOBIS diz: 25 de outubro de 2010

    Se fosse o gremio que tivesse buscado o empate seria o IMORTAL e isso e aquilo…
    Não vi nada cadê a goleada? Onde está o todo poderoso tricolor?

    D’Alessandro mandou lembranças \o

  • Gilberto Jasper diz: 25 de outubro de 2010

    Baita resultado para o Grêmio, heim? Afinal, o flamante campeão gaúcho arrancou um empate, em casa, com o Campeão da Copa Libertadores da América! E o ‘revolcuionário’ Renato, heim? Fez 2×1 e, num rasgo de genialide, tirou um atacante, botou um cabeça de área – vulto volante – e chamou o adversário para o seu campo. Mais 5 minutos e o bi da América virava o jogo. Na hora da vitória, gestos largos, ironias com o adversário, lições de moral, advertência aos repórteres e show de tática. Quando empata com o melhor do continente… é depressão, crítica “ética” à perda exagerada de gols dos seus jogadores. Resumo: “Eu ganho, nós empatamos, vocês perdem”…

  • FSOBIS diz: 25 de outubro de 2010

    D’Alessandrooo e dale D’Alessandroooo e dale D’Alessandroooo!!!!

    Jonas não entrou em campo?

  • JOSÉ LEÃO diz: 25 de outubro de 2010

    SE O INTER NÃO ARRUMAR UM CENTROAVANTE DE OFÍCIO PARA O MUNDIAL , PODE DAR ADEUS.O ALECSSANDRO SE ESCONDE ATRÁS DOS ZAGUEIROS , ONTEM FOI UMA VERGONHA COM O TAL PAULÃO!
    NO JOGO TODO ELE DEU UM CHUTE BIZONHO À GOL, E ISSO VEM DE LONGE.
    O INTER SÓ GANHOU A LIBERTADORES PORQUE ELE ESTAVA FORA!

  • Jose Luis diz: 25 de outubro de 2010

    Concordo 100% que a permanência do W. Matias foi prejudicial ao time. Era ele que deveria ter saído para a entrada do R. Sobis e não o Glaydson.
    Roth voltou a ser o “boçal” de antes.

  • Mauro diz: 25 de outubro de 2010

    O Sobis não estaria em posição ilegal? No primeiro momento ele se enroca com o Fabio!

  • Pedro Luis da Silva diz: 25 de outubro de 2010

    Sua leitura é incorreta, quem jogou sua vida no classico foi o Gremio, o Inter nada tem a ganhar neste campeonato. Portanto o jogo era de um time que jogava a vida contra outro que jogava mais um classico. Quem suou sangue para empatar nestas circunstancias?

  • sergio diz: 25 de outubro de 2010

    WYANEI,

    APENAS UMA QUESTÃO. TODOS OS JUIZES SABEM QUE O GUINAZU DÁ PELO MENOS 10 VOADORAS POR JOGO. ENTÃO ELES SE VACINAM E PENSAM- NÃO VOU DAR AMARELO NA PRIMEIRA POIS SENÃO TENHO QUE EXPUSAR JÁ NA OUTRA QUE SERÁ ANTES DO FINAL DO PRIMEIRO TEMPO E ASSIM ELES ENTRAM EM CAMPO COM ESTE DILEMA POIS ONTEM NÃO FOI DIFERENTE DEU UMA VOADORA NO ROCKEMBACH, E LEVOUA PIOR AINDA NOLANCE MAS ERA PARA CARTÃO AMARELO COMO ERA A PRIMEIRA O SEU SIMON DEIXOU PASSAR DEPOIS DEU MAIS UMAS OUTRAS E SOMENTE QUANDO NÃO HAVIA MAIS PROBLEMA DE IR PARA RUA AOS 43 MINUTOS DO SEGUNDO TEMPO EM OUTRA FALTA VIOLENTA LEVOU OAMARELO QUE DEVE LEVAR SEMPRE NO INICIO DO JOGO E AI TUDO PASSA DESAPERCEBIDO COMO SE TUDO FOSSE NORMAL.

