Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Felipão sonha, mas não muito

30 de setembro de 2014 2

Foto: Lauro Alves/Agência RBSFoto: Lauro Alves/Agência RBS

Luiz Felipe Scolari sonha, mas não muito. Neste momento, o treinador gremista mira uma vaga para a Libertadores. Depois, se for possível, se inscreverá como disputante do título. Sábado, Scolari tentará invadir o território sagrado do G-4.

Para derrotar o São Paulo, dirigentes e homens do vestiário gremista não esperam menos do que 40 mil espectadores, na Arena. Como o Inter enfrentará o Cruzeiro, no Mineirão, esta será a rodada mais grandiosa para a Dupla, até agora.

Bookmark and Share

Jogo do Inter contra o Cruzeiro será uma final antecipada

30 de setembro de 2014 7

Foto: Ricardo Duarte/Agência RBSFoto: Ricardo Duarte/Agência RBS

Abel não quer onerar o time considerando o jogo contra o Cruzeiro como uma final antecipada. O treinador pode estar certo, mas sua posição mais parece vacina contra uma eventual, talvez provável, derrota em Belo Horizonte.

Para pensar em título, o Inter precisa recuperar os três pontos que perdeu para o Cruzeiro, em Caxias do Sul. Não pode pensar em ser campeão se dando mal duas vezes diante do líder da competição. A posição de Abel, contudo, poderá ter mínima ou até nenhuma repercussão no vestiário.

Os jogadores colorados são inteligentes o suficiente para admitir que não basta apenas vencer adversários que estejam na ponta debaixo da tabela. Para disputar o título ou, mesmo, uma vaga para a Libertadores, será indispensável buscar pontos em confrontos contra adversários bem classificados. Quer o Abel queira ou não, o jogo contra o Cruzeiro será, sim, uma final antecipada. O resultado será decisivo na disputa pelo título.

Bookmark and Share

Inter está longe de inspirar confiança

29 de setembro de 2014 26

 

Foto: Mauro Vieira/Agência RBSFoto: Mauro Vieira/Agência RBS

Fazer quatro gols no lanterna do Brasileirão não passou de obrigação que o Inter cumpriu adequadamente. Mas levar dois gols, ser surpreendido com duas bolas na trave e ver Dida sendo obrigado a fazer, pelo menos, duas defesas importantes, são sintomas de que o time está longe de inspirar confiança.

Sasha melhorou o ataque, sem dúvida, mas o meio-campo continua marcando mal e errando muitos passes enquanto a defesa é capaz de se atrapalhar em cobranças de escanteios e investidas dos rivais pelos lados, principalmente. Falta organização ao time.

A vice-liderança não deve esconder as precariedades da equipe para não produzir frustrações quando os adversários forem mais fortes. E eles virão em seguida.

Bookmark and Share

O Grêmio é campeão carioca

28 de setembro de 2014 21

Se o Grêmio estivesse disputando o campeonato do Rio de Janeiro teria dado volta olímpica no Maracanã, neste domingo. Neste certame nacional, o time de Luiz Felipe Scolari não provou derrota contra equipes cariocas. Contra o Botafogo, não apenas venceu como mandou no jogo do primeiro ao último minuto. Barcos, que já marcou sete gols contra o Botafogo, este ano, fez os dois gols da vitória. Zé Roberto, o quarentão que satisfaz, deu aula de futebol e Marcelo Grohe confirmou que nenhum goleiro brasileiro em atividade está jogando melhor do que ele. Fez defesas empolgantes enquanto no outro extremo do campo o goleiro titular da Seleção Brasileira pressentia que o seu grande rival estava no gol do Grêmio.

Mais uma vez, Scolari escalou três volantes e mandou no jogo. O Botafogo, sem salários e na zona da degola, teve que se conformar com o resultado. E a torcida botafoguense foi para casa sofrendo e sem esperanças. O Grêmio ainda não conseguiu entrar no G-4 mas poderá ingressar neste grupo privilegiado no próximo sábado, quando pega o São Paulo, na Arena.

Confira como ficou a classificação do Brasileirão

Bookmark and Share

Depenar o Galo é preciso

14 de setembro de 2014 6

Foto: Lucas Uebel/Grêmio, DivulgaçãoFoto: Lucas Uebel/Grêmio, Divulgação

O Grêmio de Barcos (foto) foi desalojado do G-4 pela vitória do Corinthians sobre o Atlético-MG, adversário do Grêmio desta rodada. O Galo Mineiro está com 30 pontos, quatro menos que o Grêmio. Se conseguir derrotar o time do Felipão, fará com que o Grêmio estacione onde está e ainda se tornará um novo concorrente por vaga no G-4. É jogo de seis pontos.

O Grêmio teve excelente desempenho contra o Flamengo, no Maracanã, mas minguou na Arena, contra o Atlético-PR. Como toda a equipe em formação, está sujeita a oscilações. Em Belo Horizonte, precisará repetir a performance do Maracanã. Depenar o Galo é preciso.

