Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Semelhanças entre Lula e Luxemburgo

30 de abril de 2013 27

Luiz Inácio Lula da Silva será lembrado por ações grandiosas e positivas que promoveu na Presidência da República. Mas, igualmente, ninguém esquecerá de que ele foi o presidente do “não sei de nada”, sempre que escândalos estouravam no seu governo, muitas vezes na sala ao lado do seu gabinete, protagonizados por auxiliares diretos e da sua confiança. Nestes casos, sem o mínimo rubor, Lula virava os olhos, olhava para o alto e repetia a frase que o ex-presidente transformou em mantra: “Eu não sei de nada”.

E assim, reiterando a sua inocência, Lula atravessou o seu mandato incólume aos escândalos que incomodaram a opinião pública brasileira.

Vanderlei Luxemburgo é uma espécie de versão de Lula, na área do futebol.

Acostumado a envolver-se em confusões, nunca se ouviu de Luxemburgo qualquer ato de constrição. Segundo suas sempre generosas auto-avaliações, a culpa nunca é sua, apenas dos outros. Neste momento, a Conmebol puniu o treinador do Grêmio a seis jogos de suspensão pelos episódios de violência ocorridos no Chile após o jogo contra o Huachipato.

Sobre a pena recebida, Luxa repetiu as alegações de sempre: “Só o que fiz foi sair da confusão. Se peguei seis jogos por causa disso, acho um absurdo”. As imagens da televisão não são conclusivas, apenas mostram Luxemburgo se afastar rindo, em seguida caindo e sendo chutado por jogadores do adversário.

Se o treinador estiver falando a verdade, foi um caso de ódio espontâneo manifestado por agressões injustificadas. Luxemburgo não provocou os chilenos. Apenas precisou fugir, caiu e foi agredido. Luxa, como Lula, também não sabe de nada. É a inocência personificada de um bebê.

Bookmark and Share

Comentários (27)

  • maurino diz: 30 de abril de 2013

    Sou colorado. Mas para quem escala F. Aurelio e deixa Biteco de fora, tem que dar na unha mesmo.

  • Luiz Fernando diz: 30 de abril de 2013

    Todo mundo reclama da falta de iniciativa da Comebol em punir. Quando pune exemplarmente, como o caso merecia, é grita geral. Considerando o desempenho do Lixo, digo Luxa, à frente do Grêmio não seria má idéia o Depto. Jurídico do clube “se fingir de morto” e não entrar com defesa. Talvez seja bem melhor o Roger no comando.
    E cá entre nós: “vocêis sair de vacaciones”… só pode ter sido o “profexor”!!

  • Carlos Yomuri diz: 30 de abril de 2013

    A questao nao é essa Wianey.
    Puniram o Luxemburgo baseados em que provas?
    Suposicoes nao servem, pois fica o dito pelo nao dito. Palavra de um contra outro.
    Ver um time ser agredido (por provocacoes ou nao) e um tecnico e jogadores apanharem desse jeito e ainda serem punidos? Parece-me injustificavel.
    Se tiverem provas conclusivas, otimo. Se nao, quem teria que ser punido é o clubedono de um estadio que nao oferece condicoes de seguranca. Imagina se isso acontece na Arena!

  • gedeon Oliveira diz: 30 de abril de 2013

    Por favor, Wianey. Enquanto um técnico levanta suspeita em relação aos árbitros, é grosseiro na maioria da suas entrevistas, fala palavrões em microfone em plena transmissão ao vivo pela tv e, conforme comentário anterior teu, é chamado de bala azedinha que agrada. O outro caso: técnico é agredido a pontapés deitado no chão- se ele provocou, isto não justifica a agressão. Não gosto do trabalho, neste ano, do Wanderlei Luxemburgo mas, a tua comparação neste comentário é totalmente infeliz. Um abraço.

  • Matheus diz: 30 de abril de 2013

    Você é simplesmente repugnante e suas matérias são extremamente tendenciosas e maldosas! Os jogadores sul americanos sempre fazem esse tipo de coisas, o sr. sabe muito bem disso. A respeito da notícia do Portaluppi você jogou no ar só para torcida ficar, ainda mais, contra o time atual. Vergonhoso um “jornalista” desse nível!

  • Enio Hermann diz: 30 de abril de 2013

    Desse jeito vc toma o lugar do Reinaldo Azedo. Infeliz comentario de quem só nao entende nada nem de futebol e nem de politica.Zero pra ti.

