Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Inter segue invicto fora de casa

20 de junho de 2011 31

Faltou pouco para que o Inter conseguisse mais uma vitória, fora de casa. No Couto Pereira, este ano, o Coritiba venceu 18 dos 19 jogos disputados. Falcão reforçou o seu sistema defensivo e garantiu uma invencibilidade de três jogos fora de casa. Mas, para se fechar mais, o Inter diminuiu o seu poder ofensivo. Não foi uma atuação brilhante do colorado, longe disso. Mesmo assim, só não venceu pelo pênalti bobo cometido por Kleber. Matar a bola no peito dentro da área foi coisa de guri inexperiente, que Kleber não é.

Falcão trocou Renan por Muriel e o novo titular deu um espetáculo à parte. Fez defesas empolgantes, esbanjou segurança e só cometeu um erro, quando ficou pelo caminho em uma saída de gol.

Glaydson demonstrou que é o melhor volante existente no Beira-Rio. Juan não foi pior do que Rodrigo. Todas as mudanças feitas por Falcão foram vantajosas.

D´Alessandro, mais uma vez, foi muito mal.

Bookmark and Share

Comentários (31)

  • SILVIO diz: 20 de junho de 2011

    Olá Wianey:…Uma coisa que está me deixando intrigado:….as atuações de D’Alessandro, e o pior, quando é substituido faz cara de poucos amigos.
    Entretanto, vejo ele sózinho para articular o sistema tático do Inter. Não seria este o motivo de suas atuações abaixo do que ele é capaz?

  • Anderson diz: 20 de junho de 2011

    O que um treinador tem na cabeça quando põe o Wilson Matias no time?
    Melhorar a marcação? Ele não sabe marcar!!!! Tá sempre atrasado!!!!
    Reter a bola? Ele erra 90% dos passes!!!
    Ou eu que não estou conseguindo enxergar uma qualidade que seja pequenina nele!!!!
    Pq pra mim jogador ruim tem que ter pelo menos vontade, e isso é o que ele menos tem!!!!
    O Bolívar um dia já teve vontade, mas tem uma enorme vantagem sobre o Matias, ele sabe se expressar muito bem!!!! No mais, são dois perebas!!!!

  • ENEDI diz: 20 de junho de 2011

    WIANEY, ESQUECE POR UNS TEMPOS DO INTER.
    TE PREOCUPA COM OUTRAS MATÉRIAS, É INCRÍVEL A TUA PERSEGUIÇAO, POR MAIS QUE O INTER TENHA JOGADO MAU NOVAMENTE, MAS QUEM SABE OPINAS PELO OUTRO LADO.

    OU NÃO TINHAS O QUE FALAR E BUSCASTES ONDE TEM MAIS PÚBLICO ?

    PIOR QUE OS TEUS COMENTÁRIOS SÓ MESMO AS DECLARAÇÕES DESASTROSAS DE KLEBER, BOLIVAR E DIRIGENTES SOBRE O JOGO E SOBRE O LANCE DO PENALTI.

    ALIVIA O INTER , QUEM SABE TENHAMOS FÔLEGO PRA NOS RECUPERARMOS NO BRASILEIRO.

    SE CONTINUARES OPINANDO POR CERTO VAMOS PRA SEGUNDONA.

  • Renan diz: 20 de junho de 2011

    D’alessandro foi mal porque não teve companhia para armar o jogo. Damião foi mal porque a bola não chegou. Zé Roberto só correu o jogo todo e também foi mal porque a bola só chegava no balão.
    Não colocar o Oscar quando estava empatado é uma atitude no mínimo suspeita do treinador. Preteri-lo para jogar Fabrício é sinal de começo de insanidade, ou quase.

    Dizer que o Fabrício entrou devido suas característica melhores para fazer a função que o D’alessandro estava fazendo, é dizer que o camisa 10 do time, o jogador diferenciado, estava jogando simplesmente para marcar o lateral adversário…

    As coisas começam a complicar para o Falcão. Ele está se perdendo ao inventar demais…

  • guilherme diz: 20 de junho de 2011

    pelo amor de deus…. tu não tem vergonha?? usar este veiculo para proteger o falcão??? sempre com comentarios oportunistas e convenientes… porque não falou que o inter jogou boa parte do jogo com 4 volantes, todo desiquilibrado?? porque não falou da entrada bizarra do mathias? porque não falou da sacada do oscar? tu é um fanfarrão.