Bookmark and Share

Inter x Botafogo: é agora ou nunca

14 de setembro de 2014 3

Foto: Jefferson Botega/Agência RBSFoto: Jefferson Botega/Agência RBS

Penso que o Internacional não pode se queixar da sorte. Pelo contrário, pois após quatro derrotas ainda permanece no G- 4. A privilegiada posição decorre da gordura que o time conseguiu acumular permitindo que os colorados ainda sonhem com vaga na Libertadores.

É verdade que para atingir este objetivo será indispensável recomeçar a ganhar. Grêmio, Fluminense e até o Sport estão grudados no Inter, forçando passagem. Para se manter na quarta posição e ainda pretender subir um pouco mais, terá que vencer o Botafogo, no Beira-Rio. Não será tarefa fácil.

O Inter está com a sua autoestima abalada, a torcida suspeitosa e até os adversários, diante da hora complicada, crescem diante do time de Abel. São muitos obstáculos a serem superados. Mas, terá que ser vencendo, somando pontos que o Inter fugirá da incômoda situação de comer poeira perdendo concorrentes de vista. É agora ou nunca.

Sem vaias

Também os colorados precisarão entrar em campo neste domingo, com todas as suas forças positivas. O time colorado conseguirá ultrapassar o seu estado de desmoralização se contar com uma torcida afetuosa, parceira e capaz de incentivar deixando para vaiar depois do jogo, se assim quiser. Uma coisa é certa: o Inter não conseguirá vencer se tiver que enfrentar o Botafogo e a sua própria gente.

Voltas

Aránguiz (foto acima) e Alex estão de volta ao time. O Inter, com eles, pode melhorar. Mas, será preciso que D´Alessandro também volte. Nos últimos jogos, o maestro colorado demonstrou tanta apatia que mais parecia um homem prostrado diante de dificuldades que não consegue vencer. O Inter, comissão técnica e dirigentes, precisam descobrir qual é o mal que aflige D´Ale. Da maneira que ele está jogando, mais indicado seria que ficasse sentado no banco de reservas.

Bookmark and Share

Quanto mais Abel fecha os treinos, menos o time joga

12 de setembro de 2014 18

Foto: Bruno Alencastro/Agência RBSFoto: Bruno Alencastro/Agência RBS

Um dos grandes mistérios colorados são os treinamentos fechados. O que será que Abel Braga tenta proteger dos olhares da imprensa? Quanto mais fecha os treinos, menos o time joga. Os portões fechados do Beira-Rio, parece, escondem o jogo do Inter, também.

 

 

 

 

Bookmark and Share

D'Alessandro parece desanimado

12 de setembro de 2014 17

Foto: Alexandre Lops/Inter, DivulgaçãoFoto: Alexandre Lops/Inter, Divulgação

Já me disseram que D’Alessandro está cansado. Não acredito. O argentino fez boa pré-temporada, descansou 40 dias durante a Copa e produz menos a cada jogo. A causa do seu declínio não deve ser o cansaço. D’Ale mostra-se desanimado. Nem discutir com árbitros e adversários ele discute. É outro D’Alessandro que vem jogando (?).

Bookmark and Share

Quatro adolescentes formam o setor mais importante do Grêmio

12 de setembro de 2014 5

 

Foto: Lucas Uebel/Grêmio, DivulgaçãoFoto: Lucas Uebel/Grêmio, Divulgação

O fato é quase inacreditável mas está acontecendo sob os nossos olhos. O meio-campo do Grêmio, contra o Atlético-PR, esteve formado por quatro garotos: Walace, Ramiro (foto acima), Matheus Biteco e Luan. Entre eles, um “veterano”: Ramiro, com seus imberbes 21 anos. É isso mesmo. Quatro adolescentes formando o setor mais importante do time.

A falta de entrosamento e inexperiência pesam e ainda pesarão por algum tempo. Mas, é imperioso reconhecer a coragem e visão de garimpeiro de Luiz Felipe Scolari. Há uma creche no miolo da equipe gremista. O quarteto de piás precisará de tempo para amadurecer e se afirmar mas a amostragem é promissora. O futuro do Grêmio anda de calças curtas.

Bookmark and Share

Felipão deve manter os três volantes em jogos na Arena?

10 de setembro de 2014 7

Foto: Lucas Uebel/Grêmio, DivulgaçãoFoto: Lucas Uebel/Grêmio, Divulgação

Perguntam-me se Felipão deve manter os três volantes em jogos na Arena. Respondo que sim, desde que esteja demonstrado que o trio escolhido faça mais do que vigiar o adversário. Insistência na escalação e formatação tática acabam resultando em time entrosado e forte coletivamente. O treinador do Grêmio pode repetir o desenho tático do Maracanã, que nenhum gremista ficará brabo.

Bookmark and Share

Inter tem a obrigação de vencer o Vitória

10 de setembro de 2014 6

Foto: Alexandre Lops/Inter, DivulgaçãoFoto: Alexandre Lops/Inter, Divulgação

Nenhum clube tem menos pontos do que o Vitória, lanterna do campeonato. Seria presa fácil para o Inter se o time de Abel não estivesse se acostumando a se apequenar quando menos se espera. Vencendo, nesta noite, 22 horas, o Inter mantém-se no G-4, neste momento, o seu mais possível objetivo. Porém, se repetir dolorosas atuações como a de domingo, poderá despencar na tabela, desanimar e perder a autoconfiança. Hoje, é dia de vitória obrigatória.

