Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Ronaldinho e Dagoberto, casos iguais

26 de outubro de 2011 65

A menos de seis meses para a conclusão do seu contrato com o São Paulo, Dagoberto está liberado para assinar pré-contrato com quem quiser. Já se diz, em São Paulo, que este documento já existe e seria com o Inter. Repete-se com Dagoberto o que aconteceu com Ronaldo, em 2001. O repórter Luís Henrique Benfica publica em ZH, hoje, a proposta que o Grêmio teria apresentado para renovar o contrato do jogador. O próprio repórter explica na matéria que Ronaldinho nem examinou a proposta pois estava decidido a honrar o pré-contrato que assinara com o PSG. Nos dois casos, os clubes foram imprevidentes, permitindo que os contratos se extinguissem sem tentar garantir a renovação de ambos. Ronaldinho ficou livre assim como ficará Dagoberto.

Bookmark and Share

Comentários (65)

  • João diz: 26 de outubro de 2011

    òtima corneta, obrigado.

  • renan schneider diz: 26 de outubro de 2011

    dagoberto ou ronaldinho? só o futuro dirá

  • márcio diz: 26 de outubro de 2011

    Wianey, são casos completamente distintos.

    Se acompanhasse os fatos que ocorrem no futebol de SP, poderia saber que o São Paulo só manifestou algum interesse (e nem tanto) em contar com o Dagoberto este ano, pois fez algumas boas partidas. É jogador muito irregular e a direção não gosta do comportamento dele. Desliga-se do jogo, não é comprometido.

    O fato é que o Sâo Paulo o conhece muito bem e não está se esforçando para renovar com o jogador como tu dá a entender.

    Inclusive, se não sabes, essa é toda a mágoa do jogador.

  • Pedro Mello diz: 26 de outubro de 2011

    Essa faixa sim foi uma fiasqueira… Gremistas tapados.

  • kleber gaucho diz: 26 de outubro de 2011

    A diferença é que na epoca do traira havia duvidas se a lei do passe já valeria pro caso dele ou não, na epoca um advogado especialista no assunto garantia que o Gremio teria razão no caso lembra?
    Não lembro o nome dele.

  • Adri diz: 26 de outubro de 2011

    Casos idênticos né Wianey?

    Ronaldinho com 20 anos, já promessa de melhor do mundo e o Dagoberto um jogador mediocre ja rumando para a aposentadoria.

    Casos realmente idênticos.

  • Beto diz: 26 de outubro de 2011

    Sempre desconfio de quem nunca muda de posicao. Ai ele procura qualquer coisa que ajude sua tese furada.

    Isso eh o contrario do metodo cientifico, onde todas as teorias podem e devem ser questionadas.

  • Christofer Raffo diz: 26 de outubro de 2011

    Caro Wianey,moro em Sampa há mais de década,e te garanto que o São Paulo não tem mais interesse em Dago e vice-versa.Aqui a torcida pega demais no pé dele. Realmente
    são muitos altos e baixos.Portanto te afirmo que,se o São Paulo realmente tivesse algum
    interesse renovaria com certeza,muito embora o próprio atleta também,face ao próprio
    tratamento que muitas vezes recebe da torcida não queira mais ficar. Se for para meu ti-
    me do coração,que faça-nos feliz. Um abraço e mesmo distante te acompanho tanto no
    Blog quanto na coluna ZH.

  • Loss Tricolor diz: 26 de outubro de 2011

    Permito discordar radicalmente.
    Primeiro, Dagoberto já está em idade mais pra fim de carreira e este poderá ser seu último grande contrato, já que para o exterior seu tempo já passou.
    Quanto ao Ronaldo, estava no início de carreira e poderia perfeitamente assinar contrato por mais algum tempo, pois seu destino certamente seria a Europa. Mais seis meses pra ele não faria nenhuma diferença, e com esta atitude mostraria gratidão pelo clube que o projetou, possibilitando com isso sua venda para o exterior com ganhos para o clube. Tenho ciência que a negociação foi mal conduzida, mas se a família ASSIS MOREIRA não fosse tão gananciosa e mau-caráter o desfecho seria outro, e certamente ele não iria perder dinheiro, como várias vezes voce disse em seu comentários.
    Abraço

  • Leandrão diz: 26 de outubro de 2011

    não Wianey o Dagoberto quer jogar no time do coração !!! Ronaldinho deu dois chapeu na torcida do gremio o time da piada pronta !!! não vendemos craques hahahahaha

  • osorio diz: 26 de outubro de 2011

    Em partes Ok, mas a diferença é que o Dagoberto vem dando indicio que não quer mais ficar, que tenha passado o tempo dele e coisa e tal, e até onde eu lembro, o Pilantra dizia que estava feliz,…
    E acredito que a raiva que nós gremistas temos dele, é as declarações de amor… traiu a nação!