  • Maurino Mendes diz: 20 de junho de 2011

    Você só pode estar brincando.Mama mia,meu time não tem uma saída de bola,é só chutão,não tem uma passagem de laterais,quando sobem,ninguém faz cobertura.O meio de fica com dor no pescoço de tanta olhar para cima.O cara me coloca 4 cabeça de área no time e você o defendendo?.Seguindo raciocínio teu(Inter time fraco,sem jogadores)somos piores que Ceara e reservas dos reservas do Santos.Nunca vi tanto erro de uma direção.Não arrumaram a zaga,e contrataram um péssimo treinador.

  • Luis Machado diz: 20 de junho de 2011

    Dale foi mal (jogando sozinho, fora de lugar), Mathias é piada (jogador de varzéa), cleber as vezes parece que está em casa, Glaydison não acerta um passe(bom reserva), se o Falcão não liberar os laterais segurando o Guina e Bollati, vai ser assim até o fim do campeonato, o melhor esquema para o Inter é o 3-5-2, os jogadores ficam mais perto um do outro e estamos acostumados a jogar assim, acho que o Falcão precisa de mais tempo mas está perdido, se botasse o time para frente ontem depois do 1 a 0, faria mais, comentar é uma coisa e ser treinador é outra, comentarista não perde jogo.

  • marcio engelberto fritsch diz: 20 de junho de 2011

    Tens razão em parte Wianey, de fato algumas conclusões se pode chegar sobre a jornada do inter em Curitiba.

    1º é um acréscimo de grande envergadura a entrada desse jovem e promissor goleiro Muriel. Muriel esbanja confiança, ótima saida pelo alto, excelente nas intervenções, sejam por baixo ou por cima, sabe fechar o gol como poucos goleiros que vi e tem a principal virtude que um goleiro precisa ter antes de se firmar , a paciência.

    2º Tens razão Wianey quando afirmas que o melhor volante que temos no Beira Rio é Gkaydson, firma na marcação, tem chute potente é uma espécie de cão de guarda e deve ser mantido como primeiro volante.

    3º Juan é um acréscimo considerarável e vai com certeza se firmar como quarto zagueiro, certamente não teremos saudades de Rodrigo e Indio.

    Os destaques negativos estão por conta dos medalhões que deveram ser substituidos aos poucos, refiro-me a Bolivar que é um ex jogador e quando joga o inter começa com dez jogadores em campo. Outro destaque negativo é Kleber que ja deu aquilo que tinha que dá , foi o responsável por uma falta infantil no jogo contra o Palmeiras em que ocorreu o primeiro gol e existe e ontem fez mais uma lambança. Ainda há tempo para se substituir esse jogador master. Refiro-me a um jogador que atua pelo Bahia chamado Avner. tem explosão de sobra, sabe cruzar, sabe desarmar, sabe tabelar, tem imposição fisica , tem chute potente e tem um cruzamento que me lembra o Waldomiro, seria a solução para esse problema cronico. Outro que deverá perder espaço na minha opinião é D! alessandro, somente cisca parece, mais um peru bebado pronto para o abate. Tinga é ex jogador , portanto posso concluir que o internacional quando joga com Bolivar, Kleber, Dalessandro e tinga, inicia o jogo com sete jogadores e por isso que o ranço esta corroendo o time, e torna-se dificil competir contra outros onze jogadores.

  • josé luiz gomes diz: 20 de junho de 2011

    wianey, várias coisas a torcida colorada terá que entender: falcão não tem culpa se bolivar parece cada vez mais cansado, que juan não tem condições de jogar no inter, é o mesmo caso do daniel que já foi, qua a maior expressão técnica colorada : dalessandro joga cada vez menos e que guinazu perdeu a força….é transiçao pura e isto demanda tempo…não adianta trocar de treinador…vi avanços como glaydson um volante marcador….muriel enfim tendo a aoportunidade merecida, e para quem pensa que é fácil mecher com vaidades, que fique na casamata…mas vejo em falcão capacidade para devolver ao inter um time competitivo, porém mais cabeças devem rolar e no minimo dois jogadores para serem titulares incontestáveis…..não é proibido substituir o leandro damião muito mal ontem, e se tivesse ousado quando o coritiba se abriu todo, colocando o oscar poderiamos ter vencido…mas enfim…falcão já começa a mudar peças e isto é avanço……

  • Gabriel diz: 20 de junho de 2011

    Bom dia Wianey

    Sinceramente não concordo contigo.

