Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

O absurdo Gre-Nal dos estádios

21 de outubro de 2011 126

Arena

É mais do que aceitável e compreensível que dirigentes e torcedores gremistas desejem levar para a Arena Gremista jogos da Copa 2014. As obras andam celeremente, o estádio será padrão Fifa e, inquestionavelmente, seria um palco adequado para a grande competição.

Inaceitáveis, porém, são alguns argumentos e contestações sem qualquer fundamento que ornamentam o debate. A Arena Gremista não existia na época em que foram escolhidos os estádios. O Beira-Rio, por seu lado, vinha de remodelações que encantaram a CBF e a própria Fifa. A escolha do estádio colorado foi uma obviedade. Quem imaginaria, naquela época, que o contrato entre o Inter e a AG demoraria tanto para ser assinado? Pretender que o Comitê Local da Copa, em função desta demora, pressionasse a Fifa para a mudança de estádio é provado desconhecimento do assunto. Tanto quanto confundir Comitê Local com a organização de Porto Alegre. No caso, local significa o país e o presidente deste órgão é Ricardo Teixeira.

Outro despropósito: alegar que o Beira-Rio desfruta isenções fiscais e outros benefícios que a Arena Gremista não tem. Ora, o Caderno de Encargos da Fifa impõe estas isenções para todas as obras, serviços e produtos destinados ao Mundial/14. O Beira-Rio, reforma, é um estádio mundialista e a Arena não. Se, para argumentar, o Inter declarar que não quer mais sediar a Copa ou a construtora desistir e a Arena Gremista for a substituta, óbviamente estas isenções e benefícios irão para o estádio gremista. Fala-se muito sabendo-se pouco.

Beira-Rio

Bookmark and Share

Comentários (126)

  • Eder diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey, por acaso o Itaquerão já está pronto? espera, eu respondo, ainda sei um pouco. NÃO.
    E ainda vai receber a abertura, olha que conincidencia.
    Abrço

  • GILSO VALIATI diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey tem toda razão com certeza, mas acho que este contrato tá demorando muito, por isso fica a pergunta. Por que? Será que não é para conseguir mais isenções ??????
    Por outro lado, se o estádio do Inter não estiver pronto, por que não a Arena do Grêmio, parem pra pensar um pouco.

  • Guilherme diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey: mas porque a FIFA não substituiu o Beira Rio pela Arena para a copa das confederações?

  • Claudio diz: 21 de outubro de 2011

    Caro Wianey uma coisa eu não consegui ainde entender. Quando os fiscais da FIFA estiveram no Brasil e visitaram as cidades sedes escolhendo os estadios, a Arena do Grêmio estava so no projeto, que os fiscais não quiseram nem ver, e pelo que lembro não haviam ainda iniciado as obras, e então compreensivelmente escolheram o Beira-Rio. Foram a São Paulo e o tal Curingão não existia nem no papel e os corintianos nem tinham certeza de construiriam um estadio ou não. Então como é que o tal Curingão, que naõ existia nem no papel, e nem sabia se existiria, vai ser o estadio da aberturta da Copa?

  • Lucas Zang diz: 21 de outubro de 2011

    Sabe muito esse Wianey! É isso aí mesmo!

  • joao diz: 21 de outubro de 2011

    A ARENA conta com isenções também, ou acham que a OAS vai estar fora do bolo. E leis foram aprovadas na Câmara e assembléia dando isençõe fiscais para as duas obras em batalhas dos então gestores da copa no RS ( ODONE depois ANTONINI).

  • Cássio Oliveira diz: 21 de outubro de 2011

    Zini, essa questão agora é politica, FIFA, CBF, FGF, INTER, eles que descasquem esse abacaxi…

  • Ruy Farias Barbosa diz: 21 de outubro de 2011

    Caro Wianey, vale lembrar que na época da escolha de qual estádio seria sede, o Soberboso Campeão FIFA alegava que faria com recursos próprios o seu Estádio, e precisou vir um professor de Harvard para lembra-los que isto não era possível, tinha um detalhe, eles já tinham desmerecido co contrato com AG, agora correm atrás deles, ironia do destinho não acha, eles pagarão muito caro para ter seu estádio, ou poderão ser os culpados únicos pela sua arrogância é claro, de perder um evento do tamanho de uma copa do mundo, já imaginou quanto custaria isto para o RS, eles já conseguiram perder a copa das confederações, e também ao menos um joguinho da seleção Brasileira não vai acontecer em Porto Alegre.
    E Viva ao Campeão FIFA, não aprenderam que soberba não ganha jogo, lembram do jogaço contra o Mazembe, e agora estão prestes ou a perder a copa, ou ficar uns 40 anos pagando uma conta considerável para AG. Quem diria, estão se humilhando para ficar com 5 joguinhos da copa….a vida da Volta…Perguntinha: É verdade que farão uma nova campanha de sócios só para empresários, pois pelo que sei tem um monte de micro a grandes empresários muito feliz com eles, perderam só uma copa das Confederações, pouca coise né.HEHE
    Salve a arrogância e a Soberba, que um dia ela te dará tudo oque você não gostaria….

  • Dilson diz: 21 de outubro de 2011

    Tanto quanto eu saiba as isenções estaduais foram estendidas à Arena. A menos que as notícias da época foram equivocadas. As isenções foram concedidas pela Governadora Yeda Crusius. Por favor, verifiquem.

  • Bruno Reppold diz: 21 de outubro de 2011

    Mas Wianey seu argumento se vai por água abaixo na primeira linha do seu texto. A Arena era só um projeto? Correto. E o Itaquerão que nem projeto era e já está escolhido como jogo de inauguração? hein? hein?

  • joao carlos rst diz: 21 de outubro de 2011

    dá pena da inveja gremista. sera que um estadio novo [ e uma administracao perneta] fara o gremio ser campeao novamente ?

    Com estadio ou sem os titulos só sao vistos no BEIRA RIO.

  • robertonovaes diz: 21 de outubro de 2011

    Caro Wianey! É impressionante a grosseria e o desrespeito com o atacante Miralles. O argentino já tem em seu currículo condições de fazer parte do grupo principal do Grêmio. Hoje estava pensando no caso de Romário, por exemplo, q era um jogador q diziam não ter “comprometimento” nos treinos, chegando, inclusive até em não comparecer a alguns. Portanto, se Romário estivesse no Grêmio no momento, por certo, não teria chance alguma. Se trata, mais da necessidade psicológica de afirmação do Roth, de mostrar quem manda. Acho isso de uma infantilidade e quem perde é o próprio clube ou seus torcedores, q daqui a pouco verão o Miralles brilhar em outro clube. Um grande abraço!!

  • Paulo SJC diz: 21 de outubro de 2011

    Gostaria de dizer que o Mundial em PORTO ALEGRE so EXISTE porque na epoca da escolha das cidades sedes so tinha o Beira-Rio e continua so tendo ele. O que os eles querem agora e chororoooo…..

  • Rafael Gremista diz: 21 de outubro de 2011

    Sr. Wianey. Meus contra-pontos:
    Arena não existia assim como a Arena de Natal também não exite, é como se fosse implodir o Olímpico e reconstruir novamente. O Grêmio sempre teve o interesse de sediar a copa, nunca escondeu isso. O Beira-Rio foi escolhido por diversos fatores vocês da imprensa sabem disso: (15 anos mais novo que o Olímpico), Obras recentes que a própria CBF bancou e mais todo o aparato político para que o Beira-Rio fosse a sede, houve gre-nal na escolha sim, (Noveletto conselheiro e presidente da FGF e demais políticos ajudaram muito o inter).
    Você afirmou que o inter não foi intimado com os prazos das obras no sala de redação de ontem. Pois foi sim, seu Wianey!!! Afirmação do Noveletto de que foram de 4 a 5 vezes que CBF e outros orgãos intimaram o inter com o contrato e cronograma. Antonini foi ex-secretário de estado e você está duvidando das afirmações dele referente aos incentivos. Seu blog foi o último a se manisfestar sobre o FIASCO da perda de Porto Alegre de sediar a Copa das Confederações. Veja no blog do Hiltor ou talvez você tenha o documento que o inter assinou afirmando o compromisso de sediar as duas Copas e o inter divulga nota oficial dizendo que o objetivo é a Copa do Mundo. Admita a incompetência do inter e da AG neste FIASCO e também o COL Local e que não pressionou devidamente o inter e não colocou para o Teixeira a Arena do Grêmio como segunda opção assim como fez a cidade de São Paulo que trocou o estádio. A terceira cidade mais importante no futebol brasileiro e uma das cinco mais importantes do Brasil perdeu a Copa das Confederações e será coadjuvante na Copa do Mundo. Graças a estes incompotentes que você defende. Antonini afirmou não tem gre-nal pela copa do mundo pois a Arena é para a torcida do Grêmio mas será no padrão FIFA e reclamou com razão do COL, CBF e etc de não terem plano B. Sinceramente se fosse o Odone declarava que a Arena estará disponível somente perante muitos $$$$$$$, obviamente ele não fará isso pois ele é político precisa de votos caso a sede da copa for para Arena, Odone se aproveitará disso. Odone errou muito esse ano no futebol, mas sempre tentou a copa na Arena e as obras evoluem dia a dia, administrativamente está melhor que o Luigi.

  • Frederico C. diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey, pior são aqueles que falam isso tudo sabendo muito. Ou seja, com clara intenção de criar uma celeuma onde não existe e induzindo o ouvinte ao erro. O grenalismo é a âncora que nos impede de avançar no futebol, já que cada vez mais o RS perde força nas questões nacionais do futebol, pois aqui tudo é dividido por dois!

  • Enio Schaeffer diz: 21 de outubro de 2011

    O “GREnal” dos estádios faz parte da flauta. A questão que deveria ser abordada é a total infantilidade, desorganização e despreparo da institução Internacional em preparar-se adquadamente para receber os jogos da Copa 2014. A imcompentência da instituição Internacional está custando caro, por enquanto, apenas em termos de imagem, ao povo do Rio Grande do Sul. Dever-se-ia dar um prazo para que esta esculhambação (sim, é esculhambação mesmo) que está imperando tenha prazo para acabar e, em seu lugar, aparecerem ações que resgatem a dignidade do povo do RS. Sou da opinião de que, caso as reformas (remendões, como dizem os gremistas) nao iniciem em prazo compatível, Porto Algre deva ser excluída das sedes da Copa 2014, mesmo que a Arena Grêmio esteja concluída, reluzindo de nova, 100% padrão 5 estrelas FIFA. E, claro, nesse caso, que os custos e isenções concedidos para a reforma do estádio do Internacional sejam devolvidas aos cofres públicos. Farra com o meu dinheiro, para uma instituição particular que se mostrou incompente, nao admito.