    UNICO ERRO DO GREMIO E DO RENATO FOI NÃO MARCAR O DALESSANDRO QUE JOGOU LIVRE O JOGO TODO DIFERENTE DO DOUGALS QUE FOI MARCADO OTEMPO TODO. NÃO PODE UM TIME TOMAR UM GOL DE FORA DA AREA QUANDO UM JOGADOR QUE SE SABE É HABILIDOSO TEM O TEMPO QUE QUER PARA AJEITAR SE VIRAR E BATER ERRO, TEM QUE CHEGAR FORTE COMO CHEGA O GUINAZU POIS SE VALE PARA ELE TEM QUE VALER PARA OS OUTROS OU A REGRA É DIFERENTE NO CASO DO GUINAZU?

  • Milton Soares diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey, neste GreNal ficou muito evidente a falta de personalidade e limitação do técnico Celso Roth. Ele tem mantido o Mathias no time só porque o Fernando Carvalho algum dia falou que o jogador é espetacular. E ele não quer contrariar o seu chefe mesmo que isso signifique uma grande dificiencia na proteção à defesa pois o Mathias é tudo menos primeiro volante. O Glaydson é o único primeiro volante que sobrou no Inter. Alem do mais até como segundo volante nota-se que o Mathias executaria a função com muita lentidão e deficiencia. Outra deficiencia do treinador é a sua teimosia em jogar com apenas um atacante que, por si só, é muito limitado. O Inter não possui meias e alas com potencial para arremates a gol a não ser esporadicamente. Então não pode, em hipótese nenhuma, jogar com apenas um atacante senão o time fica completamente inofensivo como se tem visto em todos os jogos. E o Roth não enxerga esse óbvio. Quando o Inter possuia Taison e Sandro o time era muito equilibrado. Sandro protegia eficientemente a defesa e Taison colaborava com não menos eficiencia no ataque. Com a saida desses dois, o Roth ficou completamente perdido e tem feito grandes lambanças na montagem do time ora colocando tres atacantes porem sem meias para alimentar o ataque, ora colocando um atacante e congestinonando o meio de campo com atletas que não tem vocação para chutar em gol. O Roth ainda não enxergou que o Giuliano e o Tinga executam funções que se sobrepõem e portanto não podem jogar juntos. Seria como colocar Conca e D’Alessandro no mesmo time, ambos ocupando a meia-esquerda. Vai atrapalhar o time pois vão tentar ocupar o mesmo espaço. O maior problema do Inter, a meu ver, é o desequilibrio do time que o Roth não consegue enxergar. Abraço.

  • PAULO PORTO – CAMPEÃO DE TUDO diz: 25 de outubro de 2010

    Menos Wianey, bem menos, quando o Dalessandro fez o gol em cima do freguês preferido dele, o victorzinho, dá uma olhada na tela, NINGUÉM DO INTER ESTAVA SANGRANDO, pelo contrário, estavam todos rindo, mais uma vez ficou decidido que quem ri por último, ri do gremio !

  • Deonir Secco diz: 25 de outubro de 2010

    Será que assistimos a mesma partida? Ou vc não viu o inter sufocando o grêmio durante todo o segundo tempo? O Grêmio conseguiu marcar o seu segundo gol num lance ABSOLUTAMENTE isolado quando já estavam entregues aos bom futebol do inter. Tua opinião sobre este grenal não condiz com o que houve de fato. Acho que vc precisa se reciclar…..saudações isentas.

  • Vladimir diz: 25 de outubro de 2010

    Você a de convir que o Gremio jogou o jogo da vida, ganhou o cruzeiro lider do campeonato, veio contra o Inter, pro tudo ou nada, disposto a ir para o G4, e conquistar uma vaga para a libertadores, não tem nada a perder, já para o Inter é bem diferente, somos campões da Libertadores, e vamos para o mundial no fim do ano, não deu pra eles.