    O Inter foi um time medroso.

    Vamos combinar, o Inter PERDEU o jogo em Curitiba. Este 1 a 1 foi horrível.

    Li vários comentários falando que o Coritiba isso, o Coritiba aquilo – inclusive tu. É o Coritiba pô!

    Até lembrei de uma brincadeira que faço com um amigo: ele comprou um Chevette, botou rodas de liga, suspensão a ar, DVD, GPS… mas continua sendo um Chevette! (para quem já teve um não precisa explicar).

    O Coritiba continua sendo o Coritiba!

    Glaydson não fez absolutamente nada até fazer o gol, que aliás pode gravar para mostrar aos netos – ou para mostrar a outro clube em futura negociação (não perde a chance que vai demorar para se repetir, se repetir). Ah, mas ele foi colocado para ajudar na marcação. A melhor marcação naquele setor seria colocar alguém atacando, para segurar o lateral do Coritiba. Talvez tu tenhas razão que ele seja um bom volante, mas jogar com Tinga, Guinazu e Glaydson?

    Um time medroso.

    Kléber poderia se candidatar aos “bola murcha” do Fantástico. Matar a bola naquela posição dentro da área é coisa de várzea. Aliás, só faltou o travesseiro pra ele ontem. Impressionante!

    Para completar a irritação que foi o jogo de ontem, as substituições: Wilson Mathias (deve ter um DVD com um gol do tipo do Glaydson), Fabrício e Rodrigo Goulart (este para jogar cinco minutos)????

    Espero sinceramente que o Falcão esteja ensaiando as mudanças (para não fazê-las todas de uma vez) e que chegue ao time ideal, sem Kléber, sem Ney, sem D´Alessandro (está muito mal) e sem um dos volantes (para mim poderia sair o Guina).

    Ainda torço pelo Rei de Roma.

    Um abraço.

  • Ricardo diz: 20 de junho de 2011

    Caro Wianey!
    Não acho que o empate foi bom, pois a vitória estava praticamente na mão. A mudança realizada pelo Falcão foi no mínimo desastrosa. Colocar o “espetacular” W.Matias é simplesmente inadmissível, o que foi comprovado com os sucessivos erros dele. Achei que este espetacular já não estava mais nos planos do time, aí alguém ressuscita ele! Além disso, colocar o R.Gulart ao invés do Oscar…Por favor, assim não da Falcão. Claro que foi um pênalti bobo e infantil do Kleber, este por sinal já venceu o prazo de validade no Inter, mas o empate passa pelas trocas do Falcão. Outro detalhe: onde estava a cobertura na hora do pênalti no rebote do Muroiel? Creio que é necessário este treinador rever suas opiniões. Acho que a zaga está deixando a desejar, espero que o Juan seja mantido e talvez fosse a hora de testar também o Rodrigo Moledo. Resumindo: empate com gosto de derrota, trocas equivocadas no segundo tempo e continua a necessidade de mudança de jogadores e de atitude.

  • carlos de melo diz: 20 de junho de 2011

    A entrada do Glaydson seria vantajosa se fosse no lugar do Tinga ou Guiñazu, e o D’alessandro não vai conseguir jogar nesse esquema , sozinho na armação, com a indolência do kleber o individualismo do Zé e a queda de rendimento do Damião.

  • Rodrigo diz: 20 de junho de 2011

    Não tem mistério: é só colocar a gurizada afim de jogar (como o São Paulo está fazendo). Melhores jogadores do Inter hoje: Oscar, Damião e Muriel. TODOS da base. Como diria Felipão: Jogador bom é jogador com fome.