  • silvio jaime fernandes diz: 26 de outubro de 2011

    Olá Wianey:….O São Paulo é “uzeiro e vezeiro” de usar esta prática de adquirir jogador na “manha do gato”. Ficaram bravos com o Inter em relação ao Oscar. Provaram do próprio veneno. Agora é a vez do Dagoberto, que diga-se de passagem, usou do mesmo artificio do pré contrato para jogar no São Paulo. Lembra-se?…..
    Quando ao Ronaldinho (que prá mim não é gaúcho), o Gremio comeu bola….
    É asim o futebol “moderno”:…..GRANA É O QUE INTERESSA, O RESTO NÃO TEM PRESSA.

  • Gabriel diz: 26 de outubro de 2011

    É bem diferente, Dagoberto não é cria do SPFC, não jogou lá desde moleque, já apareceu como jogador formado, não é são-paulino desde criança e não foi projetado pelo SPFC . Não fez juras de amor e nunca foi colocado como salvação. Além disso já ajudou muito, por muito tempo, o time a conquistar títulos. Agora ele quer seguir seu caminho. Lembrando que no início do ano boa parte da torcida queria ele fora

  • Mazahta diz: 26 de outubro de 2011

    Taison e Messi: casos iguais

  • Luiz Fernando diz: 26 de outubro de 2011

    Porque essa “proposta” só apareceu 10 anos depois????

    E essa mania de querer sempre achar alguem no rival pra deixar o peso da balança igual, já encheu o saco!!!

    R10 meteu dois balãozinho nos tricolinos que deve ter neguim fazendo terapia até hj…

    E se o R10 ficasse estaria no CONDOMINIO TAMBEM?!?!?!?

  • Toribio diz: 26 de outubro de 2011

    Caro blogueiro,

    A diferença é grande. Imensa!

    O primeiro foi criado no clube, literalmente. Sua familia inteira dependeu do clube durante anos, quando pode obter independencia não pensou duas vezes. Cuspiu no prato que comeu e foi-se.

    Naquela época, a lei pelé vigorava há pouquissimo tempo. Nenhum time estava preparado para estas situações, tanto que após este episódio todos correram para entender do que se tratava a tal lei. Inclusive a imprensa.

    No caso do Dagoberto. Ele entrou em litigio com seu clube anterior, o Caquético – PR, para poder jogar no São Paulo, e desde o inicio deste ano não aceita conversar com dirigentes do São Paulo para renovar o contrato. Ele certamente espera a chance de jogar na Europa, se não acontecer acerta com inter, o que lhe renderá no minimo um contrato igual ao que possui no SP.
    Casos como o do Dagoberto, acontecem todo o dia. O próprio Grêmio se beneficiou disto quando contratou o Borges.

    Não nos trate como indios, pelo menos não todos. Não tente nos pintar este PILANTRA por bom-moço.

  • Diego Chagas Baptista diz: 26 de outubro de 2011

    Prezado Wianey:

    Permita-me democraticamente não concordar com sua afirmativa estampada no título do post que ora comento, mas o caso Ronaldinho não é e nem foi igual ao de Dagoberto, senão vejamos:

    1) Ronaldinho era um jogador fruto das categorias de base do Grêmio e jogou um ano e meio no time principal do Grêmio, enquanto Dagoberto, fruto do Atlético-PR, integra o time principal do São Paulo a 05 anos;

    2) O Ronaldinho é fruto de investimento do Grêmio nas categorias de base enquanto o Dagoberto foi formado pelo Atlético-PR sem que o São Paulo pagasse sequer um tostão para contar com o jogador;

    3) Ronaldinho tinha 19 ou 20 anos e um futuro de melhor do mundo pela frente ao passo que Dagoberto beira os 30 anos e sequer na seleção principal jogou, motivo pelo qual o valor de mercado de ambos é bastante diferente;

    4) A clareza das práticas jurídicas uma década após a Lei Pelé não ocorria na época do Ronaldinho, quando a lei recém havia entrado em vigor.