  • Dinho diz: 30 de abril de 2013

    Perdeste uma baita oportunidade de ficar calado… como tu consegues escrever uma bobagem dessas? Por mais que alguém tenha falado alguma coisa provocativa, isso seria motivo para ser espancado? De que país tu viestes? Olho por cabeça, dente por boca? Isso não existe, nada justifica agressões desmensuradas. Quem apanha, perde o direito de se defender e quem bate é – praticamente – inocentado??? Por mais que tu tenhas tuas preferências clubísticas e não goste do treinador do Grêmio, é no mínimo ridículo te manifestares com essa parcialidade. A decisão da Conmebol foi absurda e não há nada que fundamente o arbítrio dessa entidade decadente. E nem entro muito no que tange a analogia com o ex-presidente. Tua análise parcial de leitor assíduo de Veja, bem como do teu próprio meio empregatício já espelham tua ideologia política.

  • Luiz Mosca diz: 30 de abril de 2013

    É impressionante o quanto tu deixa teu clube do coração tomar partido nos teus textos.
    Chega a ser tão irritante quanto ouvir o Batista comentando jogos do Grêmio.
    Me dei o trabalho de fazer um levantamento dos teus últimos posts.

    - Semelhanças entre Lula e Luxemburgo
    - Dunga é bala azedinha que agrada
    - Luxemburgo enrola e provoca
    - A Arena virou problema para o Grêmio
    - Grêmio quer pagar pelo que já foi seu
    - Estalo do chicote, esquema da Seleção
    - Vargas brilha e Brasil é vaiado
    - Luxemburgo se dá mal com a escassez
    - Falta comando moral no vestiário gremista
    - Grêmio decide no Alfredo Jaconi
    - Juan repete craques da Dupla
    - Gremista pesquisa e perde esperança
    - Inter segue mandando no Gauchão
    - Zé Roberto, modelo para o mundo
    - Colorados vão invadir o Centenário
    - Salários em dia
    - D’Alessandro apanha porque é bom e chorão
    - Grêmio atrasa salários?
    - Gladiador expulsa Moreno do Grêmio
    De 19 (DEZENOVE) posts, tu critica ou levanta polemicas sem base alguma em nada mais nada menos do que em 10. Ou seja, em mais da metade dos teus posts tu arruma uma maneira de gerar polêmica.
    Não estou aqui defendendo o Luxemburgo, pois acho que ele tem cometido alguns equívocos na sua forma de trabalho. Mas se eu analisar forma de trabalho, acho que tu na tua comete erros se não maiores, iguais.
    Pego como exemplo o teu posts sobre um suposto atraso de salário do Grêmio. COMO QUE UM JORNALISTA, UMA PESSOA QUE DEVERIA PASSAR INFORMAÇÃO, simplesmente um dia antes de um jogo decisivo, vem com suposições e acha que escrevendo que “não sabe se é ou não” está se defendendo?? Isso é jornalismo? E me dizer que isso é “jornalismo de opinião” não te isenta de nada. É a tua forma de dizer “não sei de nada”. Seria essa tua semelhança com o Lula também?
    O que fica muito fácil de perceber é a tua má vontade para com o Luxemburgo. Chega a passar a impressão de que é algo pessoal que tu tens contra ele. Chega ao ponto de sem ter qualquer algo que prove o contrário dar a entender de forma clara que o Luxemburgo fez mais do que disse no Chile. E pior, mesmo que ele tenha falado algo,
    tomar partido da parte que agride fisicamente, que parte para a violência é inaceitável. Ou tu acha que foi justa a punição? O agressor pega 1 jogo o agredido 6.
    Não da pra levar a sério esse tipo de jornalismo.

    Não vou aqui comentar a diferença de tratamento para com as “noticias” do teu clube do coração porque isso seria chover no molhado. São de uma parcialidade sem tamanho.

    No mais, o que me deixa mais tranquilo é que hoje as INFORMAÇÕES estão ao acesso de quem quiser. Não precisamos mais ficar reféns do que é dito por dizer, pra vender jornal ou pra ganhar clic.

    Não acredito muito que esse comentário seja publicado, mas enfim. Se foi lido já está de bom tamanho.

  • José diz: 30 de abril de 2013

    Acho q ele tem culpa no cartório. Saiu rindo. Mas vamos combinar q seis jogos é um absurdo. Um ou dois tava de bom tamanho.

  • Roberson diz: 30 de abril de 2013

    Concordo que é mto provável q o Luxemburgo tenha sim falado alguma coisa.