  • Flávio diz: 20 de junho de 2011

    Olá Wianey, bom dia.VOCÊ sabe que treinar a SELEÇÃO de um País é muito mais fácil que treinar um Clube. Na Seleção te é colocado toda uma preparação física e os melhores jogadores nas posição. Além de contar ainda com as reposições, não há pressões de diretorias ou torcida. Com tudo isso a passagem de P.R.FACÃO como reinador foi um rotundo fracasso na disputa de uma Copa América. Suas passagens posteriores por Inter, América do México e Japão provaram e COMPROVARAM que o cara não é da FUNÇÃO. O que esperar dele? Um novo fracasso cujo primeiro passo foi dado na eliminação contra o PENÃROL??????? Mais uma rodada, mais uma decepção. Quantos pontos ganhamos em 15 disputados? FACÃO deveria tomar aulas no S.PAULO com o PATO ROCO (se ex-colega de time), de como liderar o Brasileiro INVICTO e deixar de enganar os torcedores como está acontecendo… ATENÇÃO Luigi CUCA está desempregado e é a BOLA da vez. Chega do aprendiz de treinador!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • roger diz: 20 de junho de 2011

    Carambolas wianey, não tive como resistir, ha tempos não lia um comentario tão parecido com o qual eu propio tive, tirando um errinho pontual (D’alessandro nunca joga mal, no maximo ele é médio, mas ontem jogou bem, gostei do dale), então tive que comentar.
    O numero de vitoria por jogos do coxa em casa mostra a dificuldade que era a partida, GRAÇAS A VOCÊ eu ouvi o que ja venho pensando a tempos, GLAYDSON é muito bom, não tenho certeza se é o melhor, mas sempre corresponde, e nunca ouvia isso na imprensa. O Muriel foi exatamente essa descrição sua que eu tive, procurei um defeito e só achei naquele lance que em nada resultou. Juan foi bem a maioria dos lances, acho que só o que lhe falta é sequencia e entrosamento( teve alguns erros, mas rodrigo tambem tem, quase sempre).Ah e antes que eu esqueça, tambem achei infantil dominar a bola no peito, MAS O PENALTI FOI VERGONHOSO, falta do bil* no Kleber.

    Olha Wianey, não sei se é efeito do comentario do teu colega GUERRINHA, que não sei se é efeito da briga com o falcão, mas foi muito ruim ontem, muito ruim mesmo,

    MAS tu mereceu UM PARABENS PELO TEU COMENTÁRIO.
    Abraço Wianey

    roger

  • Andre diz: 20 de junho de 2011

    Wianey, vamos dar nomes a algumas peças que apresentam problemas no time e não estão sendo sacadas, Bolivar já não joga o que pensa que joga a muito tempo, Kleber esta beirando o ridículo com passes errados e sua lentidão, se observar verá que em algumas jogadas pela esquerda o jogadores chegam a aolhar se ele se ilfiltrou, como ele não ilfitra a jogada vai para o lado ou é recuada para o chuveirinho sem proveito nenhum. Nei, se precisa escalar dois laterais direitos então que se contrate um para o lugar dele. Tinga, um caso a parte, gosto muito deste jogador por ser colorado e por sua liderança, mas esta visivel que não aguenta mais o ritimo do jogo e esta sem força tanto para defender como para atacar, jogador para segundo tempo 20 min. Matias é o terror colorado, uma maldição que não tem fim, enquanto estiver no beira-rio sempre correremos o risco de ontem, se não estivesse no banco quem entraria seria Oscar, ele só atrapalha mesmo, não ganha uma jogada e quando passa ele erra, realmente é um espetacular perna de pau. Resumindo, Bolivar, Kleber, Nei e Tinga no momento são para grupo e não titular, Matias, bem este nem devia estar no plantel….. Deste jeito não vamos longe….

  • Paulo diz: 20 de junho de 2011

    Wianey, tah cada vez mais difícil de ler seus artigos, você vai salientar que o inter está invicto fora de casa? pq não faz um texto que o inter não venceu em casa nesse brasileirão, é só analisar os adversários do inter 1º santos (time reserva) 2º américa (forte candidato ao rebaixamento) 3º coritiba (acabou de perder um titulo) sendo que seu inter só ganhou do américa MG. seja mais jornalista menos colorado

  • Paulo diz: 20 de junho de 2011

    Sr. Wianey, tah cada vez mais difícil de ler seus artigos, você vai salientar que o inter está invicto fora de casa? pq não faz um texto que o inter não venceu em casa nesse brasileirão, é só analisar os adversários do inter 1º santos (time reserva) 2º américa (forte candidato ao rebaixamento) 3º coritiba (acabou de perder um titulo) sendo que seu inter só ganhou do américa MG. seja mais jornalista menos colorado

  • Mauro diz: 20 de junho de 2011

    Wianey,
    Me incluo nos que “não entendem nada de futebol”, segundo alguns técnicos, e que só assistem aos jogos.
    Apesar disto, nos jogos do meu colorado, sei exatamente o que vai acontecer quando os treinadores fazem uma alteração, entrada do Wilson Mathias: o adversário irá empatar. Que coisa… não tenho a estatística, mas acho que isto aconteceu 100% das vezes. Verifique para nós, por favor.
    Grato

  • Vanderlei diz: 20 de junho de 2011

    Tô achando que renova com Dalessandro foi bobagem, não jogou nada e no primeiro tempo só bateu boca.

