Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Chibata para os violentos do futebol

07 de novembro de 2012 17

Prender estes agentes da violência que agem no futebol é completamente inútil. Não existe lugar nas prisões, nem para criminosos cruéis. Porém, permitir que estes torcedores continuem ameaçando, amedrontando e ferindo sem que qualquer castigo lhes seja aplicado é estimular que persistam e aumentem a dose de violência. Está acontecendo com o Palmeiras, neste momento.

Torcedores já detonaram bombas no CT do clube, ameaçam de morte o presidente e jogadores e não parece que irão parar a sua marcha de desatinos. Acho que a solução está em resgatar métodos medievais de castigo. Uma vez por semana, estes bandidos deveriam ser levados para uma praça, no centro da cidade, e açoitados por um número pré-estabelecido de chibatadas.

Poderiam ser cinco para os primários, 10 para os reincidentes, 15 para os que forem pegos pela terceira vez e assim por diante. Seria conhecido como o dia da chibata. É feio, grotesco, cruel? Sim é tudo isso. Mas, como conter estes celerados se as penas disponíveis são inaplicáveis ou, simplesmente, inúteis?

Bookmark and Share

Comentários (17)

  • José Roberto diz: 7 de novembro de 2012

    Caro jornalista este poste serve também para a torcida do teu inter ou não?
    Ou é só para os outro?

  • Ayrton diz: 7 de novembro de 2012

    Chibata também para os DIRIGENTES do INTER caso renovem com Bolívar, Kleber, Nei e mais alguns outros sem condições técnicas ou sem VONTADE de jogar pelo INTER (independente de quer ganhar as eleições).
    Se Luigi permanecer na presidência tem que escolher um novo vice e um novo diretor de futebol, pois esse DAVI é muito fraco! E na hora de votar lembrem que foi o Pífero que renovou com estes DECADENTES citados acima. Deveriam ser dispensados deste 2010 ao final do mundial.

  • Lucio Martim diz: 7 de novembro de 2012

    Finalmente…alguém da mídia é corajoso e sem subterfúgios fala a verdade e dá a receita do único corretivo que a marginália respeita.
    Parabéns Wianey, to contigo.

  • Marco diz: 7 de novembro de 2012

    Incitar a violência , ou tratá-la com os mesmos mecanismos ,é coisa que um jornalista pode até pensar, mas não escrever, até porque o sr. sabe que tal procedimento não irá acontecer ; então é chover no molhado.
    Se são marginais ,que sejam presos e julgados como tal.Se falta lugar nas cadeias ,é outro problema ; o Estado que o resolva.
    Coloquem alguns marginais desses na cela prá ver se eles não sossegam!

  • Cesar diz: 7 de novembro de 2012

    Vc esta AMARGO amigão…Não sou políticamente correto, mas “chibata” não combina com um ser humano com um pouco de razão…
    Realmente, fiquei preocupado com a tua posição em relação a este assunto. Isto abre um leque de imensas possibilidades que vem de encontro com o processo de socialização humana!
    lamento mas é uma barbárie..
    Sei que amanhã o amigo pondera melhor.. Deve ser um “daqueles” dias.. Todos nós temos…
    Paz e saúde…

  • Renato diz: 7 de novembro de 2012

    olha, se eu tivesse vivendo esse clima, acredito que concordaria com voce wianey, ser ameçado e ainda ameçada sua famila como estao vivendo os palmeirenses é inaceitável…e sempre fui a favor do olho por olho, dente por dente,mas acredito que essas lições medievais nao vao resolver…porque? porque a educação nao existe em nosso pais…a gente mata por amor e futebol…e nao matamos os quer roubam e deixam milhares morrendo nos hospitais e ruas por ae… se a chibatada fosse colocada em pratica, teria que começar pelo alto escaçao do governo…pobre (policial) batendo em pobre ( torcedor) e bringa entre culturas inexistentes.

  • José Roberto diz: 7 de novembro de 2012

    E quando a torcida do inter invadiu o treino fez ameaças aos jogadores e dai chibatada neles ou não? Quando o chefe de uma torcida organizada do inter provocou toda aquela violência num jogo festivo e dai, chibatada neles ou não. Peço caro jornalista que publique meu comentário.

  • José Roberto diz: 7 de novembro de 2012

    CARO WC IA ME ESQUECENDO PAU QUE BATE EM CHICO, BATE EM FRANCISCO TAMBÉM.

