Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

O fumo no novo Beira-Rio

03 de maio de 2012 46

Luciano Davi, vice-presidente de assuntos especializados do Inter, esclarece a questão da coibição ao fumo no novo Beira-Rio. Com o estádio reformado e modernizado, a intenção do clube é criar uma cultura para evitar que os torcedores fumem nas dependências do “Gigante”.Mas não proibirá o fumo no interior do estádio, nas poltronas, em meio aos jogos. A proibição ocorrerá de acordo com a atual lei, ou seja, somente em locais fechados, especialmente nas áreas de shopping, como praças de alimentação e cinemas.

Leia a seguir o esclarecimento de Luciano Davi:

“Não é que vai ser proibido. Nós vamos tentar criar a cultura de coibir o cigarro. Por quê? Porque vai ser um estádio completamente remodelado. Hoje, é permitido fumar na praça de alimentação. Mas futuramente haverá áreas na praça de alimentação com carpete no chão, por exemplo. É nas áreas fechadas que vai ser proibido, conforme a lei atual. Em ambientes fechados, não pode. O estádio vai ser aberto, mas nas áreas de shopping vai ser extremamente proibido. Onde se permite fumar é nas cadeiras. Hoje, na Europa, o torcedor que fuma não pode jogar o toco no chão. Vai ter que existir lixo com a devida reciclagem. Tudo vai ter que ser implementado.
Na parte de assentos, vai ser permitido fumar. Não estamos proibindo, vamos apenas tentar criar a cultura. Mas no jogo, pode. Não podemos fazer isso com o torcedor que fuma. Até porque quando se está nervoso, se fuma um cigarro. E, normalmente, no jogo, se fuma um cigarro”.

Bookmark and Share

Comentários (46)

  • João A. diz: 3 de maio de 2012

    Será que vão proibir a maconha também? Sente-se mais o cheiro da maconha do que de cigarro comum.

  • douglas ms diz: 3 de maio de 2012

    vc esta certíssimo joão !!! tem mais maconha do que cigarro!! o cara tem que pensar duas vezes antes de levar os filhos nos estadios!!!

  • É O MEU TIME É O MEU ESTADO diz: 3 de maio de 2012

    Como foi o jogo ontem?
    Alguém aí sabe?

  • Agilberto D. Carpenedo diz: 3 de maio de 2012

    O fumo deveria ser totalmente proibido. Embora, em tese, o ambiente é aberto, mas é de um inconveniente inaceitável.

  • edson santos diz: 3 de maio de 2012

    Eu sou fumante a pelo menos 24 anos, e acho um absurdo oq os fumantes fazem…
    Não tem o minimo de respeito com quem não fuma, nas paradas de ônibus abarrotado de pessoas,esses abestados fumam como se estivessem em casa.
    São mal educados e prepotentes, sou fumante mas sei respeitar quem não fuma,
    minha liberdade termina quando começa a liberdade de quem está ao meu lado!!!
    Sou fumante, mas sou a favor de proibição de cigarros em todos os lugares públicos, lugares onde se acumulam muitas pessoas!!!
    Todo fumante é um mal educado, e isso me irrita d++++++++++++
    Vc aí que fuma, tenha o minimo de respeito com quem não fuma,
    ninguém é obrigado a ficar inalando essa fumaça ‘FEDIDA’ e que causam nauseas nas pessoas não fumantes.
    Se coloque em seu lugar e tenha mais respeito com o próximo!!
    como dizia o saudoso Cabral
    falei e assino embaixo

  • Futebol a Granel diz: 3 de maio de 2012

    Na maior parte da Europa, o que mais se vê é toco de cigarro no chão, inclusive na saída dos estádios. Não sei de qual Europa o Luciano Davi estava falando.

  • Roberto diz: 3 de maio de 2012

    Este é o motivo pelo qual deixei de ir ao Beira Rio, não tem nada mais desagradavel que ter sentado perto de ti um fumante jogando fumaça na sua cara, é uma falta de respeito com quem não fuma, (que é uma enorme maioria), mas que as autoridades fazem questão de ignorar e não reprimir. Para informação, no estadio do Barcelona e em muitos outros estadios da Europa O FUMO É PROIBIDO, pena que os bons exemplos aqui não são imitados.