    Agora…independente disso, julgo como absurda a pena de seis jogos q ele levou. Na minha opinião, “provocação” não deveria nem render a possibilidade de pena. Ora, se começarmos com isso, não sobra ninguém no futebol.

    Quem ganha ou perde, tem o sagrado direito de falar oq quiser para o adversário. Não é uma provocação q justifica o tumulto todo q aconteceu.

    Então é assim? A partir de agora, se eu sou provocado, tenho o direito de agredir o adversário, covardemente? E o direito de armar uma confusão como aquela?

  • Luiz Antônio diz: 30 de abril de 2013

    Carlos Youmuri, sou colorado, mas concordo em gênero e grau contigo. Minha condição de torcedor adversário não me impede de te dar razão.

    Baseado em que provas Luxemburgo foi punido ?
    - Sorriso que exibia na televisão ?
    - Palavra dos que agrediram ?

    Mesmo que tenha falado alguma coisa, isso seria motivo para o que ocorreu, quase um massacre ?

    Não concordo com isso, acho que foi uma demasia, e minha condição de colorado não me impede de enxergar isso.

    um abraço !!!

  • Luiz Antônio diz: 30 de abril de 2013

    Luiz Fernando, se não estou enganado o Roger e o Douglas Grolli também foram punidos, o Roger parece que pegou mais jogos que o Luxemburgo (Parece que 8 partidas, o que o eliminaria da LA caso o Grêmio chegue até a final). O Luxemburgo pegou 6, voltaria em uma eventual e improvável (nesse momento…por tudo que estamos vendo acontecer) final.

  • gustavo diz: 30 de abril de 2013

    horrivel, o espaço ta virado em um papel higienico, sou, alias, fui leitor das “empresas” da empresa hoje leio uma coisa aqui outra ali, sobre futebol, porque é uma grande brincadeira e não dá pra levar muito a serio, quando os “colonistas” misturam opinião politica com futebol ai a coisa vai pro brejo…..luxa x lula é tipo messi x taison, antologico, na minha opinião uma das piores coisas que ja li……
    minha vó, se fosse viva te diria agora ” vai lavar essa boca muleque”

  • Campeão de novo diz: 30 de abril de 2013

    grêminho time sem. Sem treinador;
    sem jogador que decide; sem presidente;
    sem estádio; sem desculpa. Apenas culpam
    os outros. Coisa time PEQUENO, como de
    fato o grêmio o É.

  • Campeão de novo diz: 30 de abril de 2013

    grêminho time sem. Sem treinador;
    sem jogador que decide; sem presidente;
    sem estádio; sem desculpa. Apenas culpam
    os outros. Coisa time PEQUENO, como de
    fato o grêmio o É. Parece que o INTERNACIONAL
    não possui mais rival, eles simplesmente
    desapareceram.

  • Maturana diz: 30 de abril de 2013

    Alguém sabe informar se a ED LOKA morreu ???

  • Isento diz: 30 de abril de 2013

    excelente post do Sr Luiz Mosca… escrevi esses dias que o WC tinha perdido mais um ponto com aquele blog sobre salários, que achei de uma leviandade sem precedentes, e agora sai com essa de ficar do lado do agressor!!! É de uma falta de critério, qdo a torcida agride jogadores é o primeiro a falar do absurdo que é, que tem que protestar de outra maneira, agora acha que luxemburgo merecia a agressão por ter dado uma corneta? WC, perdestes mais 1 ponto. (está começando a ficar abaixo da média)!!!

  • Ingo Norante diz: 30 de abril de 2013

    Os comentários contra o Wianey demonstram como machuca o “suplício da inferioridade”.
    Tem até um Moscão que se deu ao trabalho de arrolar os últimos posts do Wianey.
    Sou colorado, campeão de tudo, e nem por isso menosprezo o Sant’ Ana, um GREMISTA que entende de futebol e outras matérias.
    Mas, como disse Pascal: Le coeur a ses raisons que la raison ne connait pas.

  • mauri diz: 30 de abril de 2013

    Parabéns Luiz Mosca, foi perfeito em teu comentário, disse tudo.

  • Luciano diz: 30 de abril de 2013

    Aí pessoal, o negócio é o seguinte: blog é lugar para opinar e ler a opinião dos outros. Não sou jornalista e nem tenho procuração para defender quem quer que seja, mas a verdade é que em blog a opinião é livre, quem não quiser se arriscar a ler uma opinião desabonadora do seu time, que não acesse blog. Vai, sei lá, pro saite do seu clube, que lá só vai ter opinião boa. Além disso, polêmica é a matéria-prima dos blogs de jornalistas, não dá pra se “envenenar” com isso. Muitas vezes, uma polêmica pertinente e oportuna pode alavancar (alavancar, não resolver) um time de futebol.