  • Jefferson diz: 7 de novembro de 2012

    Wianey ter opinião é uma coisa, agora declarar através de um meio de comunicação como este a disseminação da violência, é de um absurdo sem tamanho. Concordo que temos que restringir esses baderneiros, criar leis para punir com rigor, proibir de ir nos jogos, acabar com essas porcarias de torcidas organizadas. Mas incentivar a violência é mais absurdo ainda. Quando a Polícia Militar é truculenta com os torcedores, muito se lê, se ouve e se vê de comentaristas do seu nível condenando essas atitudes. Agora mudar de opinião e falar abertamente, assim de forma passional, de uma solução mais violenta ainda é demonstrar o despŕeparo de certos comunicadores que usam os meios de comunicação, que deveriam servir para orientar, instruir, educar, informar, formar opiniões e nunca fomentar a violência, a barbárie, o caos, o retrocesso social dos direitos do homem. Reitero que esses cidadãos que fazem terrorismo devem ser punidos sim, e duramente. Mas não com a reinstalação de um sistema como esse que tu acabastes de citar no teu post. Lamentável…

  • Stalion diz: 8 de novembro de 2012

    Gostei da ideia,desde que se aplicasse aos politicos corruptos,pois pelo corporativismo da lei,nunca conseguem ser apanhados e levados a prisao

  • Valerio diz: 8 de novembro de 2012

    Bah, mas tem uma patrulha ideológica muito chata por aí. Ainda por cima, analfabetos funcionais que sabem ler, mas não entendem o que está escrito. Linguagem metafórica, gente…

  • Marcão diz: 8 de novembro de 2012

    Caro “amigo” José Roberto,
    Creio que a sugestão do Wianey se aplicaria aos torcedores de todos os times. Ah, já ia me esquecendo… Aos torcedores de todos os times, menos os do grêmio, pois só há santinhos entre os tricolores!
    É cada um que me aparece…

  • Marcão diz: 8 de novembro de 2012

    Boa, Jefferson! Manda teu currículo pra RBS. Aproveita e manda uma cópia pra ONU também.

  • rodrigo diz: 9 de novembro de 2012

    Chibata merece o conselho comprometido do INTER, que impediu que os sócios votassem e liquidassem com a gestão desse Luigi incompetente (já havia sido desastroso como vice de futebol uns tempos atrás). Chegasse a eleição ao alcance dos sócios, seria quase 100.000 votos contra os 166 que votaram no palerma. INTER de luto, amanhã começa a debandada dos sócios….sem presidente, sem time, sem treinador, sem vice de futebol, sem nada….

  • ROGERIO LANG diz: 9 de novembro de 2012

    Acho só tem uma solução,(TOLERANCIA ZERO)

  • Eduardo diz: 9 de novembro de 2012

    Fico decepcionado ao ler um comentário desse tipo na imprensa, ainda mais feito por um jornalista tão qualificado. Ao tratar bandidos com chibatadas, torturas e outros mecanismos similares, nos rebaixamos ao nível deles, e consequentemente rebaixamos a sociedade como um todo. Ou alguém realmente acha que a vida era melhor na idade média?
    Como foi que a Inglaterra reduziu drasticamente a violência das suas torcidas? Simplesmente APLICANDO AS LEIS EXISTENTES. Criou confusão? Vai pra cadeia. E depois que for solto, o delinquente é obrigado a se apresentar nas delegacias em dia de jogo. É só aplicar a lei, não precisa sair dando chibatada, guilhotinando ou enforcando em praça pública. Criminalidade se combate com aplicação de leis e com humanidade, não com mais selvageria.

  • elio miguel diz: 10 de novembro de 2012

    O Eduardo está brincando. Parece quenão conhece o país on de mora. Aplicar lei no Brasil? Recentemente o MP e a PF arquivaram o Inquérito contra o filho do Lula. Aquele que era pobre e ficou rico depois que o pai virou presidente. Não sabe o blogueiro que na Inglaterra as leis são aplicadas porque existe Poder Público atuante. Nova Iorque corrigiu a criminalidade, em parte, com a tolerância zero. Garantias constitucionais devem ter limites. Dignidade humana é para o ser humano. Quem mata, estupra, e vive à margem da sociedade, não é humano. Quem gosta de vandalismo, que adote um vândalo para si.

Envie seu Comentário