  • colorado diz: 25 de outubro de 2010

    Voce esqueceu de dizer que o pangaré do Alecsandro, a exemplo do Matias, tambem joga no carteiraço.
    Que sujeito dormento, tosco. Ruindade em pessoa.
    Até quando teremos que convier com esta nulidade em campo.
    FORA pangaré. Aproveita e leva o Edu junto.

  • Emerson Torres diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey. Conversando com alguns Colorados hj constatamos alguns fatos interessantes pós greNAL, como o clima funebre a raivoso da imprensa com o resultado do jogo. O Pobre do Paulo Brito, após gritar efusivamente o 2o gol do grêmio e ficar comentando que era candidato ao título quase chorou quando o Dalessandro empatou.
    Os comentários pós jogo então foram de doer no exagero e nas criticas ao Inter, até achop que o gremio foi ligeiramente melhor no jogo. Será que tudo isso é por que as “teorias”da imprensa não refletem o resultado de Campo? A seleção gaucha teve quase que somente jogadores do grêmio, nenhum do Inter. Estes dias estava ouvindo no programa esportes ao meio dia, um reporter comentando que do RS que deveria estar na seleção do Campeonato era o Vitor, Gabriel, Douglas e Jonas como melhor jogador. Para ai, se pegarmos o caso do Douglas começou a jogar “bem” agora … Conca, Bruno Cesar e Montillo estão conduzindo seus times a brigarem pelo título. O Inter foi critica de janeiro a agosto, e agora de outubro até não sei quando, e o Gremio elogiado todo o primeiro semestre e agora então com o Renato nem se fala. Em enquete entre jornalistas comparando os times o gremio teve vantagem esmagadora (tipo Paulão e Rafael Marques mehores que Indio e Bolivar). O Renan falha em muitos gols, noutros e toma gol iguais aos que o Vitor toma (também tomou gol de falta do Marcos Assunção, num gol do São Paulo foi de longe e fraquinho igual ao que o Renan tomou do Atl_GO, ontem os dois ficaram no meio do caminho nos gols de Indio e Andre Lima), mas os do Renan são peru. O “Espetacular” Wilson Mathias (unico desta estirpe no nosso time – no rival do técnico ao ponta esquerda todos são) está muito longe do Sandro, mas o tal do Vilson …… e este é elogiado. O Edu é uma naba, mas é o Lucio ….. parece Sonrisal, corre, corre, ferve, ferve e não resolve nada.
    A impressão que dá e que o gremio começou o campeonato com menos 30 pontos, que começa o jogo com jogadores a menos, que só bate sol nos jogadores do grêmio, se chover também só chove em cima deles.
    Ainda bem que o resultado e dentro de campo, pois se fossemos pelo que a imprensa acha o Inter tinha saído na primeira fase da LA, estaria rebaixado no Brasileiro e o jogador gaúcho mais valorizado pela Europa seria o Jonas e não Giuliano.
    Estas coisas e que não entendo, um time que é criticado na maior parte do ano, que em todas as enquetes aparece com jogadores inferiores ao rival, cujo o esquema tático e os técnicos são piores que os do rival (1 Sem: Silas (elogiado)X Fossati (escraxado); 2 Sem: Roth (criticado) X Renato (endeusado)) pode estar na frente do Brasileirâo (Isso que focou libertadores e agora tem Mundial) e ter ganhado um título importante.
    Difícil explicar? Por isso que a cronica esportiva tem pouca credibilidade comigo.

  • Marcio diz: 25 de outubro de 2010

    Caro Wianey: Na cabeçada do Indio, após o esanteio, o Sóbis não estava em impedimento? Pela foto acima, restava apenas o Fabio R como último homem de defesa… A jogada não deveria ter sido invalidada por isso? Abs.