  • Allan Batista diz: 21 de outubro de 2011

    E se o sci resolver não assinar o contrato com a AG? o que se faz com as reformas de mobilidade urbana que foram destinadas a zona do Beira-Rio? passa uma britadeira em tudo? tu só pode estar brincando com a opinião pública

  • Paulo Kunrath diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey, um dia após a divulgação, começa a ficar claro que o maior peso nas decisões foi político. É evidente que a não assinatura do contrato teve impacto. Agora, lendo as notícias de outras sede, através de veículos locais de imprensa., começa a formara opinião.

    1. A ESPN divulga que a não escolha de POA para Copa da Confederações, foi uma represália a Dilma, em função da Lei Geral da Copa.
    2. A FOLHA sinaliza que os “amigos” políticos de Ricardo Teixeira, sendo eles, Aécio Neves (MG), Ciro Gomes (Ceara) e seu aliado Andrés (SP) foram agraciados.

    Acho importante sairmos desta guerra de acusações que se instalou em POA.
    E vermos as opiniões e informações de fora do RS.

  • sergio hartmann diz: 21 de outubro de 2011

    absurdo seu wianey e o gremio nem ser cogitado para copa do mundo.sabe da a entender que nem existimos.como torcedor do gremio fico triste por ficar de fora da copa.acho errado , porque so o inter .acredito ser politicagem.mas quem com ferro fere com ferro sera ferido , a mesma politicagem deixou de fora o estimado inter.agora sentiram na pela o drama do torcedor tricolor.

  • WANDERLEY diz: 21 de outubro de 2011

    O que existe na verdade é uma mágoa dos colorados em face da trapalhada e da sua incompetência.
    O Grêmio não tem nada a ver com a Copa/2014…
    Esta fazendo a Arena para seu uso porque viu ser necessário em face das precariedades do velho Estadio Olimpico.
    O Resto é chro e inveja de colorados.

  • Vilmar da Silva Fogaça diz: 21 de outubro de 2011

    Sr. Wianwy,
    So quero entender: o Itaqueirão, que será palco da abertura da Copa 2014, já existia quando da definição dos estádios? Por que não vale para Porto Alegre o que vale para São Paulo? Lá o estádio defdinido para a abertura da Copa era o Morimbi, como pode ser trocado?
    Desculpe o desconhecimento, pois se sabe muito pouco mesmo.
    Um abraço,
    Vilmar Fogaça
    Bras[ilia – DF

  • Toniolo diz: 21 de outubro de 2011

    O wianey não deixa de ter razão, mas omitir algumas informações importantes é tão feio quanto mentir.
    1- A arena não existia. Verdade. Mas muitos estádios que receberão a CC tbm não existiam, assim como tantos outros que receberão jogos da CM. Nem por isso, o Beira Rio deixou de perder a CC para outros estádios.
    2- Ninguém briga pela escolha feita em 2009, embora a Arena tbm tenha sido apresentada oficialmente como possível estádio sede. TODOS que questionam, questionam a manutenção do Beira Rio como sede durante todo o ano de 2010 e 2011, quando, depois de comprovada incompetência colorada na administração da reforma, nada foi feito para acelerar o processo ou mudar a copa para a Arena (e podemos a responsabilidade disso na imprensa e nos políticos).
    3- Ninguém questiona as isenções fiscais e incentivos públicos. O que se questiona é o clube receber estes incentivos assinando um termo de compromisso, não cumprir seus compromissos, continuar detentor dos incentivos e ainda prejudicar a cidade e o estado pelo não cumprimento da palavra e termo de compromisso. Ou seja, o interesse privado acima do público.
    4- Os incentivos recebidos pela Arena (obviamente menores pela condição de sub sede) estão sendo honrados com o andamento da obra e cumprimento dos prazos. Logo, não são merecedores de críticas! Já os incentivos do Beira Rio, estão servindo o interesse de quem? De POA, que acabou de perder a CC?
    5- O que se critica é essa necessidade de alguns jornalistas justificar o injustificável! Defendem desesperadamente o internacional e quem permitiu que esse processo se arrastasse por vários meses, apesar das alternativas!!

  • Joao Pinguim diz: 21 de outubro de 2011

    Olá Wianey!
    É aceitável tu dizeres que a Arena não existia na época da escolha dos estádios.
    Esquecestes de mencionar que o estádio do Corinthians tambem não existia e nem por isso deixou de ser escolhido.
    Aqui em SP o estádio inicialmente escolhido fora o Morumbi, igualzinho ao teu argumento do Beira Rio, só que como o São Paulo F.C não votou no candidato do Sr Rico Teixeira para o Clube dos Treze, de repente apareceu o Itaquerão corintiano.
    O Inter só terá a perder caso ceda ao atropelo e a ansiedade de assinar esse tal contrato com a AG.
    Os colorados não podem pagar esse preço e terem comprometido seu futuro com essa “mão de tinta” que vão dar no Beira Rio.
    A torcida vai continuar assistindo os jogos na chuva e no sol, a cobertura já era. A coisa já começou a ficar meia boca!
    Não é questão de fiasco, é questão de soberania rubra.
    Ou toma juízo e faz a coisa certa, ou pagará um preço que seu torcedor não merece.

  • Alexandre – NH diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey, não existe Grenal dos estádios!!!
    A Arena está sendo construída, em dezembro de 2012 estará pronta!!
    Já o Beira Rio, só o que está certo até agora, é a demolição de parte das arquibancadas, de resto, ninguém sabe.
    Como pode haver um Grenal dos estádios assim??
    Mesmo que o Inter perca a Copa do Mundo, terá que assinar com a AG ou com outra empreiteira qualquer, para pelo menos terminar a reforma das arquibancadas inferiores, caso não acerte uma parceria, terá que vender o time inteiro só pra concluir esta parte da obra!!
    Que fria os vermelhinhos se meteram!!!

  • Fabricio diz: 21 de outubro de 2011

    Ah, vá. Francamente. Se essa história de “estádio que não existe ainda não pode ser sede da Copa” é pra valer mesmo, então a abertura da Copa não vai acontecer no Itaquerão, que não existia NEM COMO PROJETO quando a Arena do Grêmio já estava em fase inicial da construção.

    Aliás, se a alegada “desunião” do RS em torno do projeto ridículo da Copa serve como desculpa para perderem a Copa das Confederações, o que dizer de São Paulo, onde os presidentes do Corinthians e São Paulo só faltaram cuspir na cara um do outro na defesa de seus respectivos estádios? Vocês, da imprensa gaúcha, parece que não assitem ao noticiário esportivo do centro do país, nem mesmo para se atualizarem. Eu lembro perfeitamente do lobby descarado feito pelo Andres Sanchez contra o Morumbi, e as declarações raivosas do Juvenal Juvêncio em resposta. São Paulo perdeu algum jogo do torneio por causa disso?

    Culpar a direção do Grêmio, defeituosa como ela é nos assuntos de futebol (Julinho Camargo, Brandão, Miralles, etc.), pelo fiasco protagonizado pela dupla Inter/Andrade Gutierrez, isso sim é “grenalizar” o problema. A Copa é toda do Inter, queiram os dirigentes colorados ou não. Qualquer fracasso em trazer a Copa para cá é exclusiva deles. Ou vocês da imprensa querem o quê? Que os dirigentes gremistas façam força pelo rival? Que dêem declarações dizendo como se sentem felizes pelo Inter, e que vão trabalhar em conjunto com os colorados para viabilizar a Copa pelo bem dos gaúchos? Ora, Wianey. Vá se catar, por gentileza. Olhe o caso de São Paulo. Por favor, OLHE O CASO DE SÃO PAULO. A briga entre os clubes lá é de foice no escuro. Os dirigentes dão declarações fortes sobre os rivais pelo menos uma vez por semana (com exceção do Palmeiras, mas isso é mais porque eles têm problemas internos enormes para se preocuparem do que por comedimento). Vão querer que os gremistas dêem aos mãos aos colorados para ajudá-los a consertarem as besteiras que eles mesmos fizeram? Que o Grêmio estenda a mão para tirar o Inter do atoleiro onde ele próprio se enfiou? A Copa é deles, o ônus é deles também.

    O que eu acho que vocês da imprensa não estão percebendo é que, por trás de qualquer declaração da torcida dizendo que quer a Copa na Arena, há uma clara intenção de sacanear o rival. O gremista não quer a Copa na Arena porque traria inúmeros benefícios para o clube ou para a cidade: ele quer é rir da cara dos colorados, porque francamente, seria um mico de proporções mazêmbicas. Já que a direção Odone/Pelaipe é incompetente para montar um time capaz de disputar qualquer coisa e ainda vai renovar contrato com Celso Roth em 2012 (me cobrem em dezembro), então que se dê risada das micagens do rival. “Estádio com recursos próprios”, “arena de aluguel”, “estádio-maquete”, “estádio Fifa”; esse tipo de declaração saía da boca das eminências (literalmente) pardas com facilidade assombrosa há 1 ou 2 anos atrás. Agora que a realidade chegou (Beira-Rio vai se tornar estádio de aluguel para a AG; a Arena do Grêmio está tomando forma e em ritmo acelerado; a Fifa não tem nenhuma consideração especial pelo Inter, ao contrário do que imaginavam seus dirigentes), é hora de rir da situação. E, se Porto Alegre perder a Copa por incompetência daqueles que assumiram o compromisso, vai ser motivo para mais risadas.

    O que eu não vou admitir, e a torcida do Grêmio vai concordar comigo, é que o clube seja responsabilizado por qualquer – QUALQUER! – problema com o evento aqui em Porto Alegre. O Grêmio não tem obrigação de ser babá do co-irmão, que já fez seus cem anos e é bem grandinho para se responsabilizar pelas bobagens que faz. Não venham os lumiares da imprensa, em especial os jornalistas esportivos, tentarem dividir responsabilidades que são única e exclusivamente coloradas. Não, senhores; o Grêmio não tem o poder de tirar a Copa de Porto Alegre, nem mesmo através de alegadas “manobras de bastidores”. Que influência tem o presidente Odone na Fifa, na CBF ou mesmo na FGF? Nenhuma! O Grêmio não tem influência nem para não ser roubado em Gre-nais! A presidência da FGF está nas mãos de colorads há anos! Nem mesmo o Clube dos 13 presidido por um gremista existe mais, embora Fabio Koff jamais tenha clubista na sua gestão.

    A não ser que estejam se baseando em declarações como as do deputado Danrlei, que disse brincando para a deputada Manuela que a Copa vai ser na Arena. Ora, senhores. Era uma brincadeira de um ídolo gremista com uma colorada ilustre. Vão levar isso a sério como “prova” de uma “conspiração gremista contra a Copa”?

