Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts com a tag "árvore"

Tristeza na Gonçalo de Carvalho

05 de setembro de 2012 14

Paulo Renato Rodrigues, do Conselho de Blogueiros

Tristeza sem fim! Esse é o sentimento que tomou conta dos moradores da Rua Gonçalo de Carvalho após o corte, na última segunda-feira, 03, de uma centenária árvore tipuana, localizada próxima à saída de carros do estacionamento do Shopping Total. Essa árvore, inclusive, era símbolo do movimento dos moradores da Gonçalo pela defesa da preservação das características da rua.

A árvore vinha apresentando problemas, principalmente a partir do lamentável episódio patrocinado pelos “emos” da colocação de fogo numa parte oca da mesma. Ficou para os moradores o sentimento de que a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam) poderia ter feito mais pela recuperação dessa árvore.

Para César Cardia, do blog Amigos da Gonçalo de Carvalho, “várias providências foram pedidas à Smam, que é quem tem a obrigação de fazer a manutenção e manejo das árvores. Isso está bem claro no próprio decreto do executivo que declarou a rua como Patrimônio Cultural, Histórico, Ecológico e Ambiental da cidade. Foram feitos telefonemas, enviados e-mails e pedidos sempre que alguém da Smam era identificado por nós. Agora veio a solução da SMAM, de que nada mais podia ser feito para salvar a árvore, ela teria que ser “removida”. Claro que ninguém queria ver a árvore cair, especialmente em cima de pessoas que circulam pelo local, mas será que não teria sido possível tratar a árvore se a Smam tivesse feito sua obrigação em tempo hábil?”.

A verdade é que em qualquer lugar do mundo as pessoas lutam pela preservação das árvores, ainda mais numa rua que é considerada “a mais bonita do mundo” e que virou atração turística internacional. Mesmo que tenha sido replantada outra árvore no local, a pergunta que mais perturba os moradores é quanto tempo vai demorar para essa árvore atingir o porte das demais? O assunto inclusive já ganhou repercussão internacional, com a manifestação, no último dia 04, do blog sombra verde de Portugal .

Preocupada com o tema e o futuro dos túneis verdes, A Associação dos Moradores da Gonçalo de Carvalho pediu audiência à SMAM, mas ainda não obteve agenda.

CONTRAPONTO

O que diz a Smam

Trata-se de uma árvore antiga, em processo natural de degeneração.

— Em maio de 2011, a Smam realizou poda de levantamento da copa na Tipuana da Gonçalo de Carvalho, objetivando diminuir o peso dos galhos e evitar maior inclinação do tronco.

— Ainda em maio de 2011, o Corpo de Bombeiros da Brigada Militar enviou Ofício à Smam, solicitando providências em relação à referida árvore, por haver risco de queda, ainda que não emergencial.

— Desde então, o vegetal vem sendo monitorado pela equipe técnica da Smam, visando evitar a remoção.

— Em setembro de 2011 foi realizada nova poda.

— Em maio de 2012, nova avaliação técnica constatou a necrose do tronco, sugerindo remoção por medida de segurança. O parecer favorável à remoção foi expedido por dois técnicos, engenheiros agrônomos.

Está correta a afirmação dos moradores de que cabe à Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam) fazer o manejo das árvores. Pelo breve histórico repassado, é possível perceber que foi justamente esse trabalho de acompanhamento e zelo o realizado. Existiam realmente pedidos protocolados de vistoria pra o endereço, conforme afirmam os reclamantes. Esses pedidos foram atendidos, com vistoria e poda, quando necessário. Uma árvore é um ser vivo, com um ciclo de vida que se encerra. A Tipuana da Gonçalo de Carvalho era uma árvore antiga, em processo natural de degeneração.



Árvore colorida no Auxiliadora

05 de setembro de 2012 0

Por Úrsula P. Dutra Christini, do Conselho de Blogueiros

Em julho, a blogueira Miréia nos mostrou o trabalho da artista plástica Letícia Matos. Gaúcha que mora em São Paulo, estava em Porto Alegre espalhando sua arte pelas ruas do Moinhos, com lãs e pompons aquecendo os postes da região. Infelizmente, o trabalho foi depredado, segundo a blogueira, por alguém sem educação.

Mas após conhecer esse trabalho, via blog, passando pela Eudoro Berlink, na altura da Mariland, deparei-me com uma bela árvore toda revestida por lãs coloridas. Para minha surpresa, essa arte não é a mesma da retratada em julho. Foi apenas uma ideia da proprietária que resolveu chamar a atenção para o seu comércio. Não tive a oportunidade de conhecê-la, mas pelo visto é mais uma pessoa que conhece a alquimia da arte.

E até agora, talvez por sorte, apenas pessoas com educação passaram por sua bela árvore colorida no Bairro Auxiliadora. Ninguém a depredou. Seja como for, está aí mais um exemplo de arte e de apreciação da mesma.


Por risco de queda, árvore será removida na Gonçalo de Carvalho

31 de agosto de 2012 0

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam) removerá nesta segunda-feira, dia 3, uma tipuana que oferece risco às pessoas na Rua Gonçalo de Carvalho. A intervenção será realizada a partir das 8h. O vegetal encontra-se próximo à cancela de acesso de veículos e pedestres do Shopping Total, podendo tombar e causar acidentes.

Trata-se de uma árvore de grande porte, com 23 metros de altura, com necrose no tronco. Por apresentar inclinação do tronco e copa desequilibrada, a avaliação técnica é de que há alto risco de queda.

A remoção será compensada com o plantio de outra árvore, da mesma espécie, próximo ao local original. Para execução dos serviços, será necessário o uso de caminhão cesto e interrupção do trânsito.

Foto: Sérgio Louruz/Divulgação PMPA

Árvore tombada no Parcão

31 de agosto de 2012 3

Por Simone Guardiola, do Conselho de Blogueiros

Porto Alegre, Parcão, 14h45min do dia 19 de agosto. Esperando a concentração da bicicletada em prol de ciclovias nesta cidade, assisti ao inusitado. Escutei um barulhão. Faleceu uma árvore e desabou ali, sem dó e nem piedade…

Ao menos não tinha ninguém por perto ou abaixo dela. Detalhe: percebia-se que ela havia sido podada recentemente. E, pela foto, pode-se perceber que as raízes estavam rasas. Como não viram isso durante a poda?

CONTRAPONTO: O que diz a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam)

“A árvore que tombou no Parque Moinhos de Vento tratava-se de um salseiro seco, cujo ciclo de vida havia se encerrado. A remoção estava programada, assim como a de outro salseiro, a qual foi divulgada na imprensa e realizada em 23 de agosto. Para execução dos serviços, foi utilizado caminhão com sistema hidráulico para movimentação, içamento e remoção. A remoção será compensada com plantios de novas mudas em outros espaços do parque. Como este tipo de trabalho envolve equipamentos específicos e operários treinados para sua execução, por se diferenciar do trabalho de podas, é preciso agendá-lo. No caso referido, ocorreu a fatalidade do vegetal tombar antes da intervenção da Smam. Ressalte-se, porém, que a árvore não recebeu poda, nem de galhos, tampouco de raízes. Tratava-se de um vegetal já morto. Toda vegetação do Parque Moinhos de Vento está sob constante avaliação da equipe que zela pelo local.”