  • Henrique Farol diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey, mais uma vez o IMORTAL jogou dois pontos fora. Jogamos melhor e deixamos de matar o jogo. Foi assim contra o Flamengo, Cruzeiro, principalmente, quando estávamos com o jogo controlado. O qua mais me deixa feliz é o ver um Grêmio guerreiro e com um padrão de jogo definido e claro. Não é sonho não, se fizermos 4 pontos nos dois jogos fora, vamos lutar pelo título…os colorados escaparam de uma goleada ontem…

  • Roque diz: 25 de outubro de 2010

    Para os srs. Fenando Carvalho e Celso Teimoso Roth o Inter é Wilson Mathias e mais 10. Pois eu já digo que o Inter, com o W. Mathias joga sempre com 10. O Gleidson e o Derlei já provaram que são muito melhores. Porquê abusar da paciência de milhões de torcedores? Cansei de tanta burrice. Larguei!

  • josé ernani freitas diz: 25 de outubro de 2010

    Que o Grenal de ontem foi um jogaço, não há como negar. O futebol apresentado aliado
    à alternância do placar, deram cores vivas ao super clássico. O fato da torcida colorada
    ter comemorado o empate, pra mim significa o reconhecimento de que o adversário foi
    melhor em campo.
    Eu, como torcedor colorado, fiquei com os sentimentos divididos entre a satisfação com
    o resultado, mas, ao mesmo tempo, preocupado com o desempenho da equipe, que
    permitiu ao Grêmio tantas chances de gol.
    A questão que fica como expectativa, é como as coisas se desenvolverão até o final do
    Campeonato, e depois em ABU DHABI. – PREOCUPA!

  • Max diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey, sou gremista e acho que o Gremio tem uma séria deficiência em fazer gols, apesar de ter o goleador do campeonato. Se no início do segundo tempo o Gremio tivesse feito mais um gol a história desse grenal teria sido diferente. Pois se tivesse 2X0 o Rockembach não teria colocado a mão naquela bola e consequentemente seriam 11 X 11 até o final. Mas o ataque gremista sempre consegue dificultar as coisas. A comparação começa por Douglas e Dalessandro. O Douglas teve diversas oportunidades para marcar gol enquanto que Dalessandro teve uma unica chance e fez. É muita displicência do ataque. E o goleador?? Contra time grande não faz gol. É preciso mais para ser um goleador respeitado. A minha indignação é com o ataque que tem que ser mais eficiente.

  • Nilton Ginar diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey, o que o Roth tem com Alecsandro, não dá para aguentar mais é um centroavante que só marca quando esta livre e recebe de bandeja , ele não briga por uma bola dentro da area, não faz uma parede, não divide uma bola que seja com o zagueiro ou goleiro esta sempre nas costa espendo que um erre para ele fazer, é incrivel que um time sempre teve centroavante brigador (Claudiomiro, Flavio, Dario, Nilmar até o Fernandão brigama mais que ele, não dá para aguentar o cara domindo a bola para o advirsario, ele não segura uma bola, e não adianta falar que ele esta sozinho na frente pois o problema dele e falta de futebol mesmo não consegue ganhar uma jogada mano a mano com zagueiro , porque não bota o Damião pelo menos este briga mesmo que não seja o cara mas pelo menos nem vontade de jogar o Alecsandro é só um cara que nem o centrovante de pelada que só coloca pra dentro depois que os outros já fizeram a jogada, não dá mais para aturar o cara para fazer um tem que ser de penalti ou o zagueiro errar.

  • Cassio diz: 25 de outubro de 2010

    O fato do Sóbis estar abaixado e à frente do Victor na foto acima, não pode representar um impedimento no lance antes de penalti?

  • Jaimex diz: 25 de outubro de 2010

    Rapaz! que emprego tem esse Celso Roth: è técnico e não tem obrigação de fazer o time ganhar…bem já “ganhou” a Libertadores (dois jogos)…bem ele é especialista em explicar derrotas. Nunca o jogo q ele está disputando é o mais importante e o pior que o pessoal engole…Se não valem nada os jogos até a “decisão” seria melhor não nos cobrarem ingressos. Acorda diretoria. Exijam trabalho por vitórias.