    Acho que essas quatro razões são bastante relevantes e, sem sombra de dúvidas, demonstram que não casos iguais.

    Cordialmente,

    Diego Chagas Baptista.

  • rick diz: 26 de outubro de 2011

    olha só essa faixa, uashuhsauhsa

    é sempre bom lembrar que o gremio é o clube mais zoado do mundo
    ninguém respeita essa porcaria que um dia pensou que era rival do inter

  • Eduardo diz: 26 de outubro de 2011

    Desculpe, mas não são casos iguais. O Ronaldinho já tinha assinado o CONTRATO com o PSG ANTES de terminar o contrato com o Grêmio, e isso é irregular. Tanto é que a FIFA ordenou ao PSG indenizar o GRÊMIO. Claro que o valor foi irrisório, mas foi isso que ocorreu.

  • Fabricio diz: 26 de outubro de 2011

    Acho que abaixo destas frases poderíamos acrescentar outra “Deixamos sair de graça” Não é verdade Wianey??!!

  • Norton diz: 26 de outubro de 2011

    Ué…nenhuma novidade a o que está escrito na faixa que aparece na foto…como é que os listrados da Azenha vão vender uma coisa que não possuem?!?!?!?!?

  • Tiago diz: 26 de outubro de 2011

    Não acho que os casos sejam iguais.
    O Dagoberto sempre declarou sua insatisfação no SPFC, seja por falta de oportunidades, falta de reconhecimento, desvalorização…
    O Ronaldinho, sempre foi tratado como jóia dentro do Olímpico, talvez não com a valorização salarial devida na época, mas não se ouvia, de lado algum, que houvesse uma insatisfação com relação ao seu contrato.
    O que se ouvia, na verdade, eram declarações públicas de amor a clube, dizendo, inclusive, que “no grêmio jogaria até de graça”.
    É claro que o torcedor não é “trouxa” a ponto de acreditar nisso, mas imaginava que ele ao menos viesse a expor seu desejo de jogar no exterior à direção do Grêmio, ainda mais se formos levar em conta o enorme interesse de clubes europeus na época.

  • Clair Marques diz: 26 de outubro de 2011

    Me chamou atenção a frase que aparece na foto em frente do Olímpico na época: “Não vendemos Craques. Favor não insistir”. Pelo ocorrido com o Ronaldinho na época e também com outros craques posteriormente, abaixo desta frase deveria ser escrita outra: “Não vendemos, somente doamos!”. kkkkk

  • o pereira diz: 26 de outubro de 2011

    Não tem sentido comparar os dois casos.
    Desde o caso Ronaldinho…os contratos foram completamente alterados.

    Mas, pelo jeito, ainda tem gente que não sabe disso…

  • jair santos diz: 26 de outubro de 2011

    A frase da faixa esta correta eles não vendem eles dão

  • Pedro Silveira diz: 26 de outubro de 2011

    Adri, não podemos chamar o Dagoberto de “jogador medíocre”, pois ele faz muito mais que certos atacantes deste mesmo campeonato.
    Já para o Wianey, Dagoberto e Ronaldinho são dois casos distintos. Ronaldinho honrou o seu pré-contrato com o PSG, simplesmente pelo fato de já o ter assinado. Dagoberto pode mudar de ideia quando bem entender, é um jogador excepcional, não podemos simplesmente dizer que ruma para o mesmo lado. Se decidir, ele pode ir livre para qualquer outro clube que não o Inter, ou permanecer no São Paulo. Tudo depende dele.

  • André diz: 26 de outubro de 2011

    Me permita discordar caro Wianey,
    Senão vejamos,

    O caso do Dagoberto se compara muito ao do Borges e do Hugo quando há dois anos atrás assinaram pré-contrato com o Grêmio, o que o Dagoberto está prestes a fazer com o Inter.

    O São Paulo não está tão interessado no Dagoberto, assim como não estava no Borges e no Hugo à época, diferentemente do Grêmio com o Ronaldinho (que a época inclusive dizia que jogava até de graça no Grêmio e que seguiria no Olimipico – eu não me esqueci disso)

    No caso presente (Dagoberto) não há nada por debaixo dos panos, golpes desleais. Tudo está as claras.

