Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Tendência - Empresas gaúchas usam Whatsapp para fechar negócio com clientes e fornecedores

08 de agosto de 2016 0

Quadro Fique de Olho, no Destaque Econômico.

Por Mariana Ceccon (mariana.ceccon@rdgaucha.com.br)

===

O WhatsApp tem 100 milhões de usuários no Brasil e ganha espaço no dia a dia das empresas. Virou ferramenta básica de trabalho.

O agricultor Sidnei Santos sabe bem. Ele é coordenador do grupo Aromas e Sabores do Campo, que produz, comercializa e entrega alimentos orgânicos na casa dos clientes.

Toda semana, uma tabela com a lista de produtos disponíveis para venda é publicada no Facebook do grupo. O cliente pode fazer a encomenda via próprio Facebook, por e-mail, telefone ou Whatsapp. Adivinha qual é o canal preferido da clientela?

- No início, imaginávamos que os clientes ligariam para fazer os pedidos e também utilizariam o e-mail ou o Facebook. Mas a grande maioria tem preferido o Whatsapp. Acho que por uma questão de praticidade né? Muitos clientes tiram foto da lista de pedidos e nos mandam. Na média, 95% dos pedidos vem por Whatsapp; 2% via Facebook e 1% por e-mail. – explicou o agricultor.

 

whats aroma

 

Ao perceber a preferência pelo Whatsapp, além de postar no Facebook, o grupo Aromas e Sabores do Campo passou a enviar, individualmente, para os 230 clientes cadastrados a lista dos produtos orgânicos que estão à venda na semana. Depois de feita a entrega, é enviada uma mensagem para o cliente perguntando se ele ficou satisfeito com o produto.

Seguindo essa tendência, a marca gaúcha Rabusch também implementou o Whatsapp na rotina dos negócios. A Rabusch usa o aplicativo de duas formas: contato com as clientes e comunicação interna entre os funcionários, como explica o gerente de marketing Miltinho Talaveira.

- Cada gerente de cada loja tem uma lista de contatos das clientes. A área de marketing cria ações, imagens, vídeos e promoções específicas para o uso da ferramenta Whatsapp. Mas o mais legal disso é a forma como a gente se comunica internamente. Temos um grupo com todas as gerentes das lojas. Elas trocam informações sobre produtos. Por exemplo, um produto que uma cliente está procurando e não tem na loja do Iguatemi, mas tem na loja do Praia de Belas. O contato é feito via Whatsapp e depois o produto é enviado de uma loja para outra, assim a cliente sai satisfeita. – detalhou o gerente de marketing.

 

WhatsApp Image rabusch

Para se adequar a essa realidade, foi comprado para cada loja da Rabusch um dispositivo móvel com o Whatsapp instalado. Há também uma preocupação com a qualidade do sinal de wi-fi dos estabelecimentos.

Além disso, as gerentes receberam treinamento sobre como usar a ferramenta e dicas para padronizar as mensagens. Ainda conforme o gerente de marketing, a grande vantagem é o estreitamento das relações entre a loja e as clientes e entre os funcionários.

Ouça o Destaque Econômico, na Rádio Gaúcha. Domingos, às 9h.

 

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Envie seu Comentário