  • Cassiano diz: 3 de maio de 2012

    Pois é lamentável o dirigente dizer que não será proibido. O Rio Grande do Sul é um dos lugares mais atrasados do mundo em relação a cigarro. Em outros estados do Brasil você quase não vê mais as pessoas fumando, seja em lugares fechados ou nas ruas.

  • Alessandro diz: 3 de maio de 2012

    “Novo” como assim?

  • Alexandre Barros diz: 3 de maio de 2012

    E quanto as pessoas que não fumam???? chamam as famílias para os estádios, mas já aconteceu comigo umas 3 vezes de irmos ao estádio com os filhos e ter que sair do local onde estamos pois sempre tem alguém fumando na sua frente, ao lado, atrás etc.. e a fumaça vem direto no rosto das pessoas e das crianças tornando impossível conseguir assistir ao jogo e respirar ao mesmo tempo, como os não fumantes são a imensa maioria, acho que devia ser proibido até no campo e criar fumódromos para os fumantes fumarem no intervalo ou durante o jogo.

  • Realista diz: 3 de maio de 2012

    Novo Beira_rio ?

    Deixa eu ver se entendi,
    Como chamar um estádio de mais de 40 anos de novo ?

    Será que o prédio do vizinho, construido na decado de 60 tbm é considerado novo, se ele fizer um remendo tbm ?

  • luis paulo diz: 3 de maio de 2012

    Encheu o saco essa ladainha de falar mal do cigarro. Basta…quem quer fumar, que fume…isso aqui, AINDA é um país livre. Não fumo, mas tenho PAVOR dos que são sempre contra. Viva o Brasil Viva a liberdade.

  • Jailton diz: 3 de maio de 2012

    João.
    Falou pouco, mas disse tudo. Parabéns!
    Abs

  • edu ximendes diz: 4 de maio de 2012

    inter é isso meu amigo

  • Lúcia Bastos diz: 4 de maio de 2012

    Seria interessante se criassem espaços para fumantes, mesmo no espaço “aberto”, não sou fumante e me sinto INCOMODASSIMA em ter gente fumando compulsivamente ao meu redor, perturba meu acompanhamento do jogo, pois ataca minha rinite. Penso que assim como o fumante tem seu direito de fumar, eu tenho o meu de não aspirar fumaça do seu cigarro!

  • Reginaldo diz: 4 de maio de 2012

    melhor o cheiro da maconha que não faz mal a ninguém, do que o fedor do cigarro, que mata milhares por ano.

  • Bruno diz: 4 de maio de 2012

    uau, mudou minha vida…

  • Cassio – Chapeco diz: 4 de maio de 2012

    Bom… É humanamente inadmissível cigarros dentro dos estádios, ainda mais no Gigantesco Beira-Rio, que provavelmente terá, não apenas a cobertura totalmente finalizada para a Copa, como tbm climatização própria, antecipando os estádios no Qatar…
    Pois, como o melhor time do mundo pode, quem sabe, na busca constante de oxigênio, inalar fumaça?

  • Rafael P. diz: 4 de maio de 2012

    Por que não proibir??? Estádio não é lugar para fumar. Quem não fuma sofre, com aquela fumaça cancerigêna e fedorenta nos jogos. Façam uma pesquisa com os sócios do inter, e se a maioria achar que deve ser proibido, que proíbam.

  • Leandro diz: 4 de maio de 2012

    Se proibirem a maconha, vão jogar sempre de arquibancada vazia…

  • GJ diz: 4 de maio de 2012

    Primeiro a cerveja, agora o cigarro… só falta proibirem as mulheres para me tirarem do estádio permanentemente.
    Não vou mais, pago meu PPV e vejo o jogo no sofá, fumando meu crivo e bebendo minha gelada.
    Essa geração está cada vez mais imbecilizada… restart, politicamente correto, bullying, BBB, novelas com mais homossexuais que heterossexuais, direitos humanos, piriguetes, vegetarianos… caraca… o mundo está se tornando um lugar insuportável para viver.

  • Benedito diz: 4 de maio de 2012

    Wianey, volto a me referir no caso do juíz Caputo, já que minha indagação anterior não foi publicada. Por favor, esclareça-nos: Esse juíz Caputo é homem do bem, diferente dos magistrados paulistas que você classificou como corruptos?