    Com a família Assis, não existe ética, lealdade, boa-fé. Aperto de mão e palavra dada são coisas que estão fora do dicionário.
    São costumes comerciais que na ótica da pilantragem não existe. O que prepondera é o leilão (quem é o otário que paga mais…)

    O próprio Dagoberto recentemente disse que não jogaria no Gremio, pois sua familia possui vínculo familiar afetivo com o Inter e ele assim fazendo trairia sua familia.
    No caso do Ronaldo Assis trair a família significa preservar a dignidade, mesmo depois de um aperto de mão sob o fio do bigode, em prol de um centavo a mais.

    Sinceramente acho que não tem nenhuma comparação entre um jogador de futebol aparentemente sério e outro desleal, ingrato, pra não dizer sujo.

    Um abraço!

  • edu diz: 26 de outubro de 2011

    “NÃO VENDEMOS CRAQUES”…….

    ….DAMOS!!!

    Um dos maiores micos da história do meu Grêmio….

  • andre diz: 26 de outubro de 2011

    a diferença é que o dagoberto é um jogador médio, praticamente sem mercado no exterior…

  • rafa copero de quintão diz: 26 de outubro de 2011

    cade meu comentario?

    OO FATO É Q O MAZEMBE FEZ A MAIOR GALHARDIA NO CAMPEONATO FIFA…14/12/2010 ETERNO,MAZEMBE VIVE,,AFRICA UNITED

  • ZÉ FERNANDO diz: 26 de outubro de 2011

    Mas o Dagoberto não foi criado no Morumbi nem jamais se disse torcedor são-paulino.
    Só para comparação, o Anderson Polga, mais ou menos na mesma época do Ronaldinho, também teve seu contrato encerrado por inércia do tricolor, fez as malas e foi embora, e nem por isso foi alvo da ira da gremistada. O Ronaldinho poderia ter saído igualmente com uma grana preta no bolso mas pensando na situação do clube que sempre disse amar, e não precisava se insinuar pro clube dez anos depois, só pra fazer leilão e ‘aumentar o passe’.
    Sou COLORADO mas me solidarizo com os torcedores do co-irmão: ele poderia ter tido outra postura, sem brincar com o sentimento dos torcedores. Pisou na bola duas vezes (bom, da última os senhores Odone e Vicente se apresentaram) sem necessidade.

  • Matheus diz: 26 de outubro de 2011

    Os gremistas deviam se acomodar e tratar de nao deixar isto acontecer novamente.

    Porque não contratam um profissional para o assunto?

    Dá para fazer uma lista das cagadas contratuais que o gremio cometeu só nos ultimos tempos, o caso Ronaldinho é só a cereja do bolo.

    E as caixas de som? O que é isso meu deus?

    Esse pessoal é muito engraçado.

    Ta bom, o Mazembe salvou a década. Daqui a uns 8 anos a gente perde de novo pro Mazembe e salva a próxima década também.

  • Zimba da Silva diz: 26 de outubro de 2011

    Eu sei que o ronaldoy vai ser chingado

  • Luciano diz: 26 de outubro de 2011

    ‘dagoberto ou ronaldinho? só o futuro dirá’ II

  • Douglas diz: 26 de outubro de 2011

    e eu achando que o Paulo Sant’Ana tava ficando gagá.. tenha dó Wianey.. hahaha

  • horacio diz: 26 de outubro de 2011

    uashuashuashuahsuahsu o time mais zoado do mundo RICK ainda é o Inter……..
    Esqueceu ? então vou te lembrar : MAZEMBEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE

    uashuashuashuash ………..Mazembeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee isso sim é zoar…..
    que maravilhaaaaaaaaa

  • Marcelo diz: 26 de outubro de 2011

    Definitivamente Wianey:

    Fazer comparações e falar sobre ética, são coisas das quais vc não tem condição alguma de comentar…
    1. Comparar o que houve com o “PILANTRA” e o que parece estar acontecendo com o Dagoberto? Me desculpe, mas é antagonismo.
    2. Falar sobre ética? Bom, depois do que vc disse no sala de redação….. Deixa assim!

  • Edu diz: 26 de outubro de 2011

    Wianey,

    O que se pode dizer de um homem que não acredita em etica em negócios e não confessa publiacamente não ter etica em seus negócios.

    Um verdadeito jornalista deveria defender a etica em todos os sentidos.
    Será que voce tem coragem de publicar este comentário?