  • Carlos Alberto diz: 20 de junho de 2011

    Uma das coisas mais irritantes na militância é o fingir que não viu. Caramba Wianey, levar um banho de futebol, depender de milagres do goleiro, constatar que uma das teorias mais batidas do treinador (futebol é imposição) não é levada a sério pelo próprio criador, é no mínimo preocupante e você vem com o “segue invicto”?. Glaydson só fez o gol (Gabirú também, lembra?), Matias continua o mesmo, Damião continua isolado, Oscar TEM que jogar e você diz que TODAS as mudanças foram vantajosas? Putz, que decepção!!

  • jose jair da silva diz: 20 de junho de 2011

    Ola Wianey esta e pra voce analizar.Sera que o INTER nao esta jogando so com (9) nove jogadores,sai jogando completo nos primeiro tempo depois fica so com NOVE e so olhar atentamente os jogos para ver a realidade.Como disse o Falcao futebol tem gente que ve mas nao ve ,tomara que ele nao seja um destes e veja oque eu estou vendo jogar meio tempo com NOVE e dificil quando jogar com os ONZE ai vamos brigar pelo titulo,desde que subistitua o Tinga eo Guinazu no segundo tempo.to certo . Jair.

  • joao diz: 20 de junho de 2011

    nada como um dia depois do outro… após o Falcão dar um esporro na imprensa, o caderno de esportes de ZH está todo amigável… falam do jogo como se o inter tivesse jogado um partidasso… e na verdade foi ridículo. Não fosse nosso novo goleiro e aquele gol espírita do Gladisson (que nunca vai fazer outro) estávamos lamentando mais uma derrota.

  • jorge diz: 20 de junho de 2011

    E em casa tambem….nao força,ou tambem nao enxerga nada de errado,time fraco em espirito,nao tem vestiario….paz outra piada.

  • Ademir Francisco Rodrigues diz: 20 de junho de 2011

    Em 5 jogos (3 em Curitiba) o Curitiba só fez 4 pontos. A única vitória foi contra os reservas do Vasco e ainda perdeu em CASA para o atletico Goianense. Com esta campanha do Coxa o empate do Inter pode ser considerado bom resultado ?

  • Rodrigo diz: 20 de junho de 2011

    Complementando Flávio: Luigi olha o Cuca aí!!!

  • Emerson de Lima Torres diz: 20 de junho de 2011

    Wianey.

    1 – O Juan é disparado o melhor zagueiro que temos, e ele e outro.
    2 – O meio campo do Inter tem que ter 2 jogadores de contenção, sejam eles, Bollati ou Glaydson e Tinga ou Guina (o Tinga está muito mal); Oscar e D’alessandro. Sobre o D’alessandro ele é um jogador franzino e apesar de lutar ele não tem contenção física, e se o Inter começar o jogo com somente ele que não seja volante ele não vai conseguir jogar.
    3 – O pior de tudo é que ele é o melhor que nos temos para a posição. Não adianta tirá-lo se não tem ninguém para colocar. O Inter precisaria contratar um lateral esquerdo.

  • Fabio diz: 20 de junho de 2011

    Larga essa perseguição ao D’Alessandro. E para de defender o Falcão.

    Tirou o D’Alessandro, não colocou o Oscar, e botou de novo o misterioso Ricardo Goulart. Quem explica a escalação dessa nulidade? Nunca fez nada, e já barrou Sóbis, Cavenaghi, D’Alessandro, Oscar e Zé Roberto. Também por isso a direção não vai trazer reforços. Reforços para quê? Para ver o Ricardo Goulart ser a solução?

    Qualquer pessoa que saiba o mínimo de futebol, e seja intelectualmente honesto, sabe e diz que o que o Inter precisa, antes de tudo, é um treinador de verdade. Depois se vê o resto.