  • bob marley diz: 4 de maio de 2012

    O cigarro pode até proibir, agora o sem filtro , daí já é demais. Como os torcedores vão ficar calminhos? Legalize já.

  • Lucas Colorado diz: 4 de maio de 2012

    Como não falaram nada de maconha eu tô tranquilo. heheheh

  • silvio jaime fernandes diz: 4 de maio de 2012

    Olá Wianey:….a idéia é boa e com o tempo as pessoas se acostumarão. Entretanto, como escreve o João A. , a maconha vai continuar a correr solta ??????…….

  • Elisa Souza diz: 4 de maio de 2012

    Lamentável que não se proíba de vez o fumo dentro do estádio, mesmo no espaço aberto, já que as pessoas ficam todas próximas e muitas são obrigadas a aspirar a fumaça alheia, inclusive crianças, gestantes e todos que não suportam cigarro! Além disso, em um ambiente de esporte deveria ser promovida a preservação de hábitos saudáveis. Será que um dia chegaremos lá?

  • Marcos diz: 4 de maio de 2012

    Retificando, no “REMENDADO” beira-rio.

  • EduardoSchwede diz: 4 de maio de 2012

    Boa João!! isso não só no Beira-Rio mas no Olímpico tambem. Aa única vez que fui pro Olímpico assistir meu time, tive que deixar minha roupa uma semana de molho para sair o cheiro, te fale numa coisa grudenta esse cheiro de maconha hein…

  • paulo Favero diz: 4 de maio de 2012

    Educação é tudo, quer fumar vai se isolar, ninguém tem que fumar junto.

  • Bob diz: 4 de maio de 2012

    Wianey, vc viu a enquete de nível nacional que o Terra fez ontem sobre quem deveria ser o futuro presidente da CBF? Fernando Carvalho está na frente de todos, confira lá:
    terra.com.br/esportes/infograficos/novo-presidente-cbf/

    Será que tem chance disso acontecer? Avisa ele da aceitação pública. :)

  • Joao Guimaraes diz: 4 de maio de 2012

    Até que um dia alguém começou a falar em proibir cigarro. Aquele monte de desocupados e incompetentes lá de Brasília criaram um estatuto do torcedor cheio de frescura e falsos direitos e esqueceram o mais simples, de criar uma ala de não fumantes. Eu não sou obrigado a aguentar do meu lado alguém fumando e jogando a fumaça na minha cara ou como já tive o desprazer de sentar nas sociais do Olímpico ao lado de pessoas fumando cachimbo ou charuto. Graças a Deus começaram a tomar alguma providência. Espero que na Arena também proíbam, pois prefiro ver o jogo em casa no pay-per-view do que aguentar um fumante do meu lado
    Quanto a maconha no estádio, não precisa proibir, ela já é proibida, basta a Brigada Militar resolver trabalhar, ao invés de ficar jogando os cavalos para cima de gente do bem, ir lá e retirar estes vagabundos que vão ao estádio se drogar, beber e estragar um ambiente que deveria ser familiar.

  • Leandro diz: 4 de maio de 2012

    Fernando Carvalho na CBF ????

    Chamem o Ricardo Teixeira de volta, rápido !!!!!!!

  • Antonio diz: 4 de maio de 2012

    Como pode,100% dos colorados apoiaram o direito do Oscar jogar onde quer,o sagrado direito de ir e vir, agora fumar não pode, direito de uns ou direito de todos? Édson Santos, eu também sou fumante e também procuro respeitar os não fumantes portanto não generalize,concordo contigo que há muitos fumantes mal educados mas há também muitos não fumantes.

