Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Anticoncepcionais hormonais

14 de setembro de 2014 0

As mulheres hoje menstruam mais do que as mulheres de 100 anos atrás. Neste período, o número de ciclos menstruais triplicou, com as mulheres tendo hoje uma média de 450 menstruações durante a vida reprodutiva contra 150 menstruações no início de 1900. As razões para este fato são muitas: hoje temos um número menor de gestações/mulher, um tempo menor de amamentação e um início mais precoce da puberdade.

Com este aumento no número de ciclos menstruais, ocorreu também um aumento no número de sinais e sintomas relacionados à menstruação, como tensão pré-menstrual, retenção hídrica, cefaleia, cólicas, cistos de ovários, doença fibrocística benigna de mama, endometriose, entre outras.

Nestas situações, a contracepção hormonal, quer seja na forma de pílula, de anel vaginal, de adesivo ou injetável, tem se mostrado como a melhor alternativa. O efeito do contraceptivo hormonal ajuda a reduzir o fluxo sanguíneo menstrual, diminui a produção de prostaglandinas ( substância responsável pela dor durante a menstruação ), diminui a ação da testosterona, sendo de grande importância nas manifestações de acne, pele oleosa e aumento de pelos. Além disso, a pílula protege dos tumores de ovário, útero e intestino.

Desta forma, para mulheres que não desejam gestar, a contracepção hormonal vem se colocando como bastante vantajosa para a saúde reprodutiva e global  feminina.

Postado por Isabel de Almeida

Envie seu Comentário