Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Floricultura conquista há 123 anos

03 de dezembro de 2009 8

Floricultura Winge, uma tradição na Zona Sul

Orquídeas chamam a atençãoA floricultura Winge, localizada na Rua Dr. Mário Totta, 963, bairro Tristeza, há 123 anos abre as portas para moradores da região e para admiradores de plantas. No estabelecimento há cultivo de flores, venda de vasos, artigos para jardinagem, enfeites para o jardim e produção de insumo.

A floricultura é administrada sob os cuidados de Walter Luiz Winge, que dedica todo o tempo para atuar nos negócios. Em 1886, o bisavô de Walter, Joseph Winge, fundou a floricultura com um viveiro de frutíferas, passando para plantas ornamentais. Depois disso, houve progressos quanto à técnica de cultivar flores. Hoje, a floricultura está na quarta geração.

Localizada em um terreno de 33 mil metros quadrados, a Winge conta com um quadro de profissionais para manter organização e proporcionar qualidade aos clientes.  

Engenheira agrônoma Fernanda, funcionária da floricultura

Pinheiros são destaque na loja no final de ano- Estamos com 21 funcionários auxiliando na floricultura. Eles fazem manutenção das plantas e dos vasos – informa Fernanda Costa Martins (foto acima), engenheira agronôma e funcionária da floricultura.

Na Winge, a diversidade de plantas chama a atenção.

- Há milhares de plantas, não há um número aproximado, porque saem e chegam muitas espécies. Algumas delas são sazonais e outras são perenes, como as árvores. Então, depende muito da estação. No entanto, há algumas orquídeas raras, árvores nativas e plantas carnívoras também. Há  variedades de frutíferas e de cactos – destaca Fernanda.

Vasos também são vendidos no localA floricultura, que se tornou referência na zona sul de Porto Alegre, agrada ao público de diversas classes. Os frequentadores do local costumam contemplar as belezas da floricultura no término do dia. Além disso, não deixam de visitar aos finais de semana, principalmente no sábado, dia de maior visitação.

- O público se torna fiel. Tem gente que chega aqui e quer ser atendido sempre pelo mesmo vendedor. Alguns dos funcionários têm mais de 20 anos de experiência. Então, há essa relação vendedor e público – revela Fernanda Costa Martins.

Os moradores da Zona Sul também apreciam a qualidade dos produtos.

- Compro aqui há oito anos aproximadamente, pois é perto de casa. O que mais me chama a atenção é a qualidade das flores. O atendimento também é muito bom – destaca Maria da Graça Polidorio (foto abaixo), dona de casa.

Para maiores informações, o telefone para contato é 3268-4880 e o e-mail é cursos.winge@terra.com.br

Maria da Graça escolhe flores para sua casa

*Morgana Gualdi Laux, Conselho de Blogueiros

Comentários (8)

  • Gustavo Maciel diz: 4 de dezembro de 2009

    Belo post!
    Moro bem pertinha do floricultura e sei bem da beleza e da importância que ela tem para o bairro. Em meio essa urbanização desenfreada que vem acontecendo por aqui e uma diminuição das áreas verdes, por consequência, a Winge mantém um papel muito importante na manutenção dessas áreas, por ocupar praticamente toda quadra.
    Parabéns!

  • Morgana Laux diz: 4 de dezembro de 2009

    Realmente Gustavo, além da Winge ser bela, também tem um papel, uma importância imensa para a Zona Sul.

    Agradeço pelo comentário!

  • claudia bins diz: 4 de dezembro de 2009

    eu sou cliente antes mesmo de vir morar no bairro. O atendimento é excepcional, sempre muito atenciosos e as flores e plantas são lindas. Bela homenagem à essa floricultura que é um dos marcos da Zona Sul. Parabéns!

  • Claudia Oliveira diz: 27 de abril de 2012

    É verdade que agora tem um Café na floricultura?

  • Alessandro diz: 16 de junho de 2012

    Acho que fui ao lugar errado, então. Tive lá e perguntei se tinha buques. Parece que eu estava perguntamndo algo absurdo. Falei com duas funcionarias, que chamaram mais um que não veio. Fui embora e comprei na Armelin, onde fui muito bem atendido.
    Não volto mais, com essa falta de vontade dessas senhoras.

  • cristiane rangel reichmann diz: 21 de junho de 2012

    Gostaria de saber, se voces tem a arvore sakura, gostaria de ter uma e saber como se cultiva, adoro ver as fotos do japao as arvores floridas no verão, e será q esta arvore vai conseguir sobreviver a o nosso clima, agradeço desde já Obrigada

  • Marilene diz: 4 de setembro de 2012

    Gostaria de saber se floricultura vai funcionar no dia 07 de setembro e qual o horário.

    Atentamente, Marilene

  • Maria Angelina ten Caten diz: 26 de novembro de 2012

    Minha filha mora aí pertinho em Ipanema e sempre passava por esta floricultura ao buscar meu netinho na Interagir. Moro na praia, e gostaria de saber se vocês tem caixas de onze horas, daquelas grandes(mais resistentes). Viajo amanhã à Porto Alegre e gostaria de comprar! Obrigada! M. Angelina ten Caten

Envie seu Comentário