Perdas
Willians e Alex não enfrentam o Vitória. Os substitutos dos dois jogadores são quase óbvios: Bertotto e Valdívia. Serão para Abel?

Bookmark and Share

Grêmio já é um time robusto

09 de setembro de 2014 12

Foto: Lauro Alves/Agência RBSFoto: Lauro Alves/Agência RBS

O Grêmio não tem um grande time, acho que até os gremistas concordam. Mas é inquestionável que passou por uma recauchutagem e está com outra cara.

O jogo contra o Flamengo foi emblemático. Deveria ser arquivado para consultas. Não deu show, ninguém pareceu ou quis fazer coisas acima das suas aptidões, mas foi exemplar no cumprimento do quesito esporte coletivo.

Quando um time parece ter mais de 11 jogadores em campo, caso do Grêmio, sábado, é porque todos estão empenhados na solidariedade que torna um time forte.

O Grêmio já é um time robusto, de inegável força coletiva. Já está com a cara de Felipão dos bons tempos. Se for mantido o espírito e a organização do Maracanã, poderá até ter um bom Papai Noel.

Bookmark and Share

Os volantes do Inter pensam que são reedições de Falcão

09 de setembro de 2014 16

Foto: Alexandre Lops/Inter, DivulgaçãoFoto: Alexandre Lops/Inter, Divulgação
Os volantes do Inter são bons, mas pensam que são reedições de Falcão e outros do gênero. Avançam e deixam a defesa desprotegida.

O time é lento, mas mesmo assim Valdívia, um meia irrequieto, driblador e rápido não recebe uma sequência de jogos.

Leandro é do tipo vagalume: acende e apaga, mas não mantém sua luminosidade também por falta de mais oportunidades. De Aylon nem cabe falar. Esquecer o garoto na reserva privilegiando Rafael Moura e Wellington Paulista (melhor do que Moura) é decisão difícil de ser entendida.

E Bertotto, que enfrentou o São Paulo com boa performance e, mesmo assim, sumiu? Os emergentes indicam que da base colorada nada presta.

Bookmark and Share

É uma questão de tempo para que Dunga chame Grohe

08 de setembro de 2014 14

Foto: Fernando GomesFoto: Fernando Gomes

É uma questão de tempo para que Dunga chame Marcelo Grohe para integrar a Seleção Brasileira. Se antes Grohe apresentava problemas nas saídas de gol, hoje o que se vê é o goleiro se impondo nas bolas altas com a serenidade de um craque. É jogador de Seleção.

Desistir jamais
Não acontece todos os dias de um jogo de futebol ser tão competitivo, com poucas faltas e sobra de lealdade. Foi o que aconteceu sábado à noite, no Maracanã. Luiz Felipe Scolari e Vanderlei Luxemburgo armaram os seus times para marcar muito e, principalmente, não perder.

O jogo foi caracterizado por uma disputa tática em que os jogadores deram exemplar demonstração de disciplina e respeito às orientações dos seus treinadores. Foi uma bela partida de futebol que o Grêmio venceu, no final do jogo, como poderia o Flamengo ter saído de campo com a vitória.

Derrotar um adversário que somava apenas vitórias nos últimos jogos e diante de 60 mil torcedores contrários foi uma proeza que o Grêmio cometeu reprisando os anos de 1990, quando vencia porque se negava a perder. Vitória da persistência.

Destaques
O jogo entre Flamengo e Grêmio não teve uma individualidade que se destacasse. Mas no Grêmio, vários jogadores poderiam ser indicados para o título de melhor jogador em campo. Marcelo Grohe, mais uma vez, salvou o Grêmio com algumas defesas espetaculares. Rhodolfo teve uma atuação que beirou a perfeição e os garotos Wallace e Mateus Biteco garantiram o enfrentamento ao time do Flamengo. Na equipe carioca, destacaram-se Léo Moura, Chicão, Márcio Araújo e Canteros.

Bookmark and Share

Jogo no Beira-Rio é para encurtar distância do Cruzeiro

07 de setembro de 2014 8

Foto: Alexandre Lops/Inter, DivulgaçãoFoto: Alexandre Lops/Inter, Divulgação

O Inter terá neste domingo uma especial possibilidade de encurtar a distância que o separa do Cruzeiro, líder do Brasileirão. Ainda que não se possa proclamar como improvável uma vitória dos mineiros contra o Fluminense, no Rio de Janeiro, é razoável prever muitas dificuldades do Cruzeiro contra o Fluminense, um dos bons times deste campeonato. Tampouco cabe projetar como inevitável uma vitória do Inter contra o Figueirense, no Beira-Rio. Mas quem duvida que o time dos gaúchos seja favorito? Qualquer projeção lógica indica que o Inter poderá encerrar a rodada três pontos mais próximo do Cruzeiro. Possível e necessário.

Bookmark and Share