  • Ricardo diz: 30 de abril de 2013

    Menos seu Wianey, menos! Teu coloradiasmo te trai. Passas na frente de uma pessoa e dizes pra alguém, se vagabundo! Aí este alguém vai pra cima de ti e te agride. O quê farias? Irias até à polícia pra fazer o BO. Dias após a polícia aparece na tua casa e te prende. Com certeza perguntarias; sob acuasação de quê estás sendo preso? Aí os policiais te dizem, não te interessa, apanhastes e vais preso mesmo assim!
    Irias fazer o quê? É isto o que está acontecendo, onde estão as acusações, quais as provas para uma pena tão pesada? Esta Comenbol está demonstrando que é uma casa
    sem lei. Quem só se defendeu é culpado, os agressoares são inocentes. Esta contradição é de levar à FIFA, mas para isto o Grêmio necessitaria da força da CBF.
    Cá pra nós, esta entidade só ajuda os clubes do eixo Rio-São Paulo! Foi assim com o Corínthians, deixou baixar a poeira e tudo ficou por isso mesmo. A justiça da Comenbol é igual ao “Far West”, mexicano é claro! Por quê não berras com a roubalheira contra o Grêmio? Tu junto com toda a omprensa gaúcha é saturada de colorados mal-intencionados!

  • gilmar diz: 30 de abril de 2013

    Nós colorados, apoiamos incondicionalmente o Luxemburgo, ele é um excelente treinador e está sendo injustiçado pela imprensa e pela torcida do gremico. Como querem cobrar resultados dele, se esse clube tem na sua essencia a vocação para ser segundino. Na verdade ele está fazendo com que o gremico siga a sua sina.

  • Márcio diz: 1 de maio de 2013

    Caro Wianey. Moro em Goiânia, acompanho a Radio Gaúcha e Jornal Zero Hora. Pelo Grêmio é claro. É uma pena que a crítica seja feita em cima das meias verdades. Um exemplo disso é o jogo do Juventude contra o Grêmio. Certamente o seu comentário seria totalmente diferente no intervalo da partida se o Grêmio estivesse ganhando de 2 X 0. E isso só não foi possível pois tínhamos uma arbitragem tendenciosa roubando o time do Grêmio. O Dione nem deu seu depoimento no intervalo, tamanho problema para vcs da impressa para dizer a verdade. Malandramente, por saber do ibope que o Grêmio dá (é simplesmente o dobro da torcida do Inter) vcs ficam polemizando tudo o que se passa. O que dizer do Novelletto que é colorado e, por conta disso, temos uma arbitragem favorecendo o Inter no regional do Rio Grande do Sul. Eu assisto aos jogos no mudo para não ouvir a imprensa paulista falando aberrações durante a partida. Infelizmente, estou quase concluindo que assim é também a imprensa gaúcha. Começando por você.

  • LUIZ diz: 1 de maio de 2013

    Ô Maturana, o LOKA, gazelinha doida, só aparece nas boas. Deve tá em casa se rasgando e roendo o cantinho das unhas prá não tirar o esmalte.

  • elio miguel diz: 1 de maio de 2013

    Wianey, isso é plágio. Mandei um texto para ti, e não publicaste, depois mandei ao Nando e ele publicou, falando da comparação do Lula com o Luxa. Ambos são safados, doutores em sofismas e têm a maioria ao seu lado, pois a maioria é feita de tolos. O pessoal que aqui te critica, podes ter certeza, não é por causa do Luxa.

  • Felipe Wenzel diz: 1 de maio de 2013

    É o jornalismo isento e imparcial recorrente do blogueiro, sempre tem um veneno contra o treinador gremistas(muitas vezes procedentes), mas quando se torna um exercício diário, fica claro que se trata de uma perseguição. O cara foi agredido caído no chão, e levou 6 jogos quem correu atrás e começou de fato a briga levou um jogo(técnico do Huachipato). Isso não mereceu do blogueiro nenhuma consideração. Wianey”rubro” Carlet, um pouco de caráter não faz mal, fica a dica.

    Toda coluna ironias contra o Grêmio ou seus funcionários…é dose.

  • André Gremistão diz: 2 de maio de 2013

    É isso ai Enio Hermann e como dizia o Chaves: “Ai que burro da zero pra ele”.
    Abraços

Envie seu Comentário