    Resumo da ópera: quem começou a brincadeira, que a termine. Se não puderem terminar, azar o do goleiro. Vão passar vergonha sozinhos.

  • Anderson diz: 21 de outubro de 2011

    Ola Wianey,
    Sinceramente, nao compreendi o teor de seus textos ultimamente….antes, A fifa nunca trabalhou com plano B, e, nós, meros torcedores, nao teriamos como saber mesmo, apenas os entendidos no assunto – jormalistas, etc – …agora… a Arena surge como opcao, caso o Inter desista? Como assim? Foi so perder a copa das confederacoes para a Fifa surgir com um plano B ate antes inedito? Ainda, o presidente do vermelho disse que ha poucos meses e que ficaram sabendo da copa das conferedecaoes…. mas e o documento assinado, ainda em 2010, se comprometendo a cumprir a obra antes das duas competicoes? ha algo de errado ai….eu, pelo menos, mero torcedor, nao entendo.
    Se o fato da fifa ter escolhido o estadio da beira do lago qera que ele existia? o que dizer do estadio que sera palco da abertura, o Itaquerao?Por que nao o morumbi…?Estranho, nao acha?
    Vou dar minha humilde e sincera opiniao a respeito – da otica de um torcedor, que nao tem conhecimentos sobre assuntos de copas da fifa – Eu acredito que algumas instituicoes e interessados ofereceram o estadio da beira do lago, ou o Remendao, a revelia…..Porque, e muito estranho a Arena, tida como o melhor estadio que o Brasil tera…ficasse de fora….
    É estranho mesmo, e custo a entender essas coisas…..
    Att
    Anderson

  • Renan diz: 21 de outubro de 2011

    Caro Wianey!
    Acho engraçado!Todos nós estamos culpando o Inter pela perda da copa das confederações.
    Todos reclamando do prejuizo que teremos em vários setores da economia aqui no sul.
    Só que todos querem FATURAR em cima da reformulação do Beira Rio,mas ninguém encosta o umbigo(grana) e o Inter que abraçe a bronca.
    Enquanto isso o Lulão(futuro estádio do time do Lula),vai a pleno vapor com o nosso dinheiro.
    Este é o nosso Brasil.Tem muito que aprender com relação a investimento.
    Tenho certeza que se os investimentos fossem para SAÚDE,SEGURANÇA,ESTRADAS,não teriam tanta mídia.
    Eta país que só tem dinheiro para samba e futebol!

    Grande abraço!

  • André Martins diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey, parabéns pelo comentário. Gostaria de lembrar apenas que foi o SC2006 que se dispôs a modelar seu estádio cfe a FIFA queria e ñ o contrário. Continuo dizendo que, como Gremista, quero a Arena para o Grêmio e ñ para ver Ucrânia x Bélgica…. Já é um vale servir como base de apoio, mas ficar como “plano B” torcendo pela ineficiência do SC2006 é inaceitável.

  • Bruno Reppold diz: 21 de outubro de 2011

    Arena não existia na época? Não sabia que o Itaquerão já existia…

  • Jaison diz: 21 de outubro de 2011

    Eu só sei que a unica obra que ouve aconteceu com empreiteras ligadas a direção anterior, o que quero saber se ouve ma fé, pois se o SCI através dos dirigentes planejaram apenas obter isenções para obter seus ganhos e não ser a sede, é OBRIGAÇÃO do Ministerio Publico entrar com uma AÇÂO para REAVER o dinheiro dos impostos que o SCI obteve caso abra mão de ser a sede da copa do mundo. É dinheiro dos impostos que estariam bem melhor aplicados em hospitais e escolas ao invés de patrocinar entidades privadas e seus dirigentes.

    Alias, onde está o MP? O Tribunal de Contas para investigar o destino do dinheiro das isenções?

  • Antonio Carlos diz: 21 de outubro de 2011

    POIS É WIANEY, O ITAQUERÃO TAMBEM NÃO EXISTIA e foi preferido em detrimento do MORUMBI, que sabe-se muito bem é um estadio maior e melhor do que o Beira Rio. As remodelaçõles do Beira Rio que vc tanto exalta e que, segundo voce (não vi nem ouvi ninguem da FIFA falar isso, quem esta dizendo agora é tua coluna) encantaram a FIFA, mostram e demonstram que na epoca a escolha do Beira Rio foi politica (o Inter era e é mais amiguinho do Ricardo Teixeira que o Grêmio, e um dos puxa saco do mesmo é Conselheiro do Internacional e Presidente da Federação Gaucha de Futebol, isso sem contar com o velho Conselheiro Emidio Perondi, que esta sempre por perto do ícone da corrupção chamado Ricardo Teixeira) assim como o Itaquerão que foi escolhido por clara influencia da “amizade” do André Sanchez com o Ricardão corrupto. E não me venha com este papo de que o Grêmio e sua torcida estão fazendo Grenal de estadios. Isso foi coisa, desde o inicio da escolha do Beira Rio e do Projeto Arena, da torcida do Internacional bem como de seus dirigentes, que desfizeram do projeto, disseram que o Grêmio terceirizou seu futebol e que o Inter jamais faria uma coisa destas pórque sua torcida jamais permitiria com seu numero de associados etc… fizeram chacota que o estadio do Grêmio seria construido em cima de um lixão, que não tinha nem nunca iria ter estrutura em função do terreno, etc….Só que hoje a situação é outra, estão em uma situação de refem da Empreiteira que ainda nem contrataram, a exploração (tambem em vinte anos) que eles tanto riram e criticaram é pior do que no Grêmio, perderam a Primeira Copa, causando um enorme prejuízo ao estado do Rio Grande do Sul e a Porto Alegre, e se continuarem assim vão acabar perdendo a Copa do Mundo e seus benefícios ao Estado e à Porto Alegre. Eu também sou contra a realização da Copa do Mundo no Brasil, em função das montanha de deficiências sociais que temos e onde o dinheiro gasto na Copa poderia ser aplicado, mas esta posto, e sendo assim de alguma forma o Rio Grande do Sul não pode ficar fora desta distribuição de obras e benefícios comerciais que dela virão. Os colorados e sua Direção estão colhendo os frutos do que plantaram, e plantaram mal, pois falaram o que não deviam e prometeram o que não poderiam ou não tiveram competência para cumprir! Acho que a tua coluna de hoje foi infeliz na tentativa de, assim como o Luigi, tentar inocentar o Internacional espalhando responsabilidades do fracasso para todos os lados. Olhem o que o Piffero declarou: “O Internacional ficou refém da Empreiteira”, isso é a pura verdade!!! Um abraço!!!

  • edson diz: 21 de outubro de 2011

    Se Não fosse por motivos políticos com certeza a Copa das confederações seria realizado na Arena do Grêmio, Esta CBF não leva em conta, o Itaquerão Também Não existia na época e Não levou em conta a Capacidade do estádio a modernidade o Aceso ao estádio e outros fatores. Uma Vergonha e Nos Aqui do Sul ficamos olhando eles levar tudo pra outras regiões e não fazemos nada. Dirigentes colorados e políticos do Rio Grande Do Sul Uma Vergonha.

  • josé diz: 21 de outubro de 2011

    CONTINUO VENDO QUE NEM NA FOTO ACIMA… O INTERNACIONAL MESMO PARADO ESTA NA FRENTE DO GREMIO COMO SEMPRE EM TD!!!!
    SE COMEÇAR ANO QUE VEM ACABA ANTES DA ARENA DMLU LIXAO HUMAITA

  • Rafael diz: 21 de outubro de 2011

    O mais racional, com Copa ou sem, seria Grêmio e Inter terem se unido para construir um estádio somente, para os dois, como ocorre entre outros rivais pelo mundo, como Inter e Milan e New York Jets e Giants.
    Economizaria dinheiro, evitaria depredação do estádio pelos torcedores, e não estaríamos nessa discussão ridícula.
    O problema é que as coisas nesse estado nem sempre são racionais, ainda mais envolvendo futebol …

  • Alberto Hobschech diz: 21 de outubro de 2011

    Prezado Wianey.

    Só gostaria por que você explicasse por que Rodrigo Paiva, falando em nome da CBF, disse ontem de tarde no programa do teu colega Lasier Martins que A MUDANÇA DE ESTÁDIO SOMENTE PODE SER REALIZADA POR INICIATIVA DA CIDADE/ESTADO. Isso é exatamente o contrário da notícia que publicas. Alguém está faltando com a verdade.

    Grenalização é querer negar a necessidade de um plano B caso o Sport Club Internacional siga descumprindo os prazos acordados com a FIFA. Se a parceria não é interessante ou possível para o Internacional, que ele desista dela de uma vez e se una junto com todo o Estado para tentar garantir a Copa no único estádio que com certeza estará pronto na Copa do Mundo.

    É realmente engraçado que a imprensa, Tarso, Fortunatti, Dilma, Bosco Vaz, etc., podem todos se unir para pressionar a Andrade Gutierrez a assinar a parceria com o Beira Rio, mas nenhum desses pode liderar a União para tentar viabilizar um plano B que garantiria a copa no Estado.

  • Hemerson Macalão diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey, é uma enorme injustiça o que tu estás fazendo desde ontem. Descontextualiza o comentário do Antonini, que por sinal tu nem ouviu. É com base no que o Cacalo disse que ouviu ‘en passant’ durante o Sala de Redação que tu estás despejando tua ira difamatória. Tua sorte é que o Antonini é tão banana quanto o Odone e não está te respondendo.

    O que o Antonini falou é exatamente o que tu dizes. Todos os benefícios de um “estádio mundialista” como tu mencionas estão destinados ao Beira-rio. Que se decida logo isto pois o Grêmio quer esses benefícios destinados à Arena. Falas da sub-estação de energia que o Inter está ganhando. O Grêmio já pagou e está construindo a sua, muito mais potente por sinal. Não se necessita este investimento mais.

    E a cereja do bolo é a tua insistência em dizer que não depende de Porto Alegre a nomeação de outro estádio como ‘Plano A’. Wianey, antes de elaborares tuas teses, ouve com atenção os argumentos. O assessor de imprensa da CBF falou ontem ao vivo para a Gaúcha (e aqui tu ouvistes seletivamente, só a parte que te interessavas) que a FIFA não trabalha com a Arena como plano B. Quem deve indicar a Arena é o Comitê Olímpico Local (até aqui tu ouviste, e pressupuseste que fosse um sinônimo para Ricardo Teixeira, porém continue ouvindo a seguir…) DO “ESTADO DE PORTO ALEGRE”! Ele mencionou, mesmo que cometendo um erro geográfico crasso, o que todos já sabem, e tu insistes em dizer que não. Quem diz qual estádio representará Porto Alegre é Porto Alegre.