    Emílio

  • ADÃO FIGUEIREDO diz: 26 de outubro de 2011

    NÃO SEI POR QUE TANTA RAIVA DOS GREMISTA COM O RONALDINHO CADA UM JOGA A ONDE QUER, O RONALDINHO PREFERIU JOGAR NO FLAMENGO QUAL O PROBLEMA OU ELE ERA OBRIGADO A JOGAR NO GREMIO ELE NUNCA FALOU QUE QUERIA JOGAR NO GREMIO CADA UM JOGA ONDE QUER NÃO ENTENDE ISO E CRONICA AINDA DA RAZÃO A ESSE BANDO DE MALOQUEIRO QUE QUER OFENDER O JOGADOR DEIXA O CARA EM PAZ ELE JOGA A ONDE QUER E PRONTO

  • Fabio diz: 26 de outubro de 2011

    Só acho uma coisa: publicar essa matéria da tal proposta nessa semana é de um oportunismo e de uma irresponsabilidade tremenda. Os imbecis estão em todo o lugar, em todas as torcidas. E isso só põe mais lenha numa fogueira que nem devia estar ardendo.

  • Osvaldo Ávila diz: 26 de outubro de 2011

    Sr. Wianey, permita-me discordar: o Ronaldinho foi formado no Olimpico, o Grêmio investiu em sua formação. Além do fato da família Moreira ter aproveitado um momento de mudança de legislação para fazer o que fez. O Dagoberto chegou jogador formado no São Paulo. O clube não gastou um centavo com essa formação. Também todos sabem que o Dagoberto quer sair, não foi o caso do Ronaldinho, que jurava amor eterno ao Grêmio.
    Não sei se o Dagoberto está agindo corretamente com o São Paulo, a primeira vista, parece que sim. Quanto ao Ronaldinho, não há a menor dúvida, foi uma traição para com o clube que lhe sustentou durante anos. Faltou ética ao Ronaldinho duas vezes: quando saiu do Grêmio e quando enganou as diretorias de Grêmio Palmeiras e assinou com o Flamengo.
    Na minha opinião há valores que estão acima do dinheiro. A ética é um destes valores.

  • César Colorado diz: 26 de outubro de 2011

    É o time da PIADA PRONTA dando oportunidade de darmos gargalhadas novamente.

    O timeco da azenha é o maior fiasco do RS.

    Este ano tem bolo e festa de aniversário de DEZ ANOS SEM TÍTULOS….

    As maiores alegrias tricolores são algumas derrotas do adversário de porto alegre, que tem disputado os maiores títulos em todos os recantos do MUNDO.

    E lá se vai mais um ano sem qualquer taça para o timeco da azenha…

  • Renato diz: 26 de outubro de 2011

    Quando foi que Dagoberto disse que jogaria de graça no São Paulo? Quando foi que a mãe do Dagoberto pediu que o São Paulo não vendesse o jogador para o exterior, porque “meu filho ainda é novo, não está pronto pra morar fora”? Dagoberto nunca disse “ainda tenho contrato em vigor, não é hora de negociar renovação”, como Ronaldinho fez quando já estava de pré-contrato assinado com o PSG. Dagoberto sempre foi honesto com a diretoria do SP, porque deixou claro que não quer ficar lá. Dagoberto não mentiu como Ronaldinho e Assis mentiram para a torcida do Grêmio. Aliás, Dagoberto nem se criou no Morumbi, nem passou mais de 10 anos nas categorias de base do São Paulo. Então pense antes de escrever absurdos como esse que você fez agora, Wianey.

  • Sergio diz: 26 de outubro de 2011

    Qual é a semelhança o fato de o contrato estar expirando? A comparação foi ridicula.. os casos são completamente diferentes. Péssimo texto.

  • Steffano diz: 26 de outubro de 2011

    Aha. Bem igualzinho. Tu eh muito fraco, Wyaney. Mas eh irritante o rei da apologia dos volantes!

  • Mateus diz: 26 de outubro de 2011

    Wianey,

    “Não confunda CENTAVOS NOVOS com SENTAR NOS OVOS”.

    Como esta tua comparação, duas coisas absolutamente distintas.
    Os casos são diferentes, momentos diferentes, conhecimento de lei diferente, jogadores muito diferentes… Forçou e muito neste post!

  • Paulo diz: 26 de outubro de 2011

    De novo Wianey…NÃO ME FAÇA TE PEGAR NOJO.