  • Fabio diz: 4 de maio de 2012

    quanta frescura…é cheiro disso, é cheiro daquilo, ái minha esposa ficou com cheiro de cigarro, ai cheiro de maconha…não quer sentir cheiro de nada fica em casa olhando o jogo na tua sala cheirosa…bando de fresco

  • peçanha diz: 4 de maio de 2012

    Até é bom esses que reclamam de cigarros não irem ao estádio. Esses devem reclamar de tudo e são responsáveis pelo fato de as arquibancadas terem “expectadores” passivos, quase “corneteiros”, a efetivos torcedores..
    Estádio vibrante, quente, é sem frescura. Pena terem proibido o álcool: como sempre, muitos pagaram pelas atitudes erradas de poucos que bebiam e armavam confusões.
    Álcool, cigarro, bumbo,sinalizadores, gritaria na nuca do adversário…ISSO É FUTEBOL, O RESTO É COISA PRA TORCEDOR DE PAY-PER-VIEW, que qndo o time perde diz “eu pago minha mensalidade e tenho direito a isso e àquilo….”..
    Essas coisas modernas atrapalhando a essência das coisas…viva os anos 60-70-80 em que NADA DISSO ERA PROIBIDO e tudo era mais verdadeiro.
    Sequer tinha celular e todo mundo VIVIA BEM.

  • Lauro Aguiar diz: 5 de maio de 2012

    O tabaco e um problema de saude publica. O fumo deveria ser proibido em todos os lugares publicos. Principalmente numa praca de esportes onde a saude deveria ser a questao principal. Na California, EUA, por exemplo, e proibido o fumo em parques e praias. E muito em breve vao proibir o fumo dirigindo automovel.

  • silvio jaime fernandes diz: 5 de maio de 2012

    Olá Wianey:…Voltei para comentar este assunto. A hipocrisia social é algo de uma insanidade fora do comum. O cigarro constatadamente, assim como o alcool são drogas, como maconha,cocaina, crack etc…
    Entretanto, as fábricas de cigarros e bebidas alcóolicas contribuem generosamente com impostos para o governo, governo este que faz uma “baita” propaganda contra as drogas. Penso que deveria ser usado “tolerancia zero” para quem quer que seja usuário. Pena de morte para o traficante – fechamento das fábricas de cigarros e bebidas alcóolicas e “CANA” para o usuário.
    AÍ ENTÃO, OS DIREITOS HUMANOS FICARÃO REVOLTADOS COM AS PERDAS DE EMPREGO DOS TRABALHADORES DESTAS FÁBRICAS E NÃO ACEITARÃO QUE O TRAFICANTE SEJA EXECUTADO.
    Discussão infindável, até porque muitos dos postantes críticos ao cigarro, não revelam outras manias pessoais.

  • thais gaudéria diz: 5 de maio de 2012

    BANDO DE FRESCOS! ISSO QUE SOU MULHER.
    NAO QUER BADERNA, FICA EM CASA! PPW E SOFÁ!

    CODE GREEN CODE GREEN

    PRA BOM ENTENDEDOR MEIA PALAVRA BASTA!

  • Moacir diz: 6 de maio de 2012

    FGF se cala e diz que está tudo legal….????????

    INTER SM deve ser rebaixado. Ao menos me parece…Tire sua conclusão..

    O jogador Morelli, do INTER SM, recebeu o cartão amarelo na 3ª rodada,depois tomou o segundo cartão amarelo na quinta rodada, e o terceiro cartão amarelo na sétima rodada, dia 25/03.

    Morreli então atuou no segundo tempo da partida entre São Paulo x Inter SM, de forma irregular(O jogo havia iniciado dia 21/3, mas foi paralizado pelo temporal, sendo que o segundo tempo ocorreu dia 27).

    MORELI recebeu o terceiro amarelo dia 25, ficando suspenso e jogou dia 27, com terceiro cartão amrelo.

    Neste caso vale a data, e não a rodada.

    O fato do jogo ter iniciado dia 21/assinado a sumula dia 21/ não o liberava da suspensão. Morelli não poderia ter atuado no dia 27 e jogou. Ele recebeu o terceiro amarelo dia 25.

    Com isso MORELI não poderia entrar em campo dia 27, na metade do segundo tempo do jogo diante do SÃO PAULO, ele já estava com o terceiro amarelo. O INTER SM deveria ter jogado o restante da partida, com um a menos.

  • gringa diz: 7 de maio de 2012

    Tudo errado!! Deveriam proibir SIM…ridículo!!!!
    Cigarro e maconha…
    CODE GREEN…Meu Deus…tu não passou de fase ainda Thais gaudéria???Em que época tu vive filha!!????
    SEM NOÇÃO!!