    Paremos com essa grenalização, onde os colorados no poder insistem em apostar numa proposta equivocada deixando em segundo plano as oportunidades únicas que a cidade e o Estado poderiam receber com a realização das copas aqui. Quanto mais se demorar para se reverter os investimentos para a região do Humaitá, pior!

  • Dariano diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey, gostei muito do teu comentario, ta ficando ridiculo esse Grenal dos estadios, todo mundo sabe que ha muito tempo o gremio tem agido nos bastidores para que a copa seja na Arena. Oras, se tem agido nos bastidores fica OBVIO que nao queria que Porto Alegre fosse sede da Copa das Confederações. Agora noticia-se que a Arena e Plano B. Não tenho duvidas que a comissão da copa local ja sabia que isso aconteceria e ficou parada assisitindo Porto Alegre ficar de fora.
    1) Sera que no fundo no fundo o comite queria a copa das confederações para Porto Alegre.
    2) O gremio esta feliz em ser titulado como PLANO B?

  • francisco correa diz: 21 de outubro de 2011

    OLHA WIANEY, SE POR UM LADO ESTE ETERNO MANIQUEÍSMO QUE CÉRCA O GAÚCHO É BOM, POR OUTRO É DEPRIMENTE, NEURÓTICO E CANSATIVO. TUDO AQUI É DUALIZADO, OU É MARAGATO OU CHIMANGO, OU É PT OU ANTI-PT, OU É GREMISTA OU É COLORADO. FICA DIFÍCIL ENTRAR EM ACÔRDO E VER APENAS O INTERESSE DO RIO GRANDE. SOU COLORADO, MAS O INTER FOI INCOMPETENTE PARA ADMINISTRAR A REFORMA DO BEIRA RIO. PARA MIN O RACHA POLÍTICO QUE EXISTIU NO INTER PREJUDICOU. É PRECISO BOM SENSO PARA PORTO ALEGRE NÃO PERDER A COPA. EMBORA EU ACHE QUE NÃO SE DEVE FAZER LOUCURAS, PARA TER AQUI CINCO JOGOS DE COPA QUE CERTAMENTE SERÃO PERIFÉRICOS, OU SEJA, NAO HAVERÁ NENHUMA SELEÇÃO DE PONTA AQUI, TUDO FICARÁ PARA RIO, SÃO PAULO E BELO HORIZONTE, ESPEREM E VERÃO. ABRAÇOS.

  • Carlos Alberto de Oliveira diz: 21 de outubro de 2011

    Papelão da Andrade Gutierrez. Assumiu um compromisso que não pode bancar e agora vem com essa de parceria. O Inter deve dispensar a construtora. Existe uma dezena delas interessadas na obra. E, ainda, entrar com uma ação judicial por perdas e danos contra essa emprezinha que não cumpre compromissos assumidos. Quanto a sediar a copa, eu, particularmente, acho uma roubada. São mil e uma exigências e apenas uma vantagem: o estádio de quem sedia vai ficar conhecido no mundo inteiro. Gremio e Inter JÁ SÃO CONHECIDOS no mundo inteiro, pois fizeram por merecer dentro de campo. Não precisam deste marketing, até porque não podem bancá-lo. Se P. Alegre quer a copa, que construa um estádio municipal, financiado pelos principais interessados, OS EMPRESÁRIOS do setor hoteleiro, prestadores de serviços, comerciantes, etc. Eles serão os principais beneficiados com a copa, então, que tal “abrir as burras” e dividir o ônus, já que querem o bônus. O Gremio terá um estádio para jogar, mas não será, propriamente, o dono. O mesmo acontece com o Inter. Reformará seu estádio mas deixará de ser dono. Resumindo: Andrade Gutierrez = ISL = MSI = exploração dos clubes. Gremio e Inter reféns de corporações privadas gananciosas e inescrupulosas.

  • DUDA diz: 21 de outubro de 2011

    É INCRÍVEL COMO A MÍDIA DÁ MAIS VALOR AO FUTEBOL DO QUE PARA A SAÚDE, SEGURANÇA E EDUCAÇÃO, NUNCA VI UM ASSUNTO SER TÃO DEBATIDO.
    WIANEY, POR QUÊ TODO ESTE TEMPO GASTO EM DEBATES POR UM ESTÁDIO DE FUTEBOL,
    ESTE MESMO TEMPO PODERIA SER INVESTIDO PARA DEFENDER A CONSTRUÇÃO DE UM HOSPITAL, ESCOLA OU MAIS VIATURAS PARA POLÍCIA, QUANDO FALAM DESTAS CARÊNCIAS É SOMENTE POR ALGUNS MINUTOS DE UM DIA.
    VOCÊS DA MÍDIA DEVERIAM TER VERGONHA DE DAREM TANTA IMPORTÂNCIA A UM ASSUNTO QUE TEM POUQUÍSSIMO VALOR PARA NOSSAS VIDAS E DOS NOSSOS DESCENDENTES.

  • Adriano Colorado diz: 21 de outubro de 2011

    o lulão, que vai custar só 1bilhão e tb só existe um pré contrato assinado.
    então essa de falta de contrato não cola pelo rs ficar de fora dessa cc.
    o maior culpado é o inter mesmo, pois se as obras estivessem sendo feitas pelo menos não poderiam estar nos culpando agora.
    mas tb ficou claro que o rs não tem força politica pra nada.
    por outro lado toda essa malhação de judas pra cima do colorado vai fazer com que os caras se mexam, afinal o Inter só rende quando esta abaixo de lenha, assim como na tabela quando viram os vizinhos chegando resolveram jogar bola vai ser nas obras, se é que me entendem.

    um recado para os blues: invés de ficarem chorando por causa de copa e se gabando com arena melhor do mundo pensem um pouco.
    550milhão não garante arena de qualidade sendo que tão gastando pra mais de 1bilhão nos outros, e não me venham com papo de que é preço justo de mercado e o resto super faturado pois pra começo de conversa odono tá levando 50mil mês só pra gerir o projeto.
    então abram o olho, afinal existem obras e obras.

  • Eduardo diz: 21 de outubro de 2011

    Time B…Plano B

  • Paulo Renato diz: 21 de outubro de 2011

    É Wianey, na epoca também o Inter nem cogita em parceiros para a construção!!! gozado você postar a demora no contrato, pois ele nem existia antes e muito menos agora…então um pouco de racionalidade é importante.
    O certo é que o SC Saci se porpos a fazer algo que não conseguirá e deve abrir espaços para os mais competentes a fim de não trazer mais prejuizos para o estado.

  • Lotario Staub diz: 21 de outubro de 2011

    SC2006?
    O tal do AndréMartins e todos os que reconhecem o Inter somente depois de 2006, são os típicos caras que mentem e acreditam na própria mentira.É o típico argumento que usa a tática do ganso para diminuir concorrentes:Grita para não ouvir o que lhe dói nos ouvidos.
    Pergunta: Em que época o Internacional conquistou os quatro títulos nacionais? Desde quando o Internacional mantém uma SURRA na vantagem em grenais e campeonatos gaúchos?
    No fundo, deve ser angustiante e deprimente assistir ao maior rival patrolar toda uma história que levaram dezenas de anos para construir. Sabem também que a hora de desdenhar é agora, pois em pouco tempo o GIGANTE vermelho será o cenário que orgulhará o povo do Sul para a Copa-14.
    Gritem lááá´em baixo que nós podemos ouvir aquiiiiii de cima…..

  • Alex vh diz: 21 de outubro de 2011

    O que vale mais um patrimonio de 102 anos ou 01 jogo da copa da confederações e 05 da copa do mundo? Você entregaria o patrimonio da sua historia para uma empresa arriscando a perder tudo em troca de 06 de jogos da copa do mundo? O que vale mais o torcedor ter que pagar a sua mensalidade + qualquer outro acesso ao estadio enão ter direito algum em troca da copa do mundo + uma reforma ou estádio novo?

  • Hélio diz: 21 de outubro de 2011

    A copa de 2014 terá jogos em Porto Alegre e no Beira Rio.
    Essa afirmação só pode ser feita graças a arena Gremista, que forçará o Internacional a não perder esse Gre-nal.
    Se a Arena não estivesse sendo feita, o Inter não correria o risco de perder essa e mandaria a FIFA e a Copa as favas, como fez o São Paulo. Aliás se não fosse dinheiro público, talvez a maior cidade do país ficaria sem jogos na Copa do Mundo.
    Pena Porto Alegre ter perdido a Copa da Confederações, que terá jogos bem melhores que a Copa do Mundo, pois são os campeões continentais, e a Copa do Mundo teremos apenas 1 ou 2 jogos com cabeças de chave e o resto será seleções mais modestas.
    O Inter faz bem em proteger os bens do clube, mas poderia ter ajudado Porto Alegre cedendo esta “derrota” para o Grêmio. Terminou o Inter cedendo seu estádio a uma empreitera e a Copa da Confederações a outra cidade.
    Pode até ter sido politico o motivo de a Copa das Confederações não ocorrer em Porto Alegre, mas o motivo público quem deu foi o Internacional.
    Enfim, graças a rivalidade Gre-nal, teremos dois belos estádios no futuro e jogos de Copa do Mundo.

  • Alvaro diz: 21 de outubro de 2011

    Eu só quero saber onde estão os fiscais da saúde publica??? pois tão criando mosquito da dengue no remendão… vide foto acima!!! agua empoçada tem um monte… mas dinheiro….

  • Luiz Carlos Tavares diz: 21 de outubro de 2011

    Que belo gramado o da Arena, não?

  • Leandro diz: 21 de outubro de 2011

    Sr Wianey, penso o seguinte:
    A Arena não existia, assim como o Itaquerão e se as obras no Beira-Rio não começaram até agora, nada mais natural do que investir em uma obra que está realmente acontecendo e que tem prazo definido. Acredito que a Arena Gremista será concluída muito antes do que qualquer outro estádio que hoje é considerado sede para a copa de 2014. Se em São Paulo esta decisão foi tomada tão rapidamente, por que não fazê-la aqui no RS também? Se é o Sr. Ricardo Teixeira quem decide, então que o nosso presidente da FGF faça pressão para esta mudança, pois neste ritmo o RS não terá condições de sediar jogo algum. O sr escreveu o seguinte : “Quem imaginaria, naquela época, que o contrato entre o Inter e a AG demoraria tanto para ser assinado?”, pois então não deveriam ter colocado o Beira-Rio como sede. Quanto aos incentivos que o Inter recebe ou receberá, isto não deveria ser permitido até a assinatura do contrato.
    Obrigado!

  • Marcão diz: 21 de outubro de 2011

    Ei Renan, o Inter assinou um termo de compromisso junto à Fifa para sediar jogos da Copa. O estado se comprometeu com as obras do entorno e mobilidade urbana, entre outras melhorias. Entendeu bem? Estado, governo federal, Prefeitura, obras no entorno, pagas com dinheiro público, que quem recolhe é a mesma cadeia produtiva que poderá se beneficiar depois como o evento. Ainda queres que eles joguem moedas no gramado pra pagar a reforma?