  • marco pizarro diz: 25 de outubro de 2010

    REnan e Mathias, até quando?

  • Gremista da Palhoça diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey,

    O jogo de ontem me fez lembrar o Grenal no século, infelizmente. O Grêmio reincidiu no erro: estava ganhando o jogo e dominando totalmente o adversário. Mas esqueceu-se que estava diante de seu histórico arquirival. Se o Grêmio é grande é porque o Inter também o é. Assim como no jogo de 1989, quis dar olé ou mostrar o pau, antes de matar a cobra. Resultado, mexeu com os brios dos vermelhos, que já estavam mortos. Eles ressucitaram e verteram sangue. Empataram um jogo que estava perdido. O Grêmio tem que refletir sobre isso. Temos que nos debruçar em cima deste jogo, para colher esta lição de uma vez por todas.

  • alan diz: 25 de outubro de 2010

    Na minha opinião , o Inter jogou melhor nos primeiros 15 ou 20 mins , dai o Grêmio emparelhou , fez o gol e começou a jogar melhor , ai no inicio do segundo tempo dominava o jogo mas ai o Inter começou a pressionar muito mesmo com o Rockembach em campo que por sinal foi desleal com o Guinazu , deixando o pé na cabeçã do Cholo , se não fosse o Vitor o Inter teria feito mais gols , ganharia o jogo , a i o cara aquele defendeu a bola que ja tinah vencido o Vitor , dai pra diante , sem contar a bobeira no segundo gol do Grêmio o Inter foi melhor , só não sobe matar o jogo.

  • Luiz diz: 25 de outubro de 2010

    WIANEY COMO QUASE SEMPRE VOCÊ DEVE TER VISTO OUTRO JOGO; NO SEGUNDO TEMPO O INTER AMASSOU O GRÊMIO; MESMO ANTES DA EXPULSÃO DO ROCHEMBACK, O INTER ESTAVA MELHOR; O EMPATE SAIU DE BOM TAMANHO PARA O GRÊMIO.

  • ana diz: 25 de outubro de 2010

    o triste é que o grêmio deixou de ganhar para ele mesmo. o inter tava na roda e fazendo só figuração, desde os 15 minutos do primeiro tempo até a expulsão do rochemback. não fossem tantos gols desperdiçados, teríamos saído com os 3 pontos. muita frustração.

  • Samuel – Cx do Sul diz: 25 de outubro de 2010

    E a falha do Renan no 1° gol?

  • Paulo Colorado diz: 25 de outubro de 2010

    Wianey, não quero q pareça perseguição, mas não posso me calar frente ao qui vi no gre-nal. É bem verdade que houve falta no gol do André Lima, mas o q Renan estava fazendo no meio do caminho. Não saiu para soquear a bola e não ficou embaixo do gol. Em uma cabeçada fraca, a meia altura, no meio do gol, o rival abriu o placar. No segundo gol, Fabio Santos avançou pelo lado esquerdo e estava tão adiantado q não havia jogador para cruzar a bola, logo, sua única alternativa seria chutar em gol, como o fez. Pergunto: Por que Renan, q estava de frente para a jogada, ou seja, com uma visão privilegiada, não saiu e fechou o ângulo? Decidiu por esperar o lateral tricolor chutar em gol da linha da pequena área, ainda q tenha arrancado da intermediária. Mais uma vez nosso goleiro apresenta dificuldades em fundamentos nos momentos decisivos. Parece que tem medo de sair do gol. Prejudicou o Inter mais uma vez. Faz-se necessário repensar a titularidade da posição. Abraço.

  • Roberto diz: 25 de outubro de 2010

    E quem é que não tá suando sangue pra conseguir ganhar pontos do Grêmio? Não seria um time quase desmotivado – que escapou de levar uma goleada – que o faria.

  • PAULO diz: 25 de outubro de 2010

    quanta BOBAGEM . . .

  • Fábio Bier diz: 26 de outubro de 2010

    Caro Wianey,a Inter de Milão deve ser um pouquinho melhor do que o time do Grêmio,portanto é melhor os colorados começarem a se preocupar.Não achas?

