Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Cobertor curto

24 de novembro de 2014 2

O Ministério Público precisou entrar na Justiça para que o Estado cumpra a determinação de oferecer estrutura de pessoal adequada para o pleno funcionamento da delegacia de polícia de Forquilhinha. Caso não cumpra a sentença em 10 dias, o próprio delegado geral pagará multa diária de R$ 5 mil.

comentários

Comentários (2)

  • André diz: 24 de novembro de 2014

    Não se trata de situação pontual .
    toda a estrutura organizacional da atividade de Polícia judiciária da Civil carece de efetivo.
    Se a moda pega, o delegado geral terá que vender tudo o que possui e fazer um ótimo empréstimo consignado para pagar as multas.

  • Marcelo diz: 25 de novembro de 2014

    Um bom exemplo a ser seguido pela sociedade civil, que isto também seja cobrado da PM quanto ao seu efetivo. Quanto ao Delegado Geral, a sugestão é que ele solicite que voltem a origem os policiais civis que estão em desvio de funções pelas repartições públicas e até mesmo dentro da PC ou passe no setor de recursos humanos é peças as contas. Portanto, se este problema de pessoal for resolvido na delegacia em questão, é porque o problema é de fácil resolução.

Envie seu Comentário