  • angelo diz: 21 de outubro de 2011

    Diz ai Wianey, qto tempo ainda resta pra decidir quem sediará a C2014? Lembre que existem muitas obras de infraestrura a serem realizadas. Pra um ou outro estádio elas tem que começar o mais rápido possível, sob pena de POA perder a C2014. O risco é grande!
    O Inter teve tds as chances possíveis, acho que está mais que na hora de dar um basta nisso, decidir pela Arena, executar o que for necessário no seu entorno e fim de papo, será a C2014 em POA com certeza. E não venha dizer que a Administração de POA não tem influência nisso, tem sim toda influência e responsabilidade. A C2014 será no estádio onde esta precária Administração realizar as obras de infra estrutura e ponto final. Essa decisão não é uma questão grenalizada, apenas de responsabilidade com a cidade e estado.

  • Gelson diz: 21 de outubro de 2011

    Não se trata de Grenal de estádios, pois termos um estádio do Inter e outro de uma construtora, porque o Gremio não tem um mísero centavo pra comprar um tijolo sequer. Aliás, não tem dinheiro sequer pra montar um time minimamente decente, tanto é que nem lembra a última vez que ganhou um título….ah sim, ganhou a segundona….

  • JULIÃO diz: 21 de outubro de 2011

    Pelo contrário, o maior absurdo é que não houve grenal sobre o estádio de Porto Alegre na Copa.

    Sempre foi o Beira-rio e nunca houve uma análise técnica e isenta do que era melhor para a cidade.

  • Andre diz: 21 de outubro de 2011

    Obviedade Wianey!? A opção pelo Beira-Rio foi sim muito obscura e precipitada. Desde o início foi muito estranho a escolha do projeto do Beira-Rio sem fazer as comprações e avaliações necesárias com a Arena. Tanto que ninguém sabe até hoje quais foram os motivos da escolha de um e exclusão total de outro.

    Falar que foi porque a Arena ainda não existia e achar que os seus leitores são crianças. O contrato e as garantias do Inter também não existiam e não existem até hoje. Isso sim é muito pior do que o estádio não existir. É óvio que ele ainda não existia, era um projeto com contrato de execução e prazos a serem cumpridos.

  • beatriz diz: 21 de outubro de 2011

    O Luigi já declarou que o Inter não deixará de jogar no Beira-Rio durante as reformas, o que deve interferir no prazo das obras.Essa é a peça essencial do contrato por parte do Inter e não o estádio pronto para a Copa.O futebol do Inter é mais importante e não pode ser prejudicado nessa negociata toda…Valeu Inter

  • Sergio Pinto diz: 21 de outubro de 2011

    Caro Wianey,
    Sobre esta questão da copa, me parece, salvo ingenuidade maior, que com isto ficam todas as nossas questões locais escancaradas, as discussões no sala são assim ou está de um lado ou esta de outro, nunca conseguem chegar ao consenso. Voltando a copa, nos aqui no RS não temos condições de colocar as pessoas ao redor de uma mesa para tomar uma posição que retrate os interesses do estado. Todos estão mais interessados no mal do outro do que no bem de todos. O que custava, a uns trinta dias a tras quando ja começava a fazer água, juntar todos e encaminhar o que era melhor para todos. Por exemplo, todos juntos: governo (estadual e municipal), legislativo, clubes (gremio e inter), imprensa, comércio, etc., definirem para a FIFA, com a assinatura da Andrade Gutierez e da OAS garantindo as obras, que PORTO ALEGRE poderia ter jogos da CC e CM. Ficando para definir o estádio em março/12, poderia ser. Com isto o município teria que incluir nas obras para a cidade as necessária para a zona norte, também.
    Uma proposta simples, basta as pessoas do nosso amado RS se despreenderem dos seus desinteresses não e nem os interesses, estes ficam para tras.

  • Alan diz: 21 de outubro de 2011

    O que ocorre é que o Inter não pensa no Estado, ele pensa em fazer a copa para se promover!
    Se não está dando certo a parceria ou não vão conseguir fazer o contrato a tempo passem a bola pelo bem do estado e não de si próprios!
    Seria muito mais bonito se pedissem desculpas e passem a bronca para outro pelo bem do RS!
    Sou Gremista e não me importa o estádio em que serão os jogos e sim que terão jogos aqui em POA!
    Se no momento que há um impasse e podemos perder a copa em POA por conta de um contrato não assinado entre Inter e AG, a culpa é sim dos dois!
    Não seria essa AG contra a copa em POA? Creio que há um boicote contra nós!

    Abraços

  • VALDEMIR diz: 21 de outubro de 2011

    Em relação aos impostos, é claro que os estádios da copa tem direitos a isenções. O que o Antonini reclama e com razão é o porque que o beira rio foi escolhido 3 anos atras como sede sem garantias de nada com um projeto(ainda nem saiu do papel) absurdo e fictício de fazer com recursos próprios, dinheiro da venda antecipada de 150 camarotes ao preço de um milhão, sendo que o Grêmio tinha um projeto melhor. E que agora ficou PROVADO que foi uma escolha errada e que trouxe prejuízos a cidade e ou estado. O Grêmio sai prejudicado sim senhor por ter um projeto melhor e não ser escolhido com sede.

  • VALDEMIR diz: 21 de outubro de 2011

    Absurdo é querer que a presidente Dilma faça chantagem contra a Andrade Gutierrez pra ela assinar logo um contrato com inter por causa de outras licitações… heim WC…

  • Gremistão Imortal… diz: 21 de outubro de 2011

    Grande verdade Wianey….. este Gre-nal não existe mesmo. Até porque o Grêmio nunca visou cediar tal evento. Nunca houve tal cogitação… Porém é inegável que, nos regozijamos com as trapalhadas da direção moranguinho. Abraços.

  • Anderson diz: 21 de outubro de 2011

    Como tudo vira Grenal no RGS.
    Por que tu acha que o Inter se meteu nessa de sediar a copa? Foi pra não ficar para traz mais uma vez. Pois, se pensarmos, o projeto Arena começou a ser tratado no final de 2006, e foi cnsiderado uma utopia, que tinha sido noticia plantada para dar uma amenizada na torcida e imprensa, pois, o Inter estava indo para o mundial.
    Só que a utopia virou realidade. Dai veio a questão da copa, e o Inter com sua influência no governo, entrou com força e ganhou a briga. Com a hitória de que a Arena não existia e o Beira – Rio precisava de pequenas remodelações, era clube rico, ia fazer sozinho.
    O que aconteceu depois todos ja sabem.
    E por que disso? Como que o Inter ia ficar mais uma vez na sombra do seu rival, foram denovo tentar ganhar do governo terreno, estadio, etc.
    É só ver a declaração do noveleto, de que o governo deveria pagar pelo menos metade da obra, por que dai o inter vai pagar a manutenção do estádio, equanto os outros estádios que são publicos, o governo vai arcar com a manutenção, etc.

  • Augusto diz: 21 de outubro de 2011

    Inaceitável estes benefícios fiscais que o beira-rio vai receber, e a Arena não. A falta de planejamento dos vermelhos é vergonhosa. Não menos vergonhosa é a postura deste comentarista que sempre tendência seus textos pró-internacional. ARENA NA COPA JÁ!

  • alexandre diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey tenho escutado e lido sobre toda esta discusão da perda da copa das confederações e o risco de perder tambem a copa 2014,independente de quem ou o que é culpado pelo ocorrido e pelo que possa ocorrer,faço uma pergunta ao amigo que acompanho por radio e jornal.Porque um evento ou melhor eventos(copa das confederações e copa2014) com tamanha importancia para a cidade de Porto Alegre e para o nosso Estado do Rio Grande do Sul não foi assumida a responsabilidade de garantias de ter um estadio padrão FIFA pelo poder publico como em outros estados que irão construir estadios novos? e porque foi deixado para que Inter e Gremio assumissem a principal obra para se sediar estes eventos? Agora fica facil para prefeito e governador culparem o Inter.

  • Fabio diz: 21 de outubro de 2011

    Eu já vi esse filme: QUANDO NÃO EXISTE “FUTEBOL” PARA SER COMENTADO, TUDO VIRA ASSUNTO. COMO O TIME DE AZUL ACABOU MAIS UM ANO SEM GANHAR NADA E NÃO BRIGA MAIS POR NADA, TEM MESMO QUE “FALAR” SOBRE ALGUMA COISA. Inter tem mesmo que focar no brasileirão, focar em títulos (02 só esse ano), focar em uma reforma tranquila, pois a copa no BEIRA-RIO é em 2014. O resto é CHORO!

  • Roberto Cantarele diz: 21 de outubro de 2011

    Wianey, a Arena não goza das mesmas isenções por ser campo de treinamento (apoio) à Copa? A nível estadual foi aprovada essa isenção; a nível federal não tenho certeza.

  • Maturana diz: 21 de outubro de 2011

    Enquanto o Inter foi – Campeão Mundial Fifa, o Grêmio terá a Arena Fifa!!!
    Ninguém sabia que a Arena será modelo Fifa, só contaram pra ti.

  • Djogo diz: 21 de outubro de 2011

    Tb essa copa aí que porcaria. Vai ser em julho, vamos estar com -5ºC no RS. Se eu fosse a copa tb não viria pra cá.
    E digo mais… se Congo não classificar pra copa, não teremos motivo pra ver 5 jogos medíocres entre seleções que tem um futebol que pode ser nivelado com a segundona gaúcha.

  • Ivam Lima diz: 21 de outubro de 2011

    No Rio Grande enquanto houver briguinha de chimangos e Maragatos, os outros estados sempre estarão assitindo essa inútil peleia que até hoje só tem favorecidos a eles, os títulos ficam com eles, o melhor do futebol fica com eles, e nós Colorados e Gremistas com o resto, com a sobra e acreditando na imbecilidade de que temos melhores times, melhores clubes, povo mais inteligente, o por do sol do Guíba é o mais lindo do mundo, mais isso mais aquilo, e viramos piada e chacota do resto do país.Aos invés de termos orgulho de ser Gaucho deveriamos sentir vergonha da nossa própria ignorância.