  • Marçal de Pernambuco diz: 26 de outubro de 2011

    MATHEUS AÍ DE RIBA, AINDA QUE MAL PERGUNTE, AS CAIXAS DE SOM SÃO PATRIMONIO DO GREMIO E SERVIRÃO PARA ABRILHANTAR O MAIS BELO E MODERNO ESTADIO BRASILEIRO. aGORA, O QUE FAZER COM AS MILHARES DE CAMISETAS, FLÃMULAS, FOTOS, FAIXAS, ETC ETC DO BI CAMPEÃO MUNDIAL? DOARÃO PARA O MAZEMBE OU PARA ENTIDADES ASSISTENCIAIS DE POA?

    QUANTO AO VIANEY, NÃO ENTENDI POR QUE COLOCAR ESTA FAIXA NO CIMO DA SUA COLUNA?é PARA PROVOCAR? pRESUMO QUE SIM, POIS UM CASO NÃO TEM NADA , ABSOLUTAMENTE NADA A VER COM O OUTRO, CONFORME VARIOS COMENTÁRIOS RETRO JÁ O COMPROVAM

  • Eduardo diz: 26 de outubro de 2011

    O Grêmio nunca deixou de ganhar com o Ronaldinho. Toda as transferências envolvendo o jogador para outros clubes o Grêmio ganhou. Totalizando mais de 20 milhões. Parem com estas frescuras disso ou daquilo. Imprensa chata que fica querendo notícias.

  • JOSIAS LIMA diz: 26 de outubro de 2011

    SOMOS O MAIOR FIASCO DO RS , SOMOS MOTIVO DE ZOAÇÃO NO MUNDO INTEIRO POR CAUSA DO RONALDINHO.
    VAMOS AOS FATOS :
    INTER EM 2010 – PERDEU PARA O MAZEMBE EM PLENO MUNDIAL DE CLUBES – FIASCO INTERNACIONAL

    INTER EM 2011 – ESBURACOU O BEIRA-RIO EM OBRAS PARA A COPA – PERDEMOS A COPA DAS CONFEDERAÇÕES, CORREMOS RISCO DE PERDER A COPA DO MUNDO PARA O ESTADO – E A REPERCUSÃO NO MUNDO INTEIRO COMO É QUE FICA ?

    DEPOIS SOMOS NÓS OS FIASQUENTOS.

    OS NOSSOS FIASCOS PELO MENOS SÃO AQUI NO BRASIL , VOCÊS REALMENTE SÃO INTERNACIONAIS , CAMPEÕES DE TUDO , INCLUSIVE CAMPEÕES MUNDIAIS DE FIASCO, É UM POR ANO.

    É UMA SUGESTÃO DE COMENTÁRIO PARA O WIANEY.

  • Fábio LFB diz: 26 de outubro de 2011

    - Ronaldinho era jovem promessa. Dagoberto nunca estourou, da forma como se esperava, e já tem quase 30 anos, é um atleta rumando para o final da carreira.
    - O grêmio tinha interesse em renovar com Ronaldinho. O São Paulo já demonstrou a intenção de liberar o Dagoberto.
    - O Dagoberto há tempo anuncia seu desejo de sair do clube, não fica fazendo juras de amor como fazia o dentuço dissimulado e mau caráter.

    Enfim, são casos totalmente distintos.
    Wianey, pare de defender o mau caratismo e a falta de ética. Está ficando chato isso.
    Em primeiro lugar, deve-se agir com ética sempre, e não eleger situações nas quais seria justificável eu contrariá-la.
    As tratativas para a volta do Ronaldinho não foram como as de uma negociação comum. Nunca se viu nada igual no futebol brasileiro.
    Ninguém nunca defendeu que ele deveria obrigatoriamente jogar no grêmio. Muitos ex-jogadores do grêmio voltaram do exterior para otros clubes, sem maiores repercussões negativas. É normal negociar com vários clubes, mas não da forma como foi feito, empenhando a palavra com todos, fazendo as pessoas de palhaços, incluindo novas exigências a todo instante, após estar apalavrado. Isso é muito mau caratismo, o Ronaldinho e seu irmão não valem nada.
    Aliás, o Sr. Ronaldinho parece um autista, vive em um mundo à parte, parece que nada é com ele. Ou é muito bunda mole, ou muito dissimulado mesmo.