  • Cristiano diz: 26 de outubro de 2010

    O jogador do Inter estava impedido.

  • Flávio PAZ diz: 26 de outubro de 2010

    Caro Wianey: bastou os jogadores do INTER entrarem FOCADOS nos 15 minutos iniciais, onde forem melhores (palavras de Renato) e nos 20 min. finais onde transformaram o Clássico num autêntico “aluga-se meio-campo” (opinião dos especializados em futebol: “meia-linha”). Fizeram 2 gols como poderiam ter feito 5 nas 3 defesas milagrosas do Victor. Conclusão: foi um BOM TREINO para ABU DHABI. O NALgrê evidenciou a verdadeira posição do veterano ROCHEMBACK após peregrinação pelo futebol de vários clubes. Outra o “presidentinho” do rival, deve aprender a respeitar seus adversários servindo de exemplo para os seus contratados. Fique sabendo senhor DUDA que o INTER não é um “qualquer” como o senhor tentou passar para a opinião pública e para a sua torcida. Somos CAMPEÃO DE TUDO! ÚNICO Clube Brasileiro a conquistar a Sulamericana, ÚNICO Campeão de todas as Américas e ÚNICO credenciado a conquistar o BI-MUNDIAL de Clubes da FIFA. Respeito sr. DUDA, ao que “Era GIGANTE e ficou MAIOR AINDA”…

  • Flávio PAZ diz: 26 de outubro de 2010

    Incrível… Incvrível… Incrível… Lí todos os jornais da terrinha e ninguém, ninguém viu a falha do RENAN. O SAMUEL de Caxias, conhece… Não saiu e nem ficou como fazia o seu treinador atual de goleiros Clemer. O MANGUITA está na Base. Direção mande o MANGUITA treinar os goleiros do time principal e dê outro emprêgo parao Clemer na Administração. Ninguém vê isso dentro do INTER que o Clemer não seria o nome indicado: um goleiro CHAMA GOL. Renan está seguindo o mesmo caminho. Lamentável, lamentável, lamentável.

  • ESTÁDIO OFICIAL DA COPA diz: 26 de outubro de 2010

    Notícias atualizadas:

    Internacional – melhor time brasileiro no ranking da FIFA

    Internacional – melhor gaúcho no Brasileirão 2010

    Internacional – único gaúcho garantido na LA 2011

    Internacional – único time da América na disputa do Mundial 2010

    Internacional – melhor campanha no Brasileirão Sub-23

    Internacional – continua disputando a Copa Enio Costamilan.

  • para Emerson Torres diz: 27 de outubro de 2010

    amigo, espero que leia o que vou “escrever” aqui,
    você esqueceu de citar no teu comentário, que tudo isso, que realmente é fato, acontece para o bem do inter, independente de como aconteça, a crítica SEMPRE é construtiva, lembre-se que o maior defeito do nosso rival é a soberba, a arrogância, todos sabem disso. então as vezes realmente dá raiva de tudo isso que você cita, e que é verdade! mas se você parar e começar a enxergar o futebol num âmbito maior, tu verás que tudo isso contribuiu para nos tornarmos o que somos e que, se, continuar acontecendo, NUNCA nos igualaremos novamente ao nosso eterno rival. ficarão mais uma década comemorando vagas, diferente de nós!
    eu sei que até mesmo a comparação do grêmio com o inter hoje em dia é uma afronta para nós. mas temos que ter a consciência de que os jornalistas precisam manter a imagem de que ainda temos dois times grandes dentro do RS. essa rivalidade é o que faz os dois crescerem, é o que faz o futebol do RS ser o que é!
    então amigo, o que não pode acontecer é os torcedores do Inter se igualarem aos do Grêmio, cada um na sua, não precisamos da arrogância nem da soberba e a pose do irmão. somos do clube do povo do rio grande. temos nossas convicções, isso nos basta
    abraço

Envie seu Comentário