  • EduardoSchwede diz: 7 de maio de 2012

    Bem, se fosse levado a sério aquela enquete do Fernando Carvalho para cabeça da CBF como tão falando ae nos comentários, sem dúvida alguma teremos Bobolívar na zaga e Tinga no meio vestindo a amarelinha… huashuashuashuasuhua!!!

  • paulo matias diz: 7 de maio de 2012

    Mas o aroma da maconha não traz nenhum malefício, não causa nenhum mal a ninguém, e o do cigarro sim este é muito cancerígeno. Gente que coisa mais antiquada e preconceituosa esta, nos EUA na maioria dos estados a maconha é usada como remédio, já as fabricas de cigarro estão sendo processadas como fábricas de câncer. Então vamos parar de preconceito idiota e atrasado, vamos evoluir, vamos deixar as pessoas curtirem o que quiserem, em algum lugar do estádio e olha que eu não fumo nenhum dos dois, só que eu não tenho preconceito e acho que o grande problema das drogas é que tem o diabo do preconceito que não deixa as pessoas enxergar a realidade delas e com o preconceito fica tudo nebulosos e na dúvida os jovens ficam com a possibilidade de conhecer, de provar o que que os idiotas têm tanto preconceito, e sendo idiotas quem sabe não é bom. Entendeu?

  • Douglas Campos diz: 7 de maio de 2012

    LEI N° 9.294, DE 15 DE JULHO DE 1996.

    Dispõe sobre as restrições ao uso e à propaganda de produtos fumígeros, bebidas alcoólicas, medicamentos, terapias e defensivos agrícolas, nos termos do § 4° do art. 220 da Constituição Federal.

    O PRESIDENTE DA REPÚBLICA , faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

    Art. 2° É proibido o uso de cigarros, cigarrilhas, charutos, cachimbos ou de qualquer outro produto fumígero, derivado ou não do tabaco, em recinto coletivo, privado ou público, salvo em área destinada exclusivamente a esse fim, devidamente isolada e com arejamento conveniente.

    § 1° Incluem-se nas disposições deste artigo as repartições públicas, os hospitais e postos de saúde, as salas de aula, as bibliotecas, os recintos de trabalho coletivo e as salas de teatro e cinema.

    § 2° É vedado o uso dos produtos mencionados no caput nas aeronaves e veículos de transporte coletivo, salvo quando transcorrida uma hora de viagem e houver nos referidos meios de transporte parte especialmente reservada aos fumantes.

    A lei menciona lugares públicos ou privados, sem qualquer menção que está é válida apenas em lugares fechados, mas permite a criação de áreas especiais.

  • garcia diz: 8 de maio de 2012

    álcool pode ..depois o cara sai baleado…causa mortes no trânsito e …
    o álcool mata muito mais , como causador , do que a nicotina , embora esta seja também um veneno, mas não embota o cérebro e nem tira os reflexos do motorista , nem altera o humor do torcedor . …

  • Roberto diz: 8 de maio de 2012

    “Hoje, na Europa, o torcedor que fuma não pode jogar o toco no chão”.
    Depende muito. No Camp Nou, por exemplo, já é OFICIALMENTE proibido fumar.

  • Filipe diz: 11 de maio de 2012

    Pela Lei, “entende-se por recinto coletivo fechado todos os locais destinados à utilização simultânea de várias pessoas. Entre eles, os ambientes de trabalho, de estudos, de cultura, de culto religioso, de lazer, de esporte e de entretenimento, áreas comuns de condomínios, casas de espetáculos, teatros, cinemas, bares, lanchonetes, boates, restaurantes, praças de alimentação, hotéis, pousadas, centros comerciais, bancos e similares, supermercados, açougues, padarias, farmácias e drogarias, repartições públicas, instituições de saúde, escolas, museus, bibliotecas, espaços de feiras e exposições, veículos públicos ou privados de transporte coletivo, bem como viaturas oficiais de qualquer espécie”.

    OU SEJA, LOCAL “FECHADO” NÃO SIGNIFICA QUE TENHA “TETO”, MAS SIM UM AMBIENTE QUE SEJA USADO DE FORMA COLETIVA. LOGO, É CONTRA A LEI FUMAR NA ARQUIBANCADA!!!

Envie seu Comentário