  • Olavo diz: 26 de outubro de 2011

    Dagoberto, não é o cara que o Inter precisa, temos o João Paulo, o Elton, o Nei, o Cléber, o Moleto, Oscar, os goleiros novos, o Damião…procurar não renovar os contratos dos beirando 30 anos..estes estão sempre machucados, pouco rendem…Os novos como Roggia, Siloé, Romário…precisam de jogos…

  • Rogério diz: 26 de outubro de 2011

    Fiasco foi colocar as caixas de som para anunciar o Ronaldinho…

  • Rafael Nazário diz: 26 de outubro de 2011

    Meu Deus, que comparação mais idiota, sem sentido, são casos completamente diferentes, será que o colunista imagina que seus leitores são burros assim???? Credo….

  • Rogério diz: 26 de outubro de 2011

    Como a imprensa gaúcha adora fazer esse tipo de coisa…

  • Alemão diz: 26 de outubro de 2011

    Pro ADRI ou pra ADRI…
    Dagoberto rumando para fim de carreira? Jogador mediocre? Meu Deus, então imagina os blues dos pampas que não passam um jogo sem levar gol dele…
    Só pra encerrar, pesquisa a idade dele vai…

  • REMI DE OLIVEIRA diz: 26 de outubro de 2011

    os arrogantes sempre metendo o bico. comendo ovo frito e arrotando caviar, realmente são campeões em tudo.

  • Daniel almeida diz: 26 de outubro de 2011

    Senhor Wianey,
    Depois de te ouvir no sala de redação de ontem, com aquela tua posição deplorável, apregoando que não deve existir ética nos negócios, nada mais que o senhor diga ou escreva me surpreenderá. Nem mesmo esta comparação estapafúrdia entre os casos Ronaldo Assis e Dagoberto. A tua aposentadoria está próxima, por senilidade.

  • André Severino diz: 26 de outubro de 2011

    Assim como não se deve e nem se pode comparar os dois casos (jogadores), também não se deve comparar TORCEDORES do Grêmio com idiotas mal informados que se dizem torcedores do Grêmio. Ainda tem gente mal intencionada falando em Mazembe? Por favor, que falta de noção!
    Certo está o meu xará André (gremista), leiam seu comentário, bastante claro e explicativo, dosado por bom senso e conhecimento. Sou colorado, e não endosso fanatismos nem manifestações idiotas de torcedores do meu amado Inter, menos ainda de fanáticos e cegos gremistas. Comentários inteligentes e imparciais devem ser lidos e respeitados, mas gente que não tem nenhuma noção ainda falando em Mazembe?! Ninguém merece!
    À propósito, na minha humilde opinião, gente como os Assis Moreira não deveriam merecer nenhum recorte em páginas de esporte, quanto mais um debate tão acalorado como o que se está presenciando.

  • zico gremista diz: 26 de outubro de 2011

    Dá-lhe MAZEMBE,o que é MAZEMBE?ninguem nunca viu

  • nilmar – gremio - diz: 27 de outubro de 2011

    É e nao vendimos mesmo!!! Entregamos de graça… Eita time fiasquento. Nao aguento mais tanta fiasqueira….

  • Giovani Lembrando diz: 27 de outubro de 2011

    Será que só eu lembro que até a mãe dele foi até a sala do presiente pedir para não vender o jogador ? !
    Que ele era gremista, que amava o Grêmio, etc…

  • Colorado Chapecó diz: 27 de outubro de 2011

    É cada um querendo diverigir do nobre colunista, mas o que o Wianey apenas disse que são casos parecidos por conta digamos da “falta da renovação antecipada” do contrato de ambos…nada mais…nadica mais, gente….leiam novamente o que foi escrito antes de darem pitacos furados e pagar “mico”….hehehehe

  • Eduardo diz: 28 de outubro de 2011

    Zico gremista e outros, a torcida do Grêmio sempre se apoiando e necessitando da força alheia para fazer uma piada sobre o Inter.
    Em vez de se vangloriar de algo grande que o time do Mazembe fez, porque vocês não se vangloriam de algo que o time do Grêmio fez ???
    Concordo, não tem com que se vangloriar.

  • H. Romeu Pinto diz: 28 de outubro de 2011

    Outra faixa prá entrar no anedotário do time da piada pronta, fotografada e publicada: ” QUEM TEM
    CLEMENTINO, NÃO PRECISA DE RONALDINHO”

Envie seu Comentário