Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

CIRURGIA PARA OBESIDADE E FERTILIDADE

06 de dezembro de 2009 0

 

 

Os índices de obesidade têm aumentado e hoje os Estados Unidos lideram as estatísticas, estando 2/3 de sua população adulta com sobrepeso ou obesa.

 

A obesidade, além de estar relacionada a muitas doenças como diabete, hipertensão, dislipidemias e câncer, também contribui para distúrbios ovulatórios, anormalidades no ciclo menstrual, infertilidade, disfunções sexuais e aumento nas taxas de abortamento.

 

O uso de dieta e exercício físico deve ser estimulado para todas as mulheres e enfatizado para aquelas que estão tentando engravidar. Nos casos de obesidade mórbida, a cirurgia bariátrica tem sido uma opção. Entretanto, ainda existem poucos estudos que mostrem se a fertilidade melhora ou não após este tipo de cirurgia. Os resultados são controversos, mas tendem a mostrar uma melhora.

Por outro lado, após cirurgia para obesidade, em função de desordens de absorção, tem-se visto que podem ocorrer falhas e gestações indesejadas em mulheres que usam somente anticoncepcional oral como forma de prevenir a gravidez.

 

Assim, até que haja mais estudos que avaliem a fertilidade pós-cirurgia para obesidade, recomenda-se cautela no aconselhamento de cirurgia bariátrica para mulheres obesas em idade reprodutiva. Embora esta técnica pareça aumentar a fertilidade, os resultados ainda não são conclusivos e existe um índice de falha maior com o uso de anticoncepcionais orais.

Postado por Isabel de Almeida – Porto Alegre

Envie seu Comentário