    O Muriel parece ser muito melhor que o Renan e o Lauro. O Glaydson deu consistência à defesa, deveria ficar no lugar do Tinga, que não está jogando nada. Juan é tão ruim como os outros zagueiros.

    Treinador que termina um jogo sem D’Alessandro e Oscar, por opção, tem que ser demitido sumariamente por incompetência.

  • josé carlos.p.alves diz: 20 de junho de 2011

    ola Wianey e eu que ja estava com saldade do Vilsom matias ,por causa das atuações de tinga e do Guina ,mas ontem deu para ver que ele é muito mediocre.Pq ele entrou muito mal não soube aproveitar a chanse que o Falcão lhe deu.Mas concordo com você não é facil de ganhar do coritba la dentro da casa dele.Nesse ano ele éra a sensação do brasil bateu varios record de vitórias em sequências,meteu 6 no Palmeiras do Felipão.Não da para acreditar que tem colorados que só enxergão o resultados,para criticar sempre o Falcão,tem que dar tempo para ele resolver s probremas do time ,que tite não resolveu ,Fosate também não e o Rothi,tem que dar tempo para ele poder mexer no time que não pode ser de uma hora para outra trocar tudo .A frustação foi ver o Kleber fazer aquele penalti bobo ,que nem o Daniél fez contra o Santos,foi duas vitórias jogadas fora por lances bobos ,ai vão criticar o Falcão pelo erros infantis dos jogadores deixão ele trabalhar pq teve tecnicos mais ruinsque ficarão muito mais tempo n cargo,e não ganharão nada nem o gauchão ex:RENATO .

  • Anderson Silva diz: 20 de junho de 2011

    Só gostaria de saber,até quando teremos que ver:
    Bolívar:se eu mandar minha mãe treinar 3 dias,até ela passa por ele;porque não marca ninguém e só fica olhando a bola passar(tanto que tem um lance que há 3 jogadores em uma bola aerea e o “general” só olhando,criando raízes no chão)
    Kleber:só falta levar um travesseiro para o campo,desligado e nem um pouco comprometido com o time;exemplo disso foi o lance do penalti,nem na várzea se faz o que ele fez.
    Tinga:ex jogador,agradeço pela libertadores de 2006,mas hoje,não é volante,nem meia…enfim,é 1 jogador a menos.
    Wilson Mathias:se oferecerem ele para o Avenida aqui de Santa Cruz,meu pai(torcedor fanático)já disse que faz plantão na frente do estádio para não deixar entrar…é um jogador que mal consegue se manter em pé.
    Vou parar por aqui,porque há mais gente que deveria sair do Beira Rio,mas esses,na minha opinião,são os que mais irritam.
    Onde está a renovação que seria feita?Onde está a alegria de jogar,a imposição de jogar fora e em casa da mesma maneira,tão falada por Falcão?
    Já passaram 2 meses e o time,ao meu ver piorou.Não temos esquema,não sabemos a escalação do time.Jovens que estão dentro do clube,das seleções de base poderiam entrar e dar resposta melhor que estes medalhões que estão jogando.Medalhões estes,que estão jogando,só no nome,na imposição de empresários ou pela direção???
    Poderia falar muito mais,mas estou atrasado para um compromisso.
    Resolvi escrever porque sinceramente não dá mais.Estou prestes a me desligar como sócio,porque é rídiculo ver o que está acontecendo no Beira Rio e porque cansei de ficar stressado olhando jogos do Inter…desde o Mazembe!!Achei que mudaria alguma coisa mas nada mudou e isso já fazem 6 meses.
    Vou ficando por aqui…abraço

  • marcio engelberto fritsch diz: 21 de junho de 2011

    Acho que o inter tem que mudar o esquema de jogo, já que não se muda nada por lá e faz tempo. O time é o mesmo, os jogadores em decadencia são os mesmos, os dirigentes os mesmos , os lideres do vestiarios são os mesmos. Acho que o Falcão deveria inovar nesse momento de crise e inventar um novo esquema de jogo. Sugiro que o inter passe a atuar no esquema 3-7, com tres zagueiros um perto do outro, com sete no meio do campo para compactar. Resumindo o inter vai se defender em MASSA e Atacar em BOLO, quem sabe assim saimos da mesmice.

Envie seu Comentário