  • Jonas Rafael diz: 21 de outubro de 2011

    “Pretender que o Comitê Local da Copa, em função desta demora, pressionasse a Fifa para a mudança de estádio é provado desconhecimento do assunto.”
    Wianey, QUEM inventou o Itaquerão? Foi o sr. Ricardo Teixeira, a FIFA ou foi o poder público do Estado de São Paulo? Se o Comitê Local não tem como pressionar a FIFA então mentem os srs Fortunati e Noveletto, que levantem AGORA essa possibilidade de indicar a Arena como o “plano B”? Quer dizer, a Arena pode ser plano B para a Copa, mas não podia ser para a Copa das Confederações? Se podia, DE QUEM deveria partir a iniciativa de indicar a substituição? Esperas mesmo que parta DA FIFA essa iniciativa?
    Outra coisa, ouvi, na primeira parte do sala hoje, a sua discussão com o Cacalo. Quero dizer que ouvi a entrevista (que você classificou como “tirar o corpo fora”) do sr. Rodrigo Paiva ao Sérgio Boaz e você provavelmente não, portanto permita-me colocá-la no contexto: a pergunta não era relativa à perda da CdC e sim à possível substituição do Beira-Rio pela Arena como alternativa para a sede DA COPA DO MUNDO, ao que este respondeu “depende do Estado”. Ora, não tem como a resposta ser uma tentativa de “tirar o corpo fora”, pois não era isso do que tratava a pergunta.
    Ora, se existe a alternativa de substituir o estádio sede da Copa do Mundo TEM que existir alternativa para substituir o da CdC. Alegar que Ricardo Teixeira não pode/não faria uma substituição a pedido das autoridades gaúchas é no mínimo simplório.

  • Colorado diz: 21 de outubro de 2011

    André Martins, nao eskeça q qd o Portoalegrense nasceu, o Inter já era Tri campeao Brasileiro…. entao te chamarei de 1981 Football Portoalegrense

  • nelson acosta diz: 21 de outubro de 2011

    tem o lulao e no sul tem o dilmao ja que a dilma se diz colorada ,e uma vergonha o rgs perder dinheiro porque um certo timinho nao consegue reformar um estadio ,imagem fazer um novo vermelhos voces sao os campeoes de tudo ate da vergonha do rio grande calem a matraca e vejam a cgda que fizeram .

  • COPA=PREJUIZO diz: 21 de outubro de 2011

    wianey é muito louvavel a sua atitude de explicar as coisas, mas temo que seu comentario nao faça efeito nenhum a diversas pessoas, pq. aqui nós somos muito bairristas ou somos colorados ou somos gremistas.e essa disputa é o fim da picada mesmo,todos os gauchos sabem que o Inter se dispos a sediar jogos, justamente pq. naquele momento era a unica alternativa para que Porto Alegre tivesse algum jogo de copa do mundo ou era O beira rio ou nao haveria pq. o Gremio nem vez se quer questao pq. sua arena estava em projeto. Mas o que me encomoda mesmo é que todos que se beneficiem dessa disposiçao do Inter nao movem uma palha para ajudar o time da capital,é claro que esta havendo dificuldades entre Inter e AG mas se faltam investidores pq. esses que se dizem responsaveis e querem tanto ter os turistas em PA fatura com eles ,nao se fazem presente.FOI um erro para os colorados querer sediar copa pois se nao houvesse tido essa disposiçao pq. repito naquele momento nao haveria copa do mundo em porto alegre,hoje nao haveria copa do mundo no estado e o Inter nao passaria como unico vilao dessa historia, ao gremistas é triste ver que preferem qualquer coisa a ver seu rival ter jogos da copa.Para um povo que se acha diferenciado do resto do país ,ser tao mediocre em suas atitudes quando se trata de gremio e Inter.

  • Isafan Silva diz: 21 de outubro de 2011

    Esse Sr WANDERLEY sabe interpretar um fato como nunguem.
    Valha-me deus

  • Roger A. diz: 21 de outubro de 2011

    Carlet, vendo as notícias de ontem, fiquei espantado e espasmado com as loucuradas da direção do Inter com relação às obras do Beira Rio. O João Bosco Vaz disse num programa esportivo, que o custo das “reformas” serão de 300 Milhões, que a A.G. só tem 100 milhões para bancar a obra e que os outros 200 milhões ela estará a “procura” de investidores para que possa fazer as reformas !
    Acho que o Luigi está todo errolado e pardido numa pasmaceira só. Se meteram de pato a ganso a “candidatar” o Beira Rio para sediar a Copa do Mundo e não tinham plano econômico financeiro algum, era só papo furado de vaidades e mais vaidades, expondo a institução Internacional e a sua torcida
    Só papo furado desse Rolando Silva e do sonolento Luigi.
    O que fala a verdade é o contrto assinado com a AG.
    Cadê a assinatura. A AG jamais vai assinar com o Inter porque, o projeto econômico é tremendamente deficitário e prejudicial à ela. Ninguem rasga dinheiro. A AG está erolando o Rolando Silva e o padre Luigi.
    “INVESTIDOR” nenhum (Gerdau, E.Batista e outros) se interessaram a entrar nesta canoa furada. a uma verdadeira aventura econômica e a um marketing de infantil

  • PC, O PC diz: 21 de outubro de 2011

    Só sei que nada sei, já diria o dourtor Sócrates depois da milésima birita . O que nada sei é que provavalmente a Copa do Mundo não vá para a Arena do Lendário Tricolor dos pampas. Mas que estou me diverdindo as pampas com o terror que os moranguinhos estão vivendo, com essa possiblidade, ah, isso eu estou, ha ha ha ha ah ah ah ah ah aha ha ha ha aha
    E vou continuar me divertindo por mais tempo, hahahahahah

  • Marcelo diz: 21 de outubro de 2011

    Gremistas: perguntem ao Duda Kroeff porque ele não candidatou o estádio do Grêmio a ser sede da Copa do Mundo. Façam só isso e parem com a choradeira.

  • joão diz: 21 de outubro de 2011

    E de quem sera o beira lago nos proximos 20 anos? hahahaha se correr bixo pega, se assinar a AG come.

  • Renato couto diz: 22 de outubro de 2011

    Pessoal, acho que o luige esta correto em não assinar este contrato com esta empreiteira, é melhor ter um time competitivo,estar sempre disputando os campeonatos como favorito ao titulo que sediar um evento que so dara lucro a alguns setores ,isso pode nos trazer serios prejuisos a longo prazo ,como ficar sem dinheiro para envestir em futebol que é o negocio do inter .
    pois se levarmos em consideraçao os pros e contras nao recompensa este é um dos motivos que o murumbi ficou de fora da copa

  • Antonio Carlos diz: 22 de outubro de 2011

    Para o Carlos Alberto de Oliveira: A unica construtora que apresentou proposta para o Internacional foi a Andrade Gutierrez, sózinho o Internacional não pode reformar nem um banheiro publico, pois não tem crédito na praça, tanto é que foi ao mmercado financeiro parqa tentar conseguir financiamento e nenhum banco (até o BNDES) aceitou emprestar dinheiro ao Internacional. Entonces meu amigo, o que o teu colorado (que se diz rico e saneado) deveria fazer era desistir da empreitada ou então aceitar o que a Empreiteira quer, esta é a realidade! Não é como contratar um jogador onde o Sonda (DIS) investe dinheiro e recupera depois quando vendido, este montante nem o Sonda tem, e com certeza, se tivesse não emprestaria assim de mão beijada, sem garantias! Interessante, o Grêmio não tem, assumiu que não tem e se submeteu as regras e parceria com a OAS, o Internacional quer dar uma de rico (sem ser) e não admite que não tem um pinto pra dar agua. A imprensa gaucha lhe colocou a pecha de clube rico e saneado e eles acreditaram!!! Acorda! Vejam os balanços de déficits mensais, eles falam por si!!!

  • Maykon diz: 23 de outubro de 2011

    Absurdo é saber que vai ser sede desde 2009 e não fazer nada, e na época não cogitavam parceria Sr:WC, ou vc já esqueceu do ”faremos com recursos próprios”, piada de mau gosto.

  • alessandro diz: 23 de outubro de 2011

    Sempre li tua coluna e pensava ser um jornalista isento e sempre a favor do RSG, mas depois de tuas últimas manisfestações, na qual discordo totalmente, vou repensar. Pior somente as explicações do João Bosco. Reconhecer os erros somente os grandes, os políticos estão para para nos representar e não pensar em seu bem própio ou no bem de algum clube. Me sinto lesado.
    Bom domingo

  • Marco diz: 23 de outubro de 2011

    Para Registro:

    Todos as isenções estaduais e municipais concedidas ao Beira-Rio foram também concedidas à Arena OAS. Isto é fato.

  • Carlos Caiser diz: 23 de outubro de 2011

    Sr. Wianey

    Arena do Grêmio na Copa 2014.

    É a única opção viável para POA e RS, em que pese o estádio Beira Rio seja o estádio do futuro, pois sua reforma só começará na “semana que vem”.

    POA deve investir em melhorias na mobilidade urbana no entorno da Arena, em revitalização da área.

    Abraço!

  • Jalapa diz: 16 de dezembro de 2011

    Isso é um tremendo bla bla bla.. papo furado! Pra mim, essa disputa de estádio só tem valor para os gremistinhas, que, como sempre, desviam o foco assunto principal: futebol. Já está decido que o Gigante Beira-Rio será o estádio da Copa e ponto final. Por que a FIFA mudaria? Pq a “arena tricolina” foi desenvolvida para, em momentos de gols, os torcedores se encoxarem? Se for a sede da seleção Argentina quem sabe.. gremistinha paga pau dos hermanos! Copia letras, faixas, comemorações.. Vamos falar do que importa! FUTEBOL! 11×11! Colorado levantou dois canecos esse ano e o greminho nada! Isso que importa! O resto, só serve para desviar o foco da atividade fim dos dois clubes que é o futebol!

  • Neilor POA diz: 16 de dezembro de 2011

    Primeiro, meu coração é vermelho. Segundo, o Beira-Rio é o estádio da copa. Terceiro, chorarem gremistas.

  • Agenor diz: 16 de dezembro de 2011

    Wianey, não é bem assim, vc tbem não está bem informado. Palavras do presidente do inter ao David Coimbra na ZH:
    “O Inter, lá atrás, assinou um compromisso com a Fifa e com o governo federal.
    O Inter pediu para ser o estádio da Copa, não foi um pedido do governo.
    O Inter moveu mundos para ser o estádio da Copa. Entregou um projeto completo.
    Agora tem de fazer. Assumiu o compromisso.”

    Agoa sabe-se que não foi escolhido, o Grêmio não tinha estádio padrão Fifa na época e o inter tbem não, tanto que prá ser teve que se meter e obras de reforma.

  • Marco diz: 16 de dezembro de 2011

    Não existe esta história de Grenal de estádios. O Grêmio está se preparando para um grande futuro! O inter só está remendando o seu estádio por causa da copa. Não construímos estádio por causa exclusiva da copa, pois o projeto da Arena já vem sendo conduzido a muito tempo, vindo na hora certa para atender os interesses e necessidades do Grêmio e da sua Torcida. Se tivéssemos a oportunidade de concretizá-lo antes teríamos feito! Se alguém começou a se articular porque viu que a Arena saiu do papel e não quis ficar para trás, foi o colorado. Alguém aí tem dúvida de qual estádio será melhor?

  • Jauri diz: 16 de dezembro de 2011

    Srs.: “deixemos de brigar em meio à torcida, enquanto o espetáculo acontece no ringue”. A abertura da Copa do Mundo sempre esteve destinada para São Paulo, a qual somente a perderia se não houvesse possibilidade alguma de lá acontecer. Ocorre que, diferente do Inter que em momento algum abandonou o projeto de sediar a Copa, o São Paulo F.C. informou a FIFA que não atenderia às exigências fora das possibilidades que tinha para reforma do Estádio Morumbi. Aí está a razão de ter sido alterado o local de abertura e, mesmo que só em fase de projeto, tenha sido destinada a abertura para o estádio do Corint… Assim, deixemos de nos vangloriar e vejamos nossa atual situação perante o resto do país. Só não fomos expurgados desta Copa do Mundo porque nossos times tem um “pouquinho” a mais de tradição futebolística. Então, parem com essa discussão, que o Estádio Beira-Rio será o estádio gaúcho na copa. E parem de “sonhar” com a possibilidade do Brasil jogar em solo gaúcho. Isso nunca aconteceria. Nem na Copa das confederações, nem na Copa do Mundo. Acordem, por favor!

  • joacir diz: 16 de dezembro de 2011

    WIANEY, não sejas tão duro com os gremistas, eles já sofreram demais esse ano, aliaz faz mais de 10 anos que eles vem sofrendo, podias ao menos poupa-los por mais essa derrota. Até pq. tudo isso que vc. falou nós já sabemos, inclusive a maioria dos gremista, mais pra variar eles vivem num mundo paralelo.
    Como eles não tem mais argumentos, agora eles ficam comparando o ITAQUERÃO COM A OAS.
    Pior que agora querem comparar corinthians com o gremio, (apesar de não gostar do corinthians). Isso é o fim da picada.

  • quintino yuiop diz: 16 de dezembro de 2011

    Só quero entender uma coisa: Estádio na copa equivale a título? Isto só é importante para quem não os ganha. Outra: o gremio está construindo uma arena? Onde? Com que dinheiro? Puxa vida, nos impingiram durante anos um título de campeões do mundo do tipo 171. Só fomos constatar quando ganhamos e comparamos. Agora vem dizer que estão construindo uma arena. Que eu saiba, quem está construindo é a OAS com seus recursos. Tem um contrato com o gremio que daqui ha vinte e tantos anos vão entregar a arena. O tal contrato é cheio de clausulas. Será que entregam? Quem viver, verá.

  • Dóris diz: 16 de dezembro de 2011

    Boa noite! O senhor continua oportunista… O senhor está indignado porque INTER e AG chegaram a um acordo? Não precisa responder… O título do seu texto responde!

  • ANTONIO VOLMIR DOS SANTOS diz: 17 de dezembro de 2011

    ITAQUERÃO JÁ QUEBRA A TUA OPINIÃO!!!!! QUANTA IGNORÂNCIA!!!

  • Fabio Beckert diz: 17 de dezembro de 2011

    Quando da decisao da sede da copa no RS, nao foi dada nem opçao foi uma escolha politica, ou se esquecem quem e o vice da CBF Sr. COLORADO EMIDIO PERONDI ….. ainda tem alguma duvida !!!!!

  • Rogério diz: 18 de dezembro de 2011

    Acho que o Grêmio deve focar o estadio visando seus interesses.
    Pra que tanta discussáo por 2ou 3 jogos de copa
    Ficarei bastante desapontado se o Grêmio oferecer a Arena para treinos.
    O Grêmio é muito maior que qualquer copa ou seleção

  • Alexander diz: 20 de dezembro de 2011

    Realmente “fala-se muito sabendo-se pouco”. A própria matéria fala em isenções fiscais que beneficiariam somente o estádio da copa. Ledo engano. Todas as isenções fiscais estaduais e municipais foram estendidas expressamente por lei a ambos os estádios. Isso inclui o que realmente pesa em impostos numa construção: ICMS. De resto, ser o estádio da copa é só status, não vantagem competitiva. Isto se dá com contratos bem negociados, maturados e claros, aliados a boas garantias. Isto só o Grêmio tem.

  • Glenio diz: 21 de dezembro de 2011

    “Fala-se muito, sabe-se pouco”. Fale por si próprio, pois este é exatamente o teu caso.

  • Glenio diz: 21 de dezembro de 2011

    A arena do Grêmio só terá as isenções fiscais municipais e estaduais. As federais não, somente o Beira-Rio, o que representa o dobro do montante da arena.

    No caso da arena, as renúncias fiscais são apontadas mensalmente e repassadas para os órgãos municipais e estaduais. Estes recursos serão utilizados para a construção do novo CT do outro lado da free-way.

    “Fala-se muito, sabendo-se pouco”.

  • julio cesar diz: 22 de dezembro de 2011

    Este comentário destina-se aos torcedores recalcados que teimam em taxar a nós colorados de arrogantes, de soberbos e outros adjetivos prepotentes. Somos apenas a torcida que encontra-se por cima no momento e como tal apenas estamos aproveitando para tirar um sarro. Nossa grande maioria é de cidadãos humildes, de classe média e com grande amor ao INTER, não esquivando-se de contribuir com o clube. Acredito que as manifestações mais antipáticas sejam respostas as sofridas quando não éramos a crista da onda e torcedores rivais viviam a trepudiar. Mas isso tudo faz parte, e acredito que a falta do que comemorar, a deficiente administração,as dívidas e a precaria situação financeira abatem muito e canalizam sentimentos para outros campos que não o das quatro linhas.Assim sendo é normal desfazer do Beira-Rio com alcunhas que não procedem e é só analizar a sua história, sua localização, o que poderá se tornar para ver que assusta. Parabéns a competente e eficiente administração colorada que a cada dia vem enriquecendo o nosso patrimônio físico e enchendo nossa alma de alegria. Entendam, não somos melhores que os senhores, somos iguais, gaúchos, só no momento temos um time melhor, um estádio melhor, um parque melhor, uma administração melhor e uma alma mais feliz? Bom natal e paciência, a felicidade está ao alcance de todos, quando cançarem morram ou tornem-se colorados. Da-lhe colorado.

  • guilherme diz: 23 de dezembro de 2011

    aos que comparam o caso com o do corinthians, sera que eh tao dificil entender que
    1- a fifa exige jogos na cidade que possui disparada a maior economia e a maior populaçao do pais
    2- o sao paulo futebol clube, candidato natural, tem pessimo relacionamento com cbf e fifa
    3- o corinthians tem 10 vezes mais força politica que inter e gremio somados. e olhe que estou sendo generoso

  • Rafael diz: 24 de dezembro de 2011

    Falta de assunto, hein?
    Não há guerra entre os estádios. A FIFA já decidiu. O que existe é o interesse da imprensa em alimentar esta discussão utilizando a rivalidade grenal para apimentar. Ser estádio da copa para abrigar 4 ou talvez cinco jogos não tem valor algum.
    Muito mais vale ter um estádio moderno e lucrativo. Este deveria ser o objetivo de Inter e Gremio já que segundo as novas cotas de tv nossos clubes passarão a receber a metade do que flamengo e corinthians receberão (claramente uma manobra para criar dois clubes mais fortes e reproduzir, em escala menor o que acontece na Espanha, Portugal e outros países europeus).
    Então, ao invés de alimentar esta disputa, a imprensa deveria estimular nossos clubes a serem livres e lucrativos, ao invés de se associarem a construtoras e venderem suas almas por 10 ou 20 anos.
    Quanto a seleção brasileira jogar no RS como alguns citaram em posts anteriores, vale lembrar que esta seleção só jogará no Rio se chegar à final. Porque? Por que não está jogando nada e seria vaiada, assim como seria aqui no RS. Não me admira ter a maioria dos seus jogos no nordeste, norte e centro-oeste, onde tudo será festa mesmo que ganhe de 1×0 das selsções da Lapônia, Disneylândia e do Clube do Bolinha.

  • Gerson Felippi Junior diz: 26 de dezembro de 2011

    Se o que tu falou está certo a ABERTURA DA COPA tem que ser no MORUMBI

  • Eloy diz: 29 de dezembro de 2011

    A imprensa coloradina teima em afirmar que o inter não teve culpa alguma com respeito à Copa das Confederações, e sim, a AG. Agora estão abraçando com unhas e dentes a assinatura do contrato!!!! É só acertar detalhes, e o mesmo será assinado. A bem da verdade, deve ser dito que 98% da imprensa esportiva é coloradina. O engraçado é que ignoram suas “tendências” clubísticas, e vão em frente pensando na ingenuidade dos leitores e ouvintes. Tem alguns que momentâneamente puxaram o freio. Mas se a obra fracassar, voltarão com todo furor para cima da AG. É bem possível que ela abandone o Brasil, em razão do infortúnio provocado. O inter não é culpado de nada. Enquanto isso, a ARENA sobe.

  • romeo diz: 28 de janeiro de 2012

    Certo o Del. ENIO, até sou contra o Brasil sediar a Copa,como falou Rogerio Ceni,tanta coisa a fazer aqui,e dão dinheiro pros clubes. Claro para a imprensa é um colirio para os olhos. Rivalidade sobre estadios ,sim , não chamaram o olimpico de remendão,é como dizem o tempo , cobra os insultos.

  • José Machado diz: 10 de fevereiro de 2012

    Enquanto envolverem clubismo com política nada vai para frente, o RS vai perder quanto com a perda da Copa… milhares de turistar viriam para cá, tenho um amigo Russo que virá para o Brasil com a namorada, ele viria para POA, mas agora não mais, isso é só um exemplo do que o Rs vai perder.
    Fora que ficam tapando sol com a peneira, lá no exterior eles estão vendo tudo que está acontecendo no Brasil, e digo a repercursão é ruim.
    Mas é isso aí o Beira Rio é quem tem que sediar a Copa, mas parecem que querem sediar sem ao menos reformar o estádio, azar se não sair a reforma, o RS só vai perder de receber um alto lucro de seus turistas.
    Parabéns políticos irresponsáveis!

  • Everton diz: 12 de fevereiro de 2012

    A verdade é que esta COPA nem deveria acontecer no BRASIL, se 40% deste dinheiro fosse investido em outros esportes como futsal, futebol feminino e os outros 60% investido nos próprios times, o Brasil nunca mais perderia uma copa. Temos os melhores jogadores do mundo com toda essa roubalheira, imagina se tivessem este tipo de investimentos, BARCELONA seria timizinho de amistoso. Pra mim fora COPA do MUNDO…

  • Bene diz: 13 de março de 2012

    É de dar dó dos gremistas.
    A dor de cotovelo é impressionante.
    Após tantos anos de pura incompetencia.
    Estadio caindo aos pedaços.
    Dívidas enormes de outras direções.
    Entregaram tudo para OAS.
    Não são exemplo pra nada.
    E ainda querem falar o que?
    São uns coitados.
    Vão cuidar da vida de voces, que por sinal esta muito mal.

  • Aldo Rosa diz: 14 de março de 2012

    A “Grenalização” dos estádios foi feita pela imprensa, que na sua maioria é colorada. e não por pessoas relacionadas ao Grêmio. Se eu não pensar desse jeito, vou ter que acreditar que nos meios de comunicação gaúchos há uma maioria de burros, que preferem pagar mico há quase um ano e, até mesmo, perder a Copa das Confederações, achando que isto não seria um grande problema, mas nunca abandonar o Beira-Rio, seus eternos remendos, problemas de circulação e trafego. A imprensa tem responsabilidade de representar a todos e não somente, a suas paixões clubísiticas. E o Itaquerão Wianey? Reconheçam que é uma teimosia burra encampar o estádio colorado em detrimento da Arena. Se toquem, já tá ficando chato…

  • Antonio Carlos diz: 15 de março de 2012

    ESTE PAPO DE GRENALIZAÇÃO FOI INVENTADO E FOMENTADO SOMENTE PARA DESVIAR A ATENÇÃO DA INCOMPETÊNCIA DO EC INTERNACIONAL E SUA PARCEIRA A CONSTRUTORA ANDRADE GUTIERREZ! O RESTO É SÓ CONVERSA PARA BOBO!!

  • Marcio diz: 16 de março de 2012

    Atenção cidadão de Porto Alegre que foi prejudicado pela perda da Copa das Confederações. Em outubro próximo (eleições) lembre deste nome: JOAO BOSCO VAZ (presidente do COL e responsável por escolher o estádio ou troca-lo). Ele pedira seu voto para se eleger vereador mais uma vez. Ele merece?

  • DIRCE LUIZ MENDES diz: 17 de março de 2012

    O futebol gaúcho é grande justamente por essa rivalidade – eu diria – até irracional, entre gremistas e colorados. Nos anos 80 e 90 o Grêmio era o melhor time gaúcho e os colorados sofreram muito… Mas deram a volta por cima… Agora, no século 21 é o Colorado quem manda no futebol gaúcho e eles, gremista. não se conformam. Será que terão forças para se recuperar. Duvido…

  • Itamar diz: 18 de março de 2012

    Atenção pessoal do comentário, não confundam Arena com Itaquerão, pois São Paulo tinha estadio, que era o Morumbi, o São paulo desistiu da copa dai sim passou para o Itaquerão, vão se informar para depois comparar, aqui até agora ninguém desistiu, Abraço aos Colorados

  • Kleber diz: 20 de março de 2012

    No inicio voaram avioes dizendo “chiqueirao de aluguel” em referencia ao novo estadio do Gremio… Acharam que iriam fazer um puxadinho com recursos proprios… Depois cairam do cavalo e tiveram que encontrar uma empreitera as pressas. Ficaram falando do Gremio e esqueceram de seu proprio nariz. Po Saci, para com essa soberba! Para com essa mania de grandeza! Essa rusga vem desde a epoca que o gremio fechou as portas para um grupo de pessoas e ai eles vieram com o SCI. Ou seja, o Inter somente existe por um NAO do Gremio! Avisa isso pro Clemer que tem tanto odio do Gremio…

  • JR diz: 21 de março de 2012

    Ta deu com essas frescuras, de tarem brigando que a arena tinha q se isso, que o Beira Rio aquele outro.. FIM DE PAPO.. o BEIRA RIO é e sempre foi oficialmente o estádio do RS para a Copa de 2014.. Inter e AG, assinarão o contrato(que em muitos comentarios gremistas com dor de cotovelo, reclamavam por ter perdido a C.C.), grande coisa o que importa é a Copa do Mundo, e os gremistas já que falão tanto nessa arena, tem que se preocupa com a própria, não tem que vir em postes falar do Beira Rio..O gremio e seus torcedores tem que se preocupa em tentar ganhar titulos que a anos não sabem oque é..Saudações COLORADAS e só pra termina a A COPA DO MUNDO É NOSSA… É do INTER, dos gauchos, do Brasil… BEIRA RIO 2014 Sede OFICIAL

  • Chimango diz: 24 de março de 2012

    Não é a primeira vez que se constroi estádios novos em Copas do mundo, principalmente quando a cidade tem méritos para ser sede e não possui um estádio em condições. É o caso do Beira Rio. O remendo feito para preencher o espaço entre o anel superior atual e o gramado não converte o estádio ao conceito Arena. Na época da Copa o mundo ficará claro ao mundo de que existem dois estádios na cidade e de que não se está jogando no melhor porque a escolha foi política. O Itaqueirão não tinha nem terreno, nem projeto e nem financiamento e foi escolhido para inaugurar a Copa para agrado do corintinao Lula.

  • JACIR diz: 25 de março de 2012

    SE NA ÉPOCA A ARENA AINDA NAO HAVIA ENTAO EU TE FAÇO UMA PERGUNTA. O ITAQUERAO JA HAVIA? NAO NÉ. ENTAO PORQUE ABRIRAM MAO DO MORUMBI E DERAM JEITO DE FAZER UM ESTÁDIO NOVO QUE AINDA NAO HAVIA NEM NO PAPEL. VIANEI, É PURA POLITICAGEM, NAO ADIANTA DIZER QUE É OUTRA COISA. SACANEARAM GREMIO E SAO PAULO POR PURA POLITICAGEM, ALIÁS JA FAZ MUITO TEMPO QUE EU NEM TORÇO MAIS PRA EQUIPE DA CBF, PORQUE SELEÇAO NAO É, MUITO MENOS BRASILEIRA, QUE FAZ QUESTAO DE JOGAR LONGE DE SEU PAIS SÓ POR INTERESSES DE POLITIQUEIROS.

  • CLEBER F.CASTAGNA diz: 26 de março de 2012

    Que dor de cotovelo desses vermelinhos hein?

  • Rossano Cercato diz: 4 de abril de 2012

    Verdade…
    Realmente, a tão esperada reforma no estadio Beira Rio, não sera realizada com recursos próprios, o que a meu ver não diminui em absolutamente nada, a grandeza da obra, pois nós torcedores do SCI, vamos continuar tendo sede própria, o nosso estadio vai continuar sendo nosso, hoje e sempre, e não daqui a alguns pares de anos… A copa é no Brasil, é no Beira Rio

  • Valdeci Garcia diz: 9 de abril de 2012

    Vianey,para com isso,vc sabe tanto quanto eu que aí no Sul isso não pode,aqui temos o caixa,Mario Henrique,que trabalha na Itatiaia e é torcedor do galo,aqui pode…Aí não!!
    Então para com isso sô!!

  • Valdeci Garcia diz: 9 de abril de 2012

    Rossano Cercato concorda com vc,não poderia ser diferente..isso é paixão,acima da razão!!

  • Antonio Carlos Menezes Reis diz: 18 de maio de 2012

    wianey, estás enganado não tem grenal de estádios, um é uma obra nova fantástica,moderna, padrão legitimamente FIFA, o outro um REMENDÃO de um estádio velho construido dentro de um lago aterrado. Então não existe comparação, e ponto final.

  • geovane ávila diz: 5 de junho de 2012

    e nós, Gremistas é que não sabemos do que falamos né wianei?
    e o ITAQUERÃO heim explique,
    ou você ‘não sabe”?

  • janio soares dos santos diz: 30 de junho de 2012

    nao cepode com parar uma arena de primeiro mundo seu wianey a um estadio velho cheio remendo rato e com fusao eles querem jogar tem campo de varzea para eles jogarem aqui em santa vitoria do palmar mans tem que pagarem porque e melhor que o deles cheio de em tulho

  • Ramiro Fernandes diz: 28 de julho de 2012

    a solução pro nosso povo eu vou dar…negócio bom assim ninuém nunca viu…tá tudo pronto aqui é só vim pegar….a solução é NEGAR SER UM ESTÁDIO SEDE DA COPA QUANDO BLATTER VER QUE O BEIRA-RUIM NÃO VAI MESMO FICAR PRONTO E ALUGAR A ARENA PARA A FIFA POR MÍSERAS CENTENAS DE MILHÕES DE DÓLARES PARA QUE REALIZEM A COPA AQUI…AFINAL, COMPROMISSOS DEVEM SER HONRADOS, SE OS MACACOS NÃO TEM CAPACIDADE DE TER ESSA VIRTUDE, A FIFA (OU OS DÓLARES DA FIFA) COM CERTEZA TEM…OS MORANGUINHOS NÃO BOTARAM AVIÕES NO AR COM A FRASE “CHIQUEIRÃO DE ALUGUEL”, POIS AGORA BOTAREMOS NÓS OS NOSSOS AVIÕES (QUE ELES ADORAM) DIZENDO “ALUGA-SE UMA ARENA PADRÃO, FIFA”

  • Evandro Evair Pires diz: 16 de outubro de 2012

    Somente os colorados que achão que não se deve mudar de estádio, os organizadores da copa do RS já deveriam ter mudado, pelo fato de a incompetência colorada ter perdido a copa das confederações e um monte de dinheiro para o RS. Está na hora de as pessoas pararem de torcer e fazer o melhor pelo estado e o povo, assim como você que sendo comentarista deveria ser imparcial.

  • Lucas diz: 17 de outubro de 2012

    Parabéns, torcedor gremista, 1 ano de chororô no post do Wianey. E o “Remendão” continua sendo a sede do RS na Copa de 2014. E a Arena mais moderna do Mundo continua sendo apenas CT.

  • garcia diz: 18 de outubro de 2012

    de qualquer forma, não agradando a gregos ou troianos, a copa vai ser no Beira-Rio. Acho que discussões ‘a toa é perda de tempo. Seja por motivos politicos, de estrutura, de localização , o fato é que a FIFA vistoriou várias vezes os 2 estádios , e optou pelo do INTER . Quem escolhe é a FIFA , pois o evento é dela. Ademais ficaremos com 2 belos estádios no RS , que mais fortalecerá nossa dupla e nossa representatividade . Na copa o Beira-Rio será sede ou de Alemanha, Itália ou Argentina , e estará pronto e finalizado como no projeto . Um ano depois do gremista, porém é o Estádio da Copa . Agora é tarde.

    Saudações Coloradas . Pela 2a. vez na história o estádio do Inter foi o escolhido no RS para jogos de um mundial. acontece